Novo modelo foi o vencedor pela segunda vez do prêmio Carro do Ano no Salão do Automóvel de Detroit.

A nova geração do Honda Civic levou o prêmio de “Carro do Ano” no Salão do Automóvel de Detroit deste ano.

Com maioria dos votos do júri, composto por 53 jornalistas dos Estados Unidos e do Canadá, o carro da montadora japonesa superou o Chevrolet Malibu e o Mazda MX-5 Miata. Esta foi a segunda vez que o sedan conquistou o prêmio. A outra havia sido em 2006. No ano passado, o Volkswagen Golf/GTI havia sido o vencedor e, em 2014, quem levou o prêmio foi o Chevrolet Corvette. Entre os quesitos avaliados estavam: valor, manuseio, segurança, desempenho, inovação e satisfação ao motorista.

Para concorrer ao prêmio, o veículo deveria ter sido “substancialmente alterado a partir do modelo anterior”. Assim sendo, em sua décima versão, o Civic ficou maior, mais aerodinâmico e mais silencioso. O modelo tem 5 cm a mais na largura, 3 cm no entre-eixos, ficou 2,5 cm mais baixo e o porta-malas ganhou cerca de 74 litros a mais de volume. Assim, o espaço interno teve um aumento significativo e a posição de dirigir ficou mais baixa. Com o novo desenho, o desempenho aerodinâmico foi aumentado em 12%. Já o para-brisa com função acústica, a melhora na vedação do cofre e a tripla vedação nas portas garantem maior silêncio dentro do veículo.

O Honda Civic conta com duas versões de motores: além do já tradicional 2.0 de quatro cilindros, com tecnologia i-VTEC, existe, agora, a opção do propulsor 1.5, também de quatro cilindros, com turbo e injeção direta de combustível. Também foi anunciado que o carro da montadora japonesa terá conectividade com o Android Auto e o Apple CarPlay, além de contar com uma central multimídia de 7 polegadas.

O novo modelo chega ao Brasil no segundo semestre de 2016 e chegará custando entre R$ 90 mil e R$ 115 mil.

Por Renato Senna Maia

Honda Civic 2016

Foto: Divulgação


Em 2015 as vendas de veículos caíram 26,6% e em 2016 a previsão é que as vendas caiam 5%.

O mercado automobilístico aproveitou ótimos anos para as vendas desde 2003 mesmo em tempos de crise. Os subsídios públicos certamente ajudaram, porém mesmo assim as vendas não aguentaram o ano turbulento de 2015 e caíram. Em 2015 as vendas foram 26,6% menores que no ano anterior, um grande impacto para a indústria da área.

Um dos motivos que deu o golpe à indústria automobilística foi a alta do dólar, que passou dos R$4,00. Como muitos dos componentes, especialmente os eletrônicos, são importados seus preços levantaram o preço final do veículo desestimulando os possíveis consumidores. Esses consumidores inclusive também sofreram golpes próprios como perdas de empregos e benefícios. Também serviram para aumentar o preço ajustes tributários e inflação.

O pior não são as perdas no lucro das empresas, mas sim o fim de diversas posições que elas foram forçadas a cortar devido à crise. Em 2015 foram 28 mil trabalhadores que perderam seus cargos e a perda só não foi maior graças a montadoras que entraram no país como a BMW e a Audi.

Mesmo entre aqueles que não foram mandados embora existem muitos com carga horária (e portanto salário) reduzidos ou afastados. Isso traz uma expectativa negativa para o ano que entra tanto na economia quanto no mercado de trabalho.

Para que o mercado se recupere e volte a crescer as montadoras tentam investir em varejo e na nacionalização de componentes. A ideia é baratear os carros para que o consumidor consiga comprar mesmo em período de crise.

A Anfavea prevê que a venda de automóveis no Brasil deve cair 5% em 2016, algo até otimista considerando-se os números de 2015. E para quem acha que é só aguentar mais um ano que o pior terá passado é bom não ficar tão tranquilo assim, algumas montadoras esperam que o mercado continue em queda até 2017.

Por Gizele Gavazzi

Venda de Carros

Foto: Divulgação


Novo modelo trará mudanças no visual e começará a ser vendido no Brasil em janeiro de 2016.

No dia 17 de dezembro de 2015, a Honda, uma das maiores montadoras do mundo, realizou a apresentação oficial do novo Honda Accord 2016 para o mercado brasileiro. O mesmo estará à venda em todas as concessionárias da marca a partir de janeiro de 2016. Além das mudanças no visual o sedan de luxo também se destaca devido a estar mais esportivo que suas versões anteriores. Confira mais detalhes na continuação desta matéria.

O principal destaque do novo visual do Accord é, sem sobra de dúvidas, a nova frente que é formada pelo novo capô além de novidades no para-choque, a nova grade é cromada, o automóvel apresenta novo conjunto óptico com faróis e luzes de neblina em LED, algo inédito até então para esta linha. Além disso, também podemos destacar as novas rodas aro 18 polegadas com face diamantada, sendo que seu interior é pintado de preto. O para-choque traseiro, por sua vez, ganhou novo desenho.

As novidades também podem ser encontradas na parte interior do automóvel. Dentre as novidades, podemos destacar: novas pedaleiras em alumínio com iluminação que reforçam o caráter esportivo do Accord 2016; o acabamento conta com revestimento na cor preta e detalhes que lembram uma madeira; novo acabamento também para o painel de instrumentos; a central multimídia apresenta navegador integrado; dentre outras novidades.

O Accord 2016 também dispõe de muitos itens de série. Dentre os quais, podemos destacar: sensores de estacionamento dianteiros e traseiros acompanhados de câmera de ré; rebatimento elétrico dos retrovisores externos; sistema Smart Entry (possibilita a abertura da porta do motorista por aproximação); acendimento automático dos faróis; sensor de chuva, teto solar; além de outros itens.

A parte mecânica não contou com novidades, haja vista que o motor sob o capô é o já conhecido i-VTEC 3.5 V6 24 válvulas que está associado ao câmbio automático de seis velocidades. Este motor é bastante potente, sendo que o mesmo é capaz de gerar nada menos que 280 cv a 6.200 rpm e 34,6 kgfm de torque a 4.900 rpm. O motor também conta com a excelente tecnologia de administração de cilindro variável, com ela é possível ativar e desativar os três cilindros do motor.

Os preços oficiais ainda não foram divulgados pela Honda.

Por Bruno Henrique

Honda Accord 2016

Honda Accord 2016

Fotos: Divulgação


Primeiro carregador universal para automóveis elétricos foi instalado no Posto Graal 67, localizado na Rodovia Anhanguera, no Estado de São Paulo.

Os carros elétricos já estão começando a fazer parte da nossa realidade, onde a sustentabilidade pode ser a salvação contra a poluição que agrava grandes capitais brasileiras. Uma das primeiras marcas que prometem alavancar o negócio de automóveis elétricos no Brasil é uma empresa que leva o nome de Vez Do Brasil, a qual fabrica carros elétricos 100% nacional e com elementos recicláveis.

Um futuro tão próximo que antes parecia quase impossível. Hoje em dia, carros que são movidos a fontes como eletricidade e hidrogênio estão sendo cada vez mais procurados e desenvolvidos em vários países como opção para economia e sustentabilidade. No Brasil, já está sendo desenvolvido o primeiro carregador universal de automóveis elétricos no Posto Graal 67, localizado na Rodovia Anhanguera, no Estado de São Paulo. O carregador foi trazido pela ABB para este posto que foi desenvolvido pela CPFL Energia, CCRAutoBAn e Graal, concessionárias responsáveis por administrar os sistemas de postos Anhanguera-Bandeirantes.

"O novo sistema que fornecerá o carregador para automóveis elétricos deverá se chamar 'Eletroposto', por ser uma parceria entre empresas e postos, num projeto de mobilidade social e sustentabilidade"; afirma o gerente geral Michael Gaechter, do escritório de negócios da Power Conversion da ABB. Ele ainda ressalta que a ABB contribuirá bastante para a evolução dos veículos e é uma expertise em desenvolvimento, manutenção geral, instalação e manutenção de infraestrutura para promover a estabilidade desse sistema criado para carregar carros elétricos.

O equipamento será capaz de fornecer cerca de 80% da bateria dos veículos em apenas meia hora de carregamento, e já se encontra em mais de dois mil eletropostos espalhados pelo mundo. O tempo estimado para carregar a bateria de um carro elétrico varia entre 15 a 30 minutos por veículo em corrente contínua (DC) e de 30 a 60 minutos em corrente alternada (AC), nesse caso, podendo carregar até dois veículos ao mesmo tempo. Vale lembrar que este empreendimento é o primeiro do país, com intenção de criar também um corredor intermunicipal só para veículos elétricos do Brasil, que ligará Campinas a São Paulo.

Esta iniciativa tem por parte a colaboração do Programa de Mobilidade Elétrica da CPFL Energia, uma campanha que tem por objetivo pesquisar os resultados obtidos da utilização de carros elétricos no País. A pesquisa se iniciou em 2013 e vai até 2018, com um patrocínio de R$ 21,2 milhões.

Por Daniela Almeida da Silva

Carregador elétrico

Foto: Divulgação


Modelo trará novas características e design bastante contemporâneo.

Apesar de toda a expectativa do mundo automobilístico, a FAW-VW ainda está trabalhando a todo vapor no novo Bora 2016. Este sedan médio da fabricante alemã agora terá uma nova geração, esta nova geração será desenvolvida na plataforma MQB e aparecendo como um derivado de forma direta do Shanghai-VW Lamando.

Com relação ao tamanho, este novo Bora chegará ao mercado com as mesmas dimensões do modelo anterior, haja vista que ele possui 4,56m de comprimento, largura 1,59m, altura de 1,46m e entre-eixos de 2,61m. Contudo, apesar de possuir o mesmo tamanho nessa nova versão, a Volkswagen conseguiu obter um melhor aproveitamento tanto do espaço interno quanto do porta-malas desse veículo.

O design desse novo Bora ficou bastante contemporâneo e conforme a filosofia que está sendo utilizada pela Volkswagen em âmbito global, este veículo possui uma grande semelhança com alguns modelos antigos da marca, até mesmo com o primeiro Audi 100.

O lado conservador no visual desse carro é quebrado pela presença de novos projetores com LEDs nos faróis, cujo um corte negativo foi feito no seu desenho, bem como no Novo Passat. Na parte traseira desse veículo o detalhe que chama a atenção são as lanternas de LEDs bipartidas.

Já na parte interna, o novo Bora se revelou bastante discreto e possui um acabamento que faz imitação de madeira e multimídia Discover. O ar condicionado é dual zone, bancos revestidos em couro e volante multifuncional. No túnel central deste carro pode ser visto um botão de partida.

Com relação à motorização, o veículo será comercializado com os propulsores 1.6 16V o qual é capaz de produzir uma potência máxima de 110 cavalos ou com o 1.4 TSI com capacidade de produzir uma potência máxima de 131 cavalos, este conjunto mecânico trabalhará em conjunto com uma transmissão do modelo DSG dotado de sete marchas. Os clientes que preferirem o veículo com câmbio manual terão a disponibilidade de cinco marchas apenas no modelo com motor 1.6 e seis marchas no modelo com motor 1.4 TSI.

Agora teremos que aguardar porque mais notícias e revelações a respeito deste veículo irão ser divulgadas antes do seu lançamento. 

Por Adriano Oliveira

VW Bora

Foto: Divulgação


Nova proposta visa informar aos motoristas sobre a quantidade de pontos acumulados nos últimos 12 meses na CNH, além de poderem ser avisados sobre uma possível suspensão da mesma. Comunicados serão feitos por meio das notificações de multas.

Despertar os motoristas sobre o modo como estão dirigindo e evitar futuros acidentes e multas, foi o objetivo da aprovação do projeto de lei (PL) 792/15, que modifica o código de trânsito brasileiro, realizada pela Comissão de Viação e Transportes na última quinta-feira (05).

A asserção permite aos motoristas, acesso à informação sobre a quantidade de pontos acumulados nos últimos 12 meses na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de poderem ser avisados sobre uma possível suspensão da CNH, caso atinja 20 pontos aglomerados no período de um ano.

O comunicado será feito através das notificações de multa. “Acredito ser mais prática essa nova proposta, pois concede acesso imediato sobre as multas, e ainda evita que muitos condutores pratiquem mais infrações,” afirmou o motorista Maurício dos Santos, 52 anos, Pernambucano.

Maria Clara, 30 anos, Paulistana, relata oque acha da medida. “Eu gostei do projeto porque às vezes as pessoas esquecem de olhar no site se teve alguma multa. Eu já esqueci de olhar várias vezes e  quando fui ver era tarde demais, pois chegou a conta para pagar, e não deu nem para eu poder me organizar financeiramente,” comentou.

Antes do projeto ser analisado pela comissão de constituição e justiça e de cidadania para vim a ser sancionado, os pilotos de automóveis devem continuar cadastrados no site do Detran local, a fim de poderem consultar na página, através do número do CNH sua situação. Os que ainda não são registrados devem acessar a página do Detran do estado onde residem.

O deputado Wadson Ribeiro, relator da comissão, acredita que será possível evitar acidentes com a nova medida. ”Estando ciente da quantidade de infrações cometidas, o motorista dirigirá com mais cuidado", destacou.

Por Erika Amanda Silva de Souza

 

Multas de trânsito

Foto: Divulgação


Novo modelo tem estreia marcada no Brasil para a primeira semana de novembro de 2015. Seus preços partem de R$ 181 mil.

Após ter sido lançada no Sudeste Asiático e na Austrália, agora a oitava geração de uma das caminhonetes que mais fazem sucesso, a Toyota Hilux, chegará para comercialização aqui no Brasil na primeira semana do mês de novembro.

Informações que já estão sendo veiculadas dão conta de que o preço desse utilitário será de R$ 166 mil para a versão mais básica a SR, R$ 181 mil a versão SRV e a versão topo de linha que é a SRV TOP custará R$ 192.400.

A previsão de chegada da Hilux flex é somente para o próximo semestre, sendo assim, neste primeiro momento essa nova versão da Hilux só será comercializada com propulsor movido a Diesel.

Com relação à versão antiga, ela não mais será produzida na fábrica de Zárate, na Argentina, agora com a produção dessa antiga geração encerrada, para fazer a introdução da nova geração da caminhonete no mercado brasileiro, por aqui, as revendedoras da Toyota estão tralhando com vários descontos para zerar os seus estoques, para se ter uma noção o modelo de entrada na versão 4X2 está saindo por R$ 95 mil, a versão SRV com rodas aro 16 polegadas estão sendo vendida a R$ 153.500 e a versão top que vem com controle de estabilidade e rodas de 17 polegadas está saindo por R$ 162 mil.

Essa nova versão da Hilux traz muitos diferenciais em relação à versão anterior, o primeiro deles é que ela é mais larga, mais longa e mais baixa. Agora ela possui 5,34 metros de comprimento, 1,86 de largura e 1,82 de altura. Já a distância entre-eixos foi mantida e continuou com 3,09  metros, a melhor mudança e que irá agradar muitos consumidores foi a que ocorreu no espaço para os passageiros do banco traseiro que ganharam um espaço de 3,5 cm para acomodar os joelhos. Outra novidade interessante é que este veículo teve a sua capacidade de reboque aumentada para 3.500 Kg, sendo que o seu limite de carga é de 1.240 Kg.

Os novos propulsores são o 2.4 e o 2.8 turbodiesel os quais possuem a capacidade de produzir uma potência máxima de 150 cavalos e 177 cavalos respectivamente, a estreia desses motores ocorreu na Ásia.  

Por Adriano Oliveira

Toyota Hilux 8ª geração

Toyota Hilux 8ª geração

Fotos: Divulgação


Veículo foi reestilizado e ficou ainda mais moderno. As modificações foram na nova grade dianteira, para-choques mais encorpados e novas rodas de liga-leve diamantadas.

A grande e renomada fabricante de veículos automotores Hyundai apresentará em breve no Brasil mais uma novidade que será o Hyundai HB20X 2016, veículo este que passou por uma reestilização e ficou ainda mais moderno. O hatch aventureiro com as modificações acabou ganhando uma nova grade dianteira, para-choques mais encorpados, bem como novas rodas de liga-leve diamantadas.

O propulsor 1.6 Gamma  foi revisto e depois dessa revisão passou a trabalhar em conjunto com um câmbio de seis marchas, o qual possui opção de transmissão manual ou automática. A comercialização deste novo HB20X 2016 começará a partir do mês de novembro ainda deste ano com preços a partir de R$ 55.395. A versão topo de linha com todos os opcionais disponíveis será vendida por R$ 66.485. Outro atrativo que a marca traz para os consumidores é uma nova cor que é a verde forest.

O HB20X nesta nova versão apresenta uma linguagem inovadora de estilo da fabricante coreana, a qual é denominada “Escultura Fluida 2.0”. Na parte frontal do veículo logo dá para perceber a sua grade que possui um formato hexagonal e tem contorno cromado, contudo ela é invadida na seção anterior por um ressalto do para-choque que é bastante similar a um quebra-mato.

Na parte de trás, o veículo possui lanternas com novo desenho chamado “Clear Type”. Para os consumidores que gostam de veículos com rodas bonitas, o HB20X já vem de série em suas duas versões com rodas no tamanho 16 polegadas, o que fez com que o veículo ficasse um pouco maior do que a altura da versão hatch do veículo, sendo que a altura do solo dessa nova versão é de 206 mm, ou seja, um acréscimo de 41 mm em relação ao hatch. Outro acessório que chama bastante atenção neste carro são as barras de teto que possuem acabamento preto. Os para-choques dianteiro e traseiro mais robustos dão um ar de esportividade ao veículo.

No pacote tecnológico o carro também não deixa a desejar, uma vez que possui direção elétrica, quatro airbags, ar digital, dentre muitas outras comodidades.

Por Adriano Oliveira

Hyundai HB20X 2016

Hyundai HB20X 2016

Fotos: Divulgação


Novo modelo terá um visual agressivo e contará com um propulsor 3.0 twin-turbo de seis cilindros posicionados em linhas, que irão proporcionar uma potência de 370cv.

Após ter sido flagrado em muitos testes, finalmente, o superesportivo BMW M2 2016 tornou-se oficial. Este veículo na versão 2016 veio com um visual ainda mais agressivo do que na série 2 coupé convencional, modelo que entrou na sucessão do série 1M, o qual já sai de fábrica com um conjunto mecânico que causa inveja em muitos outros veículos maiores. Este conjunto mecânico é composto por um propulsor 3.0 twin-turbo de seis cilindros posicionados em linhas, os quais são capazes de entregar ao veículo uma potência máxima de 370 cavalos e uma aceleração em 4,4 segundos.

Na parte externa, as mudanças feitas pelos designers da divisão incluíram um para-choque dianteiro com a presença de entradas de ar um pouco mais ampla e traços mais agressivos, um logotipo exclusivo na grade frontal, escape esportivo, ampliação dos arcos das rodas para fazer a acomodação do novo conjunto de rodas de tamanho 19 polegadas que são calçadas por pneus Michelin Pilot Super Sport. Já na parte interna, as novidades trazidas são novos detalhes confeccionados em fibra de carbono, novo volante, logotipos específicos, assentos com costura azul dentre outros.

No conjunto mecânico o veículo sairá de fábrica com um propulsor 3.0 TwinPower, o qual é capaz de produzir uma potência máxima de 370 cavalos e um torque máximo de 47,3 Kgfm e de 50,8 Kgfm com overboost, segundo os dados estatísticos da fabricante o carro consegue acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 4,4 segundos, isso para o modelo que possui câmbio manual e seis marchas. Já para o modelo dotado do sistema de dupla embreagem e sete marchas o tempo gasto é de 4,2 segundos.

Independentemente da versão do conjunto mecânico, este veículo consegue atingir uma velocidade máxima de 250 Km/h a qual é limitada eletronicamente. Segundo o que está sendo divulgado pela própria BMW o novo M2 herdou vários componentes mecânicos dos seus primos, o M3 e o M4, tais como, os eixos dianteiros e traseiros feitos de alumínio e os freios de alta performance.

A comercialização deste carro no mercado Europeu terá início até o final deste ano, já aqui no Brasil a expectativa é de que ele chegue no ano de 2016.

Por Adriano Oliveira

BMW M2 2016

Foto: Divulgação


Modelo será produzido no Brasil na fábrica de Araquari (SC), mas preços continuarão os mesmos.

O Mini Countryman, considerado um dos modelos mais espaçosos da categoria, já deu início à sua fabricação no Brasil. Produzido pela BMW, o modelo possui previsão de venda para dezembro deste ano.

O local de produção será na fábrica de Araquari, localizada no estado de Santa Catarina. A má notícia, é que apesar da produção nacional, os preços continuarão os mesmos e não irão sofrer nenhum tipo de redução, a notícia deixou muita gente que havia se animado com a informação desapontada.

O modelo Countryman Cooper S Top preservará o valor de R$ 143.950,00, já o modelo Cooper S All4 que inclui tração 4×4 como diferencial custará R$ 149.950,00. Vale ressaltar que apesar da informação, os preços ainda podem sofrer alterações quando chegarem às lojas.

Não haverá mudanças mecânicas e o motor de 186CV continuará proporcionando boas performances aos motoristas. Apesar do MINI Countryman ter a desvantagem da manutenção ser bastante cara, seu modelo atrai os consumidores, pois é bastante espaçoso e potente se comparado a outros veículos da mesma categoria.

A recepção positiva dos brasileiros em relação à marca Mini é um dos motivos da BMW resolver dar início à fabricação do Countryman no país. Com a iniciativa da marca, o Brasil se equipara à Holanda e à Inglaterra, que antes, eram os 2 únicos produtores dos modelos Mini da BMW. Outro motivo que com certeza pesou na decisão foi a nova regulamentação do Inovar-Auto em 2012 que apresenta incentivo de menores taxas aos fabricantes internacionais.

Vale lembrar que a BMW investiu aproximadamente 200 milhões de euros para construir a sua primeira fábrica na América Latina. A capacidade de produção prevista para 2016 é de mais de 30 mil carros por ano e a gigante do setor pretende contratar 1.300 funcionários.

Apesar de o valor revelado ter desanimado, é necessário reconhecer que a iniciativa já é um grande passo para o Brasil.

Por Beatriz 

Mini Countryman

Mini Countryman

Fotos: Divulgação


Carro híbrido da Toyota deverá chegar ao Brasil ainda neste ano de 2015 totalmente reestilizado.

Após ter sido apresentado há poucos dias, no Salão de Frankfurt, evento ocorrido na Alemanha, a renomada fabricante de veículos automotores Toyota  já divulgou oficialmente que a nova geração do seu veículo híbrido, Toyota Prius, irá chegar ao mercado brasileiro bem antes do que era previsto anteriormente.

Essa divulgação foi feita na 11ª edição do Salão Latino-Americano de Veículos Elétricos, evento este ocorrido na cidade de São Paulo, sendo que a montadora informou que o Prius irá chegar ao mercado brasileiro ainda neste ano de 2015.

Apesar de o veículo ser importado do Japão, a  expectativa  da empresa é de que essa novidade chegue ao Brasil por volta do mês de dezembro. O carro chegará totalmente reestilizado nesta nova versão e alinhado com os lançamentos recentes da Toyota. O veículo foi projetado sobre a plataforma modular chamada TNGA, fator este que fez com que nessa nova versão, o Prius tenha um tamanho sensivelmente maior que o modelo anterior. Segundo os dados técnicos da fabricante, estas novas medidas incluem um acréscimo de 60 mm no cumprimento e outros 15 mm na largura, consequentemente com um ganho de espaço interno. Além disso, o chassi do carro obteve uma rigidez de 60% a mais e o centro de gravidade, mais baixo.

Conforme a própria Toyota já divulgou de forma oficial, a produção do Prius aqui no Brasil está inserida nos seus planos futuros, sendo que a produção deste novo Prius será feita na unidade da Toyota localizada na cidade de São Bernardo do Campo (SP). No entanto, o entrave para que isso ocorra são as incertezas que a montadora possui a respeito de quais seriam os incentivos que o governo brasileiro daria para o setor. O outro fator desanimador seria a volatilidade do câmbio, uma vez que a operação será realizada no regime de CKD com peças importadas diretamente do Japão, motivo pelo qual a empresa está analisando o assunto com cautela.

Por Adriano Oliveira

Novo Toyota Prius 2016

Novo Toyota Prius 2016

Fotos: Divulgação


Audi A4 ganhou sua 9ª geração, que será lançada no Brasil no primeiro trimestre de 2016, na versão 1.4.

A nona geração do famoso Audi A4 está prevista para chegar aqui no Brasil no primeiro trimestre do ano de 2016, este veículo deverá ter apenas uma opção de motorização aqui no país que será a 1.4.

Contudo, enganam-se aqueles que estão imaginando que este propulsor 1.4 litro flex será o mesmo do seu irmão, o Audi A3. A plataforma dele será a MLB, a qual impossibilita que o motor seja transversal, sendo que nessa plataforma o motor só pode ficar na posição longitudinal.

O veículo será disponibilizado aos consumidores tanto com propulsor 1.4 movido a gasolina e confeccionado exclusivamente para o Audi A4 quanto com o propulsor 1.4 bicombustível que foi confeccionado para o A3 Sedan e para o VW Golf em suas versões nacionais, que começaram a ser comercializados até o final deste ano. Estes motores terão índice de potência e torque idênticos, sendo que terão uma potência máxima de 150 cavalos e um torque de 25,5 Kgfm. Conforme os dados repassados pela fabricante, estes propulsores têm a capacidade de acelerar  de 0 a 100 Km/h em apenas 8,7 segundos.

Todavia, vale salientar, que o único propulsor que foi confirmado oficialmente para equipar essa nova geração do Audi A4 no Brasil foi o 2.0 Ultra turbo dotado de injeção direta de gasolina, propulsor este que tem a capacidade de produzir uma potência máxima de 190 cavalos e um torque de 32,6 Kgfm. O câmbio utilizado neste veículo será o automatizado dotado de dupla embreagem e sete marchas.

Segundo fontes ligadas aos bastidores da fabricante, até o final do ano de 2016 a Audi irá fazer o lançamento de uma versão que terá um propulsor 1.4. Já a versão perua do Audi A4, batizada com o nome de Avant, também será comercializada aqui no país, sendo que a sua estreia oficial deverá ocorrer até o mês de julho do ano de 2016. 

Por Adriano Oliveira

Audi A4

Audi A4

Fotos: Divulgação


Novo modelo proporciona aos consumidores um bom espaço com versatilidade para percorrer grandes distâncias e viagens longas por estradas não pavimentadas ou até mesmo locais remotos.

A divisão Professional da renomada fabricante de veículos automotores Fiat fez a criação de uma variação exclusiva e bastante diferenciada para o furgão Ducato. Este veículo foi desenvolvido com foco nos amantes do camping e de aventuras, este veículo foi batizado com o nome de Ducato 4X4 Expedition, as principais vantagens que este carro irá proporcionar aos consumidores serão espaço com inúmeras configurações distintas, versatilidade para percorrer grandes distâncias e viagens longas por estradas não pavimentadas ou até mesmo locais remotos.

Esta nova versão da Ducato foi desenvolvida em parceira com as empresas Olmedo, Dangel e Techform, sendo que a Fiat Professional fez todo o desenvolvimento da parte exterior desta novidade, bem como a parte interior que foi totalmente personalizada.

O Ducato 4X4 Expedition chegará ao mercado equipado com um motor movido a diesel 2.3 modelo Multijet, o qual será capaz de produzir uma potência máxima de 150 cv, no motor deste home aventureiro há a presença de ganchos para reboque. Ainda o furgão traz as seguintes novidades: rack especial sobre o teto, para-choques mais robustos, luzes auxiliares com tecnologia LED, suspenção totalmente reforçada, guincho elétrico, bem como rodas confeccionadas em aço, as quais são calçadas com pneus de uso misto.

A versatilidade deste furgão aventureiro é tão grande que, por dentro, ele assume a configuração de uma pequena casa, haja vista que há a disponibilidade de gabinetes que quando abaixados transformam-se em uma cama de casal, além de, pia, armários, fogão elétrico, cadeiras com sistema giratório inclusive para o motorista, ar condicionado central, TV, dentre outros apetrechos que grande utilidade.

Como é um veículo destinado para consumidores que amam aventuras, ele conta com compartimentos para que os proprietários consigam armazenar  grandes quantidades de mantimentos para se alimentarem durante um longos períodos de viagens em locais que não ofereçam nenhum tipo de recurso logístico. 

Por Adriano Oliveira

Fiat Ducato 4X4 Expedition

Fiat Ducato 4X4 Expedition

Fotos: Divulgação


Modelo com motor V8 de 469 cv será lançado no mercado australiano em breve.

A Chrysler anunciou que o mercado australiano vai ser um dos primeiros a receber o modelo 300 SRT com motor V8 de 469 cv nos próximos dias.

Esse modelo vem para os mercados com as características de:

  • Duas versões de acabamento;
  • Motor HEMI V8 que apresenta 6,4 litros e um torque de 64,9 kgfm;
  • Transmissão Automática de 8 velocidades;
  • Para-choque na parte dianteira com uma grade que possuo por uma revisão para melhor o desempenho;
  • Faróis de Bi-xenon;
  • Luzes de LED na parte dianteira e que podem ser usadas durante o dia;
  • Rodas de 20 polegadas;
  • Volantes com revestimento de couro;
  • Bancos esportivos;
  • Central Multimídia do tipo Uconnect e com uma tela de exatamente 8,4 polegadas;
  • Couro Premium nos bancos, mais detalhes que são de fibra de carbono e ainda um sistema de áudio premium, somente para o modelo da versão topo;
  • Preço de R$ 151 mil (ou 59 mil dólares australianos) para a versão mais em conta, enquanto que o modelo da versão topo fica por R$ 177 mil (ou 69 mil dólares australiano).

Quando essa máquina vai estar disposição do público? Todos os países vão poder ter essa máquina circulando pelas suas ruas ou alguns lugares vão sofrer algumas restrições?

Não existe previsão de quando vai chegar ao mercado brasileiro, pois segundo a própria Chrysler esse modelo será comercializado no momento em apenas 16 países, onde a Austrália é um desses países que vai ter a oportunidade de ver essa máquina trafegando pelas suas ruas, mas no caso, por exemplo, dos EUA e do Brasil não existe nenhuma previsão.

No caso dos EUA a empresa já afirmou que eles não vão receber esse modelo decorrente das baixas vendas do sedan no País nos últimos anos, o que desestimulou a comercialização. Agora com relação ao Brasil, os consumidores dessa marca vão ter que se contentar em adquirir o modelo Chrysler 300c, que chegou há poucos dias no País e já aparece com um motor 3.6 de 296 cv e também com um torque de 36 kgfm.

Por Fernanda de Godoi

Chrysler 300 SRT

Chrysler 300 SRT

Fotos: Divulgação


Novo modelo terá as versões xDrive20i, xDrive20i X Line e xDrive35i M Sport na linha 2016.

A renomada e famosa fabricante de veículos automotores BMW iniciou, na sua unidade da cidade de Araquari (SC), a produção nacional do veículo SUV X3. Este modelo já está inserido na linha 2016 dos veículos da fabricante e será montado aqui no País nas seguintes versões: xDrive20i, xDrive20i X Line e xDrive35i M Sport, sendo que nas duas primeiras versões que foram mencionadas o veículo será comercializado com um propulsor 2.0 que é capaz de produzir uma potência máxima de 184 cavalos, enquanto que na versão xDrive35i M Sport o propulsor inserido foi um 3.0 dotado de 6 cilindros, o qual é capaz de produzir uma potência máxima de incríveis 306 cavalos.

Vale ressaltar que este será o primeiro carro da montadora que será produzido no Brasil com motor de 6 cilindros. Na mesma unidade da BMW no estado de Santa Catarina também são montados os modelos Série 3, Série 1, Mini Countryman e X1.

Estes utilitários tiveram os seus valores reajustados, sendo que segundo a fabricante este aumento ocorreu devido ao fato de estes ganharam novos itens nos seus pacotes de acessórios por fazerem parte da linha 2016, dentre estes acessórios estão presentes acessórios de última geração, tais como sistema de informações a respeito do trânsito em tempo real, tela da central de multimídia em tamanho maior, HD de 20GB na versão X line e o sistema head-up display que foi inserido somente na versão M Sport, sistema este que faz a projeção de informações no para-brisa do veículo.

Em todas as versões o X3 vem equipado com transmissão e 8 velocidades e automática. No modelo mais básico o consumidor irá encontrar rodas no tamanho 18 polegadas, sistema de navegação e ar condicionado digital.

Já na versão intermediária foram inseridos os seguintes acessórios: teto solar, central de multimídia no tamanho 8,8 polegadas com navegação, 20 GB de HD, câmera de ré, bem como sistema de fechamento e abertura elétrico do porta-malas.

E, por fim, o X3 modelo xDrive 35i será disponibilizado com rodas no tamanho 19 polegadas, sistema head-up display, design mais esportivo, direção variável e sistema de som Harman Kardon de alta qualidade. 

Veja abaixo a tabela com os valores atuais dos modelos do X3 nacional:

– xDrive20i: R$ 211.450;

– Xline: R$ 229.450;

– 35i M Sport: R$ 289.950.

Por Adriano Oliveira

BMW X3 nacional

BMW X3 nacional

Fotos: Divulgação


Novo modelo será lançado nas versões cupê e cabriolet simultaneamente no território brasileiro.

Você é fã dos modelos da Porsche? Uma novidade vai atrair sua atenção: pela primeira vez na história as versões cupê e conversível da marca chegam ao mesmo tempo no mercado brasileiro.

A importadora oficial da Porsche no Brasil, a Stuttgard Sportcar, deve iniciar as vendas do novo Porshe 911 no Brasil.

O modelo, que virá totalmente renovado e atualizado, trará motores mais potentes e vem para dar prosseguimento a uma história de sucesso do modelo 911, considerado um dos símbolos da marca. Essa nova geração vem com a inovação dos dois modelos (cupê e cabriolet) sendo oferecidos simultaneamente aos consumidores brasileiros.

O presidente da distribuidora no Brasil, Marcel Visconde, aposta em uma grande procura pelo novo modelo 911, segundo ele o modelo ganha a atenção do consumidor pela tradição e história, mas também traz atrativos como a renovação de sua tecnologia.  E as inovações são muitas: a potência do motor pode chegar a cerca de   400 cv a 7.400 rpm, o que possibilita uma aceleração de o a 100 km/h em cerca de 4,7 segundos. A velocidade máxima do modelo pode chegar a 301 km/h, o que não perde em nada para as performances de supermáquinas do automobilismo.

Além dos atrativos de velocidade, o novo modelo ganha atenção pela baixa emissão de poluentes: cerca de 228 g/km. Seu exterior também vem recheado de inovações: A distância maior entre os eixos possibilita maior estabilidade durante as curvas. O novo modelo também assume uma aparência mais frágil e compacta, porém com um toque desportivo, para agradar ambos os sexos.

O ar clássico do modelo é garantido pelos faróis bi-xenon de série, que vem com o tradicional friso oval. O sistema de iluminação do modelo inclui piscas, luzes diurnas e luzes de posição integradas às luzes da parte da frente do veículo, com a tecnologia LED. Se usadas em uma posição extremamente baixa, fazem contraponto aos faróis principais, se utilizadas juntamente com as duas entradas de ar integradas do modelo, constituem o inconfundível rosto do clássico modelo 911.

Quem adquirir o novo modelo Porsche Carrera S, estará levando para a sua garagem um dos modelos mais clássicos da montadora, aliado com as melhores inovações do mercado de automóveis. Com certeza, uma excelente escolha.

Por Patrícia Generoso

Porsche 911 Carrera S

Porsche 911 Carrera S

Fotos: Divulgação


Novo modelo conta com inovações no design e será lançado em breve.

O Toyota Land Cruiser que será lançado para o ano de 2016 virá com algumas modificações no seu visual. A previsão de seu lançamento é para as próximas semanas, mas o modelo foi flagrado sem a "camuflagem" em uma das concessionárias da fabricante, o que revelou alguns detalhes interessantes.

Seu novo design aparenta ser mais sóbrio e elegante que o do modelo atual, que é um pouco mais agressivo. Grande parte das alterações do Toyota Land Cruiser está localizada na parte dianteira do modelo. Agora os faróis do modelo serão retangulares e com um detalhe de um friso cromado na lente, o que faz um belo conjunto com os novos faróis de LED. Outro detalhe diferente deste modelo é a grade: totalmente renovada, o detalhe frontal ganhará frisos cromados em posição horizontal, e o para-choque se apresentará em formato mais quadrado, possuindo um protetor em formato de "U" invertido, também cromado.

Os faróis para neblina também vêm renovados e contam com uma moldura que acompanha o estilo cromado dos outros detalhes frontais. Mas não só na parte dianteira há novidades, a parte traseira também oferece inovações: há lanternas também com a tecnologia em LED, que são interligadas por um detalhe de um filete cromado, com o nome "Land Cruiser" estampado, para agradar os fãs da marca.

A parte interna do Land Cruiser conta com um volante novo e uma versão mais atualizada do já famoso sistema de entretenimento, além de inovações também no acabamento. 

O novo modelo tem previsão de começar a ser vendido já no final deste ano, mas como o mercado nacional sempre demora um pouco mais para oferecer as inovações aos seus clientes, o modelo ainda não tem previsão de chegada no Brasil.

O que nos resta é esperar para conferir todas essas novidades e todas as outras que ainda não foram reveladas no novo Land Cruiser.

Por Patrícia Generoso

Toyota Land Cruiser

Toyota Land Cruiser

Fotos: Divulgação


Novo modelo terá 77 unidades que estarão à venda no Brasil.

A fabricante de veículos automotivos Land Rover fez o anúncio nesta última segunda-feira, dia 6 de julho de 2015, que irá fazer o lançamento oficial da série limitada  London Edition para o Range Rover Evoque. Esta série especial estará disponível a partir do próximo dia 11 de julho de 2015. No total a empresa irá disponibilizar apenas 77 unidades desta versão especial, sendo que cada uma delas será comercializada pelo valor de R$ 244.200.

Base para a criação dessa nova versão foi retirada da versão Dynamic, contudo esta nova versão, a London Edition, irá contar com acabamentos e cores exclusivas e acima de tudo será ainda mais equipada do que as demais.

Nesta edição exclusiva uma das primeiras coisas que se percebe ao visualizá-la são as características britânicas em termos de engenharia trazidas pela Land Rover, características estas que são corroboradas através do design e no acabamento deste carro que foi todo produzido por meio da inspiração das cores trazidas na bandeira da Inglaterra.

O motor que foi utilizado neste modelo foi o 2.0 litros turbo movido a gasolina, o qual tem a capacidade de gerar uma potência máxima de 240 cavalos, este propulsor trabalha em conjunto com o câmbio modelo ZF 9HP que possui nove marchas.

A série especial London com já foi dito irá trazer outros itens de série a mais do que as outras versões e um exemplo desses adicionais são a tampa do porta-malas que dessa vez terá a abertura e o fechamento feitos por meio de comandos elétricos apenas pelo acionamento de um botão e a presença de câmera de ré.

Do lado externo, o Evoque London Edition irá trazer a sua carroceria pintada na cor branca Fuji, sendo que o teto panorâmico, os retrovisores, bem como a assinatura será na cor vermelho Firenze. A fim de dar um toque ainda mais esportivo a este veículo a fabricante inseriu nesta edição alguns detalhes muito interessantes, tais como, faróis com máscaras escurecidas, grade pintada na cor preto e luzes de neblina.

Os acabamentos internos deste veículo serão em duas opções cores uma totalmente em preto Ebony e a outra em preto Ebony com detalhes em vermelho Pimento.    

Por Adriano Oliveira

Range Rover  Evoque London Edition

Range Rover  Evoque London Edition

Range Rover  Evoque London Edition

Fotos: Divulgação


Novo modelo recebeu melhorias e novos equipamentos. Preços iniciais partem de R$ 46.790.

O modelo New Fiesta 2016 – da montadora Ford – já está disponível nas concessionárias do país. O utilitário possui novas melhorias e novos equipamentos como, por exemplo, a função Ford Power que permite destravar as portas assim que o motorista se aproxime do veículo, e dar a partida sem a necessidade de uma chave, apenas pressionando um botão presente no painel. A função Ford Power é exclusiva da linha New Fiesta e está disponível apenas na versão Titanium.

A versão SE 1.6 e SE 1.6 PowerShift possui um sensor responsável por auxiliar o motorista a fazer manobras precisas, mostrando um gráfico no sistema multimídia e emitindo bipes quando o veículo estiver próximo de um obstáculo.  As versões S 1.5 e SE 1.5 agora contam com dois alto-falantes nas portas traseiras do modelo.

Os itens de série de modelo são: Ar condicionado, vidros e travas elétricas, airbag duplo, computador de bordo e retrovisores elétricos. Além disso, todos os modelos devem contar com sistema de frenagem ABS com EBD, que garante maior estabilidade nas frenagens, evitando o bloqueio das rodas e garantindo uma distribuição correta do peso do veículo.

A versão New Fiesta SE 1.5 também possui rodas de liga leve de 15 polegadas, faróis próprios para neblina, vidros elétricos, controle remoto responsável por destravar o modelo e um novo acabamento interno.

Já a versão SE 1.6 – uma das mais completas – conta com ar condicionado digital, sensor de estacionamento, assistente para partidas em rampa, controle de estabilidade e tração do veículo, que garante uma melhor dirigibilidade. Além disso, o sistema multimídia Sync possui comando de voz.

A versão premium do modelo conta com rodas em liga leve de 16 polegadas, airbag para o motorista e passageiros, função Ford Power, interior revestido em couro, faróis com design cromado, nova grade traseira e um novo estilo de retrovisor.

O modelo New Fiesta 2016, já está à venda nas concessionárias e pode ser encontrado com preço inicial de R$ 46.790. Já a versão Titanium poderá ser encontrada pelo preço sugerido de R$ 65.290.

Por Wendel George Peripato

Ford New Fiesta 2016

Ford New Fiesta 2016

Ford New Fiesta 2016

Fotos: Divulgação


Renault Talisman é o novo modelo da montadora que traz características esportivas e design arrojado.

A Renault divulgou na última segunda-feira, dia 29 de junho, um teaser mostrando seu novo sedan de médio porte. O modelo Renault Laguna deverá ser substituído por um novo modelo, o Talisman. O modelo deverá ser um rival em potencial para o Volkswagen Passat, Ford Mondeo e Mazda 6. O modelo da marca francesa deverá ser revelado ao público oficialmente no mercado dia 6 de julho.

Segundo a empresa, o nome do novo modelo significa proteção e poder, e é uma palavra de fácil pronuncia e é compreendida em todo mundo. Isso demonstra que o interesse da francesa Renault é criar um carro para o mercado global.

O teaser demonstrativo não revela muitas informações a respeito do modelo Talisman. A empresa utilizou um novo estilo nunca visto nos modelos da marca, deixando o sedan com características esportivas e design arrojado. O modelo possui dianteira com design agressivo, grade cromada, novo design de lanternas e rodas de liga leve com duas tonalidades.

O modelo terá a opção de adquirir faróis LED, que garante uma melhor qualidade de iluminação. Além disso, acredita-se que terá controle cruzeiro adaptativo, assistente para estacionamento, vários sistemas de segurança produzidos pela Renault e assistência para os motoristas.

Quanto ao interior do modelo podemos destacar os materiais de ótima qualidade, detalhes em madeira, bancos com revestimento de couro é semelhante ao modelo Renault Espace. O modelo possui um ecrã tátil no centro, que deverá controlar toda central multimídia.

Apesar da proposta para globalização do veículo, o modelo foi projetado para direção esquerda. Sendo assim, países que utilizam o sentido de circulação contrário, como o Reino Unido, não deve receber o modelo.

O modelo Talisman deverá ser produzido em uma instalação da empresa na França. O modelo deverá estar em circulação até o final do ano de 2015. A empresa também busca efetuar a criação de um novo modelo de perua.

Por Wendel George Peripato

Renault Talisman

Renault Talisman

Fotos: Divulgação


Novo modelo traz novidades e características personalizadas.

A divisão Talor Made da Ferrari, marca de renome internacional, produziu uma Ferrari Califórnia totalmente personalizada. A marca italiana fez o lançamento oficial deste novo veículo no Festival de Velocidade de Goodwood, evento este que ocorreu no Reino Unido do dia 25 de junho ao dia 28 de junho.

Este novo modelo é um carro conversível que para ser projetado os seus idealizadores se inspirarão na paixão por cavalos de corridas e Polo, tanto que foram inseridas neste veículo duas faixas decorativas, sendo que elas foram feitas na tonalidade Blu Hellen e sobrepõe a pintura deste carro que foi confeccionada em camada tripla na cor Bianco Itália.

As rodas desta Ferrari personalizada são mais uma atração à parte, uma vez que são de alumínio e possuem o tamanho de 20 polegadas e para chamar mais ainda a atenção, os fabricantes resolveram pintá-las nas cores Argento Nürburgring e Blue Hellen.

Já no espaço interno, essa Ferrari Califórnia T tem todo o seu interior na tonalidade Blue Sterling e para dar um charme a mais os detalhes foram feitos na tonalidade Bianco, os assentos foram confeccionados com todos os seus revestimentos no material denominado Mycro Prestige, material este que possui a capacidade de dar maior aderência ao corpo de quem o utiliza para assentar, este material é obtido através da mistura de diversos tipos de fibra. A grande vantagem de se utilizar este tipo de material no revestimento de um veículo é o fato de que ele possui apenas um terço do peso do couro tradicional, material que comumente é utilizado para revestir muitas partes da grande maioria dos caros de luxo, além de ter apenas 0,7 milímetros de espessura, este tipo de material tem um futuro promissor na indústria automobilística, devido ao fato dele ser à prova tanto de fogo quanto de água.

Por Adriano Oliveira

Ferrari California T personalizada

Ferrari California T personalizada

Fotos: Divulgação


Apesar de ser um protótipo, modelo poderá ser produzido em edição limitada.

Pense em um carro superesportivo, com design esportivo e de deixar qualquer apaixonado por automóveis de queixo caído. Assim é o novo modelo da Torino Design, que criou o modelo ATS Wild Twelve, um veículo que, por enquanto, é apenas protótipo, mas que se sair para produção comercial, certamente terá uma grande lista de milionários querendo adquiri-lo.

A Torino Design é uma empresa que foi criada nos anos 1960 por engenheiros que trabalharam na Ferrari, portanto, experiência em luxo, potência e esportividade é o que não falta nos modelos que a marca desenvolve.

Prova disso é o próprio ATS Wild Twelve, que alcança a incrível marca de 390 km/h, e chega de 0 a 100 quilômetros por hora em invejáveis 2,6 segundos, uma marca difícil de ser batida pela maioria dos seus concorrentes.

Além de ser um carro com uma incrível potência, esse modelo da Torino é um híbrido, que possui dois motores elétricos no eixo traseiro. Seu abastecimento é plug-in. O nome do modelo é baseado na tração nas quatro rodas e no motor V12. Falando em motor, obviamente ele é extremamente potente, com um bloco de 3.8 litros, além de dois turbos, que geram a potência de – pasme – 860 cavalos e torque de 93,3 kgfm.

Suas medidas são interessantes: o ATS Wild Twelve possui 2 metros de largura; 4,4 m de comprimento e 1,2 m de altura. Com tanta potência, seu peso pode até ser considerado leve, chegando aos 1.450 kg. Isso se deve ao fato do modelo ser praticamente todo feito em fibra de carbono. Apesar da montadora ter sido fundada por ex-funcionários da Ferrari, quem assina esse modelo é um ex-engenheiro de outra marca sinônimo de potência, a Bugatti.

Mesmo inicialmente sendo apenas um protótipo, há muita especulação pela imprensa internacional especializada de que o ATS Wild Twelve entre em produção em breve. Caso isso aconteça, o modelo terá produção limitada, que deve ser feita em Modena, na Itália.

Por Felipe Villares

Torino ATS Wild Twelve

Torino ATS Wild Twelve

Torino ATS Wild Twelve

Fotos: Divulgação


Novo modelo conta com tecnologia e modernidade.

A Volkswagen, famosa montadora alemã, conhecida nos cinco continentes do Planeta, traz ao mercado o seu mais novo lançamento: o Passat GTE.

Um dos principais destaques da marca sempre foi o seu forte investimento em publicidade. Sendo assim, o Slogan do Passat GTE não poderia deixar a desejar. A marca optou por empreender ao carrão um slogan forte e chamativo: Passat – Um carro como só os Alemães sabem fazer. Há de se entender essa frase com grande facilidade, haja vista a Alemanha ser conhecida pelos seus automotores que possuem destaque em todo o mundo, principalmente os esportivos. Entre as principais marcas que se destacam a BMW, Mercedes-Benz, Audi. Além disso, a Volkswagen, também, é Alemã.

A marca deixa claro que, no Passat, conforto e luxo sempre foram priorizados. O carro sempre se destacou por ser de alto custo e alto luxo. Por isso, o novo Passat GTE conta com materiais de extremo bom gosto e luxo. O destaque fica com o relógio analógico cravado no painel dianteiro e uma tela Touchscreen que dá maior ar de modernidade ao veículo.

Os bancos dianteiros são um acúmulo de tecnologia. Além de contar com opcional de climatizadores, pode-se optar pelo veículo com ajuste elétrico e memória de posição do banco dianteiro do motorista.

Chave para ligar o carro é coisa do passado, concorda? Pois bem, o Passat GTE conta com o acionamento através de um botão, contudo, este acessório é opcional e, consequentemente, custará mais caro ao consumidor.

O climatizador do Passat GTE é um dos destaques: o carro conta com ar-condicionado Climatronic com controle de temperatura Dual Zone no display do rádio.

O motor do Passat GTE é o famoso 2.0L TSI de 211 Cv de potência máxima. Além disso, possui um sistema de transmissão DSG com dupla embreagem. Além disso, o veículo conta com ABS, Air-bag e outros dispositivos avançados de segurança.

O Passat GTE promete surpreender!

Por Daniel Alves

Volkswagen Passat GTE

Volkswagen Passat GTE

Fotos: Divulgação


Novo modelo será lançado na Inglaterra, no dia 25 de junho.

A fabricante de veículo francesa, Peugeot, está montando todos os preparativos para fazer a estreia do seu novo hatch esportivo de médio porte, este veículo será o Peugeot 308 GTi, a estreia deste veículo está prevista para ocorrer no início do Festival de Velocidade de Goodwood, evento que ocorrerá no dia 25 de junho na Inglaterra. Apesar de toda a expectativa que gira em torno dessa estreia, este veículo já foi visualizado sem nenhum tipo de cobertura ou camuflagem em um estacionamento na França.

Não há como negar que esta é uma versão realmente mais nervosa do Peugeot 308, sendo que pelo que pode ser visto, os seus principais destaques estão nas lindas rodas de tamanho 19 polegadas que foram inseridas de série neste veículo, juntamente com as ponteiras de escapamento que serão no estilo arredondado. Outra novidade são os freios do desse Peugeot Sport que foi projetado com discos ventilados e pinças na cor vermelha, detalhe que chama mais ainda a atenção de que o vê. Já a grade dianteira deste carro foi feita no formato colmeia, design este que a diferencia das convencionais.

Este lançamento da Peugeot nada mais é do que a continuidade da nova geração, a qual foi lançada oficialmente no Salão de Frankfurt na edição do ano de 2013, e que naquela época já foi considerado como um conceito batizado com o nome de 308R. Desse conceito, a Peugeot deverá aproveitar apenas o seu propulsor, que é o 1.6 turbo que possui a mesma calibragem do conhecido RCZ, o qual foi desenvolvido para gerar uma potência máxima de nada mais nada menos do que 270cv.

Esse novo Peugeot 308 GTi será lançado para ser um rival direto dos seguintes modelos: Ford Focus ST, Volkswagen Golf GTi, bem como do francês Renault Megane RS. Além dessa novidade a Peugeot pode ser que leve também o 308 R Hybrid, veículos este que foi projetado com um motor capaz de gerar uma potência de 493cv, contudo este deve ser mantido apenas como um conceito.

Por Adriano Oliveira

Peugeot 308 GTi

Peugeot 308 GTi

Fotos: Divulgação


Atualização do modelo foi destinada para os veículos apenas da China.

A fabricante de veículos automotores Volkswagen fez, no último sábado, dia 6 de junho, uma discreta demonstração a respeito da atualização que foi realizada no seu veículo Phaeton, no entanto a atualização deste veículo não chegará a todos os países onde o modelo é comercializado. A princípio esta atualização foi destinada apenas para os veículos Phaeton da China. Essa restrição por parte da montadora se deu, principalmente, devido ao fato de que este sedan da marca tem maior aceitação no continente asiático.

Pelo o que pode ser observado, nessa atualização os principais destaques ficaram por conta da inserção de novos faróis bi-xenônio, de uma nova grade dianteira, a inserção de um para-choque rico em detalhes cromados, retrovisores internos que têm a função de serem aquecidos e eletricamente rebatíveis com sinais integrados, faróis de neblina de LED, bem como novas lanternas.

Com relação à motorização, este veículo atualizado será disponibilizado no mercado chinês com três opções de propulsores, sendo que estes são os seguintes: o 3.0 V6 que é capaz de produzir uma potência máxima de 250 cavalos, a segunda opção é o 3.6 V6 que tem a capacidade de produzir uma potência máxima de 280cv e a terceira e última opção será o 4.2 V8que será capaz de produzir uma potência máxima de 335 cavalos. Em todas estas opções de motores que poderão ser escolhidas pelos consumidores, este sedã irá sair de fábrica com uma transmissão do tipo automática com seis marchas e tração integral do modelo 4MOTION. Segundo a fabricante, este carro tem a capacidade de acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 6,9 segundos e tem uma velocidade máxima limitada em 250 km/h.

Para aqueles que não conhecem ou nunca ouviram falar a respeito deste veículo, ele é um sedan topo de linha da marca alemã, este carro foi recém-retirado do mercado britânico e partiu com est atualização para o mercado chinês.

As vendas deste veículo começaram no último dia 6 de junho, sendo que no mercado chinês este sedan germânico custa a partir de 759.200 yuans, ou seja, em torno de R$ 385.521.

Por Adriano Oliveira

Volkswagen Phaeton

Volkswagen Phaeton

Fotos: Divulgação


Corolla teve 312.792 emplacamentos no mundo nos 3 primeiros meses de 2015. Se continuar no ritmo que está de vendas, pode atingir o recorde de carro mais vendido no mundo, ultrapassando o Golf, que em 2014 teve 1.223.253 unidades vendidas.

O Toyota Corolla começou o ano de 2015 ganhando a liderança no mercado de vendas nos três primeiros meses do ano.  Segundo a consultoria Focus2move, que realizou a pesquisa entre 120 carros. Foi revelado que até o mês de maio ocorreu em torno de 312.792 emplacamentos de veículos da linha Toyota do modelo Corolla.

A venda ainda está em um ritmo acelerado, e pode alcançar o recorde do carro mais vendido no mundo, titulo que foi concedido em 2014 para o Golf que fechou com 1.223.253 unidades vendidas.

Para o mercado automobilístico, entre as categorias de sedans, o Toyota Corolla está ganhando uma posição de destaque na preferência dos motoristas, muitas concessionárias estão recebendo clientes que estão escolhendo o carro pelos diversos quesitos de qualidade e sofisticação. Pois, o veículo vem com a opção Flex de combustível, motor 1.8 ou 2.0 e a caixa de cambio automático ou manual. E o preço atual está na faixa de R$ 67.000.

O Corolla pertence à fabricante Toyota, a empresa também impressiona o mercado com o seu sistema de produção eficiente e que já destacou por vários prêmios de qualidade e alta tecnologia.

O Toyota Corolla está liderando, mas na posição entre os mais vendidos, o Golf está na segunda opção e pode aproximar do primeiro lugar, outro modelo muito bem conceituado é o Ford Focus que já está na terceira posição.

Veja a lista dos mais vendidos até maio de 2015 no Brasil:

1 – Toyota Corolla com 312.792;

2 – VW Golf com 258.989;

3 – Ford Focus com 214.318;

4 – Ford F-Series com 209.241;

5 – Hyundai Elantra com 193.014.

Portanto, agora é só esperar qual será o veículo que será o mais vendido deste ano, quem sabe o Toyota permanece na liderança e ganha o título ou os outros modelos também podem ganhar mais destaque.

Caso tenha uma preferência, deixe o seu comentário.

Por Jaqueline Mendes Rodrigues dos Santos

 

Vendas do Toyota Corolla

Vendas do Toyota Corolla

Fotos: Divulgação


No mês de maio foram emplacados 33.806 veículos. Fatores que influenciaram nesta queda foram o aumento da inflação e das taxas de juros e o fato das famílias estarem evitando contrair novos financiamentos.

Foi divulgado nesta segunda-feira, dia 1º de junho, pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores – Fenabrave, os números oficiais que apontam mais uma queda nas vendas de veículos no País.

De acordo com o balanço apresentado pela instituição, nos 20 dias úteis do mês de maio houve uma queda de 2,70% nas vendas de veículo zero quilômetro em relação ao mês de abril. Ao todo durante o quinto mês de 2015 foram comercializados e emplacados 333.806 veículos, sendo que dentro deste número não estão inclusos apenas os automóveis novos, mas também veículos comerciais leves (picapes), motos, caminhões, ônibus, máquinas agrícolas, implementos rodoviários como carretinhas de transporte (reboques), entre outros. No mês de abril, o número de emplacamentos de veículos zero quilômetro no Brasil chegou a 343.068 e se comparado ao mês de maio do último ano (2014), a queda nas vendas foi bem mais acentuada, pois neste mesmo período foram vendidos e emplacados 440.109 veículos novos, causando um impacto negativo de 24,15% nas vendas do setor em 2015.

Analisando o período de janeiro a maio de 2014 com este mesmo período deste ano, observa-se que a queda nas vendas representa um percentual de 18,20%, já que nos cinco primeiros meses de 2014 foram emplacados 2.106.920, enquanto neste ano os números não ultrapassaram as 1.723.382 unidades.

Para Alarico Assumpção Jr., presidente da Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, este fraco desempenho e esta queda nas vendas que atinge o setor automotivo estão diretamente ligados ao momento de incertezas e dificuldades econômicas que o país vem sofrendo. Ele explica ainda que o aumento da inflação e das taxas de juros influenciam diretamente os financiamentos de veículos, os deixando mais caros e os tornando menos acessíveis. E um segundo fator determinante que esclarece esta queda das vendas no setor é o fato de as famílias estarem evitando contrair novos financiamentos, pois uma grande parte da população já possui um alto grau de endividamento e vem apresentando dificuldades para manter suas contas em dia.

Por André F.C.

Vendas de veículos

Foto: Divulgação


Modelo foi apresentado em Detroit e conta com mudanças também no seu interior.

Se você é fã da marca Chevrolet, e admira o Camaro, vem aí uma novidade!

A Chevrolet, finalmente divulgou maiores detalhes cobre o novo Camaro. Depois de muito mistério e diversos teasers anunciados nos últimos meses, a marca apresentou o novo modelo oficialmente em Detroit, onde fica localizada a sua sede. Para os clientes que gostariam de adquirir o seu modelo, a dica é já separar o dinheiro, pois o novo modelo contará com inovações interessantes.

Seguindo a mesma plataforma do Cadilac ATS, o modelo novo sofreu uma redução de cerca de 90 kg. O que o deixaria mais leve, com maior eficiência, principalmente porque foi aliado com um motor de 505 cavalos de potência e seus 66,5  mkgf de torque, o que fará com que haja um aumento de 41 cv em seu desempenho. Incrível, não? O modelo conta ainda com seis marchas de transmissão manual e câmbio automático de oito velocidades.

Outras versões, como o novo RS V6 3.6 conta com os invocados 330 cv. A versão topo de linha possui um motor V8 6.2 com 461 cv.

Os testes para o novo Camaro 2016 foram bastante rigorosos.  Segundo a montadora, o novo modelo ficou 350 horas dentro de um túnel de vento para testes. Além disso, 70% dos componentes são exclusivos para o novo modelo.

A inovação também chegou ao interior do novo Camaro. O modelo conta com bancos de couro, costuras com contrastes. O contraste também está presente nas linhas do console e dos painéis das portas. O painel de instrumentos agora conta com um display central digital. Outra novidade é que abaixo do monitor multimídia aparecem as saídas de ar condicionado, o modelo conta com o ar condicionado em uma posição mais centralizada.

A montadora afirmou que o modelo será produzido em Michigan, e existe a expectativa de que os primeiros modelos da unidade estejam disponíveis no mercado já em outubro.

Por Patrícia Generoso

Chevrolet Camaro 2016

Chevrolet Camaro 2016

Fotos: Divulgação


Novo sedan tem o estilo mais rebuscado e maior espaço interno. Lançamento ocorrerá ainda em 2015.

A linha Fiat Linea está com seus dias contados. Isso porque a montadora italiana já revelou seu sucessor, o Fiat Aegea. O novo modelo, tão aguardado entre a imprensa especializada internacional, finalmente foi revelado durante o Salão do Automóvel de Istambul, na Turquia.

O novo sedan foi formulado em parceria com a FCA e a Tofas, uma montadora local, e apresenta um estilo mais rebuscado, além de ter ganhado um maior espaço interno. Pelas imagens divulgadas, o Aegea lembra um veículo de luxo, bem parecido com o estilo de linhas dos modelos da BMW.

Segundo a montadora, esse novo veículo deve ser voltado para um mercado global, e levou três anos para ter seu projeto concluído. Ele não foi baseado em nenhum hatch, muito comum entre os veículos de hoje, e deverá ser um sedan médio.

O Fiat Aegea traz uma grade bem grande na parte frontal, trazendo o logo da marca italiana. Seus faróis e lanternas devem trazer uma nova tendência ainda não vista nos veículos da montadora.

Suas dimensões são consideráveis, apresentando 1,78 metros de largura; 4,50 metros de comprimento; e 2,64 em sua distância de entre-eixos. Com capacidade para até cinco passageiros, seu porta-malas tem um volume de 510 litros.

A motorização vem com quatro opções diferentes, com duas opções a diesel e outras duas a gasolina Multijet II, ambas vinculadas a um câmbio manual ou automático. Apesar de outras configurações de desempenho não terem sido divulgadas pela Fiat, a marca revelou que a potência irá variar entre os 95 cv e os 120 cavalos.

O lançamento do Fiat Aegea tem previsão para novembro na Turquia e em mais outros 40 países, distribuídos entre África, Oriente Médio e Europa Oriental. Porém, a marca não revelou quando será distribuído no Brasil, nem se sua vinda deve realmente ocorrer. Cabe ao consumidor brasileiro esperar com muita ansiedade, pois esse veículo aparenta ter mais público do que o Linea.

Por Felipe Villares

Fiat Aegea 2015

Fiat Aegea 2015

Fiat Aegea 2015

Fotos: Divulgação


Nova versão traz o ar-condicionado de série, vindo até mesmo na versão mais básica.

A montadora Fiat já está produzindo a linha 2016 do veículo Grand Siena, nessa nova edição o veículo ganhou alguns novos itens de série em suas versões. O grande destaque das novidades ficou por conta do ar-condicionado, o qual passa a vir de série até mesmo na versão mais básica. Todavia, uma das novidades que os consumidores não irão gostar é a de que com essas modificações o veículo teve um acréscimo no seu valor que varia de R$ 490 a R$ 1.800, conforme a versão escolhida pelo cliente.

A versão mais básica do Grand Siena é a 1.4 Atractive, a qual já virá de série equipada com o ar-condicionado, o que anteriormente não acontecia. Já a versão intermediária do veículo a 1.6 Essence teve inserido um novo sistema de som, o qual conta com CD, MP3, USB, Viva-voz, Bluetooth, outra novidade também são os vidros traseiros que agora serão elétricos. Na versão 1.4 Tetrafuel foram adicionados faróis de neblina e chave no modelo canivete com dispositivo de acionamento de abertura das portas, porta-malas e vidros.

Além dos itens que já estão sendo disponibilizados aos clientes de série, estes também terão à disposição novos kits de opcionais, como, por exemplo, na versão Creative 1 se o consumidor optar pode ser incluído nas versões 1.4, a qual  passa a contar com volante multifuncional em couro, retrovisores e vidros elétricos, CD, MP3, Bluetooth, Viva-voz e USB.

Já para os consumidores que optarem por adquirir a versão Essence, a qual também pode ser equipada com o mesmo Kit citado acima, Creative 1, o veículo passará a ter volante multifuncional totalmente revestido em couro, retrovisores elétricos. O outro kit de opcionais que está sendo disponibilizado aos consumidores é o Sublime que conta com itens iguais aos citados na versão anterior, mas as mudanças ficam na grade dianteira que será na cor cinza, bem como nos frisos que se apresentaram cromados, ainda terá apoio de braço, contudo somente para os motoristas, carpetes e sobretapetes, faróis com máscaras e soleiras com as escritas Sublime. Para ter estes opcionais a montadora Fiat oferece as duas opções sendo que uma será comercializada por R$ 980 enquanto a outra será comercializada por 4.100, respectivamente.

Por Adriano Oliveira

Fiat Grand Siena

Fiat Grand Siena

Fotos: Divulgação


Financiamento de automóveis de passeio, comerciais leves, motocicletas, caminhões e ônibus caiu 12% em abril em comparação a março de 2015.

Recentemente, a Unidade de Financiamentos da Cetip, que opera o Sistema Nacional de Gravames, divulgou os resultados em relação aos financiamentos de automóveis no Brasil. Os resultados não foram positivos e isso é uma consequência direta do atual momento econômico do nosso país. Segundo os dados divulgados, o financiamento de automóveis de passeio, comerciais leves, motocicletas, caminhões e ônibus caiu 12% no mês de abril quando comparado a março e 15% quando a comparação é feita com o mesmo período em 2014.

É importante destacar que este resultado acaba garantindo um acúmulo de 10,2% nos quatro primeiros meses de 2015. O mês de abril de 2015 conseguiu registrar o financiamento de 437.855 veículos em todo Brasil. Além disso, é importante ressaltar que a maior parte dos financiamentos foi em relação aos usados, 238.591 financiamentos ao todo. Ainda sim, em relação a esta categoria foi registrada uma queda de 11,4% em relação a março e 4,9% quando a comparação é feita com o mesmo período em 2014.

Os veículos novos, por sua vez, conseguiram registrar um total de financiamentos de 199.264 unidades em abril. Tal resultado representa uma queda de nada menos que 12,7% na variação mensal e 24,6% quando a comparação é feita com o mesmo período em 2014.

Já quando a comparação é feita por segmentos, o maior destaque negativo ficou com o segmento dos pesados. Levando em consideração os financiamentos de novos e usados, caminhões e ônibus conseguiram registrar o financiamento de 16.646 unidades no mês de abril, ou seja, queda de 10% em relação a março e recuo de 36,3% quando a comparação é feita com abril de 2014.

Seguindo a mesma linha de recuo, o financiamento de autos e leves registrou um recuo total de 10,7% na comparação com março. O resultado é ainda pior quando comparado a abril de 2014: recuo de 14,8%. O acumulado do ano já mostra que esta categoria registra um recuo de 9,2%.

O resultado das motocicletas também não é agradável, haja vista o recuo de 17,5% em relação a março que é resultado do financiamento de 79.365 unidades.

Por Bruno Henrique

Financiamento veículos

Foto: Divulgação


Novo modelo será adaptado para ter autonomia nas estradas, trânsito, estacionamentos e modo de autocondução.

Uma das marcas mais conhecidas na produção de carros de qualidade é a Peugeot, empresa francesa. E, para seguir no ranking, nesta última semana, a fábrica divulgou que tem planos de investir em uma tecnologia de ponta em um dos modelos mais populares, o 508. Dessa forma, a Peugeot pretende integrar o sistema de tecnologia autônoma no carro.

Conforme a declaração efetuada pelo CEO do grupo PSA Citröen/Peugeot, Carlos Tavares, o novo carro 508 será adaptado para atender a autonomia das estradas, trânsito, estacionamentos e, inclusive, o modo da autocondução. De acordo com a Peugeot, este último está sendo aprimorado, cada vez mais, para atingir a condução 100% automática. Assim, todas estas novas tecnologias visam a melhoria da condução do 508, especialmente no controle da direção, frenagem e aceleração.

A previsão de lançamento do novo 508 é apenas pra o ano de 2017 e, contará com a plataforma EMP2 no motor, a mesma utilizada no modelo 308 e no C4 da Citröen, além de possuir sistema de frenagem automática durante intenso movimento de carros, condução automática nas rodovias, ou seja, o carro poderá trafegar automaticamente na autoestrada, e assistência eletrônica na hora de estacionar.

A Peugeot:

A marca surgiu na cidade francesa de Sochaux e, desde o século XVIII está envolvida em inúmeros ramos do mercado, como o alimentício, armações para vestidos e guarda-chuvas, e bicicletas. No entanto, a Peugeot ingressou no mercado automobilístico no ano de 1889, época em que produziu o primeiro carro com apenas três rodas.

A Peugeot já ganhou inúmeros prêmios internacionais, como o de “Carro do Ano na Europa”, “Carro do Ano na Espanha”, “Carro do Ano na Itália” e “Carro do Ano na Irlanda”. Além disso, a empresa também já ganhou o Campeonato Mundial de Rali e o Campeonato Mundial de Resistência.

O estouro da Peugeot no mercado veio com o lançamento do modelo 206, que está entre os carros mais vendidos da história.

A fábrica da empresa no Brasil está localizada na cidade de Porto Real, no Rio de Janeiro.

Por Andréa Corneli Ortis

Peugeot 508

Peugeot 508

Fotos: Divulgação


Modelo terá design esportivo e novidades na parte tecnológica. Veículo será uma homenagem à divisão BMW Design Team.

Apesar de alguns modelos não saírem para produção para o público em geral, os veículos conceito são muito aguardados no mercado automobilístico, pois apresentam inovações tanto em design quanto na parte mecânica.

E um desses automóveis que está sendo muito esperado para este ano é um modelo da BMW, o conceito 3.0 CSL Hommage. O veículo será apresentando oficialmente ainda neste mês, no dia 22 de maio, durante um evento na Itália, o Concurso d’Eleganza Villa d’Este.

Inspirado em outro modelo clássico da marca, o BMW Coupé, esse novo carro será um superesportivo que promete conquistar o público e a imprensa especializada. O BMW Coupé foi produzido na década de 1970, mas foi um grande sucesso enquanto durou, e tinha um design bem agressivo. Agora, a montadora alemã faz uma homenagem a uma de suas divisões, a BMW Design Team, e pretende fazer o mesmo sucesso do modelo que serviu de inspiração.

Por enquanto, poucas informações oficiais foram confirmadas, como na parte visual, que realmente chegará com um estilo esportivo, contendo defletores e spoiler traseiros, kit aerodinâmico e a parte da carroceria, que será feita em partes com fibra de carbono, deixando o veículo bem característico, como um verdadeiro superesportivo.

Outras informações, como o desempenho e potência não foram reveladas nem pela marca, nem por fontes extra oficiais.

O que se sabe é que no interior, o 3.0 CSL Hommage virá com novidades na parte tecnológica, e manterá o ar de esportividade também na parte interna.

A montadora não informou se o veículo, por enquanto, será apenas um conceito, que servirá de base para outros veículos seus, ou se ele será produzido em série, ou ainda se ele servirá como carro de competição. Com isso, também não foi informado qual o possível valor do veículo, nem em quais mercados ele seria comercializado.

Será que esse novo conceito fará o mesmo sucesso de sua fonte de inspiração?

Por Felipe Villares

BMW 3.0 CSL Hommage

Foto: Divulgação


Setor de veículos teve queda nas vendas no mês de abril de 2015. Previsão para este ano é que ocorra queda de 18% nas vendas.

O setor de veículos apresentou uma significativa queda nas vendas no mês de abril com 6,53% contra março e 25,19% em relação ao mês de abril do ano anterior, o que significa a venda de 219.350 unidades.

O recuo de vendas já era previsto por especialistas, mas a recente queda de vendas do mês de abril fez as expectativas para este ano para o setor serem ainda piores. No início do ano se previa queda de 10% na venda de veículos em relação ao ano de 2015 e agora já se fala em até 18%, o que pode chegar a 2,73 milhões de unidades.

A crise econômica que afeta o país atingiu em cheio a indústria de carros, motos, ônibus e caminhões, só este ano já foram demitidos mais de 12 mil funcionários e 250 concessionárias já fecharam as portas devido às baixas vendas.

A Fiat ficou em primeiro lugar na difícil corrida para vendas de automóveis no mês passado, com 37.792 unidades vendidas no mês, a montadora ficou com quase 35% do total de vendas de abril. A General Motors e a Volkswagen aparecem, respectivamente, em segundo e terceiro lugar no ranking de vendas do mês passado. Para quem não lembra, a montadora alemã paralisou por 10 dias sua produção na fábrica Anchieta ao conceder férias coletivas a 8 mil funcionários de uma só vez, parte de uma tática que as montadores vêm usando para diminuir a produção e evitar demissões em massa.

As exportações e o acúmulo de carros no estoque também apresentaram resultados negativos, ainda que os números não ultrapassem tanto as expectativas dos especialistas.

Venda de usados:

As vendas de carros seminovos, por outro lado, subiram em 2,2% de janeiro a abril, segundo a Anfavea, um reflexo também da crise econômica, mostra que os cidadãos não deixaram de comprar carros, apenas tiveram que optar por comprar usados por conta do recente recuo da economia.

Por Tom Vitor de Freitas

Venda de veículos

Foto: Divulgação


Novo modelo será uma versão mais conceitual e radical.

Como não poderia ser diferente, a Audi também irá trazer novidades no evento que será realizado pelo Grupo VW na Áustria, evento este que terá o nome de Festival de Wörthersee. A nova novidade que será apresentada pela Audi será o novo Audi TT que será uma versão mais conceitual e radical, versão esta que será batizada com o nome de Audi TT Clubsport turbo concept.

Essa nova versão do Audi TT será um cupê com design bastante esportivo com diversas alterações tanto no visual quanto na parte mecânica, a qual terá como grande novidade a potência máxima do motor que será de nada mais nada menos do que 600cv.

O motor que será utilizado nesse novo Audi TT Clubsport turbo concept será o 2.5 TFSI com cinco cilindros, o qual será preparado para dar a este veículo uma potência máxima de 600cv e um torque de 66 kgfm. O grande segredo que fez com que este motor chegasse a tão surpreendente potência foi o fato de a montadora inserir nesse propulsor um turbo adicional elétrico.

Com tanta potência este veículo consegue atingir a marcar de 0 a 100 Km/h em surpreendentes 3,6 segundos, sendo que este carro tem como velocidade máxima 310 Km/h. Para os apaixonados pela marca uma notícia que irá agradar é a de que a configuração 2.5 TFSI desse propulsor está muito próxima de ser utilizada nos também nos demais esportivos da montadora.

A turbina desse carro será acionada por meio de comandos elétricos, o que garantirá maior força nas rotações em que o turbo comum não estiver ainda em funcionamento, a fim de garantir ao veículo uma performance ainda melhor.

O Audi TT Clubsport turbo concept terá o peso total de 1.396 Kg e será equipado com um sistema de transmissão de seis marchas manual com tração integral Quattro. O veículo conceito será equipado com rodas de 20 polegadas e pneus ZR 275/30, os discos de freio desse carro serão confeccionados em fibra de carbono.

Para dar detalhes visuais mais agressivos, a montadora preferiu inserir detalhes produzidos em fibra de carbono e uma asa na parte de trás regulável, já no interior este veículo virá com uma grade interna confeccionada em titânio de ultra resistência com acabamentos confeccionados em plástico obtidos através da fibra de carbono. 

Por Adriano Oliveira

Audi TT Clubsport turbo concept

Audi TT Clubsport turbo concept

Fotos: Divulgação


Novo modelo será lançado em Wörthersee. Versão terá a função boost, dando uma qualidade extra de torque em um período curto de tempo.

Diante de um cenário de muita expectativa e especulações, a Volkswagen acabou divulgando três imagens da nova edição que terá exemplares limitados do Golf.  Esse novo hatch da Volkswagen que teve as imagens divulgadas preliminarmente ficará entre as versões GTI Performance e o Golf R, para aqueles que ficaram curiosos e não se contentaram apenas com as três fotos, o lançamento oficial desse veículo será feito nos próximos dias em Wörthersee e será batizada com o nome de Golf GTI Clubsport.

Com relação à motorização dessa novidade, o motor utilizado será o mesmo já utilizado no veículo anteriormente, ou seja, o 2.0 litros turbo de quatro cilindros, contudo dessa vez ele será configurado de maneira especial, a fim de que a sua potência seja aumentada para 265cv, configuração esta que dará a esta versão um desempenho exclusivo.

Por falar em desempenho exclusivo, essa versão também contará com uma função “boost” a qual terá a finalidade de dar ao veículo uma quantidade extra de torque em um período curto de tempo, função esta que juntamente com o diferencial autoblocante dianteiro, pode deixa-lo com uma dirigibilidade muito melhor e mais interessante, fator este que poderá agradar bastante tanto aos críticos do ramo quanto aos consumidores.

No quesito design, esta nova versão do Golf ganhará um para-choque frontal com grades com entradas de ar, o que o deixará mais agressivo e chamativo.

Além dessas novidades, os consumidores irão notar diferença no tamanhão da asa traseira, bem como com as rodas que foram destinadas a esta versão. Para quem gostou da novidade, a única notícia ruim é que esta versão limitada desse hatch da Volkswagen só estará disponível no ano de 2016 e será lançada para celebrar os 40 anos do lançamento de outro sucesso da marca que foi o Golf GTI, com relação a valor, os preços dessa versão deverão partir de 34 mil euros.

Então, por enquanto, só nos resta aguardar a divulgação de mais novidades da montadora, o que, com certeza, ocorrerá durante o evento em Wörthersee.

Por Adriano Oliveira

Volkswagen Golf GTI Clubsport

Volkswagen Golf GTI Clubsport

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: