Lançamento da Nova Bicicleta da Bugatti





Bugatti lança bicicleta que custa cerca de 40 mil dólares, algo em torno de 121 mil reais.

Quando você inicia a leitura da matéria pelo título acima começa a pensar que a informação é uma brincadeira do dia 1º de abril. Porém, não se trata disso. A Bugatti, que é bem conhecida no mundo todo por fabricar seus supercarros esportivos, como por exemplo o Chiron, fez uma revelação na última semana de março, sem abandonar o mundo das quatro rodas, partiu também para a produção de um meio de transporte de duas rodas, sua nova bicicleta. Quando a montadora francesa se propõe a produzir algo, geralmente se trata de algo sério e muitas vezes de preço alto. A nova bicicleta fabricada pela marca irá custar, simplesmente, uma bagatela que atinge a faixa dos US$ 39 mil, o que transformado para a moeda brasileira, a quantia chega a R$ 121 mil, preço esse que é o suficiente para realizar a aquisição de um veículo como o Toyota Corolla Altis.

Desta vez, para se criar a citadina, a marca francesa se juntou com uma grande empresa alemã fabricante de bicicletas em modelo de luxo, conhecida como PG.

A nova fabricação realizada por meio da parceria é produzida em fibra de carbono e pesa somente cinco quilos, este é o motivo principal pelo qual a mesma possui um valor de venda tão elevado. Fabricada na Alemanha, a bicicleta de luxo possui também quadro aerodinâmico e amortecedores. Um dado importante é que serão comercializados somente 667 exemplares deste modelo, pelo mundo todo.





A magrela é conhecida como PG Bugatti Bike, bicicleta esta que foi desenvolvida com o intuito de seus consumidores usarem de forma esportiva, isto é, não é destinada ao uso nas ruas no dia a dia. Os clientes que possuem interesse na referida bicicleta de luxo também conseguem fazer algumas personalizações na mesma, por meio da alteração e escolha de seu couro e de sua pintura exclusiva. Tudo isto para que o cliente possa fazer uma combinação com o luxuoso veículo Bugatti que se encontram parados nas garagens de suas respectivas residências.

FILIPE R SILVA



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *