Carros movidos a eletricidade e a hidrogênio tiveram o Imposto de Importação reduzido a zero pelo Governo Federal. Tal ação visa inserir o Brasil em novas tecnologias e estimular a redução de poluentes no meio ambiente.

Nessa semana, o setor automotivo (e o meio ambiente) receberam uma boa notícia. O Governo Federal resolveu reduzir a zero o Imposto de Importação para veículos elétricos, ou melhor, para todos aqueles carros cujo único modo de energia seja a eletricidade e o hidrogênio, com alíquota de 35%. A medida exige que os carros tenham autonomia de, pelo menos, 80 quilômetros com apenas uma carga.

Acontece que, em todo o Brasil, só existe um modelo elétrico disponível. O BMW i3, que pode ser adquirido em duas versões: a Rex e a Rex Full. Antes da redução do imposto, o modelo alemão podia ser encontrado por cerca de R$ 225 mil. Agora, o desconto fez com que o elétrico chegasse a R$ 199.950. Na internet, basta procurar por anúncios para encontrar o compacto por R$ 169.950 em uma concessionária.

Aqui, o BMW i3 só é vendido com extensor de alcance (modelo Rex) movido a gasolina e com 0.6 litro, chegando a 33 cavalos. O motor elétrico dispõe de 170 cv pode chegar a 300 km de autonomia, desde que o gerador seja utilizado para ampliar sua autonomia.

Quem não pretende comprar o elétrico, mas ainda quer contribuir com o meio ambiente e economizar no consumo de combustível, outros modelos híbridos estão disponíveis. Entre eles estão: o Ford Fusion Hybrid, o Lexus CT 200, o hatch Toyota Prius, o Mitsubishi Outlander PHEV e o esportivo BMW i8, o mais caro de todos, que chega a quase R$ 800 mil.

Na nota divulgada pelo Governo após a redução, foi apontada a necessidade de “inserir o Brasil em novas rotas tecnológicas, disponibilizando ao consumidor veículos com alta eficiência energética, baixo consumo de combustíveis e reduzida emissão de poluentes”. O objetivo é bom, mas, até lá, as montadoras precisarão encontrar novos meios de fazer com que os carros tenham preços mais acessíveis à população. E que seja em breve.

Por Vinícius Oliveira

BMW i3

BMW i3

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: