Limpeza e Higienização do Carro – Combate contra o Coronavírus

Categorias: Carros - Dicas - Limpeza - Notícias

Saiba como higienizar corretamente o veículo para evitar contágio e propagação do Coronavírus.

A orientação da OMS e das autoridades de saúde é muito clara: fique em casa. Saia o mínimo possível, apenas em casos extremos, a menos que você faça parte dos grupos profissionais considerados essenciais. Entretanto, mais cedo ou mais tarde todos que estão em quarentena precisarão sair de casa eventualmente, para ir ao mercado, à farmácia ou em caso de alguma emergência.



Se você precisar usar seu carro, é muito importante saber como higienizá-lo adequadamente para evitar contaminação pelo COVID-19. Como o interior do veículo tem vários tipos de materiais em suas partes, é preciso atenção aos produtos de higienização para não estragar as superfícies.

Uma opção que você pode usar em quase todas as superfícies, e que é bastante eficiente para matar o vírus, é água e sabão. Utilize um sabão neutro, xampu infantil por exemplo. Dilua na água e use um borrifador. Borrife nas superfícies a serem limpas, tomando cuidado para não encharcar tecidos e componentes eletrônicos. Em seguida, esfregue com um pano limpo e macio (microfibra é a melhor opção). O atrito também contribui para eliminar o vírus.

Você pode usar essa solução de água e sabão neutro nas partes plásticas do seu veículo, e também no estofamento. Se os bancos forem forrados com couro, procure hidratá-lo com um produto específico para este fim, há várias opções no mercado. O uso contínuo de água e sabão pode ressecar o couro. Se forem de tecido, ao borrifar água e sabão, cuidado para não fazer muita espuma: vai demorar de secar e isso pode propiciar a proliferação de fungos e bactérias.



Tenha atenção especial nas partes mais manuseadas: maçanetas internas e externas, alavanca da seta, botões, volante e manopla do câmbio: borrife a solução e, na sequência, esfregue bem com o pano. E não se esqueça dos cintos de segurança, eles também precisam ser higienizados toda vez que você sair com o carro.

Você pode usar essa solução também na tela do multimídia do seu carro e nas partes eletrônicas. Mas atenção: evite encharcar, prefira borrifar a solução no pano e passá-lo nas superfícies. Se puder, dê preferência ao álcool isopropílico, pois é mais puro e quase não tem água em sua composição. O álcool isopropílico é ideal para limpeza de eletrônicos.

O álcool isopropílico também é uma boa opção para limpar as partes plásticas do veículo. Já o álcool em gel 70%, apesar de ser ótimo para higienizar suas mãos, pode acabar danificando as superfícies do seu carro. Evite. Se for o caso, use o álcool líquido a 70%: esse é mais seguro.

Os tapetes removíveis, de borracha ou de carpete, podem ser lavados com água e sabão neutro, ou com xampus específicos para este fim. Deixe secar completamente antes de colocá-los novamente no carro.

Todo mundo sabe que ar condicionado, qualquer um, é vetor de contaminação. Portanto é muito recomendado que se faça a higienização do condicionador de ar do seu automóvel pelo menos a cada seis meses. Em tempos de COVID-19, ainda que essa manutenção esteja em dia, prefira trafegar com as janelas abertas: a circulação de ar puro é sempre preferível. Mas se você optar por usar o ar-condicionado, ligue o aquecedor do carro na potência máxima cinco minutos antes de chegar em casa. Isso vai secar os dutos e matar fungos, vírus e bactérias.

Por fim, lembre-se de higienizar suas mãos antes de entrar no carro e depois de sair dele. Mantenha sempre com você um frasco de álcool em gel 70% e, dentro do veículo, os produtos e tecidos limpos que você vai utilizar para a higienização. Evite levar as mãos ao rosto e evite tocar as partes externas do seu veículo. Mantenha a lixeira do seu carro limpa e vazia.

E não se esqueça: se puder, fique em casa.

Por Alessandra Fallace



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *