Conheça aqui mais detalhes sobre o novo modelo da Mercedes-Benz.

Para quem curte novidades por carros já deve conhecer a nova linha de veículos apresentadas pela montadora alemã Mercedes. A fabricante colocou no mercado um novo veículo, considerado pela imprensa e especialistas como SUV de alto desempenho.

O modelo Mercedes-AMG GLE 53 4Matic+ chega ao mercado na categoria dos quase híbridos, com impressionantes 435 cavalos de potência. Esse belíssimo exemplar pode satisfazer aqueles que buscam uma maior velocidade em seus motores, já que é um carro de alto desempenho pensado especificamente para quem busca um veículo deste porte.

As fichas técnicas apresentadas pela Mercedes também impressionam. Segundo o que a fabricante anunciou, em 5,3 segundos o motorista pode acelerar 100 km por hora. O sistema elétrico embutido permite chegar a velocidades superiores a 250 KM por hora.

O lançamento deste veículo deve acontecer nos próximos meses, segundo previsão do mercado.

Mercedes

A Mercedes é popularmente conhecida pela sua logomarca icônica em símbolo de volante. Tem sua origem na Alemanha, no ano de 1924. Foi um fruto da fundação de duas empresas: Benz&cia e Daimler. Por muito tempo ficou apelidada por Mercedes Benz.

Para conhecer a história da empresa é preciso conhecer um pouco sobre as empresas que uniram suas atividades: A Benz citada acima nasceu ainda em meados de 1871, na Alemanha. Naquela localidade era uma das maiores empresas da época e foi fundada em família.

Apesar de não conhecido pelo público geral, os alemães Daimler e Benz são os responsáveis pelas primeiras construções dos veículos motores no mundo. A tradição da Alemanha na indústria automotiva é considerável e grande parte vem através do esforço destes dois homens.

Para exemplificar a grandeza da empresa, seus fundadores contribuíram e muito para a história dos veículos. Karl Benz foi pioneiro na comercialização do primeiro veículo de quatro rodas em 1891 e logo após conquistando a primeira linha de montagem na história da indústria de veículos. É considerado pelos especialistas o pai do carro moderno.

Já Daimer e Maybech são os criadores da empresa DMG, que chegou ao mercado trazendo o primeiro veículo movido à gás. Já Jellinek era a cabeça pensante por trás da empresa, já que foi ele o responsável por denominar a empresa como Mercedes.

Carros históricos

A Mercedes, além de ser referência na área de carros, também é conhecida pela produção de seus caminhões e ônibus. Alguns modelos históricos podem ser citados:

Mercedes AGL foi muito popular no Brasil e comercializado nos modelos 1620, 608 e 710. Conhecido pela sua cor alaranjada, ficou em atividade de 1964 até 1898.

Mercedes Atego é outro caminhão e ainda tem sua produção em países da América do Sul e Alemanha. Seu benefício é a versatilidade: são modelos para todos os gostos com uma série de variantes.

O Mercedes Classe CL é voltado para o mercado de grande valor. Encerrou a produção no ano de 2013, esteve em atividade desde o ano de 2007. Sua cor preta e a largura avantajada ficou na memória de quem gosta do modelo.

Classe Viano trouxe o nome da montadora e sua tecnologia para o mercado de veículos utilitários. Com visual parecido com as tradicionais vans para transporte de passageiros, ela ainda é produzida e se caracteriza pela sua cor Branca. Está em atividade desde o ano de 2008.

Mercedes-Benz 0-370 é outro clássico que fica na nossa lembrança. Trata-se de um ônibus bastante popular que esteve em fabricação de 1984 até o ano de 1987. São mais de 13 metros de comprimeiro com um visual clássico. Até hoje é visto com relativa facilidade rodando nas cidades de pequeno e grande porte. Empresas de transporte pequenas também utilizam o modelo em sua frota. Com fácil manutenção e peças de penca no mercado, este icônico modelo deve rodar por muito tempo.

Por Leandrinho de Souza


O automóvel conta com um desempenho mais evoluído, muita performance e com uma série de novidades, como um modelo híbrido, trazendo uma potência de mais de 400 cavalos com aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 4,3 segundos.

O novo Peugeot 508 Sport Engineered Concept terá a sua apresentação no próximo Salão de Genebra que acontecerá no próximo mês de março.

O novo Peugeot 508 Sport Engineered Concept impressiona muito na sua mecânica. O automóvel conta com um desempenho mais evoluído, muita performance e com uma série de novidades, como um modelo híbrido, trazendo uma potência de mais de 400 cavalos com aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 4,3 segundos e contando com uma velocidade máxima de até 250 km/h. O carro conta ainda com dois motores, sendo um elétrico de 110 cavalos que possibilita o trajeto da energia para as rodas da frente do automóvel e ainda um motor Puretech Turbo 1.6 a gasolina de 200 cavalos que se torna responsável por movimentar as rodas de trás do veículo.

O novo Peugeot 508 Sport Engineered Concept conta ainda com um torque de 50,9 kgfm e ainda pode funcionar por até 50 km quando estiver no modo 100% elétrico.

O novo modelo possui a suspensão mais rebaixada, com bitolas mais largas na frente, medindo 12 milímetros a mais e na parte de trás com 24 milímetros a mais. Os pneus Michelin Pilot Sport 4S e a direção ficou mais direta, trazendo mais eficiência e prazer ao condutor, contando com novo acerto e os painéis inferiores aerodinâmicos localizados sob o automóvel, diminuem o arrasto.

A parte da frente do veículo recebeu um novo visual com um modelo mais moderno de para-choques, que tem desenho mais esportivo, que utiliza apêndices aerodinâmicas com impressões em 3D e vem também, com uma cor exclusiva na carroceria, em um tom cinza selênio.

No interior do veículo, os bancos vêm com modelos exclusivos todos revestidos em Alcantara, com os logotipos específicos e os detalhes em fibras de carbono. Possui ainda cluster digital, volante personalizado e multimídia.

O novo Peugeot 508 Sport Engineered Concept com todas as novidades que traz acaba por demonstrar como serão os novos modelos que virão pelos próximos anos.

O modelo vem com rodas de liga leve com desenhos modernos e os discos de freio têm nessa versão, pinças pintadas de amarelo e em modelos maiores.

As portas traseiras vêm com pequenas asas que deixam esse modelo mais exclusivo ainda.

Na parte de trás do veículo, possuem duas saídas de escape com difusor de ar e spoilers localizados na parte lateral com detalhes de filetes em amarelo.

Especificações do novo Peugeot 508 Sport Engineered Concept:

• 0 a 100 km/h em 4,3 s

• 400 mDA: 12,5 s

• 1000 mDA: 23,2 s

• 80-120 km/h: 2,5 s

• 80-180 km/h: 9,3 s

• Velocidade máxima de 250 km/h

• Possui 49g/km de emissões de CO2 (WLTP)

Todo o projeto de frenagem foi desenvolvido para atender ao desempenho e possui: discos frontais ventilados de 380 milímetro que foram instalados em pratos de alumínio, sendo ativados por quatro pistões deslizantes de 38 e 41 milímetros de diâmetro, que são montados em uma pinça fixa.

O chassi recebeu modificação que diminuiu a altura do automóvel, com o intuito de incluir as novas leis de amortecimento e de aumentar as vias dianteiras e traseiras, em 24 milímetros e em 12 milímetros, consecutivamente.

O novo Peugeot 508 Sport Engineered Concept se baseou em toda a experiência que foi adquirida com dois carros elétricos que foram pioneiros da marca:

• O Peugeot 208 Hybrid FE, foi lançado em 2013 e é um modelo muito eficiente que registrou um nível bem menor de emissões e de consumo de combustível do que o menor ICE do mesmo ano. Recebeu diversas modificações, sendo otimizado e chegou a alcançar 46g CO2/ km, chegando de 0 a 100 em 8 segundos.

• O Peugeot 308 Hybrid Concept, foi lançado no ano de 2015 e teve ótimos níveis no seu desempenho, com potência total de 500 cavalos, torque de 730 Nn e fazendo de o a 10 km/h em apenas 4 segundos.

Por Carol Wurlitzer

Peugeot 508 Sport Engineered Concept

Peugeot 508 Sport Engineered Concept


O veículo virá com duas opções de motor e conta ainda com uma versão híbrida, que é um modelo considerado de alto nível e que promete chamar ainda mais a atenção de todos.

O novo automóvel Ford Fusion 2019 será o próximo sedan a ser lançado. O carro terá uma tecnologia de ponta, muito conforto, um desenho diferenciado e muito chamativo que vem para deixar os usuários e consumidores em geral bem satisfeitos.

O veículo virá com duas opções de motor e conta ainda com uma versão híbrida, que é um modelo considerado de alto nível e que promete chamar ainda mais a atenção de todos.

O Ford Fusion vem nessa nova versão com faróis remodelados, trazendo uma modernidade e sofisticação ao modelo.

O veículo virá provavelmente nas 7 versões de cores que já existem no modelo atual: cinza Moscou, azul Belize, vermelho Vermont, prata Dublin, prata Sevilla, branco Sibéria e preto Astúrias.

O Ford Fusion 2019 traz em sua versão diversos itens com muita tecnologia, sendo uma promessa para alavancar as vendas.

Características do novo Ford Fusion 2019

• AppLink

• Conectividade car play

• Android auto

• Ar condicionado digital com controle que permite que tanto o condutor como os passageiros mecham

• Ajuste do banco elétrico para até 10 posições

• Controle de tração (TCS)

• Câmbio de transmissão automática com 6 velocidades

• Bancos de couro

• Portas de couro

• Porta contendo sensor de acesso inteligente

• 8 airbags, sendo: frontais, laterais, cortina e joelho, para o condutor e passageiro

• ESC – sistema de controle de estabilidade

• Tomada com voltagem 110 v

• Sensor de estacionamento localizado na parte da frente do veículo

• Assistente autônomo que detecta pedestres

• Piloto automático que se adapta com o sistema ‘stop e go’

• Alerta de colisão com assistente autônomo de frenagem

Ficha técnica do novo Ford Fusion 2019

Apesar de ainda não ter tido divulgação da ficha técnica do automóvel, nessa lista você poderá perceber todas as mudanças que são esperadas nesse novo modelo em relação ao modelo anterior.

• Motor 2.5 flex de 167 cavalos com gasolina e 175 cavalos com álcool. Câmbio automático de seis marchas

Faz dentro da cidade, uma média de 5.4 km/l com álcool e 7.9 km/l com gasolina

Faz na estrada, uma média de 8.2 km/l com álcool e 11.9 km/l com gasolina

• Motor 2.0 de 234 cavalos com gasolina (essa versão é somente gasolina). Câmbio automático de seis marchas

Faz dentro da cidade, uma média de 8.6 km/l com gasolina

Faz na estrada, uma média de 11.7 km/l com gasolina

• Motor 2.0 de 134 cavalos associado ao motor elétrico, na versão hybrid. Câmbio automático do modelo CVT

Faz tanto dentro da cidade, quanto na estrada, uma média de 16.8 km/l

• 1,48 metros de altura

• 2,12 metros de largura

• 4,87 metros de comprimento

• 2,85 metros de distância entre os eixos

• O peso total do veículo é de 1.566 kg

• Capacidade total do tanque de combustível é de 62 litros

• Capacidade do porta malas é de 514 litros

• 5 lugares

O valor referente ao novo automóvel Ford Fusion 2019, ainda não foi divulgado, pois, segundo as informações da empresa, o mesmo só será anunciado no lançamento do veículo, porém, estima-se que ele venha com um preço reajustado em relação aos outros modelos Ford Fusion:

O modelo Ford Fusion 2.5 flex custa R$ 119.900,00

O modelo Ford Fusion SEL 2.0 EcoBoost custa R$ 125.900,00

O modelo Ford Fusion SEL 2.0 EcoBoost, versão com teto solar custa R$ 129.900,00

O modelo Ford Fusion TITANIUM 2.0 EcoBoost custa R$ 138.900,00

O modelo Ford Fusion TITANIUM 2.0 EcoBoost AWD custa R$ 155.900,00

Por Carol Wurlitzer

Ford Fusion 2019

Ford Fusion 2019


O Volkswagen Jetta GLI 2019 desembarca em breve ao mercado brasileiro com câmbio e motor do Golf GTI.

O modelo Jetta GLI chegará do México muito em breve e chega para ser, na sua categoria, um dos sedans mais velozes. No Brasil, esta sigla não chega a ser inédita, isto porque foi utilizada pelos compactos Parati e Gol da década de 90, porém, neste modelo, aparecerá pela primeira vez no mercado brasileiro.

O VW Jetta GLI chegará com algumas novidades que já foram encontradas no antigo Highline. O seu propulsor é um TSI de 2.0 litros, capaz de gerar uma potência de 230 cavalos e um torque de 35,7 kgfm, o mesmo do famoso Golf GTI, da mesma forma que o câmbio DSG com dupla embreagem e 6 velocidades. As outras versões fazem uso de um TSI de 1.4 litros que produz 150 cavalos e com um câmbio Tiptronic com seis marchas. Já na sua parte traseira, a suspensão contará agora com braços múltiplos, onde anteriormente era encontrado eixo de torção, isso nas versões R-Line e também na Comfortline.

Quando se trata do seu desempenho, pode-se estimar valores bem próximos dos praticados pelo Golf GTI. O modelo hatch esportivo sai de sua inércia e atinge os 100 quilômetros horários em apenas 6,3 segundos. A variante Highline da geração antiga fazia uso de um propulsor TSI de 2.0 litros EA211 de antiga geração, o qual tinha a capacidade de gerar 211 cavalos de potência e torque 28,6 kgfm e atingia a marca de 7,5 segundos para sair do 0 chegar aos 100 quilômetros por hora. Caso o seu desempenho que próximo disso, o VW Jetta GLI conseguirá o posto de sedan médio mais veloz do mercado brasileiro.

Ainda que tenha sido flagrado, na Argentina, com bem pouca camuflagem, a montadora Volkswagen não tinha feito nenhuma aparição oficial do modelo, entretanto o modelo apareceu em teaser e irá estrear agora neste mês. É possível visualizar o desenho diferenciado do novo Jetta. Seus faróis full são com lâmpadas em LED e irão utilizar projetores auto-ajustáveis, sua grade irá receber a famosa sigla GLI, além de um filete na cor vermelha, e também ostentará em sua parte traseira dois escapes cromados vistosos.

Na parte interna, a versão esportiva será diferenciada também. Seu volante possui base reta e será parecido com o presente no Golf GTI, além de ser revestido com couro e possuir costuras vermelhas pespontadas. Terá também uma plaquinha, na parte inferior, com a marca GLI. Já seus bancos, também em couro, irão contar com apoios maiores nas partes laterais, além dos ajustes elétricos, que foram descartados nas variantes R-Line e Comfortline.

A lista de itens receberá também um grande upgrade. A variante esportiva ainda deverá agregar os seguintes equipamentos: assistente de permanência em faixa, alerta de ponto cego em seus retrovisores, os quais, hoje, não se encontram disponíveis no sedan. Um outro equipamento importante que acaba por faze bastante falta no novo VW Jetta são os difusores para os ocupantes do banco de trás, pois não existem saídas de ventilação destinados a esses passageiros.

Além de todas essas melhorias citadas, o novo Jetta GLI, com certeza, não será muito barato. Ainda não se tem uma noção exata quando se trata do valor a ser praticado pela montadora na versão, porém é bem provável que o veículo ultrapasse com tranquilidade a cifra de R$ 140 mil, tendo como base o preço sugerido para o Golf GTI, que inicia sua comercialização em R$ 143.790. Sendo assim, o Jetta irá ficar mais próximo ainda do seu irmão mais velho, o Passat.

Por Filipe Silva

Volkswagen Jetta GLI 2019

Volkswagen Jetta GLI 2019


O novo Mitsubishi Pajero Dakar é muito estiloso e cheio de personalidade, possuindo um design extremamente moderno.

A novidade do momento é o novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019, trazendo uma nova geração para o mercado de automóveis brasileiro. E as novidades que acompanham esse lançamento são inúmeras. Se você deseja ficar por dentro de todas elas, continue lendo esse artigo e não perca nenhum detalhe sobre o novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019.

Saiba tudo sobre o Novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019

O lançamento Mitsubishi Pajero Dakar 2019 é um automóvel muito estiloso e cheio de personalidade, possuindo um design extremamente moderno. O modelo ainda traz uma grande coleção de itens de série, onde todos são equipados com alta tecnologia, desde os equipamentos de segurança, economia, conforto, até os de estabilidade.

O veículo é perfeito para clientes que buscam conforto, força, robustez e resistência, unidos à tecnologia avançada fora das pistas.

É previsto aqui no Brasil que a motorização do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019 seja a mesma da L200 Triton Sport, que possui quatro cilindros 2.4 turbodiesel, entregando 190 cv de potência e 43,9 kgfm de torque, combinada com um câmbio automático de cinco marchas.

Podemos citar como principais concorrentes do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019, os modelos:

  • Chevrolet Equinox;
  • Volkswagen T-Cross 2019;
  • Jeep Compass 2019.

Saiba quais as Cores disponíveis do Pajero Dakar

A primeira coisa que o usuário se preocupa no momento de adquirir um veículo é a cor. Porém, para aqueles que pensam em adquirir esse veículo terá que ter mais paciência, pois até o momento, não foi divulgada nenhuma informação a respeito das cores do Pajero Dakar versão 2019.

A única informação que já sabemos, é que atualmente o modelo comercializado possui sete cores, que são elas:

  • Marrom-Cacau;
  • Cinza Londrino;
  • Branco Alpino;
  • Prata cool;
  • Azul Petróleo;
  • Prata Rodhium;
  • Preto Onix.

A expectativa é que o novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019 continue sendo comercializado nessas mesmas cores, porém teremos que aguardar o anúncio oficial.

Saiba quais são os itens de série presentes no novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019

A marca Mitsubishi é muito conhecida por sempre estar inovando e tornando seus veículos mais tecnológicos. E com a nova geração do Pajero Dakar não poderia ser diferente. Os equipamentos estão repletos de novidade, veja a lista:

  • Luzes diurnas de LED;
  • Faróis de LED;
  • Freio de estacionamento eletrônico;
  • Televisão digital para os passageiros do banco traseiro;
  • Volante multifuncional com borboletas para troca de marchas;
  • Sensores de estacionamento na dianteira e traseira;
  • Câmera de ré;
  • Multimídia CD e DVD;
  • Rodas de liga 18, bancos em couro;
  • Ar-condicionado digital;
  • Piloto automático adaptativo;
  • Sistema Android Auto e Apple CarPlay;
  • Controle de descida;
  • Aviso de perigo de colisão frontal;
  • Assistente de partida em rampas;
  • Controle de estabilidade e tração;
  • Laterais e de cortina;
  • Air-bags frontais;
  • Dentre outros equipamentos de série.

Saiba um pouco mais sobre a Motorização do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019

O novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019 será equipado com um motor 2.4 turbo diesel, capaz de render 190 cv de potência a 3.500 rpm e um torque máximo de 43,9 kgfm a 2.500 rpm. O câmbio da nova geração é automático e irá possuir apenas cinco marchas.

Além das informações sobre as cores, o seu consumo médio também não foi divulgado. Isso porque a marca está realizando alguns testes de consumo com o veículo. Mas fique atento, pois essa informação logo será divulgada.

Conheça a Ficha técnica do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019

A ficha técnica é a responsável por informar os usuários e clientes sobre todos os detalhes existentes no veiculo de interesse. A ficha técnica do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019, ainda não foi divulgada, mas as expectativas para o novo modelo são as seguintes:

  • 7 lugares;
  • 4695 mm de comprimento;
  • 2710 kg de peso bruto;
  • 1815 mm de largura;
  • 580 kg de carga útil;
  • 2800 mm de entre-eixos;
  • 1800/1840 de altura contando o rack de teto;
  • 2130 kg de peso em ordem de marcha.

Saiba sobre as versões e preço do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019

Os fabricantes do novo Mitsubishi Pajero Dakar 2019 não divulgaram nenhuma informação a respeito de quantas e quais serão as versões disponíveis no mercado brasileiro referente ao novo modelo.

Porém, houve especulações onde o valor do nome modelo ficará entre R$189.900,00 para a versão mais simples e R$220.000,00 para a versão mais completa.

Se você pretende adquirir esse modelo, ou então é um fã da marca fique atento, pois logo mais novidades serão postadas.

Por Anderson Jacinto Luiz

Mitsubishi Pajero Dakar 2019

Mitsubishi Pajero Dakar 2019


O Leaf da Nissan iniciou sua pré-venda no final do ano passado no Brasil com valor acima de R$ 178 mil.

A montadora asiática Nissan já havia revelado durante o Salão Internacional do Automóvel, que a aconteceu no mês de novembro de 2018, a atual geração do modelo Leaf com carroceria hatch e movido por meio de eletricidade e juntamente com a apresentação do veículo a empresa já deu o ponta pé inicial nas suas vendas, abrindo o período de pré-venda do compacto, onde pratica valores de 178.400 reais. No final de 2018, a montadora japonesa já havia incluído o veículo no portfólio de produtos que são comercializados no mercado nacional, onde era possível ser levado para uma outra página para que se realizasse a reserva da compra do modelo.

O veículo elétrico começou a ser comercializado em apenas uma única versão, a qual vem equipada com um propulsor com capacidade de gerar 149 cavalos de potência. Sua bateria com íons de lítio possui 40 kWh, a qual confere, segundo a própria montadora, ao modelo Nissan Leaf, uma autonomia que atinge a marca de 389 quilômetros no ciclo WLTP, o qual realiza uma simulação de vida real e já no ciclo americano EPA foi de 241 km. A nova aposta da Nissan irá desembarcar no mercado nacional tendo três opções para que se realize o carregamento de sua bateria.

Nesse contexto, fazendo uso de um cabo portátil para executar o carregamento, o hatch Nissan Leaf consegue completar a carga de suas baterias em um total de 20 horas. Por outro lado, caso o consumidor tenha em sua residência uma estação Wallbox fixada, a recarga cai de 20 para somente 8 horas. Por fim, ao fazer uso de estação que realiza recarga rápida, o período para reposição da carga de 80% da capacidade da bateria chega a apenas meia hora (30 minutos).

O compacto Nissan Leaf possui, de série, em sua lista de equipamentos controle de cruzeiro adaptativo, assistente para se manter na faixa de rolagem, alerta de tráfego cruzado, sistema de monitoramento com 360 graus, alerta de ponto cego e também frenagem automática de emergência, além de alerta de colisão, assim como uma vetoração de torque quando se entra em curvas e um assistente para que seja executada a partida em terreno íngreme.

Além disso tudo, o novo Nissan Leaf ainda conta com central multimídia que se conecta com sistemas de smartphones como Apple Car Play e também Google Android Auto. Além de possui também ar condicionado automático, rodas de liga leve, slot para recarga indutiva (sem fio) de celulares, direção elétrica, trio elétrico completo e diversos outros itens que facilitam a vida do condutor e dos ocupantes do veículo. A geração atual já é a segunda do Nissan Leaf, o qual já trafega em teste pelo Brasil desde o ano de 2011.

O Nissan Leaf possui as seguintes medidas: comprimento de 4,49 metros, largura de 1,78 metros, altura de 1,53 metros e entre eixos de 2,70 m, o que lhe confere tamanhos maiores do que seu forte concorrente Renault Zoe, o qual chegou no Brasil e está sendo disponibilizado para o consumidor brasileiro pelo valor de 149.900 reais. Este concorrente vem pra brigar frente a frente com o Nissan Leaf, ele está dotado de um design moderno com uma pegada mais esportiva, também com um motor movido a eletricidade conta com um espaço interno bem amplo e com uma grande capacidade para transporte de objetos em seu porta malas.

Por Filipe Silva

Nissan Leaf 2019

Nissan Leaf 2019


Modelo elétrico pode ser vendido no Brasil por cerca de R$ 350 mil.

Atraindo os olhares por onde trafega, o I-Pace agora se junta a gama de veículos SUV da montadora, o E-Pace e o F-Pace, porém surge no mercado como um visual de ‘tudo-em-um’. Ele tem a capacidade de ter um aspeto coupé esportivo, entretanto ao elevar a sua suspensão pneumática, a qual é comercializada em um pacote opcional por 1.633 euros o SUV parece um veículo todo o terreno bem dinâmico.

Com as rodas opcionais de 22 polegadas, no entanto, não é aconselhável realizar grandes aventuras em estrada de terra, servindo bastante com um garantidor de uma estabilidade maior ao realizar curvas, aspecto que o I-Pace se sobressai de maneira bem evidente. Possui um centro de gravidade bem baixo, isso graças à instalação do pack que aloca suas baterias, o qual fica na posição central e localizado sob o assoalho do veículo, e também devido a sua ótima distribuição de peso entre seus dois eixos, sendo de 50:50, o que contribui muito para que sua seja surpreendente, mostrando-se bem seguro nas curvas, ainda valendo de sua direção informativa e precisa.

Sistema forte

Para ser o carro elétrico pioneiro da marca, a Jaguar projetou um sistema que conta com dois propulsores de funcionamento síncrono de imã permanente que possui, de maneira combinada, uma potência de 400 cavalos e torque de 71 mkgf, os quais já são entregues a parte de uma rotação, sendo destinado um por cada eixo do modelo, visando à tração integral para transmitir de maneira eficiente os 696 Nm para suas quatro rodas.

Entretanto, praticamente todos os carros elétricos têm como fantasmas as suas baterias, pois sua fabricação é cara e poluente, além destas restringirem ainda a autonomia do carro.

Entretanto, enquanto não se encontra uma solução para isso, a montadora inglesa solucionou esses limitantes em partes no modelo I-Pace, enchendo seu assoalho com um total de 432 células com íon-lítio, as quais são suficientes para fazer o modelo atingir uma autonomia de 480 km.

Só que lotar um veículo de baterias possui um custo no final, que neste caso é seu peso. O I-Pace ao estar vazio ultrapassa a marca 2,2 toneladas.

Esses dados fazem com que o I-Pace, de acordo com a montadora, desloque-se de seu estado inerte para 100 km/h em apenas 4,8 segundos.

Outro grande problema enfrentado pelos veículos movidos a eletricidade é o seu tempo de carga. A montadora comercializa um carregador doméstico, o qual pode ser adquirido a parte, que exige que o proprietário do modelo possua uma instalação elétrica, em sua casa, com uma tensão de 330V, assim é possível repor a carga completa da bateria em um total de 12,9 horas.

Entretanto, se a tensão da tomada doméstica for de 220V ou então de 110V, esse período pode ser estender para cerca de mais de 30 horas.

Ágil, porém silencioso

Basta que se compreenda a dinâmica excêntrica do modelo para que se consiga aproveitar as virtudes do mesmo, as quais são dignas de um modelo esportivo.

A sua direção possui uma resposta rápida bem como seu acelerador, e suas baterias pesadas acabam por proporcionar um centro de gravidade levemente mais baixo, o que limita de forma considerável a rolagem de sua carroceria.

A suspensão do modelo, a qual pode se a ar, também consegue absorver as irregularidades da pista de maneira eficiente, assim como mantém sua carroceria constituída de alumínio e de aço no rumo certo.

De fato, estes conjuntos atuam de maneira tão eficaz que rapidamente conseguem levar seus pneus de 245/50 a aderência máxima.

Acredita-se que o modelo seja vendido nas concessionarias por cerca de 350 mil reais.

Por Filipe Silva

Jaguar I-Pace 2019

Jaguar I-Pace 2019


As expectativas para o lançamento do Elantra 2019 já são grandes, e ele deve ser vendido no Brasil a partir do segundo semestre de 2019. Por se tratar de um modelo de carro atualizado, é provável que os seus valores cheguem próximo dos R$100.000,00.

A Hyundai já tem uma história no Brasil e no mundo, faz parte do mercado automobilístico, e sai na frente muitas vezes, quando comparada a outras marcas do setor. Com a intenção de aumentar ainda mais suas vendas, o grupo sul coreano, lança a versão do Elantra 2019.

Embora ainda não tenha data prevista para chegar a terras brasileiras, o novo modelo do Elantra 2019 já mostra mudanças muito interessantes, que você pode conferir agora. Continue lendo.

Mudanças visíveis

Sempre que uma marca resolve inovar um modelo de carro, normalmente os grandes diferenciais se encontram nas características “internas” do veículo. No caso do Elantra 2019, é um pouco diferente, já que o modelo também ganhou algumas características novas no seu design.

A parte da frente do veículo terá um novo formato, em hexágono, e seus faróis também foram modificados. Terão o formato de um triângulo, mas ainda continuam com o LED. O para-choque teve pequenas modificações, mas agora ele é diferente do que é colocado atrás, onde você também encontrará novas lanternas.

Novas versões

A Hyundai oferece no mercado já duas versões de acabamento para o Elantra, sendo elas as versões:

  • 2.0 16V Flex automático, com 4 portas;
  • 2.0 16V Flex Special Edition também automático, e com 4 portas.

Enquanto que o novo Elantra 2019 deve vir um pouco diferente. No mercado europeu, o motor lançado junto ao novo modelo é o 1.6L turbo, e embora ainda não esteja confirmada a vinda para o Brasil, é possível que essa nova categoria de motores turbo também passe a fazer parte dos modelos de carro da Hyundai, que está começando a ficar para trás no mercado, no quesito "motor turbo".

Ficha técnica – Elantra 2019

Desempenho, capacidade, dimensões, entre outros detalhes do novo modelo do carro Elantra da Hyundai foram mudados, e você confere agora:

  • Peso – 1194 kg
  • Comprimento – 4530 mm
  • Largura – 1445 mm
  • Entre eixos – 2700 mm
  • Capacidade porta malas – 420 L
  • Capacidade do tanque – 56 L
  • Peso – 1194 kg
  • Ocupantes – 5
  • Aceleração – 0-100 km/h em 10,5 segundos
  • Velocidade máxima – 195 km/h
  • Motor – 2.0 flex (até se confirmar o motor turbo)
  • Cavalos de potência – 157 com gasolina e 167 com etanol (automático)

Além disso, é possível que também haja novos acessórios e mudanças na parte interna do veículo. Os consumidores podem esperar por um carro mais tecnológico no Elantra 2019, com mais conforto, e recursos tecnológicos, como a conectividade, sensores de estacionamento renovados, etc.

Os itens de segurança também devem ser atualizados, como os airbags, entre outros, já que a Hyundai sempre busca trazer tudo que há de novo e moderno para suprir as necessidades do consumidor.

Consumo

Segundo testes realizados pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), o consumo de combustível avaliado para o modelo Elantra 2019, variou. Tanto dentro da cidade, quanto na estrada, assim como o tipo de combustível utilizado. A média calculada resultou em:

  • Consumo na estrada – 9,1 km/L com etanol e 13,4 km/L com gasolina
  • Consumo na cidade – 6,3 km/L com etanol e 9,5 km/l com gasolina

Novos preços

As expectativas para o lançamento do Elantra 2019 já são grandes, e ele deve ser vendido no Brasil a partir do segundo semestre de 2019. Por se tratar de um modelo de carro atualizado, é provável que os seus valores cheguem próximo dos R$100.000,00.

Como os sedans grandes, médios e compactos sejam muito desejados pelos consumidores, há uma abundância de modelos muito grande no mercado. Eles existem há muitos anos, e por isso são tão populares no Brasil.

O Elantra 2019, assim como a Hyundai já possui sua reputação formada. É macio de rodar, e tem um espaço interno que atende as necessidades e expectativas dos consumidores, e por isso quem já gosta da marca, não verá problema em atualizar o seu modelo.

Por Susan Nogart

Hyundai Elantra 2019

Hyundai Elantra 2019


Novo Citroen C5 Aircross será vendido no Brasil, tendo como destaque o conforto e a alta tecnologia.

Atenção a todos os amantes das quatro rodas, a Citroen anunciou uma das maiores novidades do mercado automobilístico do Brasil. A montadora vai trazer para o nosso mercado um modelo totalmente inédito!

Trata-se do Citroen C5 Aircross que acaba de ser lançado na Europa. Mas que, por enquanto, só pode ser encontrado nas lojas da China.

Esse SUV faz parte de uma espécie de ofensiva internacional da Citroen com o propósito de dominar o mercado dos SUVs no mundo. Vale lembrar que a cada 4 carros vendidos no planeta, 1 foi um SUV. Portanto, não é à toa o alto investimento da marca nesse modelo. E a marca ultrapassa tudo o que se fez até o momento e lança um modelo que foi inspirado no que os compradores esperam da marca.

E começa com algo inédito: O comprador poderá personalizar o seu carro com opções de 30 combinações externas. Quem nunca sonhou em poder escolher os detalhes de seu carro não é mesmo? A proposta é que o comprador possa montar um estilo de carro com seu jeito. Proposta mais que interessante e sedutora. É pra fazer tremer o comércio de SUVs.

A maior aposta é no conforto. E para garantir uma boa dirigibilidade, a marca investiu em alta tecnologia. Veja as principais características e novidades oferecidas:

Características:

· Comprimento 4.500 mm;

· Largura 1.840 mm;

· Altura 1.670 mm;

· Distância do solo de 230 mm;

· rodas podem ser grandes de 720 mm de diâmetro . Mas você pode escolher rodas de 17”, 18” ou 19”;

· O motor é 1.6;

· O câmbio é automático com seis marchas;

· Suspensões que se adaptam de forma automática conforte o grau de impacto com o chão. Ele impede que os passageiros sofram com os impactos com o solo. Será o fim dos trancos e solavancos das ruas e estradas brasileiras? A marca garante que sim. Para isso criou uma suspensão especial nomeada como PHC (Progressive Hydraulic Cushions) com amortecedores hidráulicos progressivos que garantem o conforto;

· Assentos “Advanced Comfort” que são como poltronas individuais reclináveis que podem ser trocadas e deslizadas. Tudo pensado para se ter total conforto.

· O volume de porta-malas, chamado de “Best in Class” pode ser escolhido entre 580 e 720 litros que possibilitam até a regulagem da inclinação com cinco posições diferentes que vão de 19 a 26,5°;

· Dá para escolher também entre um motor a diesel ou a gasolina com promessa de mesma eficiência e desempenho, com geração entre 130 cv e 180 cv;

· Caixa de câmbio automática do tipo EAT8;

· Conectividade que possibilita até recarda do seu smartphone sem fio;

· 20 tecnologias de auxílio à direção. Um deles, por exemplo, o Assist Descent, foi concebido para ajudar o motorista em caminhos difíceis.

Personalize o seu C5. A grande sacada da Citroen:

· São sete cores com opções de cores clássicas a requintadas: Branco Nacré, Preto Perla Nera, Azul Tijuca, Cinza Acier, Branco Banquise, Vermelho Volcano e Cinza Platinum. E pode diferenciar o carro combinando qualquer uma dessas cores com um teto em Preto Perla Nera.

· Você pode dar um toque de acabamento anodizado, que é um toque colorido na carroceria com as White, Red e Silver na área abaixo do para-choque dianteiro, também na parte embaixo das portas dianteiras, e abaixo das barras do teto.

· Dá para personalizar também o design gráfico dos pneus escolhendo até duas cores.

· E pode escolher também entre cinco opções de ambiente interno. São cinco ambientes que vai do mais moderno ao mais requintado.

Essas foram só algumas das muitas novidades dessa nova geração do C5. Agora para ter um desses na garagem você vai ter que esperar o lançamento no Brasil, com data ainda não divulgada. O valor do modelo para o Brasil ainda não definido pela Citroen.

Por Cristiana dos Santos

Citroen C5 Aircross 2019


O modelo é um típico SUV aparelhado com motor de 2.0 turbo, com desempenho de 262 CV e mais 37 kgfm na força de torque.

A companhia Chevrolet consiste em uma companhia produtora de veículos motorizados, de origem norte-americana, fundada e inaugurada no ano de 1911. Esta empresa pertence a General Motors em conjunto com a Cadillac; a Buick; a GMC; a Holden; a Pontiac entre outras marcas.

Há poucos meses a fabricante anunciou o modelo EQUINOX como o próximo integrante do rol pertencente à linha MIDNIGHT.

Trata-se, em realidade, de um típico SUV aparelhado com motor de 2.0 turbo, com desempenho de 262 CV e mais 37 kgfm na força de torque. Este veículo pré-estreou oficialmente no final do ano de 2017, para suceder o modelo Captiva.

Esta é a série especial cujo título que a encabeça é Midnight, produzido pela empresa Chevrolet, a qual foi agraciada com um novo membro na esteira de produção. O recente SUV Equinox, que, como já foi citado, estreou no final do ano de 2017, como meta de suceder a versão descontínua intitulada Captiva.

Na medida em que este modelo estilizado for sendo comercializado, o mesmo liderará uma grande parceria com a chamada picape S10 e com o potente Tracker, os quais estão equipados com a roupagem negra clássica desta fabricante.

Todos os veículos produzidos na linha intitulada Midnight se tornam bastante diferenciados, devido aos seus detalhes estilizados em preto no desenho da carroceria, no seu interior e também no próprio nome da edição, que está gravado nas plaquetas posicionadas sobre as tampas traseiras.

Esses veículos são popularmente conhecidos como automóveis da meia-noite, os quais também estão perfeitamente equipados com rodas escurecidas; com bancos na cor preta e mais detalhes estilizados na cor preta brilhante, sobre o painel.

Este modelo Equinox chega ao consumidor aparelhado com um motor tipo 2.0 turbo, com desempenho de 262 CV e 37 kgfm na força de torque, sob seu capô, suplementado pela injeção direta da gasolina. Este é um dos mais recentes e mais potentes veículos pertencentes à última geração produzida pela Chevrolet.

Na atualidade, a elaboração de um novo automóvel abrange uma série de tecnologias que são vazadas e perfeitamente adaptadas ao carro, com a inclusão de dispositivos acessórias para se manter a comunicação via Net, o som, o sistema de segurança, o conforto, entre outros.

Este mesmo automóvel está equipado com um propulsor equivalente ao utilizado no clássico Camaro norte-americano. De acordo com dados angariados da fifila GM, este veículo possui capacidade de aceleração de 0 até 100 km/h em um período de recorde 7,6 segundos, sendo que a sua velocidade máxima atinge o máximo de 210 km/h.

O Chevrolet Equinox Midnight possui capacidade média de consumo que chega à casa dos 10 km/l, quando seu desempenho é avaliado em trecho rodoviário.

Portanto, esta nova série começará a aterrissar em todas concessionárias a partir do mês de setembro, abrangendo, também, uma versão de entrada chamada LT. Em todas as versões está instalado o mesmo conjunto mecânico, que consiste no já citado motor tipo 2.0 turbo, com desempenho de 262 CV; equipado com um câmbio automático em nove marchas.

Em termos de consumo e economia, o modelo utiliza até 8,4 km/l, rodando pelas cidades e utiliza 10,1 km/l, rodando pelas estradas, conforme a bateria de testes realizada sobre a versão equipada com a tração integral. O consumo chega a 9,1 km/l e a 11,2 km/l, respectivamente, na cidade e na estrada, de acordo com os testes realizados na configuração munida de tração simples.

Por Paulo Henrique dos Santos


O BMW Z4 2019 vem com uma versão no motor 3.0 que é turbo de seis cilindros em linha, que dá a possibilidade do carro alcançar de 0 a 100 km/h em menos de cinco segundos.

Todos já estavam ansiosos para a chegada deste lançamento da BMW, a demora fez as expectativas aumentarem sem contar nas diversas fotos do carro em teste e várias especulações, o então o lançamento BMW Z4 2019 foi então apresentando em Pebble Beach.

Ele foi apresentado em uma versão M40i, versão essa que é top de linha, vindo com um motor de 6 cilindros, que em uma edição é especial é chamado First Edition, apesar de ser tão esperado ele não será o veículo com a primeira configuração a ser vendida. Pois o Z40 30i terá suas vendas iniciadas no segundo trimestre deste ano, e o lançamento M40i fica para segunda metade do ano.

O BMW Z4 2019 vem com uma versão no motor 3.0 que é turbo de seis cilindros em linha, que dá a possibilidade do carro alcançar de zero a 100 km/h em menos de cinco segundos. Já na Europa, este modelo produzirá (339 CV), isso por causa do Worldwide Harmonised Light Vehicle Test Procedure, o sistema novo de testes de emissões de poluentes, que tem regras mais rígidas.

As variações para aplicação nos demais mercados podem ser bem mais potentes. O sistema First Edition vem com freios M Sport e diferencial traseiro controlado eletronicamente e amortecedores adaptativos.

Deu para perceber que a nova geração do roadster veio seguindo praticamente o estilo do conceito que foi mostrado pela empresa alemã no ano de 2017.

A BMW Z4 2019 vem com a pintura em uma coloração laranja metálica ou Frozen Orange, sua frente bem complexa mistura grades e entradas de ar formando assim um aspecto esportivo. A famosa grade que tem formato de rim da BMW se expande por toda a frente, e uma das grandes novidades são os faróis que tem desenho interno totalmente diferente dos outros modelos da marca.

Ainda como novidade tem uma grade frontal com duplo rim bem mais larga e com detalhes que vem no preto brilhante, para-choque com formato mais imponente, faróis com recorte mais agressivo, laterais com tomada de ar e vincos marcantes na lataria e traseira com lanternas em LED com formato afilado invadindo a parte central e capô longo mais musculoso.

No BMW Z4 2019 temos as saídas de ar que ficam atrás das rodas dianteiras, que irão ajudar a ventilação dos freios. Ao contrário do modelo anterior, o modelo novo usa uma capota que é de tecido. Sua roda que é de liga leve de dezenove polegadas na cor preto vem com cinco hastes duplas. O balanço traseiro pequeno caracteriza um spoiler super discreto na sua tampa do porta-malas. E ao fechar à traseira está um par de saídas de escape trapezoidais.

Já dentro do automóvel é muito (high-tech, com head-up display), pois tem um painel digital de instrumentação, com uma tela super larga que vai para a central multimídia além do display que é pequeno sendo para o controle do ar-condicionado. Seu console central vem com botões que possibilita a mudança dos modos de condução, além da alavanca do câmbio e do controle giratório que vem para a multimídia.

Os passageiros irão sentar em bancos esportivos com um acabamento altamente luxuoso, o som é da Harman Kardon, que foi feito para continuar com a qualidade mesmo quando o carro estiver sem a capota.

Não se tem muitos detalhes internos, mas sabe-se também que o volante é esportivo sendo de três raios, seu sistema de entretenimento é IDRIVE com tela tipo flutuante no painel como já falado, entre outros detalhes.

Esse é um modelo lindo e acima de tudo altamente luxuoso com um design bem tecnológico ideal para pessoas de bom gosto! E aí, você gostou?

Por Karla da Silva

BMW Z4 2019

BMW Z4 2019


O maior SUV da Audi está confirmado para chegar em 2019 ao mercado brasileiro.

A Audi lançou uma nova linha de SUVs aumentando assim a sua coleção, pois a montadora nos mostrou que sua criação está enorme, isso tudo porque o Audi Q8 está ocupando o primeiro lugar na gama de utilitários esportivos da Audi.

O modelo teve suas vendas iniciadas na Europa no final de 2018 e foi exposto para seus admiradores no Brasil durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro. A empresa começou a receber as suas primeiras encomendas no ano passado e pretende fazer as entregas agora no início de 2019.

O último lançamento da Audi o SUV na linha Q8 é bem menor e mais baixo do que o modelo a qual ele vem substituir o Audi Q7, pois ele mede (4,99 metros) tem dois metros de largura e (1,71 metro de altura), mas ele compensa no entre – eixo porque são quase três metros de largura o que o faz ultrapassar o modelo antigo. Em compensação aos 4,99 metros de comprimento, o Audi Q8 tem a possibilidade de ser equipado com uma terceira fila de bancos, no caso de querer transportar cargas maiores poderá rebater os bancos e aumentar o espaço de cargas para (1.755 litros) tendo ainda duas fileiras de bancos, já seus porta-malas podem levar até 605 litros e tem rodas de vinte e duas polegadas além de tudo isso temos um carro com tração integral quattro com um conjunto de suspensão que se adapta ao ar e que pode ajustar a altura do veiculo em até noventa milímetros automaticamente isso vindo a depender do tipo de terreno. Seus faróis são em LED, tendo também a opção de por o eixo traseiro em um sistema de esterço para facilitar a sua manobra tendo assim um melhor desempenho em velocidades altas.

O Audi Q8 tem tecnologia mild hybrid, tem uma bateria de 48 volts que age quando se está em uma velocidade de cruzeiro, economizando o consumo de combustível, seu motor é um 3.0 de torque máximo, turbo diesel de (290CV) e (61,2KGFM) tem câmbio automático de oito velocidades sendo capaz ainda de acelera a cem quilômetros em 6,3 segundos, tendo uma velocidade máxima de 231 KM/H com a previsão de aumento em sua gama, pois terá a chegada de suas versões em motores de 3.0 turbo diesel de 234 cv e 3.0 turbo a gasolina de 344 cv.

O seu porte foi copiado do Q7, mas diversas das suas tecnologias e também o visual da cabine vem do Sedã A8 dentre outras coisas. Tendo três telas, a central de multimídias tem dez polegadas é bastante sensível ao toque e vem com a tecnologia que responde os comandos com vibrações, tem a tela abaixo com oito polegadas que serve para fazer ajustes do sistema de ar-condicionado e também para digitar o endereço no sistema GPS e por último o quadro de instrumento que é todo digital com uma tela de alta resolução com doze polegadas.

Seu investimento maior veio em desempenho, pois o Q8 se diferencia por ter um central mecânico, que passa 40% da força para o seu eixo traseiro de forma padrão, dependendo da necessidade, a distribuição de torque se ajusta automaticamente pelo o mecanismo Quattro como falei acima e suspensão com amortecedores ao ar caso você escolha, ajudando o veiculo em locais off-road.

A Audi trouxe o modelo ideal para clientes exigentes que querem está rodeado de tecnologia e luxo, pois feito como um cupê, ele veio para rivalizar diretamente com os BMW X6 e Mercedes-Benz GLE Coup, tendo um visual mais elegante que seus rivais.

Por Karla da Silva

Audi Q8 2019

Audi Q8 2019


Após a Audi ter anunciado a presença do Audi A6 e do Audi A7, agora ela confirma que o sedan com a nova geração de topo A8 terá também sua apresentação garantida no salão de automóveis de São Paulo. O modelo terá a primeira aparição no evento para seu público brasileiro e tem a previsão de ser comercializado no Brasil no ano de 2020. Ele teve seu lançamento na Europa em junho de 2018.

Em comparações com sua linhagem passada ele está maior e carrega nesta versão o diferencial por ser o primeiro carro de produção em série a oferecer um sistema de condução autônoma nível três no mundo.

O modelo conta com 5,17 metros de comprimento, sendo 37 mm maior que o modelo anterior além de ser também13 mm mais alto (1,47 m) ele tem 6 mm a mais nos entre – eixos, que o fez chegar a 3 m. A sua largura é 4 mm menor, com 1,95 m.

Diante da implementação do curso do projeto foi praticamente a tecnologia quem ditou os caminhos que seriam seguidos, a prova disso estão nos faróis de alta tecnologia que foram batizados pela Audi de HD Matrix LED, que são ativados automaticamente sempre em que o carro superar os 70 km/h sem contar com a capacidade de dobrar seu alcance nos feixes de luz se for comparado com a tecnologia que foi usada nas versões anteriores

Os faróis contarão com 138 leds e com um diodo de laser em alto desempenho. Que são opcionais para o novo Audi A8.

Todo seu sistema de iluminação, o qual inclui as lanternas traseiras de OLED, com 135 LEDs em cada peça, sendo responsáveis pelo aumento significativo de preço do novo sedan que está em média de 10 mil euros na Europa, dependendo da configuração escolhida.

Mas a grande novidade do lançamento tão esperada se diz respeito ao tecnológico e ousado sistema de piloto automático autônomo, pois segundo a Audi, um scanner a laser funcionará com radares e outros sensores, de um modo a obter o layout do que está ao redor do carro. Fazendo assim com que o motorista possa ser dispensado no caso de situações de tráfego intenso, deixando assim o carro agir sozinho com as velocidades de até 60 km/h. O mesmo pode acontecer na hora de estacionar, pois o A8 se encarrega de manobrar e o motorista poderá acompanhar tudo do lado de fora, monitorando assim a sua ação por meio do smartphone.

E sobre o seu capô, todos os novos modelos Audi A8 estão trazendo um sistema híbrido leve de 48V este dispositivo funciona nas velocidades de 55 km/h a 160 km/h, de um modo a garantir maior economia de combustível e assim reduzindo a emissão de gases.

Os motores na Europa vêm incluindo as seguintes opções (3.0 TFSI a gasolina de 340 cv e 3.0 TDI turbo diesel de 286 cv). Mais para frente irão adicionar ao portfólio os propulsores 4.0 V8 e 6.0 W12, além de acrescentar uma versão híbrida do tipo plug-in. O seu câmbio é sempre automático de oito marchas, com a tração integral quattro.

Contamos com luxo e bom gosto em todos os detalhes deste modelo. A Audi acertou em cheio. Os admiradores das versões antigas irão se surpreender com este lançamento. Sendo assim muito difícil escolher entre os três tops alemães, Classe S, Série 7 e A8. Mas esse A8 é top dos tops, além de ter muita tecnologia em todos os aspectos e um visual menos poluído se comparado aos concorrentes mencionados. Geralmente quem compra um sedan desses anda no banco de trás, mas deve ser um sonho guiar um Audi A8 numa boa rodovia, é um avião sobre rodas.

Por Karla da Silva

Audi A8 2020

Audi A8 2020


Confira aqui os prós e contras do novo Suzuki SX4 S-Cross 2019.

Há pouco mais de 12 anos (no longínquo ano de 2006), a montadora japonesa Suzuki começou a produzir um carro chamado Suzuki SX4, que chegaria ao mercado como modelo 2007. O SX4 estava disponível nas carrocerias sedan e hatch e foi desenvolvido pela Suzuki conjuntamente com a montadora italiana FIAT.

Até que no ano de 2013, a Suzuki lançou uma nova geração batizada de Suzuki SX4 S-Cross, sendo agora um mini-SUV, não oferecendo mais a versão sedan. O modelo foi lançado no Brasil em 2015 e sofreu uma reestilização em 2017.

E é desse pequeno SUV que falaremos hoje! Vamos os detalhes:

O S-Cross será importado da Hungria em três versões:

  • 4Style 4×2, com um preço partindo de R$ 111.990 de preço-base
  • 4Style Allgrip com sua tração integral sai a partir de R$ 117.990
  • 4Style S, que é a mais completa e sai por R$ 130.990 de base

Versão mais completa

A versão mais completa, 4Style S, vem de fábrica com 7 airbags, controle de estabilidade, assistente de partida em rampa e teto solar elétrico.

Design

O design (como sempre na Suzuki) é bem discreto. A grade com filetes cromados até nos lembra uma BMW e os faróis com máscara negra deixa o ar mais esportivo. Mas a traseira foi conservadora demais! Ela tem linhas simples e não parece que estamos olhando para um carro do final da Década de 2010.

Interior

O interior [assim como a traseira do carro] é bem conservador e tem bastante plástico duro. A central multimídia é sensível ao toque (touchscreen) e de fácil utilização, mas leva um tempo para você se acostumar, pois tem uma grande quantidade de menus. O carro não oferece as infraestruturas Apple CarPlay nem Android Auto, que são plataformas para utilização das funcionalidades de smartphones em veículos.

O acabamento do interior do carro peca pela grande quantidade de partes plásticas duras espalhadas pela cabine. Alguns botões parecem muito frágeis e outros detalhes entregam que esse é um projeto já ultrapassado, como a tela de apenas uma cor do computador de bordo no centro do painel de instrumentos.

Sistema de tração

O S-Cross tem um sistema de tração chamado All Grip, similar ao sistema da Peogeot, que funciona só nas rodas. Tem dois modos para terrenos escorregadios (lock e snow), modo automático e o modo Sport. O modo Sport joga 15% do torque para as rodas traseiras.

Potência

A maior vantagem do S-Cross está atrás do volante. O motor de 1.4 L turbo tem 146 cavalos (109 quilowatts) e entrega um torque de até 23,5 kgfm. O desempenho lembra um esportivo, com arrancadas rápidas e respostas muito ágeis. Tome cuidado com as câmeras de velocidade nas cidades (São Paulo merece menção honrosa aqui).

Suspensões

A suspensão tem uma boa calibragem, nem muito mole nem muito dura, o que torna o S-Cross um SUV muito gostoso de se dirigir, resistindo bem aos desníveis e buracos das ruas brasileiras.

O S-Cross é o SUV para quem gosta de dirigir sem chamar a atenção. Ele é discreto, anda bem e faz boas curvas. Mas o preço não condiz exatamente ao que o carro entrega.

Consumo

O consumo do S-Cross também nos surpreende por não ser um carro “beberrão”. Em testes realizados por quase 300 quilômetros, o carro obteve médias de consumo muito boas para seu porte: 13 km/L na cidade e 16 km/L na rodovia. A combinação dos dois nos leva a 14,5 km/L abastecido com gasolina, que é a única opção para encher o tanque.

Tecnologia

O carro é bem equipado. Além dos itens citados anteriormente, ele tem tecnologia de ponta em alguns pontos, como controle de velocidade de cruzeiro (cruise control), sistema start-stop (ligar o carro sem precisar inserir a chave), ganchos para colocação de cadeirinhas, sensores de estacionamento e partida do motor sem chave.

Veja mais informações diretamente no site da Suzuki do Brasil clicando aqui.

Por Bruno Rafael da Silva


Nova versão promete visual mais agressivo com motor 3.2 a diesel de 200cv.

Segundo Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul, a Ford Ranger Storm chegará ao mercado até o final de 2019.

A montadora tem investido pesado em veículos desse porte.

Com um investimento de US$ 11 bilhões, a montadora está se preparando para lançar no mercado mundial 40 modelos híbridos e elétricos até 2022.

A nova configuração da Ford Ranger Storm é de chamar a atenção.

Começando pelo design, a frente tem 2 faróis de neblina de LEDS e o nome Storm gravado em letras garrafais na enorme grade grafite.

Possui também, central multimídia SYNC, 7 airbags, câmera de ré, sensores de estacionamento, piloto automático com limitador de velocidade e controle eletrônico de estabilidade e tração, além de outros equipamentos.

Com motor 3.2 turbodiesel, a Storm é baseada na top de linha Limited.

Equipada com cinco cilindros em linha, ela é capaz de gerar 200cv de potência e 47,9 kgfm de torque.

O câmbio continua sendo o automático de 6 marchas.

A Ranger Storm se transformou rapidamente em uma versão que revela a sua vocação para off-road.

O valor da Ford Ranger Storm versão 2019 ainda não foi definido para o mercado.

Contudo, podemos avaliar o seu preço baseando-se no valor da edição Limited, que atualmente é vendida por R$ 188.990,00.

Vale o quanto pesa

Certamente, a Ford Storm é o tipo de picape que vale cada centavo investido.

Seu interior tem um ar totalmente futurista, conectado com as últimas tecnologias de ponta para veículos desse naipe.

Há instrumentos digitais espalhados por todo o painel.

A central Sync de oito polegadas permite uma boa enxugada nos comandos.

O sistema possui botões de acionamento rápido, considerados indispensáveis, como o botão de volume por exemplo.

As superfícies são sensíveis ao toque e respondem rápido ao comando.

A central também controla comandos variados do carro, e isso inclui o ar condicionado.

O controle de cruzeiro ativo é capaz de manter uma distância segura do carro a frente, além disso, pode frear sozinho caso seja necessário.

Um recurso interessante é a projeção de uma luz vermelha no para-brisa que alerta se houver perigo de uma colisão iminente.

Outra novidade é o vibrador de volante, que alerta o motorista se ele inadvertidamente invadir o espaço de outro condutor.

Todavia, se o motorista não reagir ao alerta de invasão de faixa, o próprio veículo faz os ajustes automaticamente.

A funcionalidade dos mecanismos depende da câmera anexada junto ao retrovisor interno, que é capaz de baixar o farol alto caso detecte tráfego contrário.

A direção da Ranger Storm está mais macia do que o modelo hidráulico antigo, tudo graças a assistência elétrica embutida.

A potência do motor 3.2 continua o mesmo, com seus 5 cilindros em linha de segmento, produz um ronco mais grave e poderoso.

O motor também obedece aos critérios mais rígidos de emissões, com injetores, turbo, sensor de temperatura e novo desenho de válvulas.

Tudo isso adicionado a um motor de 200cv com 3 mil giros e 47,9 kgfm de torque.

Na pista, a Storm é capaz de atingir 100 Km/h em apenas 11,1 segundos.

O que a deixa bem à frente do modelo Hilux, que em testes atuais atingiu os mesmos 100 Km/h em 12,5 segundos.

O consumo da Storm chegou a 7,9 Km/l na cidade e 12 km/l na estrada.

Os pneus 265/60 aro 18, um tanto largos, ajudam bastante no asfalto. No entanto, recomenda-se o uso de pneus de uso misto mais agressivos para um maior aproveitamento.

Um diferencial na análise custo benefício está na garantia do novo modelo, que foi ampliado de três para cinco anos.

As revisões passaram também a ser agendadas a cada 10 mil km, ou seja, 1 ano.

Certamente, com toda essa infraestrutura é de se esperar que a Ranger Ford Storm agrade até aos compradores mais exigentes.

Por Defilho

 Ford Ranger Storm 2019

 Ford Ranger Storm 2019


Novo modelo virá sem estepe e muito mais tecnologia.

O Ford EcoSport é um SUV crossover subcompacto, originalmente fabricado no Brasil pela Ford há 16 anos (iniciando no modelo 2003), na fábrica de Camaçari, no estado da Bahia. Uma das principais características do modelo de 16 anos sempre foi o estepe “pendurado” na parte traseira do carro, mas a Ford decidiu mudar isso.

A Ford iniciou as vendas do modelo nos Estados Unidos, Canadá e Austrália em 2018 e o modelo apresentado nesses países não vem com o estepe na parte traseira como padrão. A Ford vai trazer esse conceito para o Brasil em 2019.

Mas e o estepe?

Como já acontece com muitos carros atuais, os modelos sem estepe são equipados com a tecnologia “Run Flat Tire”, que é uma tecnologia que permite com que se dirija o carro por muitos quilômetros mesmo com o pneu furado.

Embora tenha aparecido pela primeira vez em meados da década de 1980, somente agora essa tecnologia está mais popular, fazendo com que alguns fabricantes de automóveis tenham tornado essa tecnologia padrão em novos veículos.

Com esse tipo de pneu você pode continuar dirigindo após ter furado o pneu, permitindo que você encontre uma oficina. Você poderá dirigir o EcoSport com os pneus furados a uma velocidade máxima de 80 km/h e uma distância máxima de 80 km desde o local do incidente. O pneu tem as paredes laterais reforçadas, por isso consegue suportar o peso do carro mesmo estando vazio.

EcoSport Versão Titanium

A versão Titanium é bem completa no que se refere à tecnologia! Se você gosta de teto solar ficará feliz com o belo teto solar elétrico da versão Titanium.

Vamos começar falando da central multimídia!

Em 11 de dezembro de 2014, a Ford anunciou o Sync 3, que substituiu o MyFord Touch, tem recursos mais simples e é equipado com o software QNX da BlackBerry Limited ao invés do sistema da Microsoft.

A tela da central multimídia do Ford EcoSport 2019 Titanium tem 8 polegadas (20 centímetros) de diagonal. Além de toda essa tecnologia você ainda vai contar com sensor de ponto cego, partida keyless (sem chave), ativação dos limpadores de para-brisa quando começar a chover, faróis com tecnologia Xênon, bancos forrados em couro e rodas de liga leve de 17 polegadas (43 centímetros).

Motor

Para muitas pessoas, a parte mais empolgante dentre as características de um carro é o que está sob o capô. E o EcoSport 2019 vai te manter empolgado! O modelo é equipado com um motor de 1,5 litro no modelo TiVCT Flex. Quando acelerado a 6.500 rotações por minuto esse motor entrega 130 cavalos (97 quilowatts) de potência. Quando acelerado a 4.500 rotações por minuto o motor entrega um torque de 15,6 kgfm, tudo isso quando abastecido com gasolina.

Nos postos de combustíveis do Brasil nós temos uma opção que os americanos não têm: abastecer o carro com etanol! Escolhendo essa opção, com aceleração de 6.500 rotações por minuto, o EcoSport entrega 137 cavalos e entrega 16,1 kgfm de torque quando acelerado a 4.500 rotações por minuto. A transmissão é automática de seis velocidades.

Outros detalhes

Podemos citar alguns outros detalhes do EcoSport 2019. Começando pelo espaço interno. O modelo comporta uma pessoa de 1,85 m de altura confortavelmente e ainda sobra espaço para cabeça e pernas. Apesar de ter pouco espaço para armazenamento de objetos, o Ecosport tem dois cupholders (porta-copos) entre os bancos frontais e um porta-objetos centralizado no descança-braço.

Espaço atrás

Os bancos de trás facilmente comportam duas crianças (com a opção de adicionar uma terceira criança sem muitas dificuldades). Porém, para pessoas altas (com mais de 1,80 m de altura) os bancos traseiros podem não oferecer tanto conforto para as pernas.

Para mais informações sobre o EcoSport clique aqui www.ford.com.br/suvs-e-crossovers/ecosport.

Por Bruno Rafael da Silva

Ford EcoSport 2019

Ford EcoSport 2019


Modelos da Chery contam com muita segurança, conforto e tecnologia.

A Chery Automobile é uma empresa estatal da China. Fundada em 18 de Março de 1997 visa fomentar a economia de Wuhu, província de Anhuí, inicialmente era voltado para o público infantil. E com a eminente dificuldade de licença da venda produto, mas a empresa foi salva pelo governo local. Shanghai Automotive Industry Corporation (SAIC), em 2001, passou a atuar junto com a empresa, que colaborou para transmissão da mercadoria. Sua área do terreno é de dois milhões de metros quadrados, têm mais de 15 fabricas e 22 mil funcionários. A indústria automotiva chinesa alcançou em seu primeiro ano extraordinária marca de 28 mil unidades vendidas. Após alguns anos dos primeiros lançamentos dos primeiros modelos da marca, ela é campeã de vendas entre as montadoras e líder em crescimento; com mais de 360 mil carros comercializados.

Chery no Brasil

Instalada no interior de São Paulo, em Salto, sendo a sua sede administrativa, com uma extensão de 100 mil metros quadrados, área administrativa, escritórios para os executivos.

O Chery Tiggo, conta com 16 válvulas, um SUV com motor 2.0 a gasolina, tração 4×2, câmbio mecânico e 135 cv. Vendeu para o território brasileiro os modelos de Cielo (A3 na china), Celer ( Fullwin), Face (A1 na China) entre outros.

A Chery inaugurou em 2014 a primeira fábrica fora da China. A empresa foi instalada na cidade de Jacareí, no estado de São Paulo, com a capacidade para aproximadamente 150.000 veículos/ano. Em 2017, a Chery vendeu 51% das operações para a Caoa, formando a Caoa Chery.

Modelos Ofertados no Brasil: Chery QQ, Chery Celer (Hatch e sedan)

A Chery Tiggo 2 look 1.5 ano de 2019, combustível flex, configuração Hatch, possui 55 lugares, porte compacto, revisões 2.761 até 60.000km. Chega ao mercado com inúmeras novidades, oferecendo mais tecnologias, câmbio automático, bastante inovação, comodidade para o consumidor, design elegante. Tudo para que expectativas dos clientes sejam supridas com êxito.

Segurança

A companhia também se preocupa com a segurança do produto e, por isso, houve melhoramento dos itens, como: Sensores de estacionamento traseiro, Faróis com regulagem de altura, monitoramento da pressão dos pneus, ISOFIX, Desembaçador do vidro traseiro, Luzes de condução diurna, Limpador e lavador do vidro traseiro, luz traseira de neblina, travamento central das portas, repetidores laterais das luzes de direção, Encosto de cabeça para todos os ocupantes, faróis com refletores duplos, Alarme antifurto perimétrico, Cintos de três pontos para todos os ocupantes, Airbags frontais, Freios ABS.

Conforto

Pensar no conforto e no bem-estar dos seus clientes sem foi uma marcar imprescindível para a empresa. Tais itens, como: Alças de segurança no teto, Comando interno da tampa do tanque, banco traseiro rebatível, Banco traseiro bipartido, Comando interno do porta-malas, luz no porta-malas, Controle elétrico dos vidros traseiros, rodas de liga leve, Ar-condicionado, Zonas de ar-condicionado, Direção assistida, Ar quente, banco do motorista com ajuste de altura.

Ficha técnica

Transmissão: Câmbio manual de 5 marchas, acoplamento embreagem monodisco a seco, Tração dianteira,

Freios: Traseiros discos sólido, Dianteiros disco ventilado

Dimensões: Distância entre os eixos 2555 mm, Porta-malas 420 litros, comprimento 4200mm, Peso 1240 kg.

Motor: Disposição transversal, aspiração natural, instalação dianteiro, cilindros 4 em linha, potência/peso 10,78 kg/kgfm, Curso dos pistões 79,52 mm, Potência máxima 115 cv (A) 110 cv (G) a 2700 rpm, toque específico 9,96 kgfm/litro, Válvula por cilindro 4, Variação do comando admissão, Diâmetro dos cilindros 77,4 mm

Suspensão: elemento elástico mola helicoidal, traseira eixo de torção, dianteira independente, McPherson.

Direção: Pneus 205/55 R16, 205/55 R16, Assistência hidráulica

Consumo: Rodoviário 8,8 km/l (A), 12,3 km/l (G), Urbano 7,7 km/l (A) 10,9 km/l (G)

Preço: aproximadamente R$ 59.990.

Não perca a oportunidade de adquirir esse produto inovador com design contemporâneo e de alta tecnologia.

Por Dian Lucas de Paula

Chery Tiggo 2 2019

Chery Tiggo 2 2019


Novas gerações do Onix e do Prisma será lançadas em meados de 2019.

A Chevrolet anuncia o lançamento dos novos modelos que já se encontram em fase de teste no Brasil.

A previsão de estreia dos novos modelos Chevrolet foi antecipada do final de 2019 para a metade de 2019.

O motivo é que eles já se encontram em fase final de desenvolvimento.

E dependendo da evolução podem chegar ao mercado muito mais cedo do que se esperava, talvez no início de 2019.

A expectativa é que após a chegada dos novos modelos virão outros integrantes da família como o sedan Cobalt e a minivan Spin.

A evolução

O novo Onix 2020 é derivado do projeto (GEM), e será posicionado como um compacto premium na linha da marca norte-americana.

A plataforma é uma parceria entre a Global Emerging Market (GEM) e a chinesa (SAIC).

Dessa fusão sairão outros veículos que serão vendidos pela Chevrolet na Índia, China, México e Brasil.

O hatch segue a identidade tradicional da marca, com visual inovador baseado na grade do Camaro.

Possui câmbio de 6 marchas, com tração dianteira.

O novo motor turbo 1.0 de 3 cilindros aspirado é capaz de render 116 cv, e tem a vantagem de ser barato e econômico, a menor taxa de IPI é um dos incentivos para carros com esse motor.

O novo Onix possui computador de bordo com 5 funções que permitem controlar:


  • O consumo médio por (KM/L);

  • Média de velocidade (KM/H);

  • A temperatura externa;

  • O tempo de viagem (KM).

Outra inovação é o sistema de controle de rádio no volante.

O novo modelo 2019 será disponibilizado em 6 cores diferentes:


  • Preto ouro negro;

  • Branco summit gelo;

  • Vermelho carmim;

  • Prata switchblade;

  • Cinza grafite;

  • Azul imperial.

Na onda das novidades para 2019, o Chevrolet Prisma não deixa a desejar.

O novo modelo seguirá o estilo adotado nos novos sedans da General Motors.

O visual será mais moderno, com lanternas traseiras bipartidas, alta tampa do porta-malas, e ampla grade frontal dianteira.

O novo Prisma contará com mudanças expressivas em seu interior, que terá uma central multimídia completa o que inclui tecnologia 4G.

O motor seguirá a mesma configuração do Chevrolet Onix.

Com relação aos preços finais desses veículos, existe muita especulação por aí. Contudo, estimasse que o valor do Onix 2019 gire em torno de R$ 48.000,00, enquanto o Prisma sairá pelo valor de R$ 58.890,00.

A procura no mercado pelo Chevrolet Onix é grande, segundo estatísticas de venda de veículos automotores, esse modelo foi o mais procurado no ano de 2014, com 20 mil unidades vendidas em apenas 1 mês. Desde então, a marca tem liderado o ranking de vendas no mercado de carros.

Mas o que esse veículo tem que os outros não têm?

Recorde de Vendas

Para responder a essa pergunta, a Chevrolet listou três fatores:

O primeiro é o produto em si, que com tecnologias inovadoras como conectividade e conveniência atendem os anseios do consumidor mais exigente e ávido por tecnologia.

O segundo fator está ligado ao amplo número de concessionárias Chevrolet espalhadas por todo o Brasil, que por sua vez possuem toda a logística necessária para atender ao consumidor. Hoje a rede Chevrolet conta com 600 concessionárias.

O terceiro se resume a maior oferta no mercado brasileiro, com grande estoque de unidades disponíveis.

Irmãos gêmeos

O Chevrolet Prisma não fica para trás quando o assunto é mercado de vendas.

O sedan passou a assumir a liderança de vendas a partir de 2013, com mais tecnologia, conforto e estilo. No ano de 2014, registrou um total de 88.377 unidades vendidas. Entretanto, todo esse conforto tem um preço, e alguns consumidores acham o preço salgado demais. Contudo, analisando o custo benefício, o Prisma possui a infraestrutura de um carro de ponta, e certamente não compromete nos quesitos conforto e segurança. Resumindo, ele vale cada centavo investido.

Por Defilho

Chevrolet Prisma 2019

Chevrolet Onix 2019


Dentre as diversas melhorias realizadas no novo Nissan GT-R 2019 está a potência de 573 cavalos dos quais 20 de alcançar maior, motor 3.8 litros V6 biturbo em 6 velocidades, grade de ar aumentada garantindo o fluxo de ar.

O novo Nissan GT-R 2019 chega com aperfeiçoamento e característica que deixam qualquer cliente com gosto apurado no desejo de adquirir o novo automóvel Nissan. Dentre as diversas melhorias apontadas pela gigante de automóveis está a potência de 573 cavalos dos quais 20 de alcançar maior, motor 3.8 litros V6 biturbo em 6 velocidades, grade de ar aumentada garantindo o fluxo de ar. Há novo visual nos para-choques, capô e luzes, acabamento interno em couro espelhando o luxo e auxiliares eletrônicos totalmente modernizados. E sai na faixa de R$ 900.000,00 versão premium. Veja a ficha completa do novo modelo que promete ser o queridinho da marca.

Ficha técnica:

Direção: Elétrica

Capacidade do Tanque de Combustível: 74 litros

Largura: 1895 mm

Altura: 1370 mm

Distância eixo-eixo: 2780 mm

Motor: 3.8

Velocidade Máxima: 315 km por hora

Aceleração: N/D

Cilindrada: 3799 cm3

Transmissão: Modo Automático – 6 marchas com dupla embreagem de modo manual e sequencial

Potência: 572 cv

Torque: 65 kgfm

Freios: Quatro a disco e ventilados

Porta malar: 315 litros

Preço: R$ 900.000,00

Há ainda as opções de itens da série. Alguns destes são:

Velocidade do veículo, acelerador, dados de frenagem etc.

Eixo de transmissão rígido

ABS em suas 4 rodas no sistema Anti-lock braking system

Suspensão traseira e dianteira: Dianteira com duplo garfo e traseira com multi-link ambos braços aluminados

Barras estabilizadoras frontal e traseira, ambas com interior oco

Portas externas e capô revestidos com alumínio

Maçaneta em alumínio

Display com leitores gráficos em seis telas, configurável

Total controle do Display

Vidros elétricos em toque único – cima e baixo (dianteiro)

Limpadores de para-brisa com lâmina plana e senso velocidade

11 Alto-falantes

Controle de áudio facilitado no volante, HD Radio, tocadores MP3, WMA e CD

Antirruido

Portas copo Frente e Atrás) e objetos (portas dianteiras)

Retrovisor com controle de Luminosidade

Mocrofiltro Interno – Cabine

Rodas Liga Leve com 20” por 9,5” na dianteira e na traseira com 20” por 10,5”

É possível perceber a modernização da gigante dos automóveis quando se busca mais informações sobre a empresa. A Nissan começou na cidade e Yokohama, no Japão em 1933. Hoje, está presente em 200 países com 45 fábricas distribuídas em todo planeta terra com número superior a 6 mil concessionárias da marca a gigante produz diferentes modelos em níveis global e regional. No que se refere ao design de seus produtos 5 estúdios toma conta da criação, inovação, tendência de mercado consumidor e beleza estética. Dois deles encontram-se no país de nascimento, o Japão. Há ainda um estúdio na China, Estados Unidos da América e Reino Unido. Em 2016 suas vendas quase chegaram a 6 milhões no mundo todo garantindo uma receita de aproximadamente 12 trilhões de ienes. Em 2017 a empresa objetivou aumentar seus lucros em 30% em um plano estratégico Nissan M.O.V.E até 2022.

No Brasil, a gigante automobilística, opera desde os anos 2000. Está presente nos 27 estados, conta com 160 concessionárias e cerca de 2.400 colaboradores qualificados que visam atender com muito zelo. Mais recentemente a Nissan investiu pesado: foram R$ 2,6 bilhões no país. Criou o Complexo Industrial na cidade de Resende, no Rio de Janeiro inaugurado em 2014. O complexo suporta a produção de 200 mil veículos e motores ao ano. Os modelos atuais produzidos são: Nissan Kicks, Nissan March, Nissan Versa e os motores flexfuel 1.0 e 1.6 com 12V e 16V, respectivamente.

Diante desse histórico, a Nissan busca continuamente o aperfeiçoamento da técnica. Além de não medir esforços através de parcerias. Como é o caso da aliança Renault-Nissan desde 1999, em 2016 com a Mitsubishi Motors. Dessa forma, essa grande parceira com excelentes marcas: Renault, Nissan e Mitsubishi elevou o número de veículos em 2017. Foram 10,6 milhões. É uma gigante e não deixa dúvidas na hora de adquirir aquele veículo moderno e muito especial.

Por Douglas de Paula

Nissan GT-R 2019


Serão 136 veículos dos anos/modelos 2018 e 2019.

Donos de automóveis Gol e Voyage, da montadora alemã Volkswagen, estão sendo convocados a levar seus veículos para um reparo gratuito que será iniciado em 17 de dezembro. O motivo do recall é um potencial defeito no cinto de segurança traseiro.

Foram convocadas 136 unidades para o reparo e os chassis envolvidos são:

  • Do JT156496 até KT010470

As datas de fabricação dos veículos vão de 16 de maio até 14 de junho de 2018. Portanto, fique atento ao número do seu chassi e á data de fabricação do seu veículo.

De acordo com informações da Volkswagen, o reparo não será cobrado e começará na próxima segunda-feira, dia 17 de dezembro, tendo duração de 50 minutos. O tempo de reparo será curto porque o problema consiste numa porca de fixação do fecho duplo do cinto traseiro. A solução será a realização de um reparo na porca. O cliente poderá se deslocar para qualquer loja dentro da rede de concessionárias Volkswagen.

Quais seriam as consequências para os ocupantes em caso de acidente

Para este tipo de defeito há o perigo no caso de colisão do veículo. Nesses casos pode haver o desprendimento da fixação do fecho duplo, fazendo com que os cintos de segurança traseiros da esquerda e central não garantam a devida proteção, podendo ocasionar em lesões aos ocupantes do veículo.

Ainda está em dúvida?

Se você ainda tem dúvidas sobre se o seu carro também foi convocado para o recall ou de qual procedimento tomar, entre em contato com a empresa pelo telefone 0800-019-8866. Você também pode verificar a informações pela internet clicando aqui . Selecione o seu veículo e veja informações sobre o recall.

O que é um Recall

Um recall de produto é uma solicitação de um fabricante para devolver um produto após a descoberta de problemas de segurança ou defeitos no produto que possam colocar em risco o consumidor ou colocar o fabricante em risco de ação legal.

Pode ser difícil (se não impossível) determinar quão caro pode ser essa liberação para o consumidor de um produto que possa colocar em risco a sua vida. Recalls são caros para as empresas, mas tornam-se mais baratos do que os possíveis custos de ações judiciais que a empresa poderia enfrentar caso não fizesse os recalls.

Os custos incluem ter que lidar com o produto retirado, substituí-lo e possivelmente ser responsabilizado financeiramente pelas consequências do produto recuperado.

A nível mundial, os Recalls estão aumentando

Em todo o mundo o número de recalls vem aumentando – com exceção da crise econômica de 2008, quando houve uma baixa.

Por ano, as garantias automotivas ao redor do mundo são estimadas em US$ 40 bilhões (quase R$ 157 bilhões), com perdas de 3% a 5% nas vendas.

A produção em larga escala e a baixo custo pode levar a uma menor qualidade, e a terceirização pode levar a uma mudança de conhecimentos referentes a técnicas e processos. Dessa forma, as falhas técnicas são mais prováveis de acontecer devido a problemas de comunicação entre as diferentes partes envolvidas na cadeia de produção dos veículos.

Apesar do crescente número de recalls, um estudo da Mojo Motors Inc. descobriu que apenas 0,005% dos clientes perguntam sobre recalls ao entrar em contato com as concessionárias.

Nos últimos 52 anos (desde 1966), 390 milhões de veículos motorizados foram chamados para recalls nos Estados Unidos.

A situação no Brasil é parecida! De acordo com informações divulgadas pela Secretaria Nacional do Consumidor, o ano de 2016 sozinho foi responsável por mais de 9 milhões e 600 mil recalls no país, maior número registrado nos últimos 15 anos.

Desse número de produtos convocados, 76% são carros e pouco mais de 7% são motocicletas.

Por Bruno Rafael da Silva


Nova linha 2019 do Mini Cooper Cabrio irá ganhar uma reestilização com 2 novos motores.

O MINI Cooper Cabrio vai ganhar uma reestilização em 2019, com dois novos motores. Uma notícia não tão boa é que o câmbio automático será substituído por um câmbio automatizado.

Versões e Preços

A versão mais básica é equipada com motor de 3 cilindros com volume de 1,5 L turbo e potência de 136 cavalos (101 quilowatts). O preço de sugestão para venda fica em R$ 146.990.

No Brasil, ainda há mais duas opções mais caras, que vêm com motor cujo volume é de 2 L turbo, oferecendo 192 e 231 cavalos de potência (143 e 172 quilowatts, respectivamente).

Dentre essas duas versões, há o Cooper S, que tem sugestão de preço de R$ 176.900. Para efeito de comparação, nos Estados Unidos o modelo de 189 cavalos de potência (141 quilowatts) e velocidade máxima de 235 km/h, é vendido a US$ 29.000 (R$ 111.940).

Já a versão mais completa, a John Cooper Works (JCW), estará em suas mãos nas lojas brasileiras pelo preço de R$ 196.990. Esta versão oferece câmbio automático. Já a versão americana do John Cooper Works, com 228 cavalos de potência (170 quilowatts) estará nas suas mãos nas lojas do estado americano de Delaware (que não tem imposto sobre as vendas) por US$ 33.250 (R$ 128,797).

Aparência

Os faróis do Mini Cabrio ganharam funções automáticas. Equipados com tecnologia LED, tem agora luzes direcionais que se ativam a partir dos 45 km/h. Quando o (a) motorista alcança os 110 km/h, a função entra em capacidade máxima.

Há uma diferença no funcionamento das luzes direcionais nas versões mais completas (S e John Cooper Works). Elas funcionam de maneira inteligente, alterando a direção em curvas e diminuindo quando vem um carro na direção oposta.

Desde a versão mais básica até a mais completa, todas terão lanternas traseiras com tecnologia LED, trazendo uma imagem da bandeira do Reino Unido na parte interna. A marca MINI é do Reino Unido. O desenho da bandeira também pode ser encontrado sobre o painel do passageiro da frente. Outro detalhe novo é a possibilidade de configurar a central multimídia com diversas cores, dentre elas o laranja.

A MINI procura manter um alto padrão na tecnologia de seus carros. Se aproximando do que a BMW faz, a empresa vai entregar uma alavanca de câmbio com controles eletrônicos!

Central Multimídia

Uma outra novidade é a central multimídia, que está de aparência nova. Na versão Cooper a tela tem 16,5 cm de diagonal com coordenação remota interligadas ao telefone celular do motorista. É possível ajustar a temperatura remotamente.

Já nas versões mais completas (versão S e John Cooper Works) a tela tem 22.3 cm de diagonal, com recurso de navegação e ligação ao sistema operacional da Apple, chamado Apple Car Play.

Mais Detalhes

O tempo que o teto leva para abrir totalmente é de 18 s. O mesmo tempo para fechar.

Comparação Entre os Modelos

De acordo com avaliações, o modelo mais esportivo, o John Cooper Works, tem uma aceleração boa, porém perde na questão do conforto, apresentando batidas secas em trechos com desníveis.

Já a versão média (versão S) apresenta ruído quando o motorista passa de marcha. De resto, apresenta-se como um modelo intermediário médio, sem comprometimento com a esportividade. A versão intermediária é mais preparada para o uso urbano, mas com bem menos emoção.

Sobre o MINI

O Mini é um carro compacto produzido pela montadora inglesa British Motor Corporation (BMC).

O carro foi lançado na Inglaterra há 59 anos (em 1959) e chegou ao Brasil há 9 anos (no final de 2009).

Considerado um “carro de nicho”, assim como o Volkswagen New Beatle e o pequenino Smart, o MINI entrega mais esportividade, porém por um preço um pouco maior.

Informações Adicionais

Para mais informações sobre o John Cooper Works direto do site da montadora clique aqui (www.mini.com.br/pt_BR/home/range/john-cooper-works.html). Para informações sobre os modelos nos Estados Unidos (em inglês) clique aqui (www.miniusa.com/tools/learning/models-build.html).

Por Bruno Rafael da Silva

Mini Cooper Cabrio 2019

Mini Cooper Cabrio 2019


Kia reestiliza seu SUV médio e recebe uma versão eletrificada 2.0 a diesel.

Um tempo atrás o Kia Sportage 2019 foi flagrado pelas ruas do Brasil, onde surgiram os primeiros comentários e as primeiras imagens, que apresentavam algumas mudanças em sua aparência. O modelo visto foi o top de linha, versão GT Line.

A alteração mais evidente do modelo se encontra em sua parte frontal, seus faróis de neblina com tecnologia LED no desenho de um "cubo de gelo", o que remete muito a parte frontal dos modelos da Porsche, foi trocado por outro conjunto, que possui um desenho retangular e separado através de uma haste na horizontal que se estende até a sua entrada de ar. O seu para-choque foi redesenhado e suas entradas de ar acabam por formar o desenho de um pentágono. Não foi descartada a iluminação em quatro pontos e ainda continua em seus faróis novos, porém de uma maneira mais tímida agora. Sua grade com formato de "nariz de tigre" recebeu um acabamento brilhante, deixando-a não tanto chamativa e assim integrando ao design de uma maneira melhor.

Em sua parte lateral, pode-se ver as rodas novas com 19 polegadas, que são exclusivas para a versão vista. A montadora coreana informou que desenvolveu rodas novas para todas suas versões, com diâmetros que variam entre 16 e 19 polegadas. Ao passar para sua parte traseira, as alterações foram mais simplificadas, onde ganhou apenas um novo desenho na área de suas lanternas e seu para-choque foi renovado.

Já na parte interna do modelo, o Sportage 2019 recebeu um volante novo que possui um acabamento diferenciado e sua haste inferior é levemente mais alongada. Seu painel de instrumentos agora ficou mais clean, pois foi subtraído alguns elementos para leitura, entretanto não perdeu o seu computador de bordo com display colorido. A marca ainda está equipando todas as versões com dois tons de acabamentos, sendo cinza e preto. A versão GT Line possui bancos revestidos em couro na cor preta e com costuras avermelhadas.

A alteração principal do novo lançamento em questão fica por conta do seu propulsor EcoDynamics+ R com 2 mil cilindradas. O motor é um turbodiesel que conta com quatro cilindros e faz uso de um sistema híbrido leve com uma bateria de 48 volts, o que faz o carro se manter mais tempo desligado ao fazer uso do start-stop. O modelo ainda tem uma redução de 4% nas emissões de gases poluentes, pois já foi fabricado pensando em atender as regras atuais de emissões de gases na Europa.

O mercado europeu dará adeus ao propulsor CRDi de 1.7 litros, pois agora será trocado pelo novo motor a diesel com 1600 cc, o qual a montadora diz que é o propulsor a diesel mais limpo já desenvolvido por eles. Encontra-se disponível em versões que é capaz de gerar 136 cv e 115 cv, onde o modelo que possui maior potência ainda conta com transmissão automática de 7 velocidades e tração integral. Este propulsor é o mesmo utilizado no Optima comercializado no mercado europeu, que também acabou trocado pelo 1.7. No motor a gasolina ainda não se falou em alterações.

Para concluir as mudanças, ainda conta com controle de cruzeiro adaptativo que possui função stop & go, tendo a capacidade de frear totalmente o veículo e reiniciar a rodagem de forma automática conforme o trânsito, recebeu câmera de 360 graus facilitando a realização de balizas e alerta de fadiga. O Sportage 2019, dependendo da versão, pode ser comercializado com central multimídia de 7 polegadas ou então com o display novo, sem bordas, de 8 polegadas.

O veículo ainda não tem data para desembarcar no Brasil, mas ainda este ano chegará ao mercado europeu.

Por Filipe Silva

Kia Sportage 2019

Kia Sportage 2019


Pagamento começa no mês de janeiro de 2019.

Foi divulgado na última sexta-feira, dia 30 de novembro, pela Secretaria de Fazenda e Planejamento do Estado do Rio de Janeiro, a Sefaz-RJ, as datas oficiais para o pagamento do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores, o IPVA de 2019.

Conforme o calendário, a data tanto para o vencimento da cota única como também a 1ª parcela será única, sendo feita a partir de 21 de janeiro, segundo o número do final que consta na placa de cada automóvel.

O estabelecimento dos prazos é feito em resolução pelo Sefaz de número 354, sendo essa publicada também em Diário Oficial do Estado. Todavia, a publicação das tabelas relacionadas aos valores venais de cada veículo, utilizadas essas para o cálculo de alíquota, terão a sua publicação em outro momento e muito em breve.

De acordo com a resolução publicada na sexta-feira, o IPVA poderá ser pago tanto em cota única, como em três parcelas mensais com valores iguais.

Onde retirar a guia de pagamento do IPVA?

Se você tem dúvidas sobre onde retirar a guia referente ao pagamento do IPVA, saiba que o contribuinte poderá fazê-lo pela internet, no site da Secretaria de Estado de Fazenda e de Planejamento. O endereço eletrônico é o www.fazenda.rj.gov.br. Além disso, também é possível fazê-lo pelo portal do Banco Bradesco, no link www.bradesco.com.br. Vale lembrar que o pagamento dessa Guia de Regularização de Débitos, chamada de GRD, precisa ser efetuado em forma de dinheiro. Essa guia poderá ser quitada em qualquer uma das agências bancárias.

Para os veículos com o final de placa em número 0, o primeiro vencimento de tabela será em 21 de janeiro. Essa data é tanto para a quitação da primeira parcela como para o pagamento integral relacionado ao imposto.

Já para os automóveis que possuem final de placa em 9, o vencimento inicial ocorrerá em 1º de fevereiro.

Calendário de pagamento do IPVA 2019 no RJ

Para saber as datas de pagamento do IPVA 2019 do seu veículo, fique atento ao calendário divulgado na última semana. Sendo assim, em primeiro lugar, os automóveis com final “0” pagarão a sua cota única ou a primeira parcela em 21 de janeiro. A segunda parcela ficará para 20 de fevereiro e a terceira para o dia 22 de março. Placas terminadas em “1” pagarão a cota única e a primeira parcela em 23 de janeiro. A segunda parcela será em 21 de fevereiro e a terceira em 25 de março. Já os finais de placas em “2” terão a cota única ou a primeira parcela em 23 de janeiro. A segunda parcela será em 22 de fevereiro e a terceira em 26 de março.

Na sequência, as placas finalizadas em “3” terão as seguintes datas: Cota única ou primeira parcela em 24 de janeiro; segunda parcela em 25 de fevereiro; e terceira parcela em 27 de março.

As demais placas ocorrerão da seguinte forma: Cota única ou primeira parcela em 25 de janeiro, segunda parcela em 26 de fevereiro e terceira parcela em 28 de março para placas finalizadas em “4”; cota única ou primeira parcela em 28 de janeiro, segunda parcela em 27 de fevereiro, terceira parcela em 29 de março para placas com final em “5”; cota única ou primeira parcela em 29 de janeiro, segunda parcela em 28 de fevereiro e terceira parcela em 1 de abril para placas finalizadas em “6”; cota única ou primeira parcela em 30 de janeiro, segunda parcela em 1 de março e terceira parcela em 2 de abril para placas com final em “7”; cota única ou primeira parcela em 31 de janeiro, segunda parcela em 7 de março e terceira parcela em 8 de abril para placas com final em “8”; e, por fim, cota única ou primeira parcela em 1 de fevereiro, segunda parcela em 8 de março e terceira parcela em 9 de abril para placas finalizadas em “9”.

Kellen Kunz


A versão Freedom acaba por ser uma interessante opção para os que possuem interesse em uma picape de tamanho compacto, equipada e mais acessível.

Se a Fiat Strada estivesse nos cinemas ela só poderia ser ter o nome de “picape Highlander” lembrando o guerreiro que nunca morre e ficou conhecido pela atuação de Christopher Lambert, ator franco-americano. Presente no mercado nacional desde o ano de 1998, o carro da Fiat não apenas continua vivo como também voltou a ter suas vendas aumentadas neste ano, depois de ter passado 4 anos consecutivos em decrescente.

No decorrer deste período, os irmãos Siena, Palio e Weekend caíram muito chegando a sair de cena. Entretanto, para a picape não parece ter um limite, inclusive a montadora italiana resolveu lançar versões novas do veículo neste ano.

Em agosto foi quando surgiu a novidade de forma conjunta com a linha de 2019, a versão chamada de Freedom, que é exclusiva e possui cabine dupla. O modelo veio agradando tanto os consumidores que foi contabilizado um número de 2,6 mil unidades emplacadas no período de 3 meses, que do total, representa 15%. Embora dê a impressão de ser pouco, é válido lembrar que a Fiat Strada é um modelo muito procurado com versões para utilizar no trabalho, já as versões destinadas ao lazer caíram bem desde que a marca chegou com a picape Fiat Toro.

Levando em conta esse cenário, a Freedom acaba por ser uma interessante opção para os que possuem interesse em uma picape de tamanho compacto, equipada e mais acessível. Ficando ainda mais acessível agora, visto que a montadora italiana decidiu aumentar sua gama trazendo uma versão de cabine simples, muito útil aos que desejam continuar utilizando-a com fins comerciais, isso porque tem uma caçamba maior. O lançamento Fiat Strada Freedom irá desembarcar nas concessionárias pelo valor sugerido de R$ 61.590.

De série, os itens da lista continuando sendo idênticos ao da versão cabine dupla, nos quais pode-se citar faróis de neblina, rodas em liga com 14 polegadas, capota marítima, ar-condicionado, volante em couro possuindo comandos satélite de seu rádio e sensor traseiro de estacionamento. A montadora também oferece o pacote Pack Techno por R$ 2.890 que adiciona câmera traseira e uma central multimídia de 6 polegadas.

1,4 milhão de unidades emplacadas

As estatísticas da Fiat Strada são impressionantes até o momento. De acordo com a própria montadora, nesses 20 anos, desde que o modelo teve sua estreia no Brasil, no caso dias 24 de outubro em 1998, foram emplacados incríveis 1,4 milhão de veículos. Sendo que nos últimos onze anos, os quais estão no banco de dados da Autoo, 1,059 milhão de Fiat Strada foram comercializadas, um valor bem superior que suas concorrentes mais significativas somadas, que são a Montana e a Saveiro, que emplacaram, respectivamente, 344 mil unidades e 587 mil unidades.

Esta longevidade possui um segredo que é uma receita que unifica robustez, como tecnologia e confiabilidade, somada a uma forte estratégia para atuar no segmento de veículos comerciais leves da marca, sendo a que possui facilmente a maior participação deste mercado.

Além disso, a Fiat Strada poderá ser aposentada muito em breve, isso se a montadora decidir por chamar o projeto 2810 por outro nome. A Fiat se encontrada desenvolvendo picape nova, compacta e possui previsão para ser lançada no ano de 2020. De acordo com o site Autos Segredos, a mesma será um Carro que irá utilizar componentes de diversos modelos como, por exemplo, a Fiorino, o Mobi e o Argo.

Se esta nova picape receber um nome inédito, a marca poderá continuar com a Fiat Strada por algum tempo ainda, dando um foco somente para as versões de entrada de utilização comercial. Vai que resolvam lançar mais uma nova versão da picape, chamada de Strada Highlander, um nome bem apropriado.

Por Filipe Silva

Fiat Strada Freedom 2019

Fiat Strada Freedom 2019


O modelo conta com cabine dupla espaçosa, tração 4×4, mas o que chama a atenção é o visual imponente, começando pela parte frontal que apresenta o nome Storm Concept na grade.

O Salão de Automóveis de São Paulo trouxe as novidades das principais marcas atuantes no país. Entre os modelos apresentados pela Ford estão dois modelos de picapes, a Ranger Storm e a Ranger Black Edition, ambas com novos desenhos, câmbios e itens exclusivos.

A primeira é mais voltada para o campo, enquanto a segunda para o meio urbano, mas as duas trazem a marca registrada da linha Ranger, que é força, robustez e design agressivo. Os lançamentos chegam às concessionárias, provavelmente, no primeiro semestre de 2019, mas já foram apresentadas muitas informações. No post de hoje você conhece os detalhes da Ford Ranger Storm, principais características, conceito e o possível preço para o mercado brasileiro. Boa leitura!

Ford Ranger Storm Edition

Baseada no atual modelo da Ranger (a Limited Edition) e não no reestilizado, a Ranger Storm está pronta para chegar ao mercado. O modelo conta com cabine dupla espaçosa, tração 4×4, mas o que chama a atenção é o visual imponente, começando pela parte frontal que apresenta o nome Storm Concept na grade.

E é esse o conceito Storm que está presente em uma série de detalhes, a exemplo da nova grade dianteira, inspirada na mesma grade dos modelos F-150 Raptor e EcoSport Storm. Além disso, traz faróis com protetor DRL na parte inferior. Os para-choques contam com detalhes metálicos, pretos e os ganchos de coloração vermelha. No capô adesivos pretos também chamam a atenção.

Nas laterais, a picape ganhou grafismos de cor preta para contrastar com a carroceria vermelha. O estribo fixo de cor preta ressalta com a cor do veículo. É a mesma cor empregada nos retorvisores e maçanetas de plástico rígido. O nome Storm Concept também está presente nas laterais, acima dos estribos.

Off-road de respeito

Entre os itens off-road estão o snorkel que capta o ar, alargadores de para-lama, capota marítima, para-choques reforçados e exclusivos para o modelo. Eles apresentam melhores ângulos de entrada e saída, gancho de reboque, rodas exclusivas de 17 polegadas de liga leve pretas e pneus mistos Pirelli MTR Scorpion 285/70 R17.

Equipada com o poderoso motor 3.2 turbodiesel essa picape entrega até 200 cavalos de potência. O diferencial fica por conta do câmbio automático de seis marchas, que permite uma troca de marchas mais suave.

O snorkel foi desenvolvido pra compensar a grade dianteira, obstruída pelo nome, o que aumenta o fluxo de ar para o motor, evitando aquecimento e melhorando seu desempenho. Ele também serve para que o motor continue “respirando” quando a Storm passar por algum obstáculo de água. O conceito desse snorkel ajudou bastante, principalmente para evitar aberturas no capô. Trata-se de um item que proporciona um excelente resfriamento e contribui bastante para o gerenciamento da temperatura do motor.

Outro ponto interessante foram as caixas de rodas que receberam um revestimento em plástico reforçado ao redor dos arcos. A ideia aqui é receber os primeiros danos quando o veículo está sendo conduzido fora da estrada ou em rotas mais estreitas e evitar que a carroceria seja danificada.

O que já se sabe sobre a Ranger Storm 2019 é o preço, que no mercado brasileiro deve girar em torno dos R$ 110 mil. Nos estados Unidos, o modelo custa US$ 25 mil, equipado com motor turbo de 2.3 litros, que rende 270 cavalos de potência e torque de 310 libras-pés e transmissão automática de 10 velocidades.

Embora o segmento de picape de cabine dupla não esteja no topo das pretensões da montadora, a Ranger Storm apresenta uma série de itens off-road, o que por si só é uma adição valiosa ao portfólio global de produtos Ranger. Mercados como o norte-americano estão bem receptivos quanto ao lançamento, resta saber se ocorrerá o mesmo no Brasil.

Por Robson Quirino de Moraes

Ford Ranger Storm 2019

Ford Ranger Storm 2019


Além de beleza, essa máquina traz muita tecnologia e conforto para todos os seus usuários.

O Chevrolet Cruze SS 2019 chega ao mercado para marcar seu nome em grande estilo. Esse carro traz muitos detalhes luxuosos e o principal deles é seu design externo. Além de beleza, essa máquina traz muita tecnologia e conforto para todos os seus usuários. O Chevrolet Cruze SS 2019 é um modelo novo no mercado automobilístico, mas aos poucos ele vem ganhando seu espaço e conquistando a confiança de muitos consumidores. Agora vamos falar sobre as principais características desse carro.

Carro com muita segurança

O Chevrolet Cruze SS 2019 é um caro muito seguro. A marca pensou em diferentes recursos de segurança. Esse é um detalhe que deixa muitos usuários mais confiantes ao comprarem um carro. Nesse quesito a Chevrolet acertou. Veja agora os principais itens de segurança desse carro:

– Controle de tração e estabilidade;

– Airbags ou Airbags duplos e de cortina;

– Sensor de estacionamento traseiro e dianteiro;

– Freios ABS;

– Alarme Antifurto;

– Sistema de fixação de cadeirinha isofix;

– Luz de condução diurna/ Luz de posição em LED.

Itens de série avançados

Outra informação desse carro é que ele possui ótimos itens de série. Dessa forma o Chevrolet Cruze SS 2019 se torna ainda mais completo e irresistível. Muitas pessoas só conseguem finaliza a compra de um novo carro, depois de analisar seus itens de série. Pois esse detalhe faz toda a diferença.

Veja agora alguns dos itens de série do Chevrolet Cruze SS 2019:

– Volante multifuncional com ajuste de altura;

– Chave eletrônica;

– Computador de bordo com cinco modos;

– Câmera de ré;

– Assistência de partida em rampa;

– Ar condicionado automático;

– Porta malas Hatch de 300 litros ou Sedan de 400 litros;

– Espelhos retrovisores externos elétricos;

– E muitos outros.

Carro com ótimo motor

O motor do novo Chevrolet Cruze SS 2019 é muito potente e vai agradar a muitas pessoas. Sua motorização é 1.4 turbo e esse motor está na versão de entrada desse carro. Ele faz o máximo de 153 cv, o que é considerado muito por alguns consumidores de carro.

Chevrolet Cruze SS 2019 tem ótimo consumo médio

O consumo médio do Chevrolet Cruze SS 2019 é considerado bom. Ele é um carro econômico, além de ter muitas outras qualidades. Veja abaixo:

Consumo na cidade 11.2 km/l com gasolina e 7.6 km/l com álcool.

Consumo na estrada 14.0 km/l com gasolina e 9.6 km/l com álcool.

Modelo grande e espaçoso

Outro detalhe sobre esse novo modelo da Chevrolet, é que ele é grande e muito espaçoso. Ele é indicado para famílias de até 5 pessoas, pois essa a quantidade de ocupantes máximo desse carro. Vamos falar agora do seu tamanho que tem as seguintes medidas: Altura 1.484 mm, largura 2.042 mm, comprimento 4.665 mm, distância entre eixos 2.700 mm e seu peso é de 1.321 kg.

Carro com versões para todos os gostos

Esse carro traz 4 versões diferentes, cada uma com detalhes diferenciados para atrair diferentes tipos de consumidores. Veja abaixo o valor de cada uma das versões:

– Chevrolet Cruze LTZ 2 2019: Com valor de R$118.390

– Chevrolet Cruze LTZ 1 2019: Com valor de R$109.790

– Chevrolet Cruze Black Bow Tie 2019: Com valor de R$98.790

– Chevrolet Cruze LT 2019: Com valor de R$96.790

Itens de série que dão conforto

O Chevrolet Cruze SS possui alguns itens de série que são para dar conforto a todos os ocupantes do carro. Veja alguns desses itens:

– Volante revestido com couro e controle de altura

– Console central com porta-objetos

– Para sois com espelho e iluminação

– Abertura do porta-malas com controle remoto

– Descaça braço

– E muitos outros itens.

Esse modelo já está disponível para a compra, basta apenas escolher a sua versão preferida.

Por Cristiane Amaral

Chevrolet Cruze SS 2019

Chevrolet Cruze SS 2019


Além do ótimo custo-benefício o JAC T50 garante aos seus compradores a certeza de ter um ótimo produto em suas mãos, com mecânica robusta e equipamentos inéditos como sua câmera frontal oferecida na versão mais cara.

A JAC disponibiliza o T50 para seus compradores com o título de ser o “SUV mais completo do mercado brasileiro” e não é para menos, seu nível de equipamentos e sofisticação em todos seus detalhes é o seu grande trunfo em um nicho muito competitivo. Além do ótimo custo-benefício o JAC T50 garante aos seus felizes compradores a certeza de ter um ótimo produto em suas mãos, com mecânica robusta e equipamentos inéditos como sua câmera frontal oferecida na versão mais cara.

Diferenciais

  • O T50 já vem com Kit Multimídia com tela de 8 polegadas e câmera de 360 graus conjugada;
  • Todas as versões trazem disponíveis o câmbio automático de 6 marchas com programação eletrônica;
  • Câmera frontal conectada diretamente ao sistema multimídia.

Dimensões Principais

  • Largura de 1760 mm (aproximadamente);
  • Altura de 1640 mm (aproximadamente);
  • Comprimento de 4340 mm (aproximadamente);
  • Excelente Entre-eixos de 2550 mm (aproximadamente);
  • Amplo Porta-malas de 600 litros;
  • Tanque de Combustível de 45 litros.

Vendido em duas versões principais, a PACK 2 e a PACK3 pela JAC Motors, o consumidor terá como opção um maior nível de equipamentos e sofisticação na versão PACK3, sendo a motorização e câmbio idênticas nas duas opções, vamos ao detalhamento das características de cada uma abaixo:

Versões, preços e características

JAC T50 versão PACK 2

Preço sugerido: A partir de R$ 83.990

Cores disponíveis: vermelho, branco, cinza, preto e marrom

Mecânica: Motorização de 1.6 litros 16 válvulas com potência de 138 cavalos a 6000 rpm comandados por uma caixa de câmbio automática do tipo CVT de seis velocidades e sistema Start and Stop conjugado.

Performances principais: Velocidade Máxima de 198 km/h chegando aos 100 km/h em 11,3 segundos.

Suspensão e Rodas

  • Suspensão dianteira MCPherson e do tipo independente;
  • Suspensão traseira com eixo de torção e semi-independente;
  • Rodas de 16 polegadas de liga leve e Pneus 205/55.

Principais Equipamentos no Exterior do Veículo

  • Chave Keyless com destravamento das portas e também do porta-malas;
  • Luzes de LED na direção;
  • Vidros Elétricos e Desembaçador traseiro;
  • Principais Equipamentos no Interior do Veículo;
  • Computador no interior do Veículo;
  • Volante com ajuste em altura e com comandos multifuncionais;
  • Tomada auxiliar de 12 volts com entradas USB na dianteira e traseira;
  • Encosto na cabeça, apoio de braço e bolsos para revistas nos bancos.

Principais Equipamentos de Segurança

  • Alarme, Freios com Sistema Antitravamento, Airbag e adaptação para Cadeira Isofix.

Principais Equipamentos de Conforto

  • Kit multimídia;
  • Ar Condicionado com Sistema Digital;
  • Sistema Bluetooth;
  • Sistema de 04 alto-falantes e mais 2 tweeters;
  • Direção com acionamento elétrico e sensores de estacionamento.

JAC T50 versão PACK 3

Preço sugerido: A partir de R$ 87.990

Cores disponíveis: vermelho, branco, cinza, preto e marrom

Mecânica: Motorização de 1.6 litros 16 válvulas com potência de 138 cavalos a 6000 rpm comandados por uma caixa de câmbio automática do tipo CVT de seis velocidades e sistema Start and Stop conjugado.

Performances principais: Velocidade Máxima de 198 km/h chegando aos 100 km/h em 11,3 segundos.

Suspensão e Rodas

  • Suspensão dianteira MCPherson e do tipo independente;
  • Suspensão traseira com eixo de torção e semi-independente;
  • Rodas de 16 polegadas de liga leve e Pneus 205/55.

Principais Equipamentos no Exterior do Veículo

  • Chave Keyless com destravamento das portas e também do porta-malas;
  • Luzes de LED na direção;
  • Vidros Elétricos e Desembaçador traseiro;
  • Rebatimento dos retrovisores de forma automática;
  • Luzes LED diurnas;
  • Lanternas de neblina traseiras;
  • Teto com Rack embutido e Antena.

Principais Equipamentos no Interior do Veículo

  • Computador no interior do Veículo;
  • Volante com ajuste em altura e com comandos multifuncionais;
  • Revestimento de Couro no Volante;
  • Bancos revestidos em Couro e Cinzeiro;
  • Tomada auxiliar de 12 volts com entradas USB na dianteira e traseira;
  • Encosto na cabeça, apoio de braço e bolsos para revistas nos bancos.

Principais Equipamentos de Segurança

  • Alarme, Freios com Sistema Antitravamento, Airbag e adaptação para Cadeira Isofix;
  • Câmera Frontal;
  • Fechamento Central das Portas.

Principais Equipamentos de Conforto

  • Kit multimídia conjugada com tela de 8 polegadas;
  • Câmera para Assistência de Manobras em Ré;
  • Ar Condicionado com Sistema Digital;
  • Sistema Bluetooth;
  • Sistema de 04 alto falantes e mais 2 tweeters;
  • Direção com acionamento elétrico e sensores de estacionamento;
  • Modelo equipado com piloto automático.

Todas as principais informações, inclusive com possibilidade de agendar um teste-drive do modelo podem ser acessadas na página do T50 no próprio web-site da marca: https://jacmotorsbrasil.com.br/t50.

Por Carlos. B

JAC T50 2019

JAC T50 2019


O modelo está equipado com rodas de liga leve redesenhadas; em seu interior todo o acabamento está sublimado, no painel e nas portas, sendo que os seus bancos agora apresentam um formato atualizado, muito mais ergonômico e mais confortável.

Toda nova estreia de um automóvel inédito ou repaginado, constitui um grande evento. Na atualidade, diante da grande competitividade entre as maiores indústrias automobilísticas do mundo, as criações tendem a se tornar cada vez mais atraentes, eficientes e assombrosas.

Recentemente, foi anunciada a chegada do novo modelo Mitsubishi Outlander, edição de 2019, que estreia com uma suave atualização no design exterior, entre outras novidades. O valor parte de 146.990 reais. Trata-se, em realidade, de um estilo crossover japonês, que aparelhado dos novos faróis duplos, tipo LED, suplementado das chamadas luzes diurnas, também LED. Este modelo sofreu outras significativas alterações, por exemplo, na parte frontal, com uma grade atualizada, munida de duas lâminas estilizadas em recordes diferenciados, tanto na parte de cima quanto na de baixo.

Neste caso, o cromado envolvente permanece, embora o veículo esteja equipado de faróis de neblina, que são de tipo LED. Em seu para-choque, o mesmo está vasado em novas entradas de ar, aperfeiçoadas na sua função e no acabamento, todo em preto brilhante na parte do centro, cuja cereja consiste em um cromado na sua base, de modo a imitar um tipo de protetor com característica distinta. Na parte traseira, o novo Mitsubishi Outlander, edição 2019, o para-choque está reformulado em detalhes mais atraentes.

Outras especificações seguem abaixo:

Está equipado com rodas de liga leve inteiramente redesenhadas; em seu interior todo o acabamento está sublimado, no painel e nas portas, sendo que os seus bancos agora apresentam um formato atualizado, muito mais ergonômico e mais confortável.

O banco da parte traseira está munido dos chamados difusores de ar, já atualizados e que permitem a melhor regulagem dos fluxos de ar interior. Possui a chave eletrônica, que. A partir desta edição pode abrir e fechar os vidros em travamento remoto.

Entre outros atributos, segue:

Está munido dos controles de tração e de estabilidade, suplementados pela função de assistente de partida para rampas. Assim, o modelo Mitsubishi Outlander de 2019, em termos de mecânica, foi mantido na sua gama de versões aparelhadas com as versões GLS 2.0, o HPE 2.0 e o HPE-S V6 3.0, tendo sido acrescentada à linha o modelo HPE-S 2.2 à diesel. Este mesmo crossover conta com tração na parte dianteira, em sua versão GLS e na HPE 2.0, ao passo que as demais chegarão ao consumidor munidas do sistema de tração AWD junto do Sistema Multi Select.

Com relação às duas primeiras citadas, as mesmas estão aparelhadas do motor tipo 2.0, com 160 cavalos e desempenho de 20,1 em KGFM. A versão intitulada HPE-S V6 de 3.0 entrega um desempenho de até 240 cavalos e mais 31 KGFM. Com relação ás versão à diesel, munidas de motor 2.2, apresentam desempenho de 165 cavalos e mais 36,7 KGFM. No que toca ao motor 2.0, o mesmo está munido de um típico câmbio estilo CVT, com Paddle Shifts, sendo que nas demais alternativas, ou versões, se trata de um câmbio automático, em seis marchas, cujas borboletas estão instaladas no próprio volante.

Na versão HPE-S, o modelo Mitsubishi Outlander 2019 está equipado com a função de controle de cruzeiro tipo adaptativo; do alerta de colisão; do detector de pedestres acrescido da função de frenagem automática; do leitor de faixa, entre outras funções que garantem mais segurança.

Outra função indispensável está na presença da multimídia para o dispositivo Google Android Auto e para o Apple Car Play; da câmera de ré; da tampa de porta-malas operante por acionamento elétrico, na versão HPE-S; dos bancos em couro, entre outras funções.

Com relação aos valores no mercado, seguem as informações:

O Outlander HPE-S, com motor 2.2 DI-D AWD AT, na faixa de 209.990;

O Outlander HPE-S, com motor 3.0 AWD AT, na faixa de 186.990;

O Outlander HPE, com motor 2.0 CVT, na faixa de 153.990;

O Outlander GLS, com motor 2.0 CVT, na faixa de 46.990.

Por Paulo Henrique dos Santos

Mitsubishi Outlander 2019

Mitsubishi Outlander 2019


Nova geração do BMW X5 traz um design arrojado e diversos equipamentos.

O BMW X5 está em sua quarta geração e foi apresentado recentemente, porém ainda será exposto no Salão do Automóvel da cidade de São Paulo e terá suas vendas iniciadas no ano de 2019. O evento na capital paulistana acontece do dia 8 a 18 do mês de novembro.

Além do SUV ter aumentado suas dimensões passou também a ser mais bem equipado. Agora passa a contar com um novo painel digital com tamanho de 12,3 polegadas, lanternas traseiras em LED, faróis com LED adaptativo sendo item de série e tendo luzes a laser como opcional e porta-malas com duas seções, além de display digital TFT o qual irá preencher por completo, pois até o momento, a montadora alemã utilizava um painel um pouco menor, o qual que mesclava seus contornos com velocímetros tradicionais e um conta-giros

Fabricado na planta norte-americana na cidade de Spartanburg, na Carolina do Sul, a nova geração do BMW X5 agora foi equipada com uma nova grade que possui entradas de ar ainda maiores, aumentando assim consideravelmente a agressividade do seu design, bem como a própria função de captar o ar. Dentre diversas alterações n parte visual está o tamanho de sua lanterna traseira, que aumentou de tamanho, dando um ar de mais robustez para a carroceria. De uma maneira geral, com o mesmo pensamento conservador de ter um exterior preservado, agora pode-se pensar que o utilitário esportivo poderá passar a atrair um público maior que foque na esportividade, além dos que visam a parte funcional.

Seguindo na questão da sua lista de itens e equipamentos de tecnologia, a parte central é usada, agora, para apresentar informações do navegador ou sobre informações do sistema, já o conta-giros e o velocímetro se situam em suas bordas.

Além do mais, a geração atual do crossover possui ar-condicionado com quatro zonas, iluminação para todo o interior em LED, incluindo o carpete, um novo teto solar panorâmico, sendo ainda maior que no modelo anterior, tendo um aumento de 30% em seu tamanho, sistema de som da marca Bowers & Wilkins (opcional) com potência de 1.500 watt e 20 alto-falantes, um sistema de entretenimento com dois displays com tamanho de 10,5 polegadas para os ocupantes e muito mais. Ainda é válido ressaltar que a marca alemã irá oferecer, como opcional, uma terceira fileira de assentos.

O modelo será comercializado com uma boa quantidade de sistemas que irá auxiliar o condutor, como por exemplo: aviso de permanência em faixa e rolagem, monitor de pedestres e sensor de ponto cego. Caso o cliente queira incluir ainda mais itens opcionais é possível equipar seu utilitário esportivo com a tecnologia Active Driving Assistant, a qual permite que realizar controle de cruzeiro adaptativo, sendo capaz não somente de acompanhar o trânsito naquele momento, mas também de realizar mudanças na posição do volante, de forma automática, em certas curvas com uma acentuação menor e ainda alterar a velocidade máxima, conforme as placas indicativas de trânsito, presente nas vias.

Sob aquele capô, o novo BMW X5 possui um propulsor turbo, em sua versão xDrive 40i, de 3 mil cilindradas e com seis cilindros em linha, o qual tem uma capacidade de produzir 340 cavalos e consegue se mover de 0 a 100 km horários em simples 5,5 segundos. Um pouco acima se encontra a versão X5 xDrive 50i que é um V8 4.4 que produz 462 cavalos de potência, conseguindo assim diminuir o seu tempo de aceleração, batendo uma marca menor do que cinco segundos. Nos dois casos os motores estão equipados com uma caixa automática de transmissão com 8 velocidades, além de possuir tração integral xDrive e conversor de torque.

Por Filipe Silva

BMW X5 2019

BMW X5 2019


Modelo deverá vir com inúmeras novidades.

Inovadora aposta da Mitsubishi para o nicho de crossovers, o novo Eclipse Cross já tem data para chegar ao mercado brasileiro. O modelo, que vai se colocar no meio dos atuais ASX e Outlander, na reta de utilitários-esportivos da produtora japonesa, começa a ser ofertado em nosso Brasil a partir de meados de 2018. A exibição global, porém, aconteceu nesta segunda-feira, dia 21, na região de Portland, no estado do Oregon, nos EUA.

O novo Mitsubishi Eclipse Cross, como é notável nas imagens, se distingue através do visual mais “ousado”. Se sobressai a grade frontal com uma espécie de formato “X” cromado, gerando conjunto com os faróis em LED. Há também reta de cintura elevada e vincos relevantes nas laterais e uma de trás com modelo mais imponente, marcada através das lanternas em posição elevada e o vidro com forma mais inclinada.

Por semelhante lado, o interno do Eclipse Cross passa a assumir uma conduta mais padrão Entretanto, as linhas se diferem das detectadas nos outros carros da marca, em especial no console central, mais amplo e que comporta a tela “flutuante” sensível ao clique do sistema multimídia. O conjunto inclui também algumas coisas com acabamento em alumínio e plástico preto com estilo mais brilhante e itens como head-up display.

No exterior, o novo Mitsubishi Eclipse Cross foi ofertado com um motor 1.5 litro turbo a gasolina, com injeção que atua de forma direta de combustível, como é comum de se ver nos carros atualmente, conectado a uma transferência automática tipo CVT (continuamente variável) contando com oito marchas simuladas, além de um 2.2 litros turbodiesel. Portanto, ainda não se pode dizer em qual motor chegará o novo modelo no Brasil.

Outros detalhes do novo crossover mediano da Mitsubishi devem ser apresentados brevemente.

O acontecimento de exibição do Mitsubishi Eclipse Cross vai acontecer conjuntamente com o eclipse total do Sol. O local definido para a exposição global é o primeiro onde o eclipse poderá ser visto e contará com a participação do surfista de ondas enormes e o atleta da marca Carlos Burle, que mostrará o novo carro para o Brasil.

O mais novo lançamento que a marca traz para este ano no mercado brasileiro começa a estrear seu momento de pré-venda. O ilustre Mitsubishi Eclipse Cross já pode ser encomendado em um site responsável pelas pré-vendas. Ele será exibido na próxima quinta-feira, a partir de 9 horas da manhã, com live ao vivo pela rede social Facebook e terá suas vendas começadas oficialmente em novembro.

Conforme o informado no site de pré-venda, o novo modelo Eclipse Cross será vendido por aqui em apenas uma versão de acabamento, a conhecida como HPE-S, com opção de tração dianteira ou podendo ser nas quatro rodas. Ainda não se tem conhecimento, porém, quais equipamentos irão fazer a composição a lista de novos acessórios de série do carro, bem como o seu motor.

Também no exterior, o veículo proporciona recursos como um sinal de ponto cego, auxiliar de mudança de faixa, sinal de tráfego cruzado de trás sistema de câmeras de multi vizualizalções, faróis atuais de LED, central de multimídia com tela de 7 polegadas, Android Auto e também Apple CarPlay para facilitar a comunicação "Carro x Motorista", farol alto que agora é automático, retrovisor futurista, teto solar com visão panorâmica duplo, sistema de áudio premium composto por 9 alto-falantes, volante e bancos da frente e de trás aquecidos, rodas grandes de 18 polegadas, ar-condicionado automático, dentre outros.

Pensando nisso, ter um Eclipse Cross torna sua experiência como motorista muito mais avançada e confortável, trazendo consigo uma segurança e interatividade muito grande para que todos tenham um grande conforto.

Gustavo Martins


Confira aqui os valores das versões do novo Fiat Strada 2019.

Os consumidores brasileiros que gostam de carros utilitários já podem contar com uma grande novidade. Desta vez, a Fiat sai na frente e inova mais uma vez em termos de novidades.

Tudo isto porque a montadora acaba de anunciar a versão 2019 de um dos seus sucessos de vendas: a Fiat Strada.

Sem querer perder o posto de utilitário compacto mais vendido no Brasil, a Fiat resolveu caprichar nesta nova versão e traz para o público brasileiro algumas novidades como uma série de itens que fazem parte da nova linha, assim como uma gama de outros opcionais que deverão facilitar a vida de quem quiser adquirir a nova versão.

Para começar, a linha 2019 já vem com uma tabela de preços mínima em torno de R$ 49.000,00 e que vai variando conforme a versão escolhida pelos seus compradores.

As novas configurações da linha Strada são as seguintes: a Working Cabine simples com motor 1.4, a Adventure Cabine dupla e motor 1.8 e a novidade para a linha 2019, a nova versão, a Freedom 1.4, Cabine dupla.

Os preços podem variar desde o valor mínimo descrito acima, chegando até R$ 72.000,00 para a nova versão com cabine duplicada.

A nova versão da linha Freedom deverá encabeçar a lista de novidades para o ano que vem sendo considerada a ‘top’ de linha nas concessionárias brasileiras da marca para o ano que vem.

Ainda sem data definida para a sua estreia brasileira, a nova linha 2019 promete incrementar ainda mais o concorrido mercado brasileiro de veículos compactos leves no ano que vem.

A Fiat sempre busca trazer novidades para seus consumidores e neste tipo de veículo, o objetivo é alinhar o conceito de conforto com a força de carga para esta categoria.

Lançada como uma alternativa para um público mais exigente, a nova versão Freedom tenta incorporar o conceito de um carro que seja eficiente tanto na estrada quanto no complicado trânsito dos grandes centros urbanos.

O novo motor do tipo Fire1.8 entrega para seus usuários uma potência máxima de até 88 cvs. Tudo isto com um sistema de câmbio manual de cinco marchas.

O veículo vem com os tradicionais itens de série que todos os consumidores já conhecem, como vidro e travas elétricas, volante com funções múltiplas de comando como acionamento do rádio e revestido em couro, ar condicionado de fábrica, aros de liga leve com 14 polegadas, capota marítima, painel central de LED e com câmera de ré. Como bônus, a Fiat ainda oferece pintura especial no painel interno e emblema nos bancos e nas laterais.

Dependendo da versão escolhida pelo consumidor, os novos modelos poderão oferecer protetor de cárter, banco do motorista com regulagem de altura, pneus da marca Scorpion do tipo misto e bloqueio programado do sistema de diferencial.

Uma das grandes novidades da nova linha que, em breve, deve estar no mercado, é o sistema de revisão oferecido pela concessionária.

Se antes, as revisões eram feitas quando o veículo atingia determinada quilometragem, agora a marca resolve estender a manutenção em função do tempo de compra e rodagem. Uma possibilidade a mais para o motorista que vai se beneficiar desta sistemática que deverá ser adotada para o que completar primeiro.

Portanto, se você está encantado com as novidades da linha 2019, principalmente pelo novo design, então é bom ir preparando o bolso e já ir seprogramando para agendar a sua visita a uma concessionária mais próxima de sua residência.

Quem já possui um modelo antigo, então é bom ir se preparado para curitr as novidades da nova linha que prometem trazer mais conforto, segurança e mais praticidade a seus usuários.

Emmanoel Gomes


Confira aqui o preço e os principais detalhes do Novo Ford Ka 2019.

A terceira geração do modelo da empresa Ford, o Ka veio ao Brasil no ano de 2014, juntamente de sua comercialização, como a vontade da marca norte-americana de bater de frente com os carros Chevrolet Onix e o Hyundai HB20. E a estratégia da Ford deu tempo de se concretizar, o carro conseguiu acabar o ano de 2017 sendo o terceiro modelo mais vendido no Brasil, com cerca de 94,9 mil modelos vendidos.

Algo que agrada muito quem possui o Ford Ka 2019 é que ele tem em sua composição de motor dois motores bem atuais, o primeiro que é 1.0 tem seus três cilindros e pode alcançar no máximo 85 cavalos de potência, e o segundo um pouco mais forte é um 1.5 que chega até 110 cavalos, porém, independente da diferença ambos proporcionam um ótimo desempenho ao Ford Ka.

Tendo seu lançamento no ano de 2014, o carro Ford Ka da atual geração apareceu como um projeto mundial com vistas a atender não apenas o mercado brasileiro, e sim também o indiano, onde surgiu com o nome diferente do mercado brasileiro, chamado de Figo e também está presente no mercado europeu, onde terá fabricação em Craiova, na Romênia.

Composto com plataforma que é uma variação de outro famoso, New Fiesta, o carro compacto feito pela Ford no país mudou a primeira geração, que tinha chegado com mudanças muito significativas por aqui, mas ainda era feito com quatro portas.

Detalhes novos e preços

Podem ser encontrados nos artigos do Ford Ka, coisas sobre uma mudança, será exigida muita atenção para que se veja a “olho nu” todas elas, pois são pequenas coisas mas que ajudam totalmente para sua mudança e inovação. A parte da frente tem seu destaque com seu novo modelo de para-choque, que vem com desenho alterado com uma nova tomada ou entrada de ar em sua parte de baixo e faróis de neblina colocados numa harmonia em formato que lembra um “C”, que em versões que são top de linha pode estar com esse detalhe cromado.

Tendo ainda o novo estilo com nova grade hexagonal, que também pode ser vista na versão cromada nas configurações mais caras, faróis e lanternas com novo layout na parte interna, rodas de liga-leve do tamanho de 15 polegadas e suas calotas com 14 polegadas, possuindo também em seus retrovisores a função de repetidores Para quando for ativada a seta, e o para-choque traseiro que o desenho é parecido com padrão da mesma peça dianteira.

O carro hoje traz consigo com grande importância equipamentos para melhorar a segurança, como seus aços que aumentam a resistência em diversos pontos da estrutura, detalhes extras no teto e nos pilares, os aços mais grossos que chegam até 1,2 mm. Tendo em vista o que a empresa disse sobre isso, ele aumentará muito a resistência nos dois modelos, mas ela será quase o dobro no modelo Sedan.

A sensação sentida dentro do veículo ainda sim será a mesma do Ka da terceira geração. O seu destaque atual ou permanente é o painel, que conta agora com o modelo conhecido como “flutuante”, com uma multimídia chamativa com tela de 6.6 polegadas.

O seu preço mesmo tendo em mente essas mudanças ainda é de um carro popular, até porque não pode ficar muito longe dos modelos Onix e HB20, e seu preço também pode oscilar conforme seu modo de transmissão de marcha e acessórios, tendo de exemplo o Ford Ka S 1.0 MT 2019 saindo pelo preço de R$ 45.490, já a versão mais completa de motor 1.5 e automática pode sair por R$ 67.990.

Gustavo Martins


Modelo chega às concessionárias custando cerca de R$ 85 mil.

Dos confins do Japão uma das empresas de maior de renome internacional, devido ao sucesso dos seus modelos nos mais diversos mercados, está com nova estreia. A grande Suzuki anunciou nesta última quarta-feira, dia 1º de agosto de 2018, que brevemente, em solo brasileiro, ocorrerá o lançamento de mais uma série inédita na linha Jimny.

A Desert, assim chamada a nova criação, destaca-se entre as outras por estar vasada em um design mais aprazível, dada a adoção de elementos únicos e distribuídos sobre o visual externo e sobre a cabine. Está equipada com o mesmo tipo de motor, porém, a companhia destacou que, nesta mecânica, várias alterações positivas foram produzidas, no sentido de potencializar ainda mais o desempenho Off-Road. Seu valor é de 85.990 reais.

O desenho externo tenderá a atrair mais ao consumidor, levando em conta a presença de alguns detalhes importantes: um bagageiro de tipo cesta situado no teto e cor Bege Jizan, discreta, elegante e inspirada nas próprias areias dos desertos, de onde o modelo foi inspirado. Na sua parte dianteira ele está munido com faróis em acabamento de grafite; Rock Slider Tubular; equipado com pneus tipo Pirelli Scorpion 215-75R, aro 15 MTR e uma suspensão elevada a 68 mm.

Com relação ao já citado Off-Road, trata-se da instalação de Snorkel, o qual permite a realização de travessia em trechos alagados, além dos recursos extras tais como os quatro protetores instalados nos braços de suspensão; mais dois protetores embutidos sobre os amortecedores das rodas traseiras e um amortecedor para direção.

Outras especificações são: a presença de retrovisores produzidos em grafite, munidos de instruções sobre o Mapa Mundi em suas laterais, as quais operam instruindo sobre a localização dos desertos mais acidentados e desafiadores em todo o mundo. O veículo está equipado de bancos em revestimento especial, com bolsos frontais e nas laterais, adornados com uma costura de cor bege, e o remate bordado como logotipo escrito “Desert”, além de suas texturas referentes às marcas dos pneus utilizados. O pacote integral inclui a “cereja do bolo” com uma plaqueta de inscrição “Desert” instalada no console central, nas molduras de suas saídas de ar e na totalidade do acabamento central que compõe o painel, estilizado em cor Bege Jizan, com o seu assoalho todo revestido em borracha.

Outros atributos podem ser relacionados conforme segue: está aparelhado com um sistema multimídia estruturado em uma tela de sete polegadas, inteiramente compatível com o sistema Android e o iOS; possui dispositivo de preparação de instalação dos acessórios mais comuns, como a câmera de ré e a TV digital. Seu quadro de funções está munido de novo grafismo e de novos elementos inteiramente prateados, incluindo uma inédita tela digital. Com relação à segurança, a mesma relação de atributos inclui os airbags frontais; o sistema de freios em ABS; as barras de proteção nas laterais; os cintos produzidos em três pontos e mais os encostos para a cabeça distribuídos para todos os ocupantes do veículo, entre outros.

No que tange à sua força, o Desert está aparelhado de um sistema de tração 4 por 4, exatamente como as versões anteriores, proporcionando 15 combinações na marcha: 2WD destinada à utilização urbana por meio da tração traseira; em 4WD opera na tração sobre as quatro rodas e em 4WD-L, que é uma função programada para acionar a marcha reduzida.

Todas essas alterações produzidas na tração foram realizadas sobre o painel por meio do sistema chamado Drive Action 4 por 4. Abaixo do capô, se oculta o motor de 1.3 a gasolina que rende 85 CV, em 6 mil RPM e mais 11,2 KGFM no torque e desempenho de 4.100 RPM. O câmbio permanece o prático manual em 5 marchas.

Vale a pena conferir a novidade.

Paulo Henrique dos Santos


Veja aqui mais detalhes sobre o Honda HR-V 2019.

A Honda apresenta as suas mudanças do seu primeiro facelift em seu SUV o compacto HR-V. Além da sua nova frente e algumas leves alterações em sua traseira, esse novo modelo recebe um renovado painel de instrumentos que é parcialmente digital em suas versões mais caras. Essas mudanças também serão empregadas em seu modelo nacional, já que a empresa da Honda mantém os seus modelos de forma bem alinhada em todo mundo.

Essa nova dianteira traz seus faróis recortados possuindo um friso que é totalmente cromado na sua grade. Na versão topo de linha o modelo Touring possui iluminação full-LED, enquanto as demais variações adotam luzes que são um pouco mais simplificadas. Ao menos esse novo HR-V possui de fato uma iluminação para o uso de dia com LED, essa é para todas suas versões, assim como já é feito no Honda Civic.

O para-choque frontal ficou de fato muito mais esporte e com uma inclusão de entradas para o ar ainda maiores e uns tipos de filetes horizontais em sua grade frontal. Na sua traseira, há apenas um friso novo que é cromado entre as lanternas, que são para as versões mais caras. Sua versão de topo de linha, o Touring, ganhou uma tração para as suas quatro rodas, e também uma grade frontal em estilo colmeia, além dos seus bancos possuir ajustes elétricos e uma das partes inferiores na sua carroceria é pintada com a mesma cor da carroceria, enquanto na nova versão Sport ele traz rodas de liga leve e com 18 polegadas e mais alguns detalhes em sua carroceria com uma cor preto brilhante.

A sua novidade mais grandiosa fica por conta do seu interior, que está possuindo um novo painel dos instrumentos, com um velocímetro que é analógico e com aro colorido, já os outros mostradores que foram substituídos por 2 telas coloridas além de serem configuráveis, com o layout que é muito parecido com o do carro Ford Fusion e da lindíssima Ranger. A sua central de multimídia também está renovada e conta com um tipo de controle para volume sendo de botão físico, e os apps Android Auto e Apple CarPlay.

Em alguns países como os EUA e Japão, o HR-V passa agora a ser equipado com o pacote Honda Sensing, que adiciona o modo piloto automático totalmente adaptável, a assistência em permanência de faixa, uma frenagem autônoma em casos de alguma emergência entre outros itens de sua segurança. Não há nenhuma confirmação se esse pacote será empregado no SUV que será comercializado no Brasil, porém, na ausência de outros itens compostos no Civic, que agora é um dos carros de luxo mais caros e modernos, dificilmente esse modelo do novo HR-V brasileiro possuirá esse pacote.

Ele é um carro luxuoso e que virá para atender sem dúvidas, o mais alto padrão em relação a exigências dos consumidores no Brasil. Por isso, você amante de carros com desempenho em alto padrão não pode deixar de estar experimentando essa máquina feita pela Honda. Além de luxuoso, ele é muito maravilhoso e será muito econômico também.

Ainda não possuímos nenhum detalhe sobre o seu motor e em relação a sua economia, mas podendo levar em consideração os seus modelos anteriores dá para saber que virá coisa boa por aí.

Depois do grande sucesso do Honda Civic por aqui e por todo o mundo, a montadora da Honda está investindo pesado no HR-V para que ele possa conquistar todos os topos de vendas novamente.

Por isso todos que tiverem interessados em comprar um novo carro muito em breve não poderá ficar sem experimentar esse modelo da Honda que com certeza chegará para causar.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Saiba aqui as principais novidades presentes no Novo Nissan Kicks 2019.

Esse novo modelo da Nissan, o Kicks 2019, ficará muito mais econômico com o foco de conquistar e surpreender de forma positiva todos os seus consumidores aqui no Brasil. Confira essa previsão para o seu lançamento no Brasil e todas mudanças no modelo e suas novidades.

Como sabemos que a montadora nascida no Japão, a Nissan, esteve entre as principais empresas que patrocinaram os Jogos Olímpicos no ano de 2016, esse grande evento que teve como sede a cidade do Rio de Janeiro, nesse evento a Nissan teve uma excelente oportunidade de poder divulgar a sua marca, em especial o seu novo crossover, um compacto que chegaria para o mercado brasileiro, com essa ótima ajuda em sua divulgação através desses Jogos Olímpicos, ele provavelmente teria um grande sucesso em suas vendas.

Apesar de o modelo ter sido somente conhecido nesse ano de 2016, por conta do evento global, a sua primeira vez que ele apareceu por aqui aconteceu já há quatro anos, na exposição do Salão do Automóvel em São Paulo, ainda no ano de 2012, época que esses utilitários mais compactos não eram nem um pouco populares, nessa época, o seu modelo Nissan Kicks chamou muita a atenção, pois ele apresentava algo em seu visual altamente moderno sem dúvidas muito diferente de que era conhecido em relação aos modelos da Nissan, sendo que os seus carros eram sempre vistos como os carros comuns e sempre sem possuir nenhum traço que marcasse o modelo.

Porém, existe ainda um projeto dentro da própria empresa Nissan que deixa de fato todo os seus clientes apreensivos, resumindo, o Nissan Kicks possuíra como esperado um consumo de aproximadamente 34 km por litro, você consegue imaginar algo assim? Porém, a Nissan vem com esse projeto que tem até o seu nome escolhido, será o Nissan Kicks e-Power, que tem a previsão de sua apresentação neste ano de 2018 ainda no Salão do Automóvel que acontece na cidade de São Paulo, porém, as suas vendas irão começar somente ano que vem e sem até agora uma data confirmada.

Com essa concretização, provavelmente o seu novo modelo, o Nissan Kicks 2019, irá poder dominar todas as vendas em relação ao modelo de SUVs no mercado nacional atual, já que ele será um veículo muito atraente por possuir um visual bem diferenciado e ainda se ele for aliado com sua economia anunciada tão benéfica assim, deverá promover um certo monopólio em todas as vendas, visto que sua economia de consumo será um dos principais fatores que irão ser analisados em uma eventual compra desse novo modelo.

A espera não é só desse modelo, o novo Nissan Kicks e-power, mas há uma grande expectativa pelo seu carro elétrico, sendo assim dá para ter uma noção que a intenção da empresa Nissan é tomar de alguma forma a dianteira sobre os carros ecológicos, já que eles serão claramente o futuro dos veículos automotores, todos esses novos projetos chegarão no Brasil o mais breve possível, já que tem sido um sucesso das vendas os carros da Nissan aqui no Brasil e isso tem agradado de forma muito positiva todos os seus investidores e principalmente a montadora.

Com certeza você não poderá perder o lançamento desses dois carros que serão sem dúvida nenhuma um novo marco em relação aos carros produzidos no Brasil. É certo que muitas montadoras estão investindo na produção de novos carros elétricos e até o ano que vem teremos grandes novidades nesse sentido. Porém, podemos ver também que em relação à super economia em relação ao combustível é uma novidade e tanto por aqui. Por isso estamos aguardando ansiosamente por essas grandes novidades.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Veja aqui todas as novidades do Range Rover Evoque Autobiography.

Com um título de Evoque ainda mais potente e muito luxuosa, já foi lançado esse novo Land Rover, o Range Rover Evoque Autobiography, que chegará ao Brasil com um valor de R$ 305.800. Essa série especial deverá ser limitada em apenas 25 unidades e também já está a disponível em todas as concessionárias do Jaguar Land Rover em todo o Brasil. A sua marca britânica trouxe também um novo lote com 20 unidades da sua Evoque conversível.

Esse Evoque Autobiography será com certeza a opção de mais luxo do SUV e também trará rodas de liga leve com 20 polegadas e com um acabamento único e muito bonito diamantado, seus faróis adaptativos com luz de LED, seu porta malas com um sistema de abertura acionada apenas por um gesto, suas soleiras são iluminadas com a sua marca Autobiography, além dos seus bancos, o teto, o volante e as portas revestidos com um couro premium de Oxford.

O SUV é de muito luxo e ele ainda traz os seus bancos dianteiros possuindo 14 ajustes elétricos, um sistema altamente tecnológico de câmera com 360º, head-up do seu display com alta definição, a sua central multimídia com In Control Touch Pro e sua tela medindo cerca de 10 polegadas trazendo uma TV Digital com alta definição e mais 17 auto-falantes ao todo, Meridian com uma potência de 825W, além dos sistemas Android Auto e o Apple CarPlay.

Essa série Autobiography traz também sob o seu capô uma versão muito mais apimentada de seu motor 2.0, com turbo Ingenium, ao qual foi testado recentemente no modelo Evoque. Nessa nova variante, o seu motor renderá cerca de 290 cv e 40,8 Kgfm de seu torque com apenas 1.500 rotações. A sua transmissão é automática possuindo um total de nove marchas e a sua tração é 4×4. Além de poder acelerar da estaca zero até 100 km/h em cerca de apenas 6,4 segundos, o seu total pode chegar a uma velocidade máxima de até 231 km/h.

Com certeza será um modelo que valerá muito a pena adquirir, para os amantes de carros em alto padrão e que gostam de conforto, tecnologia e economia esse será um carro perfeito.

Se você se enquadra a esse seleto grupo de pessoas, não poderá deixar de conferir pessoalmente essa máquina sobre rodas. A montadora planeja estourar as vendas e vender em tempo recorde essa versão que é limitada.

Por isso, se interessou por esse modelo terá que correr e ficar atento em todas as informações para não perder a grande chance de adquirir um ótimo carro como este.

O Ranger Rover sem dúvidas foi sucesso de vendas por aqui, conquistando a preferência dos brasileiros. E esse novo modelo será também um sucesso total. Porém, como é uma edição limitada, poucos terão a oportunidade de adquirir. Se planeja pelo menos experimentar um desse novo modelo, terá que correr até uma concessionária o mais rápido possível.

Não perca a chance de sentir o prazer de dirigir uma obra prima dessas pessoalmente. E se tiver a condição financeira para adquiri um desses, terá que ser rápido.

Com o fim da crise econômica no país, as concessionárias têm aumentado de forma muito significativa suas vendas e os carros estão saindo de forma muito rápida da empresa até os consumidores. E apostando nisso, a montadora investiu pesado na produção dessa edição limitada. Estimando que sua venda seja um estouro por aqui no Brasil.

Hoje podemos ver nas ruas muitos carros Ranger Rover e isso faz com que a montadora ainda sinta mais confiança no mercado brasileiro. Podendo assim investir mais ainda em trazer seus belos carros para cá.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Veja aqui as principais qualidades e defeitos do Ford Ka SE 1.0 2019.

Essa terceira geração do modelo Ford Ka chegou no mercado brasileiro em 2014, como uma aposta da marca para peitar de frente o Chevrolet Onix e também o Hyundai HB20. E essa estratégia da empresa até que deu certo: o Ka fechou o ano que passou de 2017 sendo como o terceiro mais vendido em todo o País, com cerca de 94,9 mil carros comercializados.

Agora, a briga ficou ainda mais acirrada, pois o Ford Ka 2019 está chegando com algumas mudanças consideráveis em seu visual e também no seu interior, além de novos equipamentos adicionados de série, e motor com 1.5 litro sendo flex e três cilindros herdado do modelo do EcoSport, uma opção de câmbio sendo automático com seis marchas e com conversor torque e uma versão com certa vocação para aventuras.

Somente os olhares atentos irão conseguir reparar nas novidades de estéticas do novo Ford Ka 2019. A sua dianteira traz como um destaque o seu novo para-choque, trazendo o desenho alterado e uma nova tomada inferior, além de faróis para neblina inseridos com um nicho em formato “C”, que em suas versões de topo de linha contém um detalhe cromado.

Há ainda a nova grade em hexagonal, igualmente só que cromada em suas configurações mais elevadas, os faróis e a lanternas com um novo layout por dentro, novas rodas sendo de liga-leve com 15 polegadas e suas calotas com 14 polegadas, seus retrovisores com uma opção de repetidores para as seta e para-choque da traseira cujo o seu desenho acompanha um padrão na peça dianteira.

O carro agora vem com uns reforços estruturais para poder melhorar a sua segurança, como aços em alta resistência em alguns pontos da sua estrutura, reforços extras para o teto e em seus pilares e alguns aços mais espessos com até 1,2 mm. Estas mudanças puderam render um aumento em 5,3% em sua rigidez torcional no Ka hatch e em 9,2% no Ka Sedan.

Por dentro, ainda você vai se sentir dentro do Ka terceira geração. Isso porque, bem diferente do EcoSport, esse carro ganhou algumas mudanças sutis. O seu destaque fica em relação ao novo console de sua central, que agora está ostentando uma tela top tipo “flutuante” muito sensível ao seu toque com 6,5 polegadas em seu topo, com o sistema SYNC 3 e mais recursos como o Apple CarPlay e o aplicativo Android Auto.

Nas suas medidas, ele possui 3,94 metros em seu comprimento, 1,69 m em sua largura e ainda 1,52 m em sua altura, com um entre-eixos de aproximadamente 2,49 m. O seu porta-malas tem uma capacidade para o total de 51 litros.

Com certeza é um ótimo carro para uso pessoal, familiar e até para trabalho. É um carro supereconômico e tem um espaço considerável em seu interior.

O Ford Ka é um dos melhores carros no padrão popular hoje no Brasil, muitas pessoas têm comprado e gostado do resultado. As pessoas gostam desse tipo de carro principalmente no Brasil.

Por isso a cada ano que passa o carro tem ganhado mais consumidores e isso tem feito que a montadora invista mais no seu desempenho e tecnologia melhorando de forma gigantesca seu modelo. Por isso, se está procurando um carro para viajar e passear com a família, ele é um carro perfeito.

Faça um teste drive e comprove pessoalmente como ficou esse novo Ford Ka 2019. Sem dúvidas nenhuma é um carro para muitos anos. E será sucesso de vendas por aqui no Brasil.

Possuindo um design totalmente inovador e muito atraente, esse carro conquistará o coração dos brasileiros e alcançará o topo de vendas.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Novo motor deverá ser oferecido inicialmente no exterior, podendo chegar ao Brasil em breve.

A empresa da Land Rover consiste em ser uma subsidiária da empresa que começou na Índia intitulada como Tata Motors. No Brasil existe cerca de 35 concessionárias que são autorizadas pela marca, desde 1992 a marca retornou para o país, estabelecendo por aqui maiores raízes ainda, tornando-se hoje, desse modo, a famosa e renomada Land Rio no Estado do Rio de Janeiro, sua sede mais antiga no país.

Assim, esse novo modelo obteve algumas significativas mudanças em seu design.

A empresa Land Rover está também anunciando, por esta mesma semana, em todo o exterior, a chegada para o mercado uma nova alternativa em relação à motorização para tipo TurboDiesel para uso familiar do modelo Discovery. Mesmo depois de elaborado, o veículo recebe agora o título de SDV6, com uma capacidade máxima de 3.0 litros em relação a descolamento; ele por ter um estilo de propulsor e um desempenho com até 306 CV em potência e 71,4 em relação a KGFM e torque no seu máximo potencial. Entre alguns outros atributos e outras especificações deste modelo, podem também encabeçar a essa lista o fato do mesmo estar agora munido de um sistema de admissão que foi modificado e de seu injetor com oito furos, capaz até de proporcionar no seu máximo um bom desempenho e uma ótima eficiência.

Se analisarmos na prática, a capacidade de velocidade desta SUV, que possui média de duas toneladas, vai de 0 até 100 km por hora numa fração de apenas 7,5 segundos. Portanto, além do seu novo motor, o novo modelo Discovery também incorpora um poderoso e também inédito sistema para operar de uma forma a garantir uma maior segurança a todos os seus passageiros, ou seja, esse Sistema de Detecção para Saída Segura, ao qual aciona um certo tipo de alerta para o condutor e para os passageiros em situações que aja aproximação de outros veículos, de ciclistas e outros demais possíveis perigos que possam aparecer, e que podem ocorrer também na parte de sua traseira, em relação ao ato de precisar desembarcar do seu veículo. Na medida que é identificada uma presença de qualquer tipo de obstáculo, uma luz para aviso é ligada na porta e acende soltando um tipo de advertência a todos os ocupantes do veículo.

De acordo com alguns especialistas, as mais recentes dessas atualizações reforçam um patamar que o novo modelo Discovery ocupa hoje um tipo de uma SUV familiar, que é muito mais versátil e ainda mais potente para o mercado atual. Com relação a esse novo motor, movido a diesel, o mesmo pode disponibilizar níveis elevados em termos de seu desempenho e de sua eficiência, no passo que, ele cerne das suas novas tecnologias e segurança, que nele estão incluídas, as mesmas funcionando na proteção dos ocupantes do carro como de todos os pedestres que possam estar ao seu redor. O executivo do grupo da Jaguar Land Rover é divulgado muito recentemente.

Portanto, há uma imensa expectativa para que a estreia do novo motor, com essas novas especificações e novos atributos, possa ainda acontecer em breve, também no nosso território brasileiro. Entretanto, no Brasil esse modelo Discovery atualmente está aparelhado com dois tipos de motores, o 3.0 TD6 (tendo desempenho de até 258 CV) e o 3.0 V6 Si6 (que é movido à gasolina e com um desempenho de até 340 cv).

A empresa Land Rover está hoje entre as mais importantes e as mais competitivas em todo mercado internacional e seus modelos são muito comercializados. Apesar da existência de um grande mercado automobilístico, que é hoje muito competitivo em praticamente todo o mundo, mesmo assim a variedade para o gosto e para a exigência humana é muito ampla, sem mencionar uma questão de segurança, o que pode abrir uma grande vantagem em todas as montadoras que existem hoje.

Com certeza vale muito a pena ficar de olho nas novidades dessa máquina e quando chegar ao Brasil fazer um test drive.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Conheça aqui mais detalhes sobre o Novo Hyundai Creta 2019.

O mercado dos carros está cada vez mais sofisticado e tecnológico. Alguns dizem que assim como aconteceu com os aparelhos telefônicos, a função principal dos carros não será mais dirigi-los. Trata-se de uma experiência com diversos recursos de entretenimento, informação e automação. O Creta da Hyundai deu um grande passo em direção a essa ideia de carros com fontes de lazer/entretenimento.

Na versão 2019 do Hyundai Creta consta TV Digital integrada ao carro. A TV Digital faz parte da plataforma multimídia chamada BlueMedia. Conforme alguns especialistas, a função de dirigibilidade dos carros está cada vez mais próxima de ser algo automático, baseado em inteligência virtual. Sendo assim, estar no carro será uma experiência de transporte e os passageiros terão que ter recursos para se distrair.

Esse futuro ainda não chegou, mas mesmo assim a Hyundai, com o Creta, já investe em tecnologias que vão de encontro a essa concepção de carro com entretenimento. A TV Digital integrada na plataforma multimídia é uma das grandes novidades do Creta 2019.

O preço do carro varia de acordo com cada versão. Existe a versão Attitude para PcD, a versão Pulse Plus, a versão Sport e a Prestige. No caso da Attitude, o Creta 2018/2019 conta com motor 1.6 de 130 cavalos. Câmbio automático, vidros elétricos (traseiro e dianteiro), rodas aro 16, botão start/stop e 6 velocidades distintas. Já com os descontos, esse modelo sai em média por R$ 54 mil.

No caso da versão Sport, as mudanças são mais para trazer essa característica de esportivo para o carro. A suspensão está mais firme e no porta-malas consta uma moldura em preto brilhante, escrito Sport.

Para a linha 2019 do Hyundai Creta, o preço mais em conta sai com a versão Attitude, essa, sem os descontos, chego a ter um valor de até R$ 28 mil inferior a versão topo de linha, a Prestige. Na faixa de preço, a versão Pulse Plus bate os R$ 91 mil, enquanto que a versão Sport fica na faixa de R$ 97 mil. A Prestige é a versão topo da linha 2019 do Creta, o valor por um chega a R$ 103 mil.

Todas as versões contam com a novidade da linha Creta 2019, a TV Digital. Abaixo você pode conferir a tabela completa com os valores para cada versão:

  • Hyundai Creta Attitude 1.6 6MT – R$ 77.890
  • Hyundai Creta Pulse Plus 1.6 AT – R$ 91.890
  • Hyundai Creta Sport 2.0 6AT – R$ 97.890
  • Hyundai Creta Prestige 2.0 6AT – R$ 103.990

O Futuro dos Carros

O setor automobilístico é um mercado que promete grandes mudanças nos próximos anos. Uma pela questão ambiental da queima dos combustíveis fósseis, outra pela própria dirigibilidade automática dos carros, através de GPS e inteligência artificial.

Grandes empresas do Vale do Silício, nos Estados Unidos, estão a frente dessa corrida. A Uber já realiza testes práticos com carros autônomos, assim como a Google e a Tesla de Elon Musk. Além disso, a Tesla tem oferecido carros que aliam potência, luxo e tecnologia, juntamente com motores movidos por energia elétrica.

Atualmente, mesmo com uma montadora pequena e poucos carros “nas ruas”, a Tesla é a montadora de maior valor no mercado financeiro. Talvez, algum dia, olhemos para trás e nem sequer nos recordemos de como era o mundo quando precisávamos dirigir carros. A revolução nos meios de transporte tende a ser tão automatizada que, da mesma forma que a maioria das pessoas nunca “galopou” em um cavalo, grande parte das pessoas nem mesmo terá conhecimento do que era trocar uma marcha, pisar na embreagem e ou manusear uma direção.

O futuro está aí. Quem um dia imaginou que assitiríamos TV…dentro do carro!

Ass: Matheus Griebeler


Novo modelo deverá começr a ser vendido na Europa ainda esse ano.

No mês de novembro do ano de 2017, a montadora Audi disse que revelaria os seus novos modelos de três em três semanas ao longo do ano de 2018. Realizando essas contas, significa que a sua fabricante tem planos para mostrar no total 17 veículos. E é por isso que na empresa de Ingolstadt vêm aparecendo tantas notícias, apresentando as reestilizações, das novas gerações e os modelos inéditos, para brigar de frente com a Mercedes-Benz e também a BMW, que estão renovando todas as suas linhas também. Agora será a grande vez do modelo Audi Q3 2019, essa que é a segunda geração da SUV da marca.

Esse novo Audi Q3 que será apresentado ainda na próxima quarta-feira, no dia 25 desse mês de julho. A sua fabricante divulgou um lindo vídeo mostrando alguns pequenos detalhes dessa crossover. Já que vimos esse utilitário e praticamente sem nenhuma camuflagem há um pouco de tempo e temos também flagrado esse SUV em alguns testes há uns tempos.

O vídeo pode ajudar a confirmar nossa projeção que estava correta, e que esse novo modelo do Q3 irá possuir a nova identidade em visual utilizada através da linha de SUVs da montadora Audi. Embora não seja uma diferença considerável, ao comparar com sua versão atual, esse SUV terá um novo aspecto muito mais moderno, o que irá ajudá-lo a poder se destacar ainda mais, já que ele não é mais um modelo crossover que anteriormente era de entrada da Audi. Esse papel foi passado para o modelo Q2.

Alguns outros flagras mostram que a montadora da Audi já está trabalhando nas novas versões que serão muito mais apimentadas dos SQ3 e RS Q3. O modelo SQ3 poderá chegar ao Brasil já em 2019, enquanto o novo modelo do RS Q3 deverá aparecer só no ano de 2020. Enquanto eles não chegam, o modelo Q3 normal começa a ser comercializado na Europa já no final desse ano de 2018. Ele irá adotar a plataforma que hoje é do MQB, fazendo que perca um pouco de peso e cresça ainda um pouco mais. A sua motorização será composta pelo motor 1.5 TSI com 150 cv na sua versão de entrada e com o motor 2.0 TDI para a versão da Europa. Em um futuro não muito distante, ainda poderá receber uma versão híbrida, com uma autonomia de mais de de 50 km no seu modo elétrico.

A sua apresentação no nosso país pode acontecer ainda no Salão do Automóvel em São Paulo, mas as suas vendas ficarão para o ano de 2019, somente. Há rumores dizendo por aí que o modelo não será produzido na cidade de São José dos Pinhais no Paraná, pois a sua linha de produção será usada para produzir o novo modelo A1.

Enquanto não temos mais novidades precisamos ficar atentos, pois a qualquer momento a montadora poderá soltar mais alguma novidade. Não perca nenhum detalhe até seu lançamento. Pois será um carro que virá para conquistar o coração dos brasileiros.

E sem dúvidas nenhuma a intenção da Audi, é conquistar os topos de vendas por aqui. Na Europa ela já uma das empresas que mais vendem, e no Brasil ela tem tudo para conquistar esse patamar. Por isso se você procura conforto, luxo e muita economia não poderá deixar de conferir cada detalhe desse novo lançamento da montadora.

Seu valor ainda não foi divulgado mais com certeza valerá muito a pena, pois seu custo benefício é muito bom e faz com que ele rode muito com combustível. E já que a montadora disse que cogita a sua versão híbrida podemos ficar atentos pois coisas melhores ainda aparecerão.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Versões do carro tiveram aumento de até R$ 1.000.

A montadora Toyota apresentou a sua nova linha 2019 do modelo Corolla no mês de abril, um pouco antes de lançar o Yaris. Nessa época, o sedã médio já havia perdido duas versões, a GLi e a GLi CVT, e partia para a GLi Couro, pelo valor de R$ 89.990. Os preços iam até no máximo R$ 118.850 na sua versão Altis. Agora, o site da Toyota no Brasil mostra os seus preços um pouco mais elevados. Na configuração GLi em Couro está saindo por R$ 90.990 e a Altis está sendo cobrado o valor de R$ 118.990.

Vale lembrar também que a linha 2019 do novo Toyota Corolla não possui nenhuma alteração em relação ao seu sedã. Seja visual de mecânica ou até mesmo em seus equipamentos. O GLi em Couro segue como o único dotado com um motor 1.8 e flex, gerando uma força de até 144 cv movido a etanol e, como essas configurações o sedã, vem com câmbio automático e relações continuas e variáveis (CVT). Já as demais versões, os XEi, XRS e Altis, já trazem um motor 2.0 e flex capaz de chegar até 154cv com etanol.

Confira a alteração nos valores de cada modelo dessa linha do Toyota Corolla 2019:

O Corolla GLi em Couro 2019 vai agora para o valor de R$ 90.990 e antes ele custava o valor de R$ 89.990.

O Corolla XEi 2019 vai agora para o valor de R$ 105.990 e antes ele custava o valor de R$ 105.690.

O Corolla XRS 2019 vai agora para o valor de R$ 111.990 e antes ele custava o valor de R$ 111.270.

O Corolla Altis 2019 vai agora para o valor de R$ 118.990 e ante ele custava o valor de R$ 118.850.

Apesar de ter sofrido uma variável até considerável em seu valor, ainda compensa adquirir um carro do modelo. Pois ele é um dos carros mais luxuosos hoje na atualidade, e se procura conforto e um ótimo desempenho, esse carro é perfeito. Ele oferece tudo isso em praticamente todos os modelos de sua linha.

O Corolla tem sido a linha que mais tem vendido na Toyota aqui no Brasil, com isso tem conquistado o coração dos amantes de automóveis brasileiros. Por isso se ainda não comprou o seu essa pode ser uma grande oportunidade.

Mesmo com a alta no seu valor, ainda seu custo benefício é um dos melhores. Pois ele é um carro de alto padrão e mesmo suas versões 2.0 tem um bom desempenho com etanol. E ainda consegue economizar um pouco com combustível.

Ideal para viagens familiares, onde terá um ótimo desempenho nas rodovias, além de proporcionar muito conforto a toda sua família.

Vá até uma concessionária Toyota e faça um teste drive. Experimente pessoalmente uma máquina dessas, com certeza irá se apaixonar. Não deixe de consultar nenhuma informação sobre o modelo para que possa assim desenvolver um ótimo negócio. O Corolla é um carro que quem compra não se arrepende. Pelo contrário, as pessoas só trocam por outro mais novo do mesmo modelo.

Não se vê no mercado muitos Corollas usados para vender. Pois é um carro que depois que se compra a pessoa se apaixona pelo veículo.

Consulte quem já possui um desses veículos e comprove você mesmo. Com certeza irá se decidir em comprar um.

Na sua versão em Couro ele possui um acabamento interno perfeito. Mesclando seu estofado com todo o design interno ficando um carro de alto padrão. E dando um ar totalmente luxuoso ao modelo.

É um carro para deixar qualquer um apaixonado, quem tem não vende e quem experimenta quer comprar um de qualquer jeito!

Ricardo Ferreira Rodrigues


Montadora atualiza versões e aumenta os preços do modelo.

O Ford EcoSport 2019 sofreu um reajuste de preço, uma péssima notícia para quem estava pensando em adquirir o modelo, que agora custa mais de R$ 100 mil, assim como outros SUVs compactos, entre eles o Renegade e HR-V. A montadora já tinha conseguido segurar o preço, graças a uma redução nos equipamentos ofertados, mas acabou tendo que fazer alterações na tabela.

O reajuste foi para todas as versões do modelo e agora o EcoSport 2019 mais barato custa R$ 78.290 e o mais caro é R$ 104.190. O Jeep Renegade e também o Honda HR-V, já passaram por reajuste e o consumidor chegou a pensar que o modelo da Ford manteria o preço, mas isso não aconteceu.

O EcoSport 2019 atinge a cifra de 6 dígitos com a versão Storm, que vem com câmbio automático, motor 2.0 e tração 4×4. A versão Titanium também ficou acima dos R$ 100 mil. Na verdade, o valor é de R$ 99.490, mas se o cliente optar por uma outra pintura, além da Vermelho Arpoador, terá que pagar R$ 1.450 a mais, ou R$ 650 se escolher o Branco Ártico, de qualquer forma, o valor passa de R$ 100 mil.

Confira a tabela de preço atualizada para o EcoSport 2019:

  • SE 1.5 manual: R$ 78.290 (antes custava R$ 76.690)
  • SE 1.5 automático: R$ 84.290 (antes custava R$ 82.890)
  • FreeStyle 1.5 manual: R$ 86.490 (antes custava R$ 83.690)
  • FreeStyle 1.5 automático: R$ 92.490 (antes custava R$ 89.890)
  • FreeStyle Plus 1.5 AT: R$ 95.435 (antes custava R$ 92.790)
  • Titanium 2.0 automático: R$ 99.490 (antes custava R$ 96.990)
  • Storm 2.0 4WD AT: R$ 104.190 (antes custava R$ 99.990)

No início desse ano, a Ford já deu sinais de que estava buscando soluções para não aumentar o preço do EcoSport, mas de qualquer forma, no final era o consumidor que seria prejudicado. Em fevereiro, por exemplo, o modelo chegou a perder 7 airbags em quatro de suas versões. A mudança polêmica deu o que falar, mas era uma estratégia da montadora para manter os preços mais competitivos.

Hoje, o Ford EcoSport está na 6ª posição entre os utilitários esportivos, onde o Compass é líder com mais de 28 mil unidades vendidas. O HR-V, segundo colocado, já vendeu mais de 23 mil unidades de janeiro a junho deste ano. Na terceira colocação vem o Kicks, com 21 mil unidades. O Renegade é o quarto, com 21 mil veículos comercializados, seguido pelo Creta, que emplacou 20 mil unidades. O EcoSport está longe de atingir o objetivo de conseguir o primeiro lugar e com esse aumento de preço, a tarefa fica ainda mais complicada.

O Ford EcoSport 2019 adicionou o novo motor Dragon 1.5 Ti-VCT, com 3 cilindros, 137 cavalos com etanol e 120 com gasolina. O toque é de 15,6 e 16,2 kgfm, com 4.500 rpm para ambos. Tem a opção com câmbio manual de 6 marchas e a opção automática com conversor de torque, também com 6 marchas. Nas versões Storm e Titanium, o motor é Duratec Direct 2.0 Ti-VCT de 176 cavalos no etanol e 170 cavalos a gasolina, com 22,5 kgfm e 20,6 kgfm respectivamente. O câmbio de ambas as versões é automático, contando com 6 marchas e conversor de torque, só que a versão Sorm é personalizada e traz o sistema de tração nas quatro rodas.

A Ford com estas mudanças tinha boas chances de subir no ranking, mas o aumento de preço pode comprometer o objetivo da montadora. Felizmente para a empresa, os concorrentes também tiveram os valores reajustados e isto pode ser a salvação, mas ainda é cedo para dizer que o EcoSport conseguirá sair da 6ª posição. Os modelos concorrentes nestes segmento também trouxeram boas novidades e agora cabe ao consumidor decidir qual é o melhor investimento.

Por Russel


Modelo terá apenas 250 unidades à venda.

A linha do 208 estava “parada” a um bom tempo no mercado automobilístico, sem muitas novidades expressivas nas suas últimas versões e nos seus equipamentos, a Peugeot percebeu que isto estava se tornando um problema e resolveu lançar sua nova versão de maneira especial da linha Peugeot 208 para assim animar seus potenciais consumidores e rede autorizada, assim surgiu o Peugeot 208 Inconcert.

O Peugeot InConcert está atendendo sob medida uma legião de fãs que gostam muito particularmente de sons mais potentes e também principalmente com uma qualidade maior em seu carro, sua principal diferença está justamente no seu tipo de som automotivo que está embutido em seu interior, a Peugeot também fez questão de instalar seu potente subwoofer de 250 w de potência e é totalmente selada, com alumínio e oito polegadas de diâmetro na sua caixa de som que vai no porta-malas de seu veículo, além também de vários outros equipamentos garantindo todo este refino no quesito de áudio.

Pelo fato dele ser uma série totalmente especial, a Peugeot colocou limite no seu Peugeot InConcert em apenas 250 unidades produzidas, sendo cada oferecida inicialmente pelo valor de R$ 65.490, e seu futuro comprador pode escolher nas opções de cores em Branco e Cinza ou Branco Branquise com Cinza Aluminium, são assim denominados no seu catálogo oficial sem nenhum custo adicional.

A ideia da concessionária Peugeot é sempre posicionar sua série especial bem abaixo em termos dos valores em relação as outras versões que são oferecidas do modelo Peugeot 208, exemplo disso a versão Griffe que está a partir de R$ 73.790,00 ou a versão Urbantech a partir de R$ 74.490 ou até mesmo a sua versão mais esportiva e que é bem cara, a versão GT, com o preço inicial de R$ 84.890, a empresa espera que a estratégia comercial obtenha bons resultado.

O modelo da Peugeot 208 InConcert, além de poder contar com um potente subwoofer já embutido no porta-malas, também pode vir com mais quatro alto-falantes e também um par de tweeters já conjugados em seu interior do veículo, todos com uma qualidade da fábrica italiana ASK.

Fora também toda esta potência e o refino para os seus ouvidos, o Peugeot 208 vem acompanhado com uma central multimídia possuindo sete polegadas e com uma tela sensível ao toque, oferecendo um útil espelhamento de celulares, e sua compatibilidade é total com os sistemas de Android e também a Apple CarPlay.

A Peugeot complementa o generoso equipamento com as rodas de liga leve com 15 polegadas, seu volante com um acabamento em couro e câmera traseira auxiliando suas manobras, faróis de neblina e um piloto automático possuindo itens de série.

A sua mecânica permanece de forma inalterada, a montadora Peugeot se baseou principalmente na sua versão do Active Pack, podendo oferecer em seu 208 o motor 1.6 com 16 válvulas, sendo flexível com uma potência de até 118 cv movido a etanol ou 115 cavalos movido a gasolina e um torque de 16,1kgfm nas ambas potências.

Para poder comandar tudo isso o Peugeot 208 conta com um câmbio que possui seis marchas automático e com a possibilidade de poder selecionar quatro modos que são diferentes na condução de cada motorista: modo Drive, Eco, Sport e o Sequencial.

A ideia da montadora Peugeot, além de estar oferecendo um produto muito mais requintado a um público que é bem mais exigente nos termos de som para automóveis, também é trazer um conforto e um requinte já conjugados. A Gerência dos Produtos é muito enfática em citar isso no lançamento oficial do modelo.

Com certeza é uma ótima opção para os amantes da linha Peugeot, não deixe de fazer um teste drive nesse novo modelo e conferir pessoalmente essa linda máquina da montadora.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Montadora reduz preços e quantidade de versões do modelo.

A chegada do novo Volkswagen Polo em todo Brasil mexeu também com as versões dos seus irmãos: o Gol que passou a ser vendido no modelo único, o Fox também ficou somente com duas versões o Connect e Xtreme e por sua vez o Up! Terá algumas mudanças. Anteriormente vendido nas suas quatro configurações, o subcompacto perde uma versão, a Take. Sua estratégia agora irá priorizar as versões que possuem o motor TSI, tem sido as preferidas por todos os consumidores. Os preços também foram reduzidos para todas as suas variantes.

Agora, o modelo Up! passa a ser comercializado somente em suas opções Move MPI, I-Motion, TSI, Cross TSI e também Pepper TSI. Os seus preços também começam com R$ 50.270 na versão Move MPI e podem chegar a R$ 62.394 na sua versão Pepper TSI, sendo totalmente equipada. Com uma exceção no modelo Move, o seu único opcional é o sistema de seu som, o Composition Phone, que custa cerca de R$ 1.760. Sua pintura metálica também é cobrada um adicional de R$ 1.419.

De série, todas suas versões do Up! estão vindo equipadas com o ar-condicionado, as luzes de neblina, além de direção elétrica com uma regulagem de altura, os vidros dianteiros elétricos, além de retrovisores elétricos com a função tilt-down, as luzes diurnas, a iluminação interna que é de LED e as rodas de liga leve sendo de 14 polegadas no modelo Move e 15 polegadas no modelo Cross e no Pepper. Os modelos TSI também adicionam o controle de tração enquanto a versão Cross e o Pepper também trazem o sensor de chuva e farol, além de um sistema SAVE na divisão de carga dentro do porta-malas.

Mecanicamente apenas sua versão Move tem como opção um motor 1.0 sendo MPI aspirado com até três cilindros, 82 cv e com 10,4 kgfm torque. Sua transmissão pode ser manual com cinco marchas ou automatizada com embreagem única I-Motion. Para suas demais versões, uma única opção é o modelo 1.0 TSI com três cilindros sendo turbo e com 105 cv 16,8 kgfm torque. Visualmente suas versões TSI são diferentes na tampa traseira com cor preta e também pelo emblema 170 TSI.

Os novos valores são:

Move MPI passa a valer R$ 50.270 e antes era R$ 51.290.

Move MPI I-Motion passa a valer R$ 52.710 e antes era R$ 53.690.

Move TSI passa a valer R$ 55.700 e antes era R$ 56.850.

Cross TSI passa a valer R$ 58.730 e antes era R$ 60.280.

Pepper TSI passa a valer R$ 59.240 e antes era R$ 60.820.

Com certeza esse é um ótimo momento para adquirir um modelo do UP! Essas baixas nos seus valores é uma boa para poder comprar um desses modelos. Escolha o que melhor atende suas necessidades e compre hoje mesmo. Corra até uma concessionária da Volks e faça um teste drive para ver que agora com esses novos valores compensa e muito comprar um desses UPs.

Com o fim da crise econômica que se instalou por um grande período em nosso país, talvez esse seja sua melhor oportunidade de trocar seu veículo. E agora com a baixa de alguns modelos ainda está mais fácil ainda para trocar seu seminovo em um modelo zero km.

Esse modelo é muito econômico, além de ser muito apropriado para uso de passeio com a família. Por isso se essas são suas necessidades do veículo, com certeza o Up será uma ótima opção.

Muito confortável e econômico além de possuir um design muito atraente, uma ótima opção de carro com valores totalmente acessíveis.

Corra hoje mesmo até uma concessionária e aproveite esses novos valores!

Ricardo Ferreira Rodrigues


Modelo chega às concessionárias custando entre R$ 63 mil e R$ 83 mil.

Chevrolet Spin 2019 de cara nova é a grande novidade no mercado nacional de automóveis, a minivan chega com preços que variam de R$ 63.990 a R$ 83.490, são várias versões para atender a todos, desde o mais exigente àquele que precisa do básico. Outra novidade é que finalmente a Chevrolet Spin teve o visual modificado e apesar de não ser uma mudança radical, é possível notar que o veículo resolveu se modernizar em relação também ao design.

A versão aventureira, que antes era conhecida por Active, agora será chamada de Activ7 e traz uma terceira fileira de assentos, só que custará bem mais que as outras versões.

A Spin LS, que custa R$ 63.990, vem com alarme, ar-condicionado, tem alerta de pressão dos pneus, os vidros e travas são elétricos, chave tipo canivete, a coluna de direção tem ajuste de altura, assim como o banco do motorista, lanternas de neblina, os faróis podem ter a altura regulada, entre outras opções.

O Spin LT custa R$ 68.890 e acrescenta o sistema multimídia MyLink com Apple CarPlay e Android Auto, além do rack de teto, retrovisores com a mesma cor do veículo, as rodas de 15 polegadas são em alumínio, tem retrovisores elétricos, cobertura para o porta-malas, volante multifuncional e mais sensor de ré.

Quem estiver disposto a pagar um pouquinho mais, poderá levar o Spin LT automático, que custa R$ 69.990 e a vantagem em relação à versão anterior é que tem transmissão automática de 6 velocidades, mais o sistema OnStar, controle de velocidade de cruzeiro e o importante sistema que alerta quando é esquecido no banco de traz algum objeto ou até mesmo uma pessoa.

Para ter o Spin LTZ, aí a diferença é bem maior, pois a versão custa R$ 78.490 e se comparado à Spin LT manual, traz faróis de neblina, controle de velocidade de cruzeiro, a 3ª fileira tem bancos rebatíveis, computador de bordo, alguns detalhes cromados para dar um diferencial no visual, rodas de 16 polegadas em alumínio, acabamento cromado no para-choque traseiro, luz diurna de LED e sensores crepuscular e de chuva.

As outras três versões também são mais caras e cada uma tem seu diferencial. A Spin LTZ automático custa R$ 81.990 e adiciona transmissão automática de 6 velocidades. A Spin Activ automático é R$ 79.990 e adiciona estribos laterais, moldura do porta-malas, o estepe agora fica é no assoalho do porta-malas, rack de teto e ainda tem um lindo acabamento externo em cromado escurecido. Por fim, a Spin Activ 7 automático custa R$ 83.490 e em relação à versão Activ traz a 3ª fileira de bancos rebatíveis.

O visual realmente melhorou, o design ficou mais moderno sem perder a personalidade da Spin. A grade ficou mais inclinada, os faróis estão afilados e contam com máscara negra. Mudança no visual também para a parte traseira, onde as lanternas agora contam com um desenho horizontal e tem aerofólio integrado ao teto, deixando o conjunto em mais harmonia.

As mudanças também são internas, mas nada radical. Os bancos centrais deslizantes é a principal novidade, pois garante mais espaço para os passageiros da terceira fileira nas versões que oferecem 7 lugares. Agora, estes passageiros não precisarão ficar apertados.

Em relação ao conjunto mecânico, nada mudou, apenas alguns ajustes foram feitos para melhorar o desempenho, porém, a potência continua a mesma de antes. O motor 1.8 flex é de 111 cv e 17,7 kgfm, seja com o câmbio manual ou o automático de 6 marchas. O consumo é de 10,3 km/l na cidade e 12 km/l na estrada quando abastecido com gasolina e 7,0 km/l na cidade e 8,3 km/l na estrada quando for com etanol.

Por Russel


Confira mais detalhes sobre a tabela completa de preços do Onix e Prisma.

Quem estava planejando comprar um Onix ou Prisma e acabou deixando para agora, terá que pagar mais, pois os preços ficaram até R$ 500 mais caros. Com este reajuste, os compactos chegaram perto dos R$ 70 mil para as versões top de linha e dentro de algumas semanas será possível saber se isto atrapalhou as vendas, ou se foi bem aceito pelo mercado.

A linha 2019 chegou ao Brasil há pouco mais de um mês e muitos consumidores estavam se planejando para adquirir um dos novos modelos da Chevrolet, mas quem ainda não comprou o seu, terá que refazer as contas, agora que os preços foram reajustados. Onix e Prisma ficam mais caros em todo o Brasil e o consumidor se pergunta se não tem um modelo mais em conta, que possa lhe atender.

A tabela divulgada recentemente pela Chevrolet traz novos preços para todas as versões e os aumento chegam a R$ 500, por exemplo, o hatchback na configuração Activ, que é a mais cara de todas, agora custa R$ 68.390, enquanto o sedã LTZ fica em R$ 69.990. E a novidade é só mesmo o aumento de preços, porque os itens continuam os mesmos, com encosto de cabeça para o passageiro traseiro central e o cinto se segurança de 3 pontos, entre outros.

O Onix LT 1.0 teve um aumento de R$ 240, enquanto no LTZ 1.4 MT6 foi de R$ 300. Confira os preços para todos os modelos do Onix:

  • LT 1.0: R$ 48.390
  • LT 1.0 mais pacote opcional: R$ 50.90
  • LT 1.4 MT6: R$ 54.790
  • LT 1.4 AT6: R$ 60.090
  • Advantage 1.4 AT6: R$ 55.290
  • LTZ 1.4 MT6: R$ 59.290
  • LTZ 1.4 AT6: R$ 64.790
  • Effect 1.4 MT6: R$ 57.990
  • Activ 1.4 MT6: R$ 62.990
  • Activ 1.4 AT6: R$ 68.390

Confira a tabela de preço para os modelos do Prisma:

  • LT 1.4 MT6: R$ 59.290
  • Advantage 1.4 AT6: R$ 59.990
  • Prisma LT 1.4 AT6: R$ 64.790
  • LTZ 1.4 MT6: R$ 64.290
  • LTZ 1.4 AT6: R$ 69.990

O Onix 2019 ficou mais equipado, mas é o preço que tem desanimado o consumidor brasileiro, que agora conta com boas opções entre os concorrentes. Mas para quem gosta de um modelo bonito e bem equipado, a Ford continua apresentando uma boa opção, por exemplo, o Activ 2019 tem rodas com pintura preta e por dentro agora tem acabamento em tons mais escuros, o azul e o preto. O painel de instrumentos ganhou iluminação na cor branca, deixando o visual mais moderno e para quem optar pela pintura externa na cor laranja, tem o acabamento na mesma tonalidade.

O Onix LTZ tem rodas com acabamento exclusivo, parte escurecida por dentro e o acabamento dos bancos segue o mesmo padrão premium, trazendo costuras em tom que dá um belo contraste. A versão Effect é a que tem o visual mais descolado e o teto em preto chama a atenção a primeira vista. Na coluna B tem acabamento em preto mais brilhante e o interior ficou idêntico ao LTZ, diferenciando apenas no volante.

Importante ressaltar que a motorização continua a mesma, não tendo sofrido nenhuma mudança, sendo assim, a versão LT continua com 1.0 SPE/4 de 80 cv e câmbio manual de 6 marchas. Para as outras versões, é 1.4 SPE/4 com 106 cv, podendo ter transmissão automática de 6 marchas.

O Onix manteve a liderança nas vendas, mas esse aumento de preço pode ser um duro golpe, resta saber se os concorrentes manterão os preços e continuarão oferecendo algum diferencial, pois esta será uma ótima estratégia para conquistar mais consumidores.

A beleza do Prisma e também do novo Onix pesa muito, são carros que agradam o mercado nacional, mas a situação econômica do país continua complicada e na hora da compra, qualquer valor que puder ser economizado tem um peso muito grande para que o consumidor tome a decisão final.

Por Russel


Confira aqui mais detalhes sobre o novo Mobi VeloCITY 2019.

Após anunciar sua linha 2019 do subcompacto, a montadora da Fiat lança uma série muito especial, chamando Fiat Mobi VeloCITY. Esse carro virá com o motor 1.0 e três cilindros, além de ser equipado com itens da marca Mopar, adicionando uma pintura bicolor sendo preto brilhante em seu teto e retrovisores externos, nas cores Branco Alaska e Vermelho Alpine na sua carroceria.

Traz um retrovisor interno possuindo uma câmera de ré e pré-disposição com som, além de sensores de estacionamento, entre outros acessórios.

Essa nova versão conta com um revestimento interno todo escurecido e suas rodas de liga leve aro 14” com pintura cinza grafite. O Fiat Mobi VeloCITY também traz faróis de neblina, além de uma badge lateral.

A sua versão também possui, de série, faróis com máscara negra e sinalização de frenagem para emergência, quadro para instrumentos de Iluminação com LED, um display digital com 3,5 polegadas, além de ar condicionado, direção elétrica e partida a frio sem o tanque auxiliar, um kit de visibilidade, os vidros elétricos da frente, as travas elétricas em todas as portas, uma regulagem para altura do volante, revestimento externo para coluna B e um lindo console entre bancos dianteiros.

Se um cliente montasse o Mobi convencional com todos os opcionais da versão VeloCITY, ele custaria aproximadamente uns R$5.000. Portanto, o que irá pagar a mais por eles comprando esta edição especial é 2.500 reais, você terá o desconto de 50%. Seu valor total será 44.990 reais.

Como mais essa novidade o modelo Mobi possui outra série especial chamada Way Extreme. E seus equipamentos são basicamente a câmera de ré e sensores de estacionamento, acompanhando algumas mudanças no seu visual. Com o valor de 43.490 reais, sua somatória sai 40.690 reais do Mobi Way, mais os 2.800 reais cobrados pelos opcionais Extreme.

Esse pacote opcional nessa nova versão não compõem todos equipamentos da especial. Trata-se de um kit muito mais completo, possuindo ares que remetem muita aventura, característica que a Fiat gosta muito de explorar. Além do Kit Connect com rádio Connect e Bluetooth, além de USB, desembaçador e limpadores de vidro traseiro. Dentre outros exclusivos itens como camêra de ré aclopada, sensores de estacionamento traseiro, faróis para neblina e rodas de liga de 14 polegadas.

Quanto sua estética, seu revestimento será feito com um tom escuro e a sua parte externa possui retrovisores cinza fosco. A sua grade dianteira recebeu um acabamento muito especial e as rodas e o logo na versão foram estampados de uma forma especial na lateral do carro.

Entretanto, o Fiat Mobi VeloCITY possui outro elemento que é bastante atrativo na versão Way Extreme, que é o preço. Essa versão com todos acessórios sairá somente R$ 480 mais caro que a versão Kit Connect, dando a oportunidade de possuir um modelo completo ser precisar comprar a versão Drive.

Com certeza é um modelo muito atraente da Fiat, trazendo comodidade e conforto. Além dele possuir uma beleza muito única. Fazendo com que muitos amantes de carros escolham por esse modelo.

Por isso se está pensando em trocar de carro por esses dias, você não pode deixar de procurar uma concessionária Fiat e fazer um teste drive, para conferir pessoalmente todas as vantagens que o Fiat Mobi oferece para seus consumidores.

Com certeza o seu custo benefício é um dos melhores em todo mercado nacional no momento, por isso se procura um ótimo carro com muitos benefícios e um preço bem acessível essa é a melhor escolha para você.

Não deixe de pesquisar sobre todos os benefícios desse modelo antes de decidir uma compra. Pois com certeza irá se decidir por adquirir um Fiat Mobi VeloCity, ele traz muitas vantagens para seus consumidores, não fique de fora dessa grande ofertada Fiat!

Ricardo Ferreira Rodrigues


Confira o mais novo modelo da Fiat, o Palio Weekend 2019.

O mercado brasileiro está mostrando que suas as peruas estão perdendo cada dia mais espaço para os novos crossovers. Mas isso não está fazendo que as montadoras desistam de investir na categoria, que está mantendo seu público fiel, especialmente para o Brasil. Por isso a montadora Fiat lança sua nova Palio Weekend, ela será a última da linha produzida pela montadora.

O modelo sairá em duas versões, sendo cada uma com seu tipo de motorização. Sem novas grandes mudanças em seu visual, a nova Weekend está sendo fabricada nas versões Attractive e na Adventure.

O novo modelo Weekend será vendido nessas duas versões, possuindo um motor próprio para cada uma delas. A Attractive, versão de entrada, virá com motor 1.4 e 8V, além de ser Flex e capaz de vir com 85 cv de potência sendo abastecida a gasolina e 86 cv sendo com etanol. E o seu torque ficará com 12,4 kgfm a 3.500 rpm.

Na sua versão intermediária, a Adventure, contará também com propulsor sendo 1.8 16V, além de ser flex, capaz que renda uns 130 cv abastecida com gasolina e 132 cv com etanol, e seu torque de 18,4 kgfm a 4.500 rpm.

Todas as novas configurações possuem opção de câmbio, que se integram a uma transmissão sendo manual e possuindo cinco velocidades. Porém, os clientes terão a opção de equipar com outro câmbio automático sendo Dualogic com 5 marchas também.

Uma grande novidade é na versão Adventure, que irá oferecer um novo sistema Locker, que irá te ajudar com o veículo para manter um ótimo desempenho nas pistas que forem irregulares. Essa tecnologia será opcional e só estará disponível nessa configuração intermediária da linha.

A versão mais antiga do Palio Weekend não recebeu essas alterações visuais a muito tempo desde o facelift no ano de 2012. Nesse lançamento, essa perua ganhou alguns novos retoques e também uma adição de detalhes que também passará batido pela a maioria das pessoas.

Não haverá muita novidade na parte mecânica ou no visual da nova Weekend, a nova linha será basicamente outra revenda de veículos que estão em estoque ao longo dos anos. Como uma série que não haverá continuação, a montadora italiana está vendendo as últimas unidades da perua no mercado brasileiro. Para os amantes desse modelo essa é uma notícia de muita tristeza.

Ela virá com os itens de série: o Aerofólio traseiro na cor do veículo; Alertas de limite e velocidade, uma manutenção programada; o Capô retrátil com dobradiças de segurança; os Cintos de segurança de sua frente são retráteis e possuem 3 pontos de regulagem na altura; Embreagem é de acionamento hidráulico; e Espelho do para-sol para os lados de motorista e passageiro; além de Faróis para neblina;

A nova Palio Weekend 2019 será apresentada nas 3 versões, e duas opções de sua motorização:

  • Fiat Weekend modelo Attractive com 1.4;
  • Fiat Weekend modelo Adventure com 1.8;
  • Fiat Weekend modelo Adventure com Dualogic.

E sua tabela de preços do novo catálogo da perua mais famosa do Brasil será assim:

  • Fiat Weekend modelo Attractive de 1.4 custará o valor de R$ 59.480;
  • Fiat Weekend modelo Adventure de 1.8 custará o valor de R$ 74.760;
  • Fiat Weekend modelo Adventure Dualogic de 1.8 custará o valor de R$ 78.970.

Esse ano poderá ser a última vez que estaremos presenciando um lançamento da nova Palio Weekend para o mercado nacional. Esses veículos da categoria estão perdendo espaço para a nova geração de crossovers, e será bem provável que o adeus seja definitivo para o modelo que a anos é sucesso de vendas em todo país.

Caso você possua alguma dúvida a respeito do novo Fiat Palio, faça um comentário abaixo, para que assim possamos estar respondendo assim que possível.

Se possui o desejo de comprar uma Palio Weekend, corra pois essa pode ser a última oportunidade, fique atento no lançamento dessa versão 2019.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Conheça aqui as principais novidades do Chevrolet Blazer 2019.

Os fãs de automóveis já estavam em cólicas para saber sobre o lançamento do novo Blazer. Se você é um deles e está louco para saber sobre as novidades desse novo carro da Chevrolet, acompanhe o artigo até o final e fique por dentro de tudo.

Novo Blazer da Chevrolet

Não é novidade que os fãs do mundo automotivo estavam ansiosos para saberem todos os detalhes sobre o mais recente lançamento da marca Chevrolet. Foram muitas especulações realizadas até que as informações fossem divulgadas.

O novo Blazer nada mais é que um SUV com traços do Camaro, mas não se preocupe, ele não lembra nem de longe o modelo que foi lançado a quase dez anos aqui no Brasil. O carro está completamente repaginado e promete ultrapassar as vendas do antigo modelo, que por sua vez era o mais vendido no Brasil.

A previsão é que o carro esteja disponível no mercado norte-americano no próximo ano. De acordo com os especialistas do assunto, esse novo lançamento pode estar posicionado entre o modelo Equinox, que nada mais é do que um utilitário de entrada, e o famoso Traverse, o SUV top de linha.

Mesmo que algumas informações já tenham sido divulgadas, o valor que o novo Blazer terá quando chegar ao mercado ainda não foi estabelecido. A única certeza é que o lançamento chegará às lojas dos Estados Unidos logo no começo do ano de 2019.

Características do novo Blazer

A expectativa de muitos era que o lançamento possuísse uma plataforma parecida com a picape ou então algum modelo que se aproximasse, porém, para a surpresa de todos o novo SUV será considerado um modelo bem mais urbano e recriado em cima da base do GMC Acadia e do Cadilac XT5.

Mas o que chama a atenção no nome modelo é a semelhança com o muscle car Camaro.

Motores

Os motores que irão compor os carros dessa plataforma serão alimentados com gasolina e irão possuir de quatro a seis cilindros, além de um câmbio automático possuindo nove marchas, tal qual o Eqinox.

Esse modelo contará com duas opções de motores, de acordo com a sua categoria. No standard, o motor equipado será 2.5 possuindo quatro cilindros com 193 cv e 26 kgfm, e na sua segunda versão, mais potente, o motor será de 3.6 contendo 6 cilindros aspirados de 305 cv e 36,5 kgfm.

Por mais que um seja mais potente do que o outro, os dois motores irão possuir uma injeção direta, além da tecnologia start/stop e a transmissão automática de nove marchas. Para continuar seguindo um padrão, a tração será dianteira.

Nas outras duas versões, a Premier e RS, haverá tração nos dois eixos, porém, o motorista poderá desativar essa ação quando desejar, deixando a tração apenas nas duas rodas da frente, dessa forma é possível economizar combustível.

Interior

O interior do novo Blazer contará com cores em tons elegantes e com aberturas e nichos redondos, características essas que foram inspiradas no Chevrolet Camaro.

E para que o carro se torne ainda mais moderno ele terá um porta-luvas que será trancado de forma elétrica, seis portas para a conexão de USB, disponibilidade de sinal wi-fi, além de outras funções que poderão ser controladas e ativadas pela chave.

Uma característica do seu interior que também chamou muita atenção é o fato de que possui o total controle do cruzeiro e de seu teto solar panorâmico.

Assim como no motor, o seu design e suas cores irão variar de acordo com sua versão. A RS irá contar com um acabamento escurecido, já a versão Premier estará equipada com um acabamento cromado.

Outra característica presente do Camaro é a parte do painel dianteiro, onde a grade larga com os faróis finos lembram o modelo esportivo. Os faróis serão acentuados e irão possuir luzes de LED.

A silhueta do novo modelo irá possuir vincos bem cravados em todas as portas e no teto. O modelo popular irá possuir rodas de 18 polegadas, já as outras versões como a RS e Premir terão rodas de 21 polegadas. As lanternas traseiras irão possuir um ar elegante e luzes de LED.

Por enquanto são essas as informações que sabemos sobre o novo Blazer, agora é aguardar e esperar por mais novidades e saber se esse novo modelo irá agradar o consumidor.

Isabela Pierini dos Santos


Confira aqui as principais mudanças presentes nas novas versões do Volkswagen Golf e Variant 2019.

Para quem ainda não conhece um dos maiores sucessos da Volkswagen, o Golf, trata-se de um carro muito vendido no Brasil, composto por equipamentos muito bons e de ótimo desenvolvimento, deixando de lado um pouco a parte técnica, a parte estética também demonstra grande qualidade, uma aparência que agrada muito a maioria do público comprador ou até mesmo os que sonham em ter um. O carro não é considerado popular no Brasil, apesar de suas vendas serem bem altas, porém, é possível encontrá-lo nas ruas das cidades com uma certa facilidade, isso só é possível devido ao seu ótimo desempenho, tanto na cidade quanto na estrada.

Agora sabendo de todas estas características é notável que todos os modelos tanto da Volkswagen quanto de outras marcas recebem mudanças e melhorias, e o Golf não ficaria para trás, nesta matéria você acompanhará o que virá de novo.

O que muda ?

O carro passará por mudança em todos os aspectos, como por exemplo a simplificação da gama, aumento de potência, dentre outras coisas. O carro diferenciado da maioria possui o motor 2.0 TSi, o mesmo passou por uma modificação aumentando sua potência, que agora chega a 128 cv, coisa que deixa o carro ainda mais chamativo e com maior desempenho, até pode estar aí o motivo de ser tão querido nacionalmente.

Pensando na área de motores, temos ainda mais novidades, como a implantação de melhorias nas versões do carro, já que são três: Comfortline, GTI e Highline. Ambos adotando o mesmo motor citado anteriormente, porém, com suas particularidades que na maioria das vezes o próprio nome já diz, como é o caso do Comfortline, que é uma linha com um conforto maior, citando ainda, ele recebe o motor 200 TSi, foi este modelo que conseguiu ser adotadao a versão de 128 cv. Já no GTI, versão mais famosa e querida atualmente, o motor é bem mais forte, com o desenvolvimento de quase o dobro, sendo motor 350 TSi, isso lhe permite atingir 230 cv de potência, o que para os amantes de carros é muito bom, juntando estas características, existem muitos que dizem que este é o carro mais gostoso de ser dirigido no Brasil.

Ainda nesta parte, muita coisa ainda foi adaptada, por exemplo na Comfortline a transmissão manual de 6 marchas, que até a versão anterior não estava disponível. Isso facilita em vários aspectos, como principal deles a condução mais tranquila e com menos dificuldade, porém, não agrada a todos, existem pessoas que realmente preferem trocar de marcha manualmente, pois isso resulta em maior interação com o veículo.

Na parte de tecnologia interior do veículo, há no seu sistema de interação chamado infotainment uma mudança que trará mais luxo ao carro, sendo agora a tela de 8 polegadas, facilitando visualização e interação do motorista.

O preço devido as mudanças variam bastante, mas isso conforme a complexidade do Golf em todas as versões, por exemplo, com um preço mínimo de aproximadamente R$ 91.000, chegando até o máximo (para o mais completo da linha) de R$ 113.000. Porém, em questão de valer a pena comprar, vale totalmente, isso porque como já dito, o Golf é um hatchback muito querido no Brasil, por muitos é considerado o melhor carro para se conduzir aqui. O que proporciona tudo isso é sua confortabilidade, a confiança que se tem ao dirigí-lo, o carro também não exige muita manutenção, isso traz economia, o fato de ser Total Flex em todas as versões também é bem chamativo, principalmente agora na situação do Brasil, com tanta variação de combustível em relação ao preço.

Gustavo Martins


Modelo chega com proteção Airbump e custará cerca de R$ 62 mil.

A Citröen anunciou recentemente que irá lançar a nova versão do já conhecido compacto da marca, o C3. Nomeado de Citroën C3 Urban Trail, o modelo deve chegar às concessionárias de todo o país, com preço sugerido de R$ 62.090.

E se você ficou curioso para conhecer mais sobre o carro, já podemos adiantar que ele virá com vários elementos interessantes como novíssimas molduras em para-lama, teto bi-ton preto, rodas de 16 polegadas em liga leve e um monograma de Urban Trail nos bancos dianteiros e na parte das laterais externas de sua carroceria.

E para os pequenos choques em vias urbanas e para proteção da carroceria, a nova versão trará importantes proteções do tipo Airbump, que foi especificamente criada para ofertar ainda mais identidade ao C3 Urban Trail.

Motorização do C3 Urban Trail

Em relação à motorização do C3 Urban Trail, vale destacar que esse virá equipado com um motor 1.6 Vti 120 Flex Start de 118 cavalos de potência a 5.750 rpm. Seu torque máximo é de 158 Nm até 4.000 rpm. Ambos os dados levam em conta o etanol, lembrando que 80% de torque já é disponibilizado a partir das 1.500 rpm.

O motor estará sempre associado à caixa de seis marchas automática e sequencial, a EAT6. Com produção no Japão pela AISIN AW, essa pode ser também encontrada em outros modelos da montadora, como o Novo C4 Picasso e o C4 Lounge.

Entre as suas principais características pode-se destacar, principalmente, sua estrutura eletrônica compacta, já que o calculador do motor é integrado na própria caixa. Além disso, a caixa ainda permite a possibilidade de trocar as marchas de forma sequencial, ou seja, no modo manual. Assim, o motorista tem a escolha de passar as velocidades conforme a sua preferência.

Itens de série do C3 Urban Trail

São muitos os itens de série que acompanham o veículo. Porém, sabe-se que o C3 Urban Trail sairá de suas concessionárias já equipado com um ar-condicionado digital e automático, direção elétrica, luz diurna em LED, central multimídia de 7 polegadas em touchscreen e muito mais.

Em relação à central, essa possibilita a manipulação na tela de todos os recursos relacionados ao áudio e a sua conectividade, como o rádio AM/FM, USB, Bluetooth e a entrada auxiliar. O sistema oferta também outros recursos, bem como o espelhamento da tela de seu celular smartphone diretamente na tela da central multimídia (mirrorscreen), sistema para reconhecimento de voz através do smartphone para controle de funções à distância, entre outros.

Com o reconhecimento de voz, é possível realizar chamadas, ler e enviar mensagens de texto, selecionar e reproduzir as suas músicas preferidas, utilizar os mapas para definir o itinerário, criar lembretes e todas as demais funções que forem possíveis.

Sobre o pós-venda da Citroën

Em relação ao pós venda da Citroën para o seu novo C3 Urban Trail, vale compartilhar que ele terá 3 anos de garantia em contrato, bem como outros 6 anos garantidos para a anticorrosão perfurativa. Além disso, o automóvel conta com um competitivo plano para a revisão, que tabela preços fixos.

Com isso, é possível assegurar ao comprador uma maior transparência e previsibilidade em relação a todos os custos com uma possível manutenção.

Cores disponíveis para o C3 Urban Trail

Para quem pensa que toda a comodidade do C3 Urban Trail é fabricada fora do país, está muito enganado. Sua produção, feita pelo Grupo PSA, ocorre no Pólo Industrial Brasil, localizado na cidade de Porto Real, no Rio de Janeiro.

São quatro as cores oferecidas para o modelo, podendo o comprador escolher por aquela que mais combina com ele. São elas: vermelho rubi, branco branquise, cinza graffito e prata aluminium.

E você, o que achou da novidade? Deixe sua opinião nos comentários para que outras pessoas compartilhem as suas ideias.

Kellen Kunz


Conheça as principais informações do Chevrolet Spin 2019.

O Chevrolet Spin ainda não foi lançado, mas já tem muitas especulações positivas sobre ele. Alguns amantes da marca apostam que esse lançamento será uma grande aposta no mercado de vendas de automóveis. O que se pode dizer logo de cara é que esse carro vai trazer um design externo realmente à altura da marca e que a modernidade e motorização possuem um alto padrão. Já saíram informações que a parte externa do carro terá algumas mudanças e que vão agradar aos consumidores que se apegam aos detalhes. Veja abaixo algumas das informações mais importantes do Chevrolet Spin 2019.

Carro com design esportivo agressivo

Para quem gosta de carro com visual mais esportivo, irá se encantar com o design do Chevrolet Spin 2019. Ele tem um impacto visual quase que instantâneo, então já posso destacar logo de cara que ele chama muito a atenção de quem passa perto dessa máquina.

Chevrolet Spin 2019 terá mudanças na grade dianteira

Já circulam algumas imagens da grade do Chevrolet Spin 2019. Ela vem com cara nova e bem moderna, difícil de não se encantar. E a proposta dessa mudança é dar uma cara nova a esse lançamento que tem a proposta de ser sucesso no mercado e fazer um bom desempenho perante aos seus maiores concorrentes. Os detalhes mais incríveis dessa nova grade dianteira é que ela vai ter faróis mais destacados e será dividida em duas partes. Ela dará um visual bem mais moderno nessa carroceria que já é linda.

Mudança na parte traseira do Chevrolet Spin 2019 também está confirmada

A parte traseira desse carro também traz algumas mudanças que são importantes, pois tem o papel de melhorar de certa forma no desenvolvimento do carro. As lanternas horizontais agora vão invadir a tampa do porta-malas, isso facilita a visibilidade do dono do carro ao manusear essa parte, e ainda vai dar um destaque de luminosidade nessa parte.

Motorização potente promete ser um chamarisco para os usuários que não conhecem a marca tão bem

O motor desse carro promete agradar muito também, pois podemos considerar esse carro bem potente. Ele traz motor 1.8 Flex, além disso, ele tem 8 válvulas que tem a função de deixar esse motor ainda mais potente. Ele consegue fazer a potência máxima de 111 cv, o que é muito se comparado com a média da concorrência. Seu torque máximo é de 17,7 kgfm. Além disso, esse carro tem a opção de combinar o câmbio automático com o manual de 6 marchas, o que deixa o carro ainda mais versátil.

Quando vão começar as vendas do novo modelo Chevrolet Spin 2019?

A informação é que as vendas começam no segundo semestre. E a expectativa é que as vendas sejam um sucesso e superem a expectativa da marca. Pois a Chevrolet vai entregar um carro com visual encantador, moderno e esportivo. Ao mesmo tempo que ele mostra a modernidade, ele transmite a força que tem. É um carro feito para aguentar o tranco e isso já é um belo motivo para ele ser desejado por muitas pessoas.

Carro espaço interno

Tudo indica que o Chevrolet Spin 2019 terá muito espaço interno e dará conforto a seus usuários. Ainda não existem informações tão precisas, mas essa é uma preocupação da marca, sendo assim dá para ter uma ideia que ela não vai querer decepcionar seus usuários antigos e consumidores que querem dar uma chance a esse novo lançamento.

Sobre os itens de série

Tudo indica que a marca vai trazer novos itens de séries que tornem a versão mais completa e moderna. E deve manter alguns itens da versão antiga. Essa ideologia faz arte da Chevrolet a muito tempo.

Essas são as principais informações do Chevrolet Spin 2019!

Escrito Por Cristiane Amaral!


Modelo tem seus preços elevados em ate R$ 3 mil.

Esse mês chegou com uma péssima notícia para quem tem interesse em adquirir um Kia Sportage: no mês de junho os preços de todos os veículos desta linha irão subir. De acordo com as informações dispostas no site oficial da Kia Motors do Brasil, o SUV — modelo mais vendido no Brasil dessa fabricante — passou por reajustes de preços em quase todas as suas versões, exceto uma. Os valores agora podem variar entre aproximadamente R$ 115 mil e R$ 148 mil.

A versão que não sofreu alterações em seu preço foi a EX P.787. Já a configuração que apresenta a maior variação de valor foi a EX P.255, que se encontra cerca de R$ 3 mil mais cara. Embora apresentem variações nos preços, todas as versões continuam apresentando o motor 2.0 Flex, com câmbio automático de seis marchas.

Kia Sportage: novos valores

Confira a seguir os preços reajustados do Kia Sportage:

  • Kia Sportage 2.0 LX P.152 — que antes tinha valor de R$ 112.990,00, atualmente custa R$ 114.990,00;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.253 — que antigamente saía no valor de R$ 132.490,00, agora custa R$ 134.490,00;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.787 — manteve seu valor de R$ 137.990,00, sem nenhuma alteração;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.254 — que antes era R$ 136.990,00, agora sai no valor de R$139.490;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.255 — que custava R$ 144.990,00, atualmente se encontra no valor de R$ 147.990,00.

Como visto, a maioria dos ajustes se encontra na faixa de R$ 2 mil, com exceção da EX P.254 e da EX P.255, que ultrapassam esse valor. Com o aumento dos preços, é considerável consultar uma concessionária e analisar os planos de parcelamento ou consórcio que estão disponíveis para esses veículos.

Sobre o Kia Sportage 2019

A quarta geração do Kia Sportage veio ao Brasil importado da Coreia do Sul, com um novo visual, muito mais sofisticado. Seu motor é 2.0 Flex, de 167 cv, com transmissão automática de seis marchas, a 6.200 rpm, além de 18,8/20,2 kgfm. Além disso, vem apresentando também três modos de condução: a normal, a Sport e a Eco Drive.

Seu novo design é mais chamativo, apresentando uma frente agressiva, com faróis no formato de bumerangue. Na versão topo de linha EX é possível encontrar projetores de LED. Sua grade também foi remodelada para o estilo dente de tigre, trazendo uma maior impressão para o design dessa linha.

Em geral, o Kia Sportage é considerado um carro com muito conforto e agilidade no volante, junto de um belo design. Apesar disso, seu propulsor não apresenta muita potência e seu desempenho é mediano, o que pode não ser um problema para aqueles que não têm muitas pretensões esportivas com o veículo.

Sobre a Kia Motors

A Kia Motors é uma das maiores indústrias automobilísticas do mundo. Fundada na cidade de Seul, na Coreia do Sul, no ano de 1944, com o objetivo de fabricar peças para bicicletas, expandiu-se por todo o mundo, tornando-se uma das grandes indústrias sul-coreanas e referência mundial no setor automobilístico.

No Brasil a empresa se instalou no ano de 1992, com representação por José Luiz Gandini, sendo sediada na cidade de Itu. A princípio, o modelo mais vendido no país era a van Besta, que saiu de linha no ano de 2005 em seu país de origem. A partir disso, a importadora brasileira realizou mudanças em toda a sua rede de concessionárias, a medida que seu público-alvo também se alterava. Deixar de vender o modelo principal, a van Besta, passou a ser um ponto de entrada para o mercado de carros de passeio para todo o Brasil.

Desde então, a empresa vem conquistando um maior espaço no mercado automobilístico brasileiro, sendo um nome de peso quando o assunto é qualidade de carros.

Felicia Lopes


Novo Fiat Uno vem com novidades em seu pacote de equipamentos que pretendem atrair mais compradores.

O Fiat Uno continua sendo um dos queridinhos do brasileiro, mas as vendas já não fazem tanto sucesso como antigamente e a Fiat trabalhou muito para que a versão 2019 consiga mudar este cenário. O modelo tem tudo para ser um compacto de respeito, porém, deverá continuar atendendo aqueles consumidores que primeiro olham o custo-benefício, ou seja, eles não querem saber dos carros tecnológicos e luxuosos, mas também não querem um modelo com visual defasado.

Para o Fiat Uno 2019 conseguir uma boa fatia deste concorrido mercado, terá que atender os consumidores, mas sem custar caro. Esse talvez seja um dos melhores modelos de entrada e poderá assustar a concorrência, principalmente com a mudança que está sendo preparada para seu pacote de equipamentos e algumas versões.

O ITPMS é uma novidade que poderá fazer muito sucesso, pois no painel de bordo será exibido o medidor de pressão de pneus, alertando o motorista sempre que for hora de fazer a calibração. Essa ferramenta pode até ser considerada desnecessária para os mais atentos, mas a verdade é que muitos motoristas esquecem dos cuidados básicos com seu veículo e toda ajuda neste sentido é sempre muito bem-vinda. Não manter os pneus calibrados corretamente faz com que o desgaste aconteça de forma mais rápida, além de aumentar o consumo de combustível.

Outra novidade que estará presente no Fiat 2019 é o GSR-Comfort, já conhecido como Dualogic, mas esta opção será encontrada apenas na versão com motor Firefly 1.3, porém, a monitoração dos pneus será disponível para todos os modelos. A Fiat resolveu adotar o nome 'GSR' para seu pacote de funções automatizadas, deixando de lado o 'Dualogic', encontrado nos lançamentos anteriores. Até o Attraticve 1.0 teve o nome alterado para Drive.

Desde 2017 que o Uno vem contando com uma nova linha de motores, o Firefly, sendo que tem a versão 1.0 6V e 3 cilindros e o 1.3 8V de 4 cilindros. Os dois modelos são aspirados e estarão no Uno 2019, pois têm feito grande sucesso. O motor 1.06 6V consegue oferecer 77 cv quando abastecido com etanol e 72 cv com gasolina. seu torque máximo é de 10,9 kgfm e 10,4 kfgm. No caso do motor 1.3 8V, são 109 cv quando abastecido com etanol e 101 quando o motorista optar pela gasolina.

Se as mudanças internas são poucas, por fora também não é diference, o Uno 2019 terá leves modificações no design, mas na dianteira é possível notar logo que a grade não tem mais aquelas características quadradas, esta alteração foi para deixar o modelo com um visual mais sofisticado. O comprimento é de 3,82 m, or 1,63 m de largura e 1,4 m de altura.

O que poderá gerar muitas reclamações é o porta-malas, com capacidade para 290 litros e o consumidor tem encontrado modelos no mercado que oferece um espaço maior. No dia a dia, o porta-malas do novo Uno atende perfeitamente, mas em uma viagem com a família pode deixar a desejar.

Quanto ao acabamento, são 3 versões, a Drive, Way e Sporting. Para o consumidor, será preciso muita paciência e cautela, sendo que nunca deve ficar com o modelo mais 'bonitinho', é preciso analisar todos os itens oferecidos, o preço de cada um e assim, escolher aquele que realmente vai de encontro às suas necessidades.

O preço da versão de entrada deve ficar na media deR$ 41.840,00 e o top de linha, o Sporting 1.3 Firefly Dualogic, custará cerca de R$ 53.690,00.

O Uno 2019 trará algumas boas novidades para os itens de série, em comparação com as versões anteriores, com destaque para o novo câmbio automatizado, o ITMPS, a direção elétrica com controle de estabilidade de tração e uma quantidade enorme de itens que podem ajudar a equipar o modelo, ficando a escolha por conta do comprador.

Por Russel

Fiat Uno 2019

Fiat Uno 2019


Modelo chega às concessionárias com modificações e novos acessórios.

Os consumidores brasileiros que sempre esperam uma grande novidade para o ano de 2019 de sua marca de carro preferida, mais uma vez não vão sair decepcionados. Se a preferência for pela Toyota então, é bom ir se preparando, pois a montadora já anunciou grandes novidades para a sua linha Etios 2019.

Sem esquecer um dos seus grandes sucessos de vendas no Brasil, o seu Toyota Etios, a montadora japonesa anunciou oficialmente que a sua linha de veículos feita para as grandes cidades deverá ter novas modificações com o objetivo de oferecer a seus consumidores muito mais segurança e praticidade na hora de dirigir.

Uma das grandes modificações para a linha 2019 é a inclusão de um assistente que vai ajudar o veículo a dar partida em grandes rampas tanto no declive quanto no aclive e também a adoção de controles eletrônicos de estabilidade e de tração.

Vale salientar que estas modificações serão válidas para as duas versões disponíveis do Toyota Etios, a Hatch e a Sedan. Além disso, ambas já se encontram disponíveis à venda nas concessionárias da marca desde o mês de março de 2018.

Entretanto, como o lançamento de uma nova versão sempre traz um ônus a mais para o consumidor final, o uso destes dois dispositivos vai representar um custo adicional no preço de venda do novo modelo, em torno de R$ 1.050,00.

Deste modo, para os leitores que gostam de saber logo de cara o preço do modelo novo, ele está nas concessionárias da marca espelhadas pelo Brasil com um custo final que pode variar entre R$ 47.000,00 para a versão Hatch e de R$ 52.000 a R$ 70.000,00 para a versão sedan, o que vai depender do gosto e do bolso do consumidor.

Outra novidade é a saída da versão tipo Cross, o Etios Cross. Com a ascensão dos veículos do tipo SUV no país, o modelo foi afetado em seu volume de vendas, o que fez a montadora tirar esta versão ‘mais reduzida’ de um SUV por baixos índices de comercialização.

Para os detalhes externos, o novo Etios 2019 traz algumas novidades que prometem manter o estilo mais luxuoso e refinado, mesmo na sua versão hatch.

O visual ficou um pouco mais agressivo com linhas mais negras, seguido de faróis do tipo máscara negra. Sem contar que a versão exclusiva, a X-STD, lançada também para o ano de 2019, não ganhou este tipo de detalhe.

Para os leitores que gostam de saber sobre a motorização e o câmbio do novo modelo 2019, aqui vão as novidades: a nova versão ganha as versões 1.3 e 1.5, ambas com 16 válvulas. Entretanto, ambas permanecem com o mesmo sistema de abertura e fechamento do sistema de cabeçotes (válvulas) e com a caixa de marcha manual de seis marchas e de quatro marchas automático para a as respectivas versões.

Além destas modificações , a nova linha 2019 vem também com outros itens de série como ar condicionado digital, direção elétrica, vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico, travas elétricas, abertura do porta malas por um dispositivo elétrico no painel do veículo, inclusive para a versão hatch, dentre outras novidades.

Outros itens também estão presentes como sistema de conexão Bluetooth, entradas para dispositvos USB, computador de bordo, controle de som no volante e demais funções.

Os interessados em conhecer a nova linha Etios 2019 devem se dirigir a uma concessionária mais próxima de sua casa e agendar, quem sabe, um test drive com o novo modelo.

Para quem já tem um e quer trocar pela versão mais nova, então é bom ir preparando o bolso porque a versão 2019 vem com um preço bem mais elevado.

Emmanoel Gomes


Confira aqui mais detalhes sobre o Novo Hyundai HB20 Copa do Mundo FIFA 2018.

A empresa Hyundai, que é uma das patrocinadoras oficiais do maior evento de futebol mundial, mais conhecido como Copa do Mundo, anuncia a fabricação limitada do seu novo modelo de HB20 e também do HB20S, que terão modelo e design principalmente interno preparados para a Copa, ambos terão um padrão interno equipado com um conforto melhor ainda do que os modelos já fabricados. Para os interessados na compra do veículo, é melhor se atentar às datas de produção e lançamento, pois serão fabricadas unidades limitadas. Segundo o anúncio da própria montadora Hyundai, o número de fabricados será de 4200 unidades, variando os dois modelos.

Tendo em vista o ponto exterior do carro, a mudança não será como uma mudança de versão, por exemplo, mas visando seu interior, percebe-se bem a diferença deste modelo para o modelo normalmente fabricado, pois os traços da Copa estão todos pelo carro.

A empresa, além da vista estética como já citado, tem grande preocupação com a confortabilidade de seus passageiros, sendo assim, investiu nesta área com certa prioridade e segundo as imagens que circulam pela internet, parece que seu papel foi bem desenvolvido. Apesar de não tão drásticas as mudanças exteriores, não deixam a desejar, até porque o HB20 sempre foi um carro muito estiloso e a Hyundai não quer perder esta essência.

Quais versões de motores estarão disponíveis

Esta é uma das perguntas mais frequentes em relação aos novos carros produzidos, independente se for modelo produzido para a Copa ou não, mas o carro estará a felicidade de todos, tanto para os que amam o modelo manual, este disponível com motor 1.0 – HB20 1.0 MT. Ou para aqueles que preferem o modelo um pouco mais simples de condução, a versão 1.6 do veículo – HB20s 1.6 AT.

Qual o preço destas unidades limitadas?

A pouco tempo saiu seu novo preço inicial, ainda não se sabe se o valor poderá variar ou se o preço dado de R$ 49.990 será seu preço final para as vendas, porém, o preço pode chegar até em torno de R$ 65.990, isso vai variar de modelo para modelo.

Sobre a produção para a Copa

É de grande importância para a empresa produzir este modelo, especialmente para um grande evento que reúne muitas nações mundiais, além da divulgação ainda maior da montadora, o fato do modelo ser limitado aumentará a concorrência entre os compradores e também é um gesto por parte da empresa mostrar sua importância com a Copa do Mundo.

Detalhes do HB20

Apesar de muito parecido, o modelo virá com alguns detalhes que chamarão a atenção do público, por exemplo, sua grade de retrovisores que chegará com a cor cinza Titanium, que vem sendo bem usada ultimamente, principalmente em carros famosos de última geração.

Já que sua inspiração é para a Copa, algumas coisas como seus carpetes serão personalizados com o tema, assim como suas rodas que igualmente recebem detalhes, porém na tintura, usarão a cor grafite para isso, as mesmas são liga leve aro 15.

Na parte frontal do veículo será incluso em suas lanternas a cor mais escurecida, essa apenas disponível para carros da versão Premium (HB20.O), isso traz um charme e também o diferencia mais ainda dos outros, tornando-se único.

O veículo também possuirá um sistema de mídia chamado BlueMedia, esse sistema tem apresentação de boas vindas para os passageiros e também possibilita assistir vídeos, além de outras funções como Bluetooth. Toda essa dedicação e inovação resultará muito provavelmente em uma venda rápida, pois as especificações do veículo são muito atraentes, a espera da empresa é que seus clientes saiam satisfeitos com a compra, principalmente de um carro exclusivo.

Gustavo Martins


A marca fez uma leve alteração no visual da nova versão do HB20 2019 e agora tanto a versão hatch como a sedan, contarão com uma nova estética em relação aos para-choques da parte frontal e da parte traseira.

O novo HB20 2019 vem com leves mudanças em seu visual, novos instrumentos no painel e com uma versão de entrada que sairá pelo valor de R$ 43.990.

Veja Abaixo a Tabela de Preços de todas as versões do HB20 2019:

  • Versão Unique com motor 1.0 MT5 – Valor R$ 43.990
  • Versão Comfort Plus com motor 1.0 MT5 – Valor R$ 47.590
  • Versão 1.0 turbo MT6 – Valor R$ 51.790
  • Versão Comfort Plus com motor 1.6 MT6 – Valor R$ 54.550
  • Versão R spec com motor 1.6 AT6 – Valor R$ 63.690
  • Versão Premium com motor 1.6 AT6 – Valor R$ 66.790
  • Versão Comfort Plus com motor 1.0 MT5 – Valor R$ 51.590
  • Versão 1.0 Turbo MT6 – Valor R$ 57.590
  • Versão Comfort Plus com motor 1.6 MT6 – Valor R$ 60.150
  • Versão Style com motor 1.6 AT6 – Valor R$ 66.090
  • Versão Premium com motor 1.6 AT6 – Valor R$ 70.690
  • HB20X Style com motor 1.6 MT6 – Valor R$ 63.100
  • HB20X Premium com motor 1.6 AT6 – Valor R$ 71.700

Mudanças no modelo:

Design

A marca fez uma leve alteração no visual da nova versão do HB20 2019 e agora tanto a versão hatch como a sedan, contarão com uma nova estética em relação aos para-choques da parte frontal e da parte traseira.

Ainda em relação ao visual, essa nova versão virá com uma grade padrão colmeia e com novas rodas de liga-leve.

O HB20X possui novas rodas com aro de 16 polegadas e o modelo R Spec contará com novas rodas de 15 polegadas. As rodas dos dois modelos virão com a parte interna pintada na cor preto brilhante.

As lanternas traseiras das versões com motor 1.0 são escurecidas e as versões com motor 1.6 possuem lentes Clear Type, que imitam LEDs.

Parte Interna

A parte interna de todas as versões, exceto da versão de entrada, ganharam um novo cluster de instrumentos.

Agora a tela do computador de bordo mostrará informações relacionadas ao combustível e a temperatura a partir de ponteiros, sendo que até então os marcadores utilizados eram digitais.

Multimídia

Na central Multimídia do modelo, foi inserida uma TV digital que estará presente em todas as versões.

Novidades relacionadas aos equipamentos

Todas as versões:

  • Ar-condicionado;
  • Direção assistida;
  • Vidros elétricos;
  • Travas elétricas;
  • Rodas de liga-leve;
  • Farol de neblina;
  • Aribag duplo
  • Freios ABS
  • Sistema Isofix

Comfort Plus: Retrovisores elétricos, Alarme com telecomando e Chave com telecomando.

O mercado também conta com a chegada dos modelos Argo da Fiat e o Polo da Volkswagen, por isso poderiam surgir especulações sobre a nova geração do modelo HB20 estar sendo lançado para competir com a dupla.

Sendo assim provavelmente seria esperado que essa versão viesse com maiores alterações, inclusive em relação a modificação de seu tamanho e talvez uma possível implantação de determinados itens mais sofisticados.

Porém, baseando-se pelas declarações fornecidas por Byungkwon Rhim, o vice-presidente de operações internacionais da marca, isso não irá acontecer e tanto a hipótese de o modelo vir para competir com os modelos da Fiat e da Volkswagen, como o fato dele se tornar um veículo de tamanho maior estão descartadas.

O HB20 de 2019 vai continuar do mesmo tamanho, inclusive conforme citado acima, tanto na versão sedã como na versão hatch, as alterações em seu design não foram tão drásticas.

Também está descartada a possibilidade da criação de um compacto premium, para disputar território com os modelos das marcas rivais, o que torna essa nova versão do HB20 como estrela principal.

Ficha Técnica

Motor: 1.0 ou 1.6

Rodas: Liga Leve com aro de 15 ou de 16 polegadas de diâmetro.

Comprimento: 4.295 mm

Largura: 1.760 mm

Altura: 1.590 mm

Distância entre eixos: 2.610 mm

Por Rosângela Rodrigues

Hyundai HB20 2019


O Yaris foi feito a partir da incorporação de um estilo mais jovem que a fabricante fez questão de atender. No Brasil, o novo carro pensa no público mais jovem que precisa se locomover com mais rapidez e não quer perder tempo no trânsito das grandes

Se você pensa que já viu tudo da Toyota em termos de luxo e sofisticação de seus modelos de veículos mais famosos, então vai se surpreender com um novo lançamento que a marca pretende trazer para o Brasil só a partir de 2019: o Toyota Yaris.

Sucesso de vendas na Europa, o novo Yaris deverá trazer para o mercado de automóveis brasileiro um novo conceito que vai unir tanto o padrão de luxo e sofisticação típicos da marca e a praticidade de um carro feito para mostrar todo o seu desempenho dentro das cidades.

Para começar, o novo Yaris chegará ao Brasil em 2019 com o mesmo estilo e sofisticação de sua versão europeia.

A Toyota decidiu apostar no gosto dos brasileiros que gostam de viver na cidade e, portanto, precisam de um carro confortável e prático ao mesmo tempo. Deste modo, o modelo foi projetado dentro de categoria hatch, portanto, mais leve, compacto e econômico.

O novo Yaris seria uma versão mais compacta do seu maior sucesso, o Corolla?

Os menos avisados vão tomar um susto com as imagens do novo modelo. Afinal, um detalhe que chama a atenção no novo carro é o seu formato compacto. Pode soar estanho para quem já estava acostumado para o estilo tipo ‘carrão’ que colocou a montadora no topo das vendas por um bom tempo no país.

Até mesmo quem já estava acostumado com o estilo mais curto de outro modelo similar do seu concorrente mais próximo, o Honda Fit, vai se surpreender com a capacidade da montadora em reinventar seu estilo.

O Yaris da Toyota foi feito a partir da incorporação de um estilo mais jovem que a fabricante fez questão de atender. O novo carro (no Brasil) foi pensado naquele público mais jovem que precisa se locomover com mais rapidez e não quer perder tempo no trânsito louco das grandes cidades.

Características próprias do novo modelo da Toyota

Feitas as devidas apresentações, vamos agora repassar para os leitores um pouco das características do novo modelo. É claro que aquele ditado que ‘uma imagem fala mais do que mil palavras’ vai com certeza caber aqui, visto que, vocês vão poder também apreciar o novo modelo com as imagens deste artigo também.

Logo de cara, o que chama a atenção é estilo do novo Yaris. Os faróis em LED e no tipo alongado fazem a diferença, seguido com uma grade frontal em um estiolo único e lanternas com um novo desenho.

Quanto aos itens internos, o modelo da Toyota não deixa nada a desejar aos demais modelos da mesma marca. Para começar, ele vem com ar condicionado digital, direção elétrica, vidros elétricos, airbags laterais e frontais, teto solar, sensor de chuva e de luz.

Os consumidores que gostam de áudio e vídeo vão gostar do sistema multimídia que vem de fábrica, com rádio AM/FM e com entrada USB, além de um painel frontal onde o motorista pode acessar todas as funções do carro. Neste sentido, o novo Yaris vem com um volante multifuncional onde o condutor pode atá realizar chamadas no celular sem precisar tirar as mãos do volante.

De acordo com as informações técnicas liberadas pela Toyota até o presente momento sobre o veículo, a versão que vai estrear em 2019 vem com motor 1.8 e potência de até 144 cv.

Sem descuidar da segurança de seus consumidores, aliás, esta é uma das características do da Toyota, o novo modelo incorpora uma série de itens que irão contribuir para a manutenção da integridade física dos seus ocupantes. São eles, por exemplo, o controle automático de tração, câmeras auxiliares de estacionamento, sistema de aviso de colisão e mudanças inesperadas de faixa, dentre outros.

Se você gostou até aqui, então vá se preparando desde agora para agendar uma visita a uma concessionária mais próxima de sua casa para conhecer de perto este mais novo lançamento da Toyota.

Por Emmanoel Gomes

Toyota Yaris 2019


O destaque do modelo Tiguan Allspace 2019, da Volkswagen, fica por conta de sua esportividade

Primeiramente, é válido falar que o Volkswagen Tiguan Allspace 2019 tem esse nome por ser maior que o modelo fabricado na Europa, porém ele não perde no quesito esportividade, que é algo que será comentado mais a frente.

Este SUV tem como intuito ser um carro confortável e espaçoso, chegando para concorrer com os carros do seu mesmo segmento e preço médio. O diferencial deste SUV é a esportividade que vem na versão mais potente deste modelo.

O design é bem característico da Volks, sendo que não perde nada na linha que a empresa vem seguindo nos últimos dez anos, pelo menos. A seguir algumas especificações técnicas sobre este modelo.

Especificações do Tiguan Allspace 2019

Primeiramente temos que falar do modelo mais “básico” que é o Tiguan com motor 1.4TSI com 150cv e 25kgfm de torque, temos nesta versão um bom motor, com boa cavalaria e um torque aceitável. Esse é um motor bem parecido com os que vem nesta categoria, outro fato a falar é que este modelo vem com um câmbio DSG de 6 marchas.

Um dado importante para muitos motoristas são as velocidades de 0-100km/h e a velocidade máxima. Nessa versão temos um desempenho de: 9.9s e 196km/h, respectivamente. Vale ressaltar que este motor tem um bom desempenho em altas rotações, que é onde sua taxa de torque é melhor. Este motor tem um consumo médio de 7/10km/l na cidade e 8/12km/l em estrada, estes números são para uso com gasolina e etanol, respectivamente.

O câmbio DSG é com embreagem dupla, onde uma embreagem se encarrega das marchas impares e o outro das pares, isto proporciona mais suavidade na hora das trocas. Este tipo de cambio pode ser manual ou automático, isso depende do que o usuário quer. Alguns modelos da Audi mais esportivos, em algumas versões também tem esse tipo de câmbio.

Partindo para a segunda versão da Tiguan, temos nela um motor 2.0 TSI com 220cv e 36kgfm de torque. Este motor é bem mais potente que o anterior e considerando que é a mesma carroceria em ambos, o desempenho será, com certeza, muito melhor.

Acompanhando esse motor temos um câmbio DSG também, porém, com sete marchas em sequência.

O desempenho deste motor é quase o de um esportivo, mesmo tendo algumas desvantagens como, por exemplo, o peso. Vamos os números:

De 0-100km/h ele consegue uma média de 7s, e tem uma velocidade máxima de 224km/h, isto é muito, pois este carro pesa aproximadamente 1800kg, estes são números excelentes. O consumo médio desta versão é de 8,5km/l na cidade e até 10km/l na estrada.

As principais diferenças entre os modelos são no aspecto visual, pois cada uma tem detalhes no design que as diferenciam e dão uma cara a cada versão, partindo da versão mais simples, com motor 1.4, 5 passageiros e para-choque não personalizado, temos uma pintura bem homogênea e alguns recursos de fábrica em comum com todas as versões, sendo que esta versão tem rodas de 17 polegadas é 4×2 e é a mais leve.

Falando da mesma versão, porém com capacidade para sete passageiros, temos, além de mais assentos, rodas aro 18 e alguns detalhes a mais no retrovisor e nas laterais do carro.

Já na versão mais superior temos rodas aro 19 de liga leve, um para-choque com pegada mais esportiva, sete assentos de couro tratado, tração 4×4, e claro, o potente motor 2.0 TSI, além de alguns plus, como os modos de direção, e o sistema de estacionamento automático.

O preço varia de modelo para modelo, é claro. No modelo mais básico o preço é a partir R$ 125 mil. Para o modelo intermediário, que é o segundo que falamos, custa R$ 150 mil, já no terceiro e mais top das versões temos o valor é de R$ 180 mil.

Por Beatriz de Oliveira

Volkswagen Tiguan Allspace 2019

Volkswagen Tiguan Allspace 2019

Volkswagen Tiguan Allspace 2019


Veja aqui as primeiras fotos do novo Ford Focus 2019.

Para os fãs e admiradores do Ford Focus, o ano de 2018 promete ser de grande novidades.

Isto porque o que antes parecia segredo, agora está começando a vir a público: as primeiras imagens da nova geração da marca, batizado pela montadora como a nova linha 2019 de um novo veículo .

Para alguns sites especializados no assunto, a divulgação das imagens feitas do nova geração para um comercial em Portugal foi o suficiente para que a novidade pudesse chegar ao conhecimento dos vários consumidores que, a partir de agora, já podem deixar de especular e deverão se deleitar com as novidades da linha.

Quais as mudanças mais aparentes no novo modelo ?

Logo de cara, percebe-se pelas imagens que a nova linha adota uma estética bem mais moderna e o novo Focus atinge um estilo bem mais esportivo.

A novidade está também no desenho dos novos faróis do veículo, que ganharam uma versão bem mais pontiaguda e traços mais profundos.

É interessante notar que a Ford tentou de todas as maneiras esconder o novo design, inclusive o novo veículo já foi fotografado algumas vezes rodando pelas ruas de algumas cidades da Europa com a lataria toda decorada com vários adesivos, numa tentativa de disfarçar as linhas e tendências do novo modelo.

Todo o mistério em volta da nova linha a ser lançada, na visão de alguns especialistas, deverá trazer ao consumidor muita novidade, principalmente, na parte interior do veículo. O que se sabe é que o novo modelo será dotado de um moderno painel digital e equipamentos capazes de auxiliar o motorista durante uma viagem tanto na estrada quanto no trânsito das grandes cidades. Um dos sistemas incluem a capacidade de frenagem automática de emergência.

Qual a previsão da chegada da nova linha ao Brasil ?

Sem uma data definida para a chegada e comercialização da marca ao Brasil (Infelizmente para muitos consumidores da marca), parte do mistério sobre a nova geração do Ford Focus ainda persiste. Isto porque a montadora ainda nem sinalizou com a expectativa de quanto o novo carro vai custar.

O que ainda se pode afirmar sobre o novo modelo são alguns dados sobre o novo motor e sua performance.

Umas das grandes novidades na mecânica é a adoção de um sistema híbrido de alimentação para a sua versão RS.

Ele terá um sistema que os técnicos chamam de híbrido-leve e que dará ao novo Focus um potência que chega facilmente aos 400 Cavalos de Força. Bom para quem precisa de um carro rápido nas arrancadas.

Falando ainda em potência de motor, a versão descrita acima é capaz de atingir uma velocidade de 0 a 100 Km/h em apenas 4 segundos. Prova que a Ford não economizou em tecnologia para manter o seu modelo em pé de concorrência com modelos mais sofisticados, por exemplo, a Mercedes AMG A45 e o Audi RS3.

Mas o público brasileiro que já leu esta mesma informação por aí ou que está lendo agora, aqui vai um aviso: Esta versão não tem nem previsão de quando vai chegar por aqui.

Quem tiver o prazer de conhecer a nova linha quando ela estrear por aqui vai ter que se contentar só com a versão ST e a ST Line, desde que esta seja apresentada primeiro no grande Salão do Automóvel em Paris, previsto para abril deste ano. Portanto, os rumores falam que a possível estreia em terras brasileiras possam ser somente por volta deste mês também.

Até lá , o que se divulga por aí por fontes não oficiais ou de origem duvidosa pode ser que seja apenas boatos sobre o novo modelo.

Emmanoel Gomes


O Kia Cerato 2019 terá cores mais vivas e quentes, além de linhas e, é claro, a marca de importado que segue o padrão da Kia Stinger.

Os amantes de veículos automotivos devem ficar contentes em saber que, recentemente, foi divulgado o esboço do Kia Cerato 2019, um carro com design muito versátil, que foi projetado com base no Stinger.

Então, se o leitor ficou curioso a respeito das novidades acerca do novo modelo de Kia Cerato 2019, as informações abaixo podem informá-lo sobre as principais mudanças que o automóvel passou em comparação ao último modelo lançado pela linha.

De acordo com a Kia Motors foram realizados cerca de três esboços, que foram expostos antes mesmo do Salão de Detroit. Sendo assim, tomando como base essas projeções, parece que as mudanças são positivas especialmente na estética e no estilo do carro. Então, parece que agora, as ruas de Detroit devem ganhar a versão do Kia Cerato 2019 em cores mais vivas e quentes, além de linhas e, é claro, a marca de importado que segue o padrão da Kia Stinger.

Como já foi mencionado anteriormente, o modelo do novo automóvel foi inspirado em outro veículo, que tem a fama de ser maior e mais potente. O intuito da marca, que surgiu originalmente na Coreia do Sul, é fazer com que o automóvel tenha um estilo bastante eletrizante, uma vez que, essa é a grande aposta a fim de atrair um maior número de consumidores.

Sendo assim, procuraram investir em colocar mais volume e largura na carroceria. Por isso, a nova versão do Kia 2019 deve possuir um coeficiente aerodinâmico muito além do último modelo. Somado a isso, parece que haverá mudança no visual interno do veículo, aumentando o seu espaço a fim de levar maior conforto e comodidade para o motorista e os seus passageiros. Vale ressaltar ainda que, apesar dessas alterações, o sistema entre-eixos deve permanecer o mesmo que vigora atualmente.

Quem conhece os modelos da Kia Motors, sabe que a sua marca já registrada no mercado de automóveis é uma grade com característica de ser trigada. Com o novo modelo, essa grade deve ter a utilidade de transportar alguns instrumentos ligados ao esporte. Mas, tratando-se de característica exclusiva, acredita-se que seja a adição de um para-choque, que possua dois faróis para neblina, além de entradas de ar, tanto na frente quanto nas laterais.

No interior do veículo, haverá um painel diferente, isto é, desta vez mais baixo e também mais reto. Também haverá uma tela touchscreen com câmera traseira externa com o intuito de facilitar a vida do motorista quando chegar a hora de realizar ré ou até mesmo no momento que houver a necessidade de estacionar o veículo.

Até o momento, sabe-se que o modelo deve ser criado na indústria Pesquería, localizada no México. Desse modo, assim que os automóveis entrarem no mercado de veículos dos Estados Unidos, eles devem passar pela fronteira do México em direção ao Brasil. Estima-se ainda que a apresentação do novo modelo no território brasileiro deve acontecer no dia 15 do mês de janeiro de 2018.

Ficou interessado em adquirir o Kia Cerato 2019? Pois bem, fique atento às novidades que devem surgir nos próximos dias, como a apresentação visual do novo modelo. Com o passar dos meses, é provável que a Kia Motors disponibilize outras informações e características mais específicas de como o automóvel deve funcionar, seus equipamentos entre outros dados mais técnicos. O fato é que esse modelo já possui a chance de competir na categoria de melhor carro do ano, isto é, tanto pela sua estética exterior quanto na parte mecânica do carro, que promete ser alterada e voltar ainda mais desenvolvida a fim de atender cada vez melhor os consumidores que adquirirem o veículo.

Por Ana Paula Oliveira Coimbra

Kia Cerato 2019





CONTINUE NAVEGANDO: