Audi registrou alta nas vendas de carros em 2014





Em 2014 a Audi AG registrou a marca de 1,74 milhão de carros vendidos em todo o mundo. Trata-se de um aumento de cerca de 10,5%, se comparado aos índices obtidos em 2013.

“O bem-sucedido ano de 2014 comprova a força da nossa marca”, afirma o CEO, Rupert Stadler. Nos Estados Unidos, a empresa cresceu quase três vezes a mais que a média registrada no mercado, segundo Luca de Meo, chefe de vendas e marketing.

Com a superação da meta em termos de vendas em 2014, a empresa comercializou mais 1,7 milhões de carros em todo o planeta. Segundo a assessoria de imprensa da Audi, foram conquistados ao menos 165 mil novos clientes. Neste caso, trata-se do segundo maior aumento de volume de vendas da história da marca.

As vendas em países da América do Sul também cresceram de forma considerável, de acordo com a empresa. No Brasil, o aumento foi de aproximadamente 89,9%.

Meo ainda destaca que no ano anterior, a marca buscou avançar em todos os mercados do mundo e houve a ampliação da liderança no seguimento premium chinês. Na Europa, a empresa obteve bons índices “acima do nível pré-crise, em 2007”.





De certa forma, a Audi conquistou ainda novos recordes de vendas em 50 países, com o aumento de mais de 100 mil novas entregas registradas. Nos mercados asiáticos, por exemplo, a Coreia do Sul teve o maior crescimento em 2014. A empresa cresceu mais de quatro vezes nessa região nos últimos cinco anos.

Os modelos mais cobiçados pelos consumidores em todo o mundo foram o SUV (aumento de 15,8% nas vendas) e a linha A3 (aumento de 53,3% nas vendas), na qual foi vendida em todo o planeta pela primeira vez na história da empresa.

O que explica esse sucesso nas vendas? Bom, Luca de Meo afirma que a atual globalização dos negócios da Audi AG “foi um fator importante” para os resultados obtidos.

Por Letícia Veloso

Audi



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *