Novo carro deverá ser apresentado no Salão do Automóvel de Genebra e já possui 100 unidades encomendadas.

A Bugatti anunciou na última segunda-feira, dia 30 de novembro, o Chiron, veículo que será o sucessor do Veyron.

O novo carro da Bugatti, ao ser flagrado rodando na Itália, demonstrou que a empresa realmente investiu no design, trazendo boa parte do conceito do desenho utilizado no Bugatti Vision Grand Turismo.

Este novo modelo da marca será apresentado no mês de março do próximo ano, no Salão da cidade de Genebra. Embora ainda faltem alguns meses para esta data, o carro já está sendo apresentado para alguns clientes selecionados e possui uma quantidade de 100 exemplares encomendados, apenas por pessoas que o viram, já que nenhum ainda teve a oportunidade de dirigi-lo.

Segundo Wolfgang Dürheimer, presidente da empresa, o Bugatti Chiron está em fase de testes finais para que sejam realizados os últimos ajustes no veículo, para que assim possa ser comercializado.

O seu antecessor, o Veyron, que foi lançado no ano de 2005 e se despediu do Salão de Genebra no mês de março passado, teve cerca de 450 unidades vendidas pelo mundo todo. Este modelo passa a deixar o mercado e dar espaço para o novo Chiron. Nome este que foi definido em homenagem a um piloto de sucesso, que correu pela Bugatti entre as décadas de 1920 e 1930, chamado Loius Chiron.

Até o momento nenhuma imagem do modelo da marca italiana foi divulgada, a não ser uma, com a logomarca de seu nome.

O objetivo da máquina hiperesportiva é suceder o carro mais rápido do mundo, que acabou entrando para o livro dos recordes (Guiness Book) pela capacidade de alcançar a incrível marca de 415 quilômetros horários. Outra marca interessante é o fato de possuir uma aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 2,6 segundos. Embora ainda não tenham sido divulgadas as especificações técnicas, a revista inglesa Car publicou que o Bugatti Chiron atingirá essa marca em apenas 2 segundos.

FILIPE RIBEIRO DA SILVA





CONTINUE NAVEGANDO: