Novo Mitsubishi Lancer – Primeiras Imagens




Confira aqui as primeiras imagens do conceito que deverá ser utilizado no novo carro.

A volta do modelo Lancer da Mitsubishi, para o mercado mundial, já vem sendo preparada pela marca. Após uma entrevista, concedida por Trevor Mann, o chefe da Mitsubishi, ao site inglês Auto Express, alguns detalhes sobre esses planos foram dados, entrevista que por um lado sanou um pouco da curiosidade sobre o que vem por aí, mas por outro aumentou ainda mais as expectativas em relação ao que vem sendo preparado pela marca.

O modelo ainda é fabricado na versão sedã, tanto no Brasil como na China. Na China, a nova geração do modelo foi divulgada e ele continuou sendo fabricado nessa versão, porém, aqui para o Brasil o modelo Lancer não será mais fabricado na versão sedã, como aconteceu no mercado asiático, pois a nova geração virá em uma versão hatchback mesclada com SUV. Essa nova versão vem para bater de frente com modelos como o Golf da Volkswagen, o Focus da Ford, o C- HR da Toyota e o HR-V da Honda.


Em entrevista ao site britânico Auto Express, Trevor Mann deu a entender que o modelo pode se tornar um crossover, na sua próxima versão.

O chefe da Marca disse que a empresa possui um plano de longa escala para seus produtos. Segundo ele, esse plano é bastante sólido, até o ano de 2025 e depois disso vem uma reticência. Trevor Mann explicou que ao conversarem sobre isso, eles pensaram em algumas questões, como quais modelos a marca queria produzir e no que eles iriam trabalhar. O chefe da Mitsubishi disse que vão lançar novos AX, L200 Triton e Outlander e que, lançarão ainda, mais dois modelos, o Pajero e o Lancer.

Para ele, o modelo Lancer, é certamente o mais simples, pois a marca acredita ter a solução para entrar no segmento. Ele diz que esse segmento de hatches médios, por exemplo o Focus e o Golf, não estão em baixa pelo mundo, apenas nos EUA e na Europa vem caindo um pouco, porém, na China os números em relação a aceitação dessa versão vêm crescendo. Trevor Mann enxerga esse crescimento como um apelo e diz que a marca acha, que por ser um segmento bem grande ao redor do mundo, vale a pena pensar sobre isso.


Baseando-se pela fala do chefe da Mitsubishi, poderíamos deduzir que a próxima versão do Lancer seria um hatch de tamanho médio, mas Tsunehiro Kunimoto, o líder da equipe de design, da Mitsubishi, disse que apesar de ser do segmento C, o modelo não tem que ser um hatchback tradicional. Para ele, é possível inovar e lançar uma nova categoria de hatchback. De acordo com ele, a marca está pensando de maneira radical, pois assim como a consistência faz parte da filosofia de design da marca, a originalidade também faz. Questionado sobre como seria esse novo tipo de hatch, ele diz que considera o conceito e-Evolution o ideal, para a nova versão do Lancer.

Atualmente a Mitsubishi faz parte da Aliança Renault-Nissan, portanto, espera-se que a marca aproveite a mecânica da empresa e adote a plataforma CMF C/ D, no novo modelo do Lancer, pois além de ter um tamanho ideal, a plataforma consegue trabalhar com sistema de tração nas 4 rodas e aderir a motorização hibrida. Também se espera que a marca inclua uma versão plug – in, modelo que possuem maior autonomia na eletricidade e que podem ser recarregado diretamente nas tomadas.

Apesar das especulações e das novidades que vem surgindo, espera-se que essa versão do Lancer seja lançada somente após o ano de 2025, já que é nesse período que a marca encerra sua estratégia atual de veículos.

Lorena Ruiz

Posts relacionados

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *