Modelo chega ao país em seis versões e ganhará opção com motor 1.2.

A grande fabricante de veículos automotores francesa Peugeot fez o lançamento oficial da linha 2017 do modelo 208, essa nova linha do veículo chega com diversas e diferentes novidades.

Além de pequenas alterações de design e novas versões, como por exemplo, a esportiva GT, que será comercializada com o propulsor 1.6 THP, que é capaz de produzir uma potência de 173 cavalos, este motor já era utilizado nos veículos de médio porte do Grupo PSA, Peugeot Citroën.

O novo Peugeot 208 acabou aderindo a tendência dos propulsores três cilindros, sendo que será disponibilizado um modelo 1.2 com 90 cavalos de potência, o qual promete uma redução de consumo de até 37% se comparado com a versão anterior utilizada pelo veículo, que era 1.5. No total, essa linha 2017 do 208 será disponibilizada com seis versões distintas, sendo estas as seguintes: Active, Active Pack, Allure, Sport, Griffe e GT. Em todas as versões será mantido o propulsor 1.6 16v, porém, o que não foi alterado e já é alvo de críticas é o antigo câmbio automático de quatro marchas, já para quem preferir o modelo com câmbio manual, terá cinco ou seis marchas.

No visual, o Peugeot 208 2017 chega com discrição. As principais alterações ficaram por conta de novos faróis (que possuem a presença de máscara negra com guia de LEDs e aplique cromados nas proximidades das lâmpadas) e do para-choque dianteiro. Já na parte externa, o veículo exibe novos desenhos para as chamativas rodas de liga leve, que possuem tamanho de 15 a 17 polegadas, as quais possuem acabamento diamantado ou bicolor, exceção feita à versão de entrada 1.2 Atractive. O formato das lanternas foi modificado e elas passaram a ter um formato bumerangue, além disso receberam uma redistribuição das luzes em LEDs.

Na parte interna do veículo a Peugeot preferiu manter o conceito denominado i-Cockpit, o qual possui instrumentação em uma posição mais elevada, sendo que dessa forma a leitura necessita ser feita por cima do volante, o volante ganhou um formato achatado e de diâmetro reduzido, com um posto de condução diverso do que o normal. Com relação aos acessórios, o veículo vem de fábrica com uma tela multimídia sensível ao toque de sete polegadas, sendo que neste aparelho estão inseridas as funções computador de bordo, Bluetooth, navegação GPS no Brasil e países limítrofes, espelhamento de smartphones, bem como câmera traseira (somente nas versões Griffe e GT).

Por Adriano Oliveira


Edição Especial terá apenas 500 unidades e custará entre R$ 55 mil e R$ 59 mil.

A cada dia vemos um novo lançamento do setor automotivo que visa atrair os consumidores focando em um determinado perfil. E ao que parece a Peugeot estava pensando exatamente nisso ao lançar no mercado o seu modelo 208 In Concert. O carro logo de cara tem um público especial: Aqueles que são mais antenados com a música.

O 208 In Concert vale dizer, é uma edição especial. A montadora irá limitar a fabricação do modelo em apenas 500 unidades e chega ao mercado com algumas características que prometem atrair os amantes da música. Dentre elas consta um diferencial: O carro conta com um conjunto, novo por sinal, composto de quatro alto-falantes de 35W de potência.

O In Concert, dentre outras coisas, ainda tem as soleiras dianteiras com uma aparência que lembra o alumínio escovado e um jogo de tapetes em carpete. Para identificar a versão exclusiva, a fabricante ainda colocou um monograma nas laterais do carro.

Mas não é só isso. O cliente poderá contar de série com uma variedade de itens. Começando pela Central Multimídia que traz uma tela de LCD de 7 polegadas e que é sensível ao toque, ainda temos retrovisores, vidros e travas com comandos elétricos, direção elétrica, alarme, ar condicionado preparado para três modos de operação e digital, regulador e limitador de velocidade, sensor de estacionamento traseiro, teto de vidro panorâmico, volante revestido em couro com comandos integrados e navegador GPS.

E já que estamos falando de itens, vamos passar para os de segurança. Entre eles estão os dois airbags dianteiros, travamento automático do porta-malas e das portas, freios ABS que contam com distribuição eletrônica de frenagem (REF) e dois airbags laterais (motorista e passageiro).

A configuração básica do modelo não traz nada de especial, mas agrada aos consumidores que querem um modelo mais em conta com um “algo a mais”.

Em termos visuais, o carro não traz nenhuma modificação. Isso quer dizer que continua com as rodas de liga leve de 15 polegadas, faróis de neblina dianteiros e as luzes diurnas integrando o conjunto ótico e lanternas em Leds.

E para finalizar, vamos aos preços: O 208 In Concert chega ao mercado com um preço inicial sugerido de R$ 55.490 para a versão 1.5 Allure manual e na faixa de R$ 59.590 para a 1.6 Allure com a opção de transmissão automática.

Por Denisson Soares





CONTINUE NAVEGANDO: