Confira aqui os principais carros baratos vendidos no Brasil em 2017.

Em tempos de crises, a aquisição de bens fica dificultada, principalmente pela população que não detém os meios de produção, ou seja, a maioria de brasileiras e brasileiros. Quando a gente pensa, por exemplo, em ter um veículo próprio, a situação se complica, pois é um bem caro e que demanda financiamento com longos prazos. Em nossa pesquisa dos carros mais baratos, encontramos apenas dois abaixo de R$ 30 mil reais. Veja abaixo a lista e escolha um que caiba em seu orçamento.

O mais em conta da lista é o Chery New QQ Smile, que está saindo por R$ 25.990. Este carro chinês é bem simplório: não tem direção hidráulica, ar condicionado, limpadores nem desembaçadores traseiros. Possui motor 1.0 de 3 cilindros e câmbio manual de 5 marchas. Porém, é possível adquirir a versão completa por R$ 31.290.

O próximo é um Renault Kwid Life, que você pode encontrar no mercado por R$ 29.990. Esse modelo simpático da empresa francesa causou frisson ao ser lançado por conta de seu preço em relação ao seu pacote de adereços. Além de oferecer as mesmas características do QQ da Chery, o Kwid vem com airbags laterais, desembaçador traseiro (útil em climas de chuva ou frio) e ancoragem isoflix para cadeirinhas infantis. Caso queira mais recursos, é possível encontrar a versão Zen por R$ 34.990 ou ainda a versão completa por R$ 39.990.

A Fiat traz o terceiro carro mais barato do mercado, com o Mobi Easy, que custa R$ 34.210. Esse subcompacto está entre os 10 carros mais vendidos no mês de agosto. Sua versão é bem básica, com motor 1.0 Fire de 75 cavalos. As suas versões superiores trazem itens opcionais que podem te agradar, porém, o preço também aumenta: a configuração Like está no mercado por R$ 39.780, a Drive por R$ 41.260 ( e um motor de 1.0 Firefly de 77 cavalos ) e o modelo mais rebuscado é chamado de Way por R$ 45.450.

Por R$ 37.990, o Lifan 530 aparece em nossa lista sendo bem equipado por um preço que está abaixo da média. Seu câmbio manual de 5 marchas e motor 1.5 de 103 cavalos vêm acompanhados de direção com assistência elétrica, ar condicionado, sensor de estacionamento, entre outros itens.

A Volkswagen está disputando o mercado de carros baratos com o Take Up! por R$ 37.990. Essa versão conta com motor 1.0 de 82 cavalos, no entanto, sem itens adicionais. Seu diferencial está em seu ótimo desempenho em testes de colisão, portanto, um dos mais seguros desta lista e está entre os mais econômicos do Brasil. A versão Move Up! sai a R$ 48.790 e pode chegar a R$ 57.990 na versão mais completa, a Pepper.

Para quem gostou do QQ, pode adorar o Chery Celer, que está com preço de R$ 38.990 – pois tem o mesmo design (hatchback), apesar de ser mais espaçoso, ter ar condicionado, direção hidráulica, sensor de estacionamento traseiro, vidros e travas elétricas e rádio. O carro mantém o câmbio manual de 5 marchas e o motor é 1.5 de 113 cavalos.

Olha a Chery mais uma vez! Ocupando a sétima posição dos mais baratos, o Chery Celer Sedan aparece por R$ 39.990. Sua configuração é a mesma do Chery Celer, mas o diferencial está na carroceria, mais ampla do que seu “irmão”.

O Kia Picanto está o oitavo carro mais barato, saindo por R$ 40.990. Este carro, mesmo sendo um subcompacto, aparece entre os hatchs compactos, o que é prejudicial para empresa, pois é mais caro e tende a oferecer menos. Seu motor é 1.0 de 80 cavalos, com ar condicionado, volante multifuncional e rádio por Bluetooth. Sua versão mais completa sai a R$ 51.990.

A Chevrolet quase não entra na lista, se não fosse o Onix Joy, que custa R$ 41.960. Para alcançar esse mercado, o Onix precisou perder alguns itens de sua origem, o Celta, além de retornar com design pré-reestilizado. As características que se mantiveram foram câmbio manual com 6 marchas, motor 1.0, ar condicionado, travas e vidros elétricos e a direção com assistência elétrica.

O último entre os mais baratos é o Gol TrendLine da Volkswagen, saindo por R$ 42. 990. Feita para frotistas, possui direção hidráulica, banco do motorista com regulagem de altura, travas e vidros elétricos e desembaçador de vidro traseiro. Possui motor 1.0 de 82 cavalos e câmbio manual de 5 marchas.

Agora que você tem um panorama do mercado de carros baratos, qual você vai escolher?

Mateus de Faria


Veja aqui o preço e as novidades do Jeep Compass Sport 4×4 2017.

Introduzido em 2007, o Jeep Compass foi uma afronta para os tradicionalistas do Jeep, principalmente porque compartilhou os bastidores da frente-roda com o Dodge Caliber. O novo Compass Sport 4×4 de 2017, lançado no Brasil por R$ 117.990, vem trazendo beleza e inovação para a marca. O Compass Sport 4×4 é uma junção de tradição e inovação da última criação da Jeep, o qual é permanecido as sagradas características que fizeram o legendário design da marca Jeep.

Com um perfil estilizado e aerodinâmico, o carro foi projetado em cada detalhe, desde a moldura cromada que rodeia as janelas para a grelha de sete fendas até a assinatura hipnótica do LED de seus faróis.Com essa nova máquina, destaque-se da multidão com o perfil agressivo e sofisticado do novo Compass Jeep. Por dentro das novas tendências, desfrute de um veículo com muita personalidade e presença, reforçada pelo seu design aerodinâmico. O telhado preto e a guarnição do cromo que circula as janelas e a janela traseira tornam o novo SUV imediatamente reconhecível . O novo modelo permite ao motorista dirigir o carro como muito mais facilidade do que as versões anteriores.

As novas formas esculpidas, elementos distintivos do design Jeep, materiais de alta qualidade e tecnologia de ponta, tornam o interior do novo Jeep Compass Sport 4×4 o ambiente perfeito para aproveitar sua viagem. Prepare-se para começar a dirigir: a posição de condução cuidadosamente projetada possui um painel de cores cheio de 17,8 cm (7 "). Não retire as mãos do volante e fique atento à estrada enquanto controla os sistemas de áudio e voz, além da velocidade, com os controles integrados.

Experimente uma maneira mais inteligente, simples e segura de usar seu smartphone Android ou Apple dentro do Jeep Compass Sport 4×4, que permite fazer chamadas telefônicas, acessar música, enviar e receber mensagens e muito mais. Descubra uma nova maneira de permanecer conectado ao seu smartphone com os novos recursos disponíveis no NAV.net da Uconnect de 21,3 cm (8,4 "). O Apple CarPlay permite que os usuários do iPhone acessem o Apple Maps, mensagens, telefone e Apple Music através do Siri. O Android Auto permite acesso fácil e seguro ao controle de voz mãos-livres, ao Google Maps e ao Google Play Music, através dos controles da tela de toque ou do volante da Uconnect .

A combinação de capacidade 4×4 com motores e transmissões eficientes, torna o novo Jeep Compass o compacto mais compacto em seu segmento. Escolha entre 2 motores a gasolina e 3 motores a diesel. A lendária capacidade 4×4 da Jeep oferece um novo sistema de acionamento permanente 4WD, que permite aos clientes fazer o que nenhum outro SUV compacto pode oferecer. O conforto autêntico é baseado em desfrutar de uma experiência autêntica com total segurança e proteção. O novo Jeep Compass Sport 4×4 protege motoristas e passageiros com mais de 70 recursos de segurança disponíveis. Os sete airbags ativos e passivos padrão e múltiplo oferecem proteção incrível e condução sem preocupações.

O veículo também possue o comando Select terrain e vem com os modos Snow (neve), Sand (areia) , Mud (lama) e Auto (automático). Além do mais, a tração Jeep Active Drive proporciona ao motorista maior estabilidade e segurança no asfalto. O Compass Sport 4×4 também tem a opção stop/start. Se você estiver em trânsito intenso, ele reduz o consumo e emissãode poluentes. Ele também possui ar condicionado digital, câmera de ré, controle de capotamento, freio a disco nas quatro rodas, freio de estacionamento elétrico, Hill Start Assist, controle de velocidade de cruzeiro e volante ajustável em altura e profundidade (em couro).

Samuel Perpétuo


Modelo ganha reestilização e chega ao Brasil por R$ 159 mil.

A linha 2017 do RAV4, lançado pela Toyota, chega tendo como destaque, entre as novidades, a reestilização que foi feita em sua dianteira. Para compararmos ela ficou um pouco parecida com a do C- HR, um SUV compacto, que também é da marca e deve ser lançado aqui no Brasil em 2018. Veja os detalhes dessa novidade logo abaixo:

Os preços

Bom, voltando ao RAV4, ele será vendido em uma versão única sendo ela a 4×2 CVT Top. O preço sugerido é de R$159.290. A título de curiosidade, a linha 2016, que conta com a mesma configuração, era taxada em R$147.850. Aqui a alta foi de R$11.440.

Além da citada modificação na dianteira, que agrega também um redesenho da grade e do para-choque, o modelo também ganhou uma reestilização em suas saias laterais e nas rodas de 17 polegadas, que agora tem um novo visual. No caso da traseira, quase não houve mudanças, a não ser se considerarmos o aplique na tampa do porta-malas.

Mais novidades

O RAV4 2017 ainda tem outra novidade. Tanto as lanternas quanto os faróis agora contam com iluminação full-LED. Os faróis de neblina ganharam uma nova moldura cromada.

As poucas modificações feitas no carro foram suficientes para fazê-lo aumentar de tamanho. Apesar de ter ganhado 3,6 cm no comprimento, a distância entre-eixos (de 2,66m), assim como a largura (de 1,845m), não foram modificadas.

Itens de Série

Indo agora para os itens de série do modelo, vamos ter câmera de ré, central multimídia com GPS, computador de bordo (agora em tela TFT colorida), partida do motor por botão, abertura das portas com sensor de chave, acabamento de couro sintético, Isofix, controles de tração e estabilidade, sete airbags, sensores de estacionamento traseiros e dianteiros e teto solar elétrico.

Além de tudo isso, o Toyota RAV4 ainda irá contar com ar-condicionado trazendo dois ajustes independentes de temperatura e controle de velocidade de cruzeiro, além de aviso sonoro para a chave na ignição e faróis ligados.

Por fim, o trem de força continua sem nenhuma alteração. Continuamos com o motor 2.0 com 145 cavalos de potência e 19,1 kgfm de torque. O câmbio é um CVT de sete marchas virtuais.

Por Denisson Soares


Modelo passa por mudanças no design e deve chegar às lojas agora em março de 2017.

Para os faz da marca BMW no Brasil, a montadora anunciou nesta semana que a sua versão Série 3 Gran Turismo deverá estrear em terras brasileiras com uma roupagem totalmente repaginada e com muitas novidades que deverão ser notadas principalmente em seu conjunto estético.

As mudanças aparecerão no seu design redesenhado para a nova frente e principalmente, nos detalhes do seu acabamento externo, com o novo estilo. A nova versão deverá ser revendida no novo modelo, o 320i Sport GT e em uma única versão. Para quem não e importa em meter a mão no bolso, a nova BMW renovada deverá chegar ao consumidor brasileiro por aproximadamente R$ 199.950. Para quem já está na expectativa, a chegada deverá ocorrer nas concessionárias autorizadas nesta semana entre 06 e 12 de março. Quem já reservou o seu, é só esperar para receber.

Quais as mudanças que a nova versão traz para o consumidor brasileiro ?

Como as novidades devem impactar o novo modelo externamente, aqui vão algumas novidades:

1 – A empresa não para de investir em novas tecnologias e, portanto, faróis e lanternas traseiras com novas luzes de LED foram incorporadas a sua nova versão, o que segue uma tendência mundial;

2 –Novas formas e contornos para os para-choques dianteiro e traseiro;

3 – Novos desenhos de seus aros do tipo 18, com novas formas e uma liga totalmente nova, o que inclui o uso de alumínio;

4 –Para o seu interior, o alumínio também foi aproveitado, com a sua utilização na forma escovada no seu painel principal. Além disso, o carro ganhou uma moldura em aço e acabamento preto, do tipo brilhante, que é utilizado nos botões do rádio e nos comandos do seu ar-condicionado interno;

5-Uso de soleiras do tipo metálicas com a marca BMW Sport;

6 – Volante com revestimento de couro;

7 – Teto solar do tipo panorâmico e funcionamento elétrico;

8 –Módulo de som do tipo Hi-Fi, com amplificador, equalizador e conjunto com 9 alto-falantes, totalizando mais de 200 W de potência;

9 –Bancos elétricos do tipo esportivo e com ajuste de posição e memória;

10 –Sistema de velocidade de cruzeiro;

11 – Sensores para estacionamento dianteiro e traseiro;

12 –Sistema de direção na chuva, com acendimento dos faróis baixos em modo automático;

13 –Equipado com motor 2.0 do tipo TwinPower Turbo, que pode alcançar 184 cv de potência e torque de 27,5 kgfm (entre 1.250 e 4.500 rpm);

14 –Uso de tração traseira;

15 –Caixa de marcha com 8 velocidades e do tipo automática de 8 marchas. Existe a possibilidade de uso do modo manual, com trocas efetuadas na chamada borboleta atrás do volante.

16 –Para os admiradores de velocidade, o novo modelo vai de 0 a 100 km/h em 8 segundos, podendo alcançar uma velocidade máxima de 230 km/h.

Emmanoel Gomes


Confira aqui as principais novidades presentes no novo Hyundai Sonata 2018.

Para aqueles amantes de automobilismo, mais uma novidade vem por aí. É o relançamento do Hyundai Sonata 2018. O carro Hyundai Sonata foi originalmente lançado no ano de 1985. Desde lá tem passado por diversas modificações e relançamentos. Agora, ele já está em sua sétima geração.

Em 2017 ele foi relançado com um novo design e equipamentos, na Coreia do Sul.

O Hyundai Sonata 2018 é inspirado na plataforma do i30, outro automóvel da mesma marca. A estratégia de relançamento do Hyundai Sonata pela marca foi devido as vendas abaixo do esperado em países como os EUA (Estados Unidos da América).

Na Coreia do Sul, o veículo conta com motores 1.6, 1.7, 2.0 e 2.0 turbo. O motor 2.0 turbo possui 260 cv. Para o modelo 2.0 turbo será disponibilizado caixa de transmissão com 08 marchas. Em relação ao design, o visual é mais despojado, os faróis são estreitos e os contornos da porta e parachoque são cromados. Os faróis traseiros possuem formato de flechas e as saídas de escape também possuem design exclusivo.

Ademais, o logotipo da marca possui um destaque maior e abaixo dela está escrito a palavra Sonata em letras grandes. O interior do carro Sedan conta com detalhes de madeira e é espaçoso, seguindo o parâmetro do outro sedan da marca, o Elantra. Por sua vez, as rodas são de aro 17 ou 18 polegadas. As lanternas são de LED e o volante é mais esportivo de três raios. O modelo antigo continha o volante de quatro raios. Os principais assistentes de direção são: aviso de tráfego em marcha ré, assistência de mudança de faixa e detector de ponto cego.

A outra inovação é que o carro conta com os seguintes equipamentos novos: tela de 7 polegadas sensíveis ao toque, com sistema Android e Car Play e tendo recarga sem fio para Smartphone. Os usuários dos bancos traseiros vão ter a disposição entrada de USB para smartphones.

A primeira demonstração mundial do veículo novo ao público ocorrerá em abril de 2017, no Salão de Nova York e posteriormente serão abertas as vendas aos consumidores em potencial.

Infelizmente ainda não há previsão de lançamento deste modelo no Brasil. A esperança é que o carro seja disponibilizado para compra também no Brasil.

Por Anneliese Gobbes Faria


Confira aqui as principais novidades e o preço do Toyota Etios Ready 1.5 Automático.

De pouco em pouco. Em resumo, é assim que a Toyota tem feito com o Etios em relação as mudanças. Em agosto de 2016, a fabricante mostrou um novo facelift para o carro. Na época apenas a versão Platinum iria receber as alterações. Mas chegando o final do ano a montadora resolveu estender a “novidade” para outro modelo. Com isso a edição especial Ready 1.5 acabou por chegar ao mercado.

De início o hatch sairá das concessionárias por R$ 59.780. A título de curiosidade ele vai custar R$ 3.590 a mais do que o XS Original, modelo este sobre o qual foi baseado.

Um dos pontos que mais foi alvo de comentários de especialistas foi o estilo adotado pelo carro. Com o objetivo de diminuir um pouco o ar de utilitário do Etios, os para-choques dianteiros e traseiros estão com uma cara mais esportiva. Para carregar um pouco mais esse aspecto alguns detalhes ainda foram acrescentados como os frisos e os retrovisores que vem na cor da carroceria.

O nome Ready, que só ficou adesivado na coluna do carro, é a única identificação da versão especial. Quando comparamos o Ready com a versão Platinum vamos ver algumas diferenças bem claras em coisas simples. Por exemplo, temos as rodas de aro 14 com calotas e a falta dos faróis de neblina bem como das lentes claras dos faróis e as lanternas. Sobre as cores, a Toyota está disponibilizando duas cores: a Prata Premium ou a Vermelho Fúria. As duas são metálicas e não terão custo extra.

Seguindo o “método” do mercado, já se consagrou oferecer as séries especiais com um pacote mais recheado de itens com um preço relativamente mais baixo do que usualmente seria cobrado se fossem vendidos isolados. Além dos aspectos plásticos, o Ready traz (a mais que o XS ) o sistema multimídia Toyota Play. Antes esse sistema era coisa exclusiva do Plantinum. No mais ainda vamos encontrar o suporte para bolsas e mochilas, tapetes e porta-malas.

Como pontos positivos do carro podemos destacar o novo desenho dos retrovisores e a reformulação do acabamento interno; o bom desempenho do modelo e entre os itens de série EBD, freios com ABS, direção elétrica e ar-condicionado.

Por Denisson Soares





CONTINUE NAVEGANDO: