Versões no VW Up!



Na última terça feira, dia 04 de fevereiro do ano de 2014, a Volkswagen, uma das principais empresas de carros do Brasil e do mundo, lançou seu novo veículo que veio para conquistar todos os públicos e pessoas de todos os estilos e gostos. É que a marca anunciou, na cidade de Gramado, no Estado do Rio Grande do Sul, o UP!, carro este que veio para ser o  produto principal da Volkswagen junto com a Gol.  Esse automóvel compacto, por sua vez, veio para ficar no lugar do antigo Gol geração 4.  O UP!, em todo o caso, é um carrão que foi inspitado em modelo europeu e que tem características marcantes como câmbio manual de cinco marchas, setenta e cinco cavalos de potência e muito mais. Seu estillo é arrojado e ele terá como principais rivais no forte mercado de automóveis as seguintes marcas: Fiat Uno e o Palio, Chevrolet Onix, Hyundai HB20, Renault Sandero, Toyota Etios e o novo Ka.  Seja como for, o carro terá os seguintes modelos ou versões, a saber: Take Up! , esse é uma versão cheia de recursos; Move Up! , essa versão é a que, segundo o Grupo, será a mais vendida; High up!: vem com  direção com assistência eletromecânica, trava, retrovisores e vidros (dianteiros) elétricos; e sensor de estacionamento, entre outras funções.



O bacana desse carro é que le é perfeito no conforto e na segurança, além de ter participado de uma bateria de testes como, por exemplo, o teste de colisão, detalhe este que mostra a força e a qualidade dessa nova aposta da Volkswagen para esse ano de 2014.  No mais, no que tange aos preços do carro, o fato é que o UP! estará custando em torno de  R$ 26.900 a R$ 39.390. Vale lembrar que há versões de duas e quatro portas. A Volkswagen ficou muito feliz com o lançamento do UP! e espera que esse automóvel seja um sucesso de vendas.



Outros Conteúdos Interessantes

3 Comments

  1. Pois é, fui na concessionária e ele é muito lindo. Também senti falta do vidro elétrico traseiro. Será que a vw vai disponibilizar com o tempo.

  2. Só que é muito caro os opcionais.
    Carro moderno tem que ter vidros traseiros elétricos como pelo menos opcional.
    Até compraria se tivesse vidros elétricos traseiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *