CDC em alta e Leasing em queda

Categorias: CDC - Finaciamento - Leasing

O setor automotivo do país registrou bons dados no ano passado em meio à economia em expansão. No primeiro trimestre de 2010, o segmento teve em seu favor a exoneração do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e no último bimestre, a antecipação da compra dos consumidores devido às novas regras restritivas ao crédito adotadas pelo Banco Central (BC). Além desses dois quesitos, ou indicadores, a confiança da população foi primordial.



Estudo divulgado pela Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras (Anef) indica recorde no total das carteiras de Crédito Direto ao Consumidor (CDC) e Leasing para a compra de carros a partir das pessoas físicas. Em 2010, o volume registrado foi de R$ 188,6 bilhões.

Para Décio Carbonari de Almeida, presidente da associação, 2010 foi extraordinário a todo o segmento, uma vez que a alta de 19,9% nas carteiras de financiamento sobre o ano anterior superou as perspectivas iniciais de finalizar o ano com volume aproximado de R$ 185 bilhões.

Separados, o CDC captou R$ 140,3 bilhões, ou 49,1% acima do registrado em 2009 (R$ 94,1 bilhões). O Leasing, por outro lado, teve de arcar com uma queda de 23,5%, de R$ 63,2 bilhões para R$ 48,3 bilhões entre os dois períodos.



Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Anef



Post Anterior

Não há mais posts

Próximo Post

Não há mais posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *