VW inicia produção do novo motor 1.6 16V em São Carlos (SP)





Lançada em 1996 e sendo uma das maiores fábricas de motores da Volkswagen, a unidade Volkswagen Motores localizada em São Carlos – SP acaba de produzir seu motor de número 8.500.000. O bloco em questão é o mais novo integrante de propulsores da marca alemã no Brasil: o motor 1.6 16V MSI, que equipa os modelos Saveiro Cross e Gol Rallye da linha 2015. Esse bloco faz parte da família de motores três cilindros 1.0 que é utilizado no Volkswagen Up!.

Com 35 mil m² deárea construída e 750 mil m² de área total, a unidade de São Carlos é composta por um prédio produtivo com uma linha de usinagem de blocos, uma linha de montagem de motores e uma linha de usinagem e montagem de cabeçotes.

Inaugurada a ampliação da fábrica em junho de 2013, quando começou a produzir os motores 3 cilindros 1.0 litros da família EA-211 do Up!, a unidade ainda será responsável pela fabricação do novo motor 1.6 16V MSI, com um investimento de mais de R$ 335 milhões.

Tendo o cabeçote e o bloco feitos em alumínio, o mais novo motor 1.6 é 15 quilogramas mais leve que o propulsor da mesma cilindrada com bloco feito em ferro fundido. Parece pouco, mas essa economia de pessoa faz diferença para o hatchback e para a pick-up compacta.

Capaz de gerar 120 cv de potência com etanol e 110 cv quando abastecido com gasolina, o propulsor 1.6 16V MSI oferece torque máximo a 4 mil rpm (rotações por minuto) de 16,8 kgfm com etanol e 15,8 kgfm com gasolina. Vale lembrar que, de acordo com a Volkswagen, o motor oferece 85% do torque máximo já a partir dos 2 mil rpm, garantindo uma resposta mais rápida em retomadas e na aceleração.





Com quatro válvulas por cilindro, sendo duas para escape e duas para admissão, o cabeçote em alumínio do novo propulsor 1.6 tem comando de válvulas de admissão variável. Com essa tecnologia, o carro diminui as emissões de gases, reduz o consumo de combustível, além de melhorar sensivelmente a resposta em baixos regimes de rotação. 

Por Caio Polo

Foto: divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *