McLaren P1 GTR – Novo carro de corrida será produzido



Há cerca de seis meses a McLaren resolveu apresentar para quem quisesse ver, durante a realização do Concours d’Elegance Pebble Beach, na Califórnia, um conceito completamente fora dos padrões fundamentado no P1 – o P1 GTR. O modelo contava com nada mais nada menos do que 1.000 cv de potência além de uma asa traseira que deixava qualquer um impressionado. A novidade é que agora a companhia divulgou a versão de produção do carro. Ao que parece nenhum esforço foi medido para que o carro realmente fosse um concorrente mais do que “trabalhoso” para a Ferrari que já havia nos mostrado a sua nova FXX K.

Na primeira apresentação do P1 GTR, lá em agosto de 2014, a fabricante havia denominado o projeto com o nome de “Design Concept”. E de fato não tem como duvidar disso uma vez que o maior atrativo do modelo é o design. Um dos pontos que mais atraiam os olhares era a asa traseira fixa que é sustentada por dois suportes que saem da grade posterior do megacarro. Se na época esse aspecto já chamava a atenção a notícia boa é que na versão de produção essa asa continua. E tem mais, a McLaren também divulgou todas as informações relativas ao modelo.



Como não poderia deixar de ser um dos principais pontos comentados é o motor do carro. E é justamente dele que vamos falar agora. Devido a algumas alterações que foram realizadas no V8 biturbo de 3.8 litros bem como no motor elétrico o bloco passa agora a poder oferecer 1.000 cv. São 800 cv oriundos do motor a combustão e 200 cv dos motores elétricos. Se comparado com o modelo de rua é um acréscimo de 84 cv. Apesar de ter divulgado todos os detalhes sobre o carro a McLaren, no que diz respeito ao motor, ainda deixou algumas dúvidas sobre o que fez para o aumento da potência. Limitou-se a apenas dizer que foram "alterações significativas".

Mesmo assim, vale destacar que a modificação no motor foi apenas uma das alterações. Seguindo a mesma linha apresentada no conceito a bitola dianteira do carro está 80mm mais larga. Já as rodas de 19 polegadas contam com pneus slick Pirelli.



A distância do carro até o solo diminuiu ficando mais baixo 50mm. Além da asa traseira que destaca o modelo ainda traz um novo splitter frontal.

Em termos gerais é possível perceber facilmente que a maior mudança feita foi no que toca ao esquema de cores. A pintura nas cores amarela e verde é uma homenagem da marca a McLaren F1 GTR. Esse modelo estava presente nas 24 horas de Le Mans de 1995. No volante estavam o piloto Derek Bell e seu filho. Na época o modelo chegou em terceiro lugar no final da prova.

Por Denisson Soares

McLaren P1 GTR

McLaren P1 GTR

McLaren P1 GTR

Fotos: Divulgação

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *