Mercedes-AMG GT – Novidades do novo modelo superesportivo

Categorias: AMG - Carros - Carros superesportivos - Mercedes-AMG GT - Mercedes-Benz

Fazendo as contas fazem, mais ou menos, dez anos que a Mercedes-Benz resolveu ingressar no mais do que restrito clube dos superesportivos. Para quem não se lembra muito da época basta dizer que a “chegada” foi em grande estilo com o consagrado e clássico SLR McLaren. O modelo foi completamente desenvolvido em uma parceria que envolveu os ingleses da Fórmula 1, a equipe da McLaren.



Depois disso algumas pedras no caminho acabaram aparecendo. Na última década a Mercedes não passava de uma empresa que fornecia os motores para a McLaren. A união interessante não deu muitos resultados. Um exemplo é o fato de que o SLR não foi lá um sucesso. A estimativa é que apenas cerca de dois mil carros tenham sido vendidos. Um dos principais motivos para esse fato era o altíssimo preço.

Algum tempo depois a McLaren e a Mercedes resolveram dissolver a união e cada uma decidiu então criar seu próprio superesportivo com suas peculiaridades.

A montadora alemã agora mostra o resultado de seu empenho ao apresentar o sucessor do SLS AMG. Modelo este que teve seu conceito claramente inspirado no famoso e clássico “Asa de Gaivota” dos anos 1950.



Então que novidade é essa que a Mercedes preparou? Bem, estamos falando aqui do Mercedes-AMG GT. E logo de cara ele já traz até mudanças no nome. A informação é que a partir dele todos os carros que forem desenvolvidos pelo setor AMG trarão seu sobrenome no lugar do atual “Benz”.

Correndo por melhorias:

Quando damos uma boa observada nesse carro logo se percebe que ele não tem nada de novo em comparação com os que vieram antes. Ou seja, nada de potência a mais e muito menos velocidade. O que o diferencia é que o carro não deixa a desejar e ainda traz o benefício de não consumir absurdos. E tem um detalhe que deverá agradar a muitos: não irá custar tão caro.

Por falar em preço, a Mercedes-Benz não deu qualquer informação sobre qual o valor dos preços do GT que deverá chegar ao mercado europeu em 2015. Mas a imprensa especializada de lá já solta rumores sugerindo que os preços devem ficar entre R$ 430.000 e R$ 500.000.

Caso isso se torne verdade o modelo deverá ser bem mais acessível ao consumidor do que o SLS que sai por R$ 650.000. E obviamente que bem mais barato do que o SLR que tinha um faixa de preço que ultrapassa R$ 1 milhão.

Por Denisson Soares

Fotos: Divulgação



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *