Aquela placa metálica que está anexada em todos os veículos e funciona como a “carteira de identidade” do automóvel está prestes a ser alterada.

Quem acompanha as mudanças no mundo automobilístico lembra que a última grande alteração ocorreu em 1990, quando deixou-se de utilizar as placas amarelinhas, que contavam com duas letras e quatro números, para utilizar as atuais cinzas. Mesmo essas últimas tiveram algumas alterações, como mudança na fonte dos dígitos e a utilização de um fundo reflexivo.

Porém, a nova versão de placas vai muito além de uma alteração visual, já que nasceu de um acordo no MERCOSUL de padronização de placas no Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela. O novo sistema entrará em vigor no primeiro dia de 2016 e os carros já emplacados não precisarão ser alterados.

O intuito do novo modelo é semelhante ao utilizado na União Europeia, pois dará a possibilidade de uma fiscalização mais integrada entre os países, ajudando a combater a clonagem, os roubos de cargas e, claro, criando padronização no sistema de identificação de veículos.

O modelo foi totalmente alterado em relação ao atual no Brasil, porém a placa terá as mesmas dimensões das já utilizadas e os preços de emplacamento também não terão grandes alterações.

A placa terá um fundo branco, com uma faixa azul na parte superior, onde constará o símbolo do MERCOSUL na porção esquerda, o nome do país no centro e as bandeiras do estado e país, assim como o brasão do município, no lado direito.

O sistema de codificação utilizará quatro letras e três números, dispostos de ordem aleatória, diferentemente do padrão letra depois número usado hoje. Além disso, a possibilidade de colocar os dígitos em posições aleatórias e utilizar quatro letras em vez de quatro números aumenta mais as possibilidades de combinações.

Além disso, a cor dos dígitos e o contorno da placa categorizarão o veículo, sendo utilizada a cor preta para carros particulares, a vermelha para comerciais e autoescola, a verde para experiência, a azul para veículos oficiais, a dourada para carros diplomáticos e a prateada para colecionadores.

Hoje, a quantidade de veículos total nos países do MERCOSUL gira em torno de 110 milhões e o novo sistema permitirá combinações na casa de 450 milhões de possibilidades.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: Divulgação/Ministério das Cidades


Cresce o número de brasileiros interessados em comprar um carro novo, porém, é preciso muita cautela nessa hora, do contrário, você terá prejuízo e muita dor de cabeça! Mas ficando atento às 9 dicas abaixo, certamente você conseguirá comprar seu carro zero km, evitando uma série de problemas.

O primeiro passo, é claro, será comparar os preços, mas isto não significa que o mais barato é o mais vantajoso. Analise também à respeito de reposição de peças e até mesmo a garantia.

Outro item muito importante a ser visto é quanto à questão da desvalorização, pois todo carro zero km, após adquirido, sofre uma imediata desvalorização e, com o tempo, se desvaloriza ainda mais, uns mais e outros menos.

Foto: divulgação

Veja no mercado quais são os modelos estão tendo menos desvalorização, assim você poderá evitar perder dinheiro.

O Seguro também é muito importante, afinal, você vai estar andando em um carro novinho e algo inesperado pode acontecer. Não dá para arriscar, é de fundamental importância que você tenha o seguro e isso deve ser visto antes de comprar seu carro zero km.

Veja quais são os modelos que mais lhe interessam e faça uma cotação no mercado do valor do seguro para cada um destes modelos, para ter uma ideia de quanto você terá que gastar.

Verifique com antecedência também a Rede de Oficinas Autorizadas, principalmente na cidade onde você mora, ou onde você costuma ir com mais frequência. Imagine só que o veículo apresente algum problema e você descubra que a oficina autorizada fica a centenas de kilômetros de onde você mora? Então, não arrisque, veja isso com antecedência.

Foto: divulgação

Faça um levantamento também dos equipamentos que o carro zero km que você quer comprar oferece, pois alguns modelos custam menos, mas não oferecem quase nada para o comprador. Em compensação, há modelos que custam um pouco mais, mas contam com vários itens que se você fosse acrescentar posteriormente custaria muito mais caro. Neste caso, vale a pena gastar um pouco mais.

E não compre um carro novo sem antes se informar sobre as peças e manutenção, para ver se, quando precisar de algum conserto, ficará muito caro, assim como deverá levar em conta a questão das revisões e os valores que deverão ser pagos.

Por fim, lembre-se de ler atentamente a Ficha Técnica, para se informar sobre todos os detalhes do veículo, e fique atento à cor, pois alguns veículos têm maior procura no mercado a depender da cor, nesse caso, quando quiser vendê-lo será mais fácil.

Por Russel

Foto: divulgação


Falando em Imposto de Renda 2014, agora vem a dúvida cruel: como lançar a aquisição de um carro 0km na declaração? Pois então vamos a seguinte hipótese.

O contribuinte comprou um veiculo 0km em dezembro de 2013, deu uma entrada em espécie e o restante foi feito um empréstimo no banco. Desta forma para a concessionária foi pago à vista. Logo o contribuinte deve somente ao banco estando o carro alienado, será como e onde deve ser declarado o empréstimo obtido? Será feito da seguinte forma: na ficha “Bens e Direitos” deve ser informada a aquisição do veículo, esclarecendo o Nome, CNPJ do vendedor, o financiamento e a forma de pagamento. No campo “Situação em 31/12/2013” informe o valor total do pago. Na ficha “Dívidas e Ônus Reais” informe o empréstimo código 11, o valor do empréstimo.

Não deve ser informado junto com o valor de custo os valores correspondentes ao seguro de automóveis, emplacamento, a menos que este último tenha sido feito pela concessionária e esteja incluso no preço do automóvel. Também não devem ser inclusos no custo de compra gastos e reparos que tenha feito depois da aquisição do veiculo.

Para os importados, o total gasto como taxa de importação, taxa aduaneira e o despachante deverá ser incluído no preço total do veiculo. De maneira geral o raciocínio se um gasto deve ou não ser incluso na declaração, fazendo parte do custo de compra é o seguinte: esta despesa está mesmo relacionada com a compra deste carro? Sem ela este carro estaria na sua garagem? Se a resposta for sim, não precisa ser incluído no valor de compra do automóvel.

É imposto de renda dá um pouco de trabalho na hora de declarar, mas sempre dá aquela emoção para quem declara, pois este pode dizer: “eu declaro o imposto de renda”. 

Por Antônia Mendes

IR 2014


Ao que tudo indica o conceito da Lexus, o LF-CC, foi confirmado para produção. De acordo com o site inglês Autocar, o carro é esperado para estar pronto antes de 2015. O conceito foi mostrado no Salão de Los Angeles (EUA).

Fonte: Autoblog.com

 

A marca de luxo japonesa vai trabalhar intensamente no projeto do cupê no começo do próximo ano e ainda está pensando em um arrojado crossover, um rival para o Range Rover Evoque que tem feito um grande sucesso. 

O LF-CC deverá ser oferecido como versão cupê e conversível, dividindo sua plataforma com o novo IS e o GS, os motores também serão compartilhados.

Por Ana Camila Neves Morais


Mais um lançamento foi mostrado ao mundo automotivo neste mês de dezembro e a novidade do momento é o Jaguar F-Type customizado.

Este novo veículo possui um motor do tipo V6 com capacidade de realizar até 381 cavalos de potência.

Com a inovação da customização será possível que os novos proprietários deste carro o personalizem com diversas opções como novas entradas de ar na parte frontal, rodas com aro em fibra de carbono, pintura em cores diferenciadas, volante com base achatada, detalhes com acabamento em preto brilhante, novas soleiras nas portas, dentre outros.

Por Ana Camila Neves Morais


A montadora japonesa de veículos Acura mostrou durante o Salão Internacional do Automóvel de Los Angeles as primeiras imagens do seu novo veículo: o Acura RLX.

Este carro sedã possui um motor do tipo V6 3.5 litros com câmbio automático de seis marchas, injeção direta e alcança uma potência de até 310 cavalos.

Fonte: Autoblog.com

 

Dentre as suas principais funcionalidades estão rodas de liga leve com 18 e 19 polegadas, ar-condicionado, freios do tipo ABS, controle de velocidade, sistema AcuraLink com informações do trânsito bem como uma central multimídia.

O novo Acura RLX – cujos valores não foram divulgados pela montadora – começará a ser vendido nos Estados Unidos já em 2013 e deve chegar ao mercado brasileiro apenas em 2015.

Por Ana Camila Neves Morais


A Volkswagen lançou neste mês de dezembro no Brasil o modelo do Novo Fusca com 4,278 milímetros de comprimento e 1,486 milímetros de altura.

Seu motor é do tipo TSI 2.0 que alcança uma potência de até 200 cavalos e um torque máximo de 280 Nm a 1.700 rotações por minuto.

O seu estilo ficou totalmente novo com para-brisa na parte traseira, porta malas com capacidade para até 905 litros de bagagem, teto estendido e rodas de liga leve do tipo Spin com 17 polegadas.

Todas estas novidades do Novo Fusca podem ser adquiridas pelos brasileiros por valores entre R$76.600,00 (versão que vem com câmbio manual de seis marchas) e R$80.990,00 para versão com dupla embreagem e transmissão do tipo DSG.

Por Ana Camila Neves Morais


Outro lançamento feito durante o Salão Internacional do Automóvel de Los Angeles foi o Porsche Cayman 2013.

Este elegante veículo possui opções de motor 2.7 e 3.4 movidos à gasolina, câmbio manual de seis marchas e potências que podem chegar a até 319 cavalos.

Além disso, o Cayman 2013 – inspirado no modelo Boxter – possui uma nova parte traseira que vem equipada com o kit Fiat Panda Big Foot além de um interior confortável e bonito.

Fonte: Wot

 

Para adquirir um Porsche Cayman 2013, estes carros estão chegando à Europa com valores entre R$138.897 e R$173.316 dependendo da versão escolhida.

Por Ana Camila Neves Morais


A Chevrolet anunciou nesta quinta-feira, dia 13 de dezembro de 2012, o lançamento da linha 2013 do modelo Camaro.

A nova versão do esportivo vem com um motor V8 com 6,2 litros, câmbio automático de seis marchas e uma potência máxima de 406 cavalos.

Chevrolet Camaro 1LE Fonte: Exame.com

 

Além disso, o interior do Camaro ganhou muitas novidades como câmera de ré, rodas com novos desenhos, banco do motorista com seis posições reguladas eletricamente e um novo sistema multimídia de entretenimento com tela de sete polegadas sensível ao toque.

O Camaro 2013 já está disponível nas concessionárias da Chevrolet com valores a partir de R$203.000,00.

Por Ana Camila Neves Morais


O Salão Internacional do Automóvel da China apresentou o primeiro veículo elétrico da GM: o Sail Springo EV.

Este veículo é o primeiro modelo feito por uma joint venture constituída pela Shangai GM e pela PATAC (Pan Ásia Technical Automotive Center).

O sail Springo EV conta com baterias com refrigeração líquida que podem ser recarregadas em casa nas tomadas de 220 volts conseguindo chegar a 130 km/h e com uma autonomia de até 200 quilômetros a velocidades médias de 60 km/h.

A GM colocou neste automóvel tecnologias de última geração como freios regenerativos que aproveitam a energia das freadas para a recarga.

Além disso, a recarga de suas baterias demora em média 7 horas e pode ser monitorada pelo celular do proprietário pelo sistema On Star da GM.

Todas estas novidades do Sail Springo EV vão estar disponíveis na China já no ano de 2013 por aproximadamente 41.400 dólares.

Fonte: Car and Driver

Por Ana Camila Neves Morais


Um dos equipamentos mais utilizados em automóveis na atualidade é o ar-condicionado que proporciona tanto mais aquecimento em dias frios quanto refresca o interior dos veículos em dias quentes.

No mercado atual existem várias opções deste equipamento e é neste momento que surge a questão se seria melhor ter um ar-condicionado analógico ou digital.

O ar-condicionado analógico está presente em veículos de luxo e populares, possui pequenos gastos para manutenção sendo o ideal para veículos com muito uso no cotidiano e possui, também, inconveniente o fato de que tem materiais mais frágeis.

Já o ar-condicionado digital é mais moderno do que o analógico, com uma maior quantidade de opções e velocidades no veículo tendo como principal atrativo o seu conforto, mas apresenta como ponto negativo possuir peças muito caras e um alto custo para a sua manutenção; por isso é indicado apenas para veículos mais caros e com uso menos freqüente.

Deste modo, mais do que uma simples escolha a decisão quanto ao modelo do ar-condicionado automotivo depende das condições econômicas e do tipo de carro de cada condutor.

Por Ana Camila Neves Morais


Com a chegada do fim da vigência da alíquota reduzida do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), os consumidores que querem adquirir o carro zero com os descontos devem correr. Isso porque, somente os veículos faturados até o dia 31 de agosto, serão vendidos com a incidência do IPI em todo o país.

A partir do dia 1º de setembro, os veículos novos já serão vendidos com o valor da alíquota normal, mesmo que o financiamento ou um possível pagamento antecipado tenham sido feitos nos dias que antecederam a chegada do mês de setembro.

Apesar do fim do IPI reduzido ainda não ter sido totalmente formalizado, as concessionárias já avisam aos clientes sobre o fim do desconto baseados em pronunciamento do Ministro Guido Mantega, que disse que o governo não tem a pretensão de prorrogar a redução do imposto.

O mês de maio foi o período em que o governo anunciou a redução do IPI para veículos. Na época o próprio governo cogitou uma redução do imposto que poderia gerar um montante de renúncia fiscal no valor de R$ 1,2 bilhão para a reserva federal.

Por Flaviane Diniz


O mercado de veículos no mês de Julho deu mais uma prova de sua auto regulação com a queda do preço do carro novo. Com o fim da isenção do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), todos esperavam que os preços subissem para compensar o imposto que voltou a ser cobrado, com projeção de aumento de até 5% no preço do carro zero Km. Mas a reação do mercado foi totalmente diferente. Em função do forte aquecimento da economia e a concorrência acirrada entre os fabricantes o preço médio do veículo novo acabou caindo no mês de Julho 0,68% e o aumento verificado no semestre ficou bem abaixo das projeções: 2,68% conforme pesquisa do site Auto Informe.

Tal movimentação dos preços prova que o próprio mercado, em um cenário de inflação razoavelmente bem controlada, economia aquecida, livre e sadia concorrência se regula estabelecendo preços competitivos e atraentes para o consumidor. Resta agora acompanhar a evolução do preço no próximo mês para confirmar ou não esta tendência e se este rumo de equilíbrio será mantido.

Conforme a pesquisa realizada os carros que apresentaram redução maior foram os da Lexus com redução de 4,77%, enquanto os veículos da Agrale aumentaram 2,69%. Os modelos produzidos pela Ford acabaram tendo redução em seus preços acima da queda média do mês ficando 1,24% mais baratos. Mesmo fato ocorreu com os modelos da Volkswagen que apresentaram queda de 1,49% em Julho. Outra montadora que teve seus preços reduzidos foi a Fiat, embora com queda bem menor que os das outras concorrentes, que foi um percentual de 0,08%.

Por Mauro Câmara

Fonte: Carro Online


A Seat está lançando na Europa uma edição especial do Seat Ibiza da cantora pop Shakira – que recentemente fez muito sucesso no show de lançamento da Copa do Mundo da África do Sul cantando o tema oficial da Cop –  cujo fabricante será a patrocinadora de sua nova turnê.

O Seat Ibiza “Good Stuff” de Shakira é baseado no compacto Ibiza SE e vem equipado com motor 1.4, com sistema de navegação TomTom e ainda vem com um Ipod Nano. De série ele vem ainda com rodas de liga leve de 16 polegadas. E suas linhas são limpas, bem desenhadas, compactas e esportivas realmente com um ar pop e atual, bem de acordo com a própria Shakira e sua música latinamente sensual.

Esta Edição, em homenagem a cantora, estará à venda na Europa, na versão de duas portas por 12.330 Libras (algo em torno de R$ 33.464,00) e a versão com quatro portas por 12.710 Libras (R$ 34.579,00), sem incluir nestes preços os valores de impostos e as taxas de importação.

Por Mauro Câmara

Fonte: G1


Quando se pensa em comprar um carro novo, a ideia logo é imaginar o modelo, marca, ano, mas é necessário haver um planejamento e adequar sua compra ao que você pode pagar.

Primeiramente, deve-se pensar nas condições de pagamento, se já possui um carro que será a entrada para a aquisição de um carro zero km, se é financiamento, se é plano à vista e, assim respeitar sua situação financeira sem prejudicar o orçamento mensal. Tendo em vista, esse plano inicial, a segunda etapa é pesquisar em várias concessionárias os modelos que estão na sua faixa de compra e pechinchar.

Outra dica é não revelar para o vendedor a quantia que você tem disponível. Exponha a ele as opções que lhe agradam, pergunte as formas de pagamento, comente as vantagens da loja concorrente e boa sorte na sua escolha.

Por Aline Barbosa

Fonte: www.tutorzone.com.br


A antiga versão SE-G passou a ser chamada de Corolla Altis e está com novo motor 2.0 16V Dual VVt-i Flex. Possui um revestimento diferenciado, câmbio automático de quatro velocidades e com borboletas atrás do volante para troca de marcha.

E um detalhe, o novo motor dessa linha foi produzido no Japão exclusivamente para o Brasil com um sistema “inteligente” de válvulas de admissão e escape da câmara de combustão, além do desempenho que faz a diferença na qualidade e no bolso também.

O valor não é nada suave, mas para quem não abre mão da marca e dispõe da quantia, a versão Altis deve custar em média R$90 mil.

Por Aline Barbosa


Quando o consumidor tem necessidade de comprar um carro, logo vem àquela dúvida devo comprar um carro zero, ou um carro usado, qual é a melhor opção para mim.

Os benefícios do carro zero são os seguintes: não há muitos problemas no motor, boa conservação, e aquele cheiro inconfundível de carro novo. Em contrapartida o carro usado apresenta: um pouco mais barato, não perdemos tanto quando vendemo-lo, e o carro usado tem o valor do IPVA reduzido em relação ao carro zero.

No entanto com a constante promoção de carros que o mercado brasileiro está fazendo os automóveis zero estão baratos. Lógico que cada um sabe como está a sua situação financeira, porém o preço dos automóveis está caindo cada vez mais. O IPVA pode ser um pouco mais caro, contudo acho que compensa ter um veículo zero.

Carro zero versus carro usado, quem decide é você.

Por Mateus Silveira.


A Toyota lançou o Corolla com motor 2.0 flexível que gera até 153cv e com cambio automático, essa versão  top de linha promete charme, conforto e silêncio com marchas mais longas.

O que parece é que o visual não recebeu alteração, mas para os fãs de motor 2.0 isso não será  importante, a potência do motor e o novo cambio seqüencial paddle-shift atrás do volante dará um toque esportivo ao carro.

Na competição entre o Corrolla e o Civic a expectativa é que o novo carro da Toyota passe a perna na Honda. Até pelo menos a chegada do Civic modelo 2011.


Para quem pretende aproveitar os últimos dias de redução do IPI, pode ser que já esteja tarde demais. Estão faltando carros nas lojas de veículos.

A redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) deve terminar no dia 31/03, porém, os carros mais buscados pelos consumidores já estão em falta no mercado. Previsão de entrega? Em alguns casos, até de 60 dias.

O setor automotivo espera vender mais de 320 mil carros no mês de março, mas é uma pena que não se prepararam para uma demanda tão grande.

Apenas um exemplo: em concessionárias de São Paulo, o Agile (Chevrolet), fabricado na Argentina, tem fila de espera de cerca de 30 dias.


O novo Punto EVO tem lançamento previsto para 2011 aqui no Brasil. Ainda esse ano será lançado na Europa e promete agradar seus admiradores.

O design externo tem pequenas modificações na dianteira e traseira com novo parachoques, lanternas e faróis. Já a parte interna foi inteiramente redesenhada com novo painel no estilo italiano, console central que inclui suporte para GPS, bancos revestidos e portas mais modernas.

Além do estiloso design criado pela Fiat, o motor do Punto EVO apresenta um sistema inteligente e econômico de combustível – Start-Stop – ou seja, essa função desliga o motor automaticamente quando o veículo está em ponto morto, situações comuns quando paramos no semáforo e, é reiniciado quando o condutor pressiona a embreagem. E com todos esses recursos e inovações, a Fiat também se preocupou em seguir as normas Euro 5 que reduz a emissão de poluentes.


Se você planeja comprar um carro novo, confira os lançamentos previstos para o próximo semestre de 2010 e desfrute de um modelo mais arrojado. A Ford lançará a novo Fiesta com o design mais moderno, mais comodidade e em duas versões, hatch e sedan.

E, vem acompanhado de diversos recursos como abertura elétrica do porta malas, regulagem da altura dos bancos, airbag duplo, freios ABS que possuem um sistema de frenagem anti bloqueio e para descontrair o ambiente, um kit som com CD, MP3, Bluetooth, iPod e USB.

Você pode adquirir esse carro com todo conforto e qualidade por um preço que gira em torno de R$29 a 36 mil reais. Então, fique de olho e não perca essa oportunidade.


Concessionárias prevêem crescimento de vendas em março.

Ainda sob o efeito da redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) as concessionárias estão com expectativa de aumento de vendas para esse mês. Com o término previsto para 31/12/09 e depois prorrogado até 31 /03/10 a redução do IPI tem agitado os mercados de produtos de linha branca e de automóveis. Essa medida favoreceu aos comerciantes, pois as suas vendas foram triplicadas durante esse período.

O governo acertou nessa medida de reduzir o imposto, pois conseguiu combater de forma eficiente o fantasma da crise que rondou o Brasil em 2009, investindo no mercado interno para que o Brasil pudesse sobreviver a essa tormenta do cenário mundial, diferente do que aconteceu em 1929 com a “quebradeira generalizada”, desta vez as coisas estavam no controle.

Para quem quer ter um carro zero a hora é agora, aproveite o desconto do IPI e invista no seu patrimônio.


A 5ª geração da Saveiro veio para ser líder de vendas do segmento de comerciais leves e concorrer diretamente com a  Fiat Strada Adventure. Ganhou nome composto, Saveiro Cross, e designer aventureiro com novo parachoque do Cross Fox. Para compor o visual da nova Saveiro foram instalados novos acessórios como apliques nas caixas de roda, saias laterais, frisos nas portas, tampa da caçamba e rodas de liga-leve de 15 polegadas.

Diferente da concorrência a Nova Saveiro tem cabine simples e estendida além do  preço mais baixo, R$ 41.840 na versão básica. A suspensão é mais dura, o que da firmeza para o motorista ao dirigir e proporciona uma posição mais confortável do que a oferecida pela picape da Fiat. Com o estepe sob a carroceria a cabine ganhou mais espaço, outra novidade do veículo é o sensor de estacionamento no parachoque traseiro.

A Saveiro Cross é ideal para quem procura um carro para lazer, oferece espaço e segurança com maior estabilidade além de um visual “off –road”.

Veja o video abaixo para conhecer um pouco mais sobre este belo carro.

Se você deseja ainda mais informações sobre a nova saveiro entre no hotsite


Vai comprar um carro novo? Tenha cuidado para não cair no gole do carro zero!

Em Mundo Novo, interior do Mato Grosso do Sul, um homem de pouco mais de 40 anos caiu em um golpe em que depositou cerca de R$ 1 mil, pensando receber em troca um carro 0km.

Segundo a vítima, ele teria recebido uma SMS (mensagem pelo celular), informando que havia ganhado um carro zerinho através do programa Domingo Legal, do SBT. Após isso, o estelionatário ligou para a vítima, falando para que a mesma depositasse a quantia em uma determinada conta bancária.

Foram feitas duas transações, ambas de R$ 499, sendo como favorecido o sr. Antônio Félix Ferreira. Depois de realizar o depósito é que foi se atentar que se tratava de um golpe.

Portanto, tenha cuidado. Não dê valor a mensagens estranhas via carta, e-mail ou celular. Muitas vezes tratam-se de farsantes que tentam ludibriar o povo de modo a obter recursos financeiros.


A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) anunciou um crescimento de 19,63% no emplacamento de veículos automotores novos no Brasil nos primeiros quinze dias de fevereiro. Quase 126,5 mil unidades foram constatadas, distribuídas em automóveis, comerciais leves, ônibus e caminhões.

O Portal de Notícias Yahoo! revela que a venda de automóveis e veículos comerciais leves ascenderam mais de 22,6% em relação a janeiro. Em comparação com a primeira quinzena de fevereiro de 2009, o crescimento foi de 10,42%, justificado, sobretudo, pelo momento financeiro da época, quando a crise financeira global atingia de frente a economia mundial.

Na mesma reportagem do Yahoo!, a comercialização de ônibus e caminhões foi de aproximadamente 5,8 mil unidades nos primeiros quinze dias deste mês, uma queda de 20,76% em comparação mensal. Em parâmetro anual, porém, o percentual teve ascensão de 19,67%.

Fonte: Portal de Notícias Yahoo!

Por Luiz Felipe T. Erdei


Mesmo com as montadoras dando descontos esses abatimentos nos valores não chegam ao consumidor, um ótimo exemplo é o Smart e ate mesmo o Mini Cooper que tiveram os maiores aumentos registrados no mês passado.

A pesquisa foi realizada pela AutoInforme (Agência de Informação do Automóvel), onde mostrou que as montadoras até baratearam alguns modelos mas esse desconto esta é longe do consumidor.

Conforme a pesquisa, a montadora Ford, por exemplo, fez o lançamento da EcoSport 2011 com o valor que chega a R$ 3.000,00 a menos do valor que chega ao mercado.O mesmo acontece com a Kia e a Nissan.

Uma das explicações dadas é que estes descontos acontecem somente nos chamados “preços oficiais” e não nos de ponta de varejo.
Com essa ou outras explicações o que acontece é que quem paga mais ainda são os consumidores.

Por Janis Rhomany Fortes


Segundo uma medida estabelecida por uma resuloção do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), todos os automóveis novos, fabricados no Brasil ou importados, deverão possuir obrigatoriamente o sistema de freios ABS.

As montadoras terão até 2014 para cumprirem a regra. Os veículos novos que não tiverem o sistema instalado não poderão ser licenciados.

Para baixar os custos das montadoras, a instalação será gradativa. Neste ano, 8% da produção terá quer sair com ABS, em 2011 15%, em 2012 20%, 2013 60% e apartir do dia 1º de janeiro de 2014, 100% dos veículos novos deverão sair de fábrica com o sistema ABS instalado.

Lembrando que o sistema de freios ABS oferece mais segurança, pois evita que a roda bloqueie e entre em derrapagem. O ABS permite frear e desviar o carro numa aquaplanagem, por exemplo.


Comprou um carro 0km e já começaram os problemas? Não deixe que um produto novo estrague o seu humor!

A primeira dica é: antes de retirar o seu carro novo da concessionária, revise muito bem tanto o exterior quanto o interior do veículo. Qualquer item quebrado, riscado ou faltante, precisa passar sob sua perícia antes de retirar esse veículo da loja.

Como é que você provará que a maçaneta do carro saiu quebrada de fábrica se você já está usando esse veículo há 1 semana? Portanto, revise completamente o carro antes de sair por aí exibindo seu novo “pimpolho”.

Segundo o CDC (Código de Defesa do Consumidor), em alguns casos é até possível solicitar a devolução do dinheiro pago, ou então a troca por outra unidade “novinha em folha”.

Isso vale também para veículos usados. Não saia da loja antes de questionar sobre algum problema que você identificou no veículo. Há casos de problemas de motor, de transmissão, de suspensão, que se mal inspecionados, podem lhe custar caro em um futuro bem próximo.





CONTINUE NAVEGANDO: