Kia reestiliza seu SUV médio e recebe uma versão eletrificada 2.0 a diesel.

Um tempo atrás o Kia Sportage 2019 foi flagrado pelas ruas do Brasil, onde surgiram os primeiros comentários e as primeiras imagens, que apresentavam algumas mudanças em sua aparência. O modelo visto foi o top de linha, versão GT Line.

A alteração mais evidente do modelo se encontra em sua parte frontal, seus faróis de neblina com tecnologia LED no desenho de um "cubo de gelo", o que remete muito a parte frontal dos modelos da Porsche, foi trocado por outro conjunto, que possui um desenho retangular e separado através de uma haste na horizontal que se estende até a sua entrada de ar. O seu para-choque foi redesenhado e suas entradas de ar acabam por formar o desenho de um pentágono. Não foi descartada a iluminação em quatro pontos e ainda continua em seus faróis novos, porém de uma maneira mais tímida agora. Sua grade com formato de "nariz de tigre" recebeu um acabamento brilhante, deixando-a não tanto chamativa e assim integrando ao design de uma maneira melhor.

Em sua parte lateral, pode-se ver as rodas novas com 19 polegadas, que são exclusivas para a versão vista. A montadora coreana informou que desenvolveu rodas novas para todas suas versões, com diâmetros que variam entre 16 e 19 polegadas. Ao passar para sua parte traseira, as alterações foram mais simplificadas, onde ganhou apenas um novo desenho na área de suas lanternas e seu para-choque foi renovado.

Já na parte interna do modelo, o Sportage 2019 recebeu um volante novo que possui um acabamento diferenciado e sua haste inferior é levemente mais alongada. Seu painel de instrumentos agora ficou mais clean, pois foi subtraído alguns elementos para leitura, entretanto não perdeu o seu computador de bordo com display colorido. A marca ainda está equipando todas as versões com dois tons de acabamentos, sendo cinza e preto. A versão GT Line possui bancos revestidos em couro na cor preta e com costuras avermelhadas.

A alteração principal do novo lançamento em questão fica por conta do seu propulsor EcoDynamics+ R com 2 mil cilindradas. O motor é um turbodiesel que conta com quatro cilindros e faz uso de um sistema híbrido leve com uma bateria de 48 volts, o que faz o carro se manter mais tempo desligado ao fazer uso do start-stop. O modelo ainda tem uma redução de 4% nas emissões de gases poluentes, pois já foi fabricado pensando em atender as regras atuais de emissões de gases na Europa.

O mercado europeu dará adeus ao propulsor CRDi de 1.7 litros, pois agora será trocado pelo novo motor a diesel com 1600 cc, o qual a montadora diz que é o propulsor a diesel mais limpo já desenvolvido por eles. Encontra-se disponível em versões que é capaz de gerar 136 cv e 115 cv, onde o modelo que possui maior potência ainda conta com transmissão automática de 7 velocidades e tração integral. Este propulsor é o mesmo utilizado no Optima comercializado no mercado europeu, que também acabou trocado pelo 1.7. No motor a gasolina ainda não se falou em alterações.

Para concluir as mudanças, ainda conta com controle de cruzeiro adaptativo que possui função stop & go, tendo a capacidade de frear totalmente o veículo e reiniciar a rodagem de forma automática conforme o trânsito, recebeu câmera de 360 graus facilitando a realização de balizas e alerta de fadiga. O Sportage 2019, dependendo da versão, pode ser comercializado com central multimídia de 7 polegadas ou então com o display novo, sem bordas, de 8 polegadas.

O veículo ainda não tem data para desembarcar no Brasil, mas ainda este ano chegará ao mercado europeu.

Por Filipe Silva

Kia Sportage 2019

Kia Sportage 2019


Problema atinge modelos entre 2016 e 2019.

Foi anunciado pela montadora Kia Motors, na última quarta-feira, dia 4 de julho, que o seu modelo Carnival irá passar por um recall, devido a um possível defeito em sua porta deslizante. Estão envolvidos no reparo 462 unidades dos modelos 2016 a 2019.

Por esse motivo, estão convocados para agendamento do reparo todos os proprietários que possuírem o automóvel com os finais 113707 até 437433. Esses devem ter sido produzidos entre a data de 17 de junho de 2015 a 5 de fevereiro de 2018.

Vale lembrar que o recall é totalmente gratuito e deve ser realizado em uma das concessionárias da marca.

Entendendo o recall da Kia

Conforme dados divulgados pela Kia, foi detectado um problema na unidade eletrônica referente ao comando das portas automáticas deslizantes, mais especificamente no software. Com isso, há a possibilidade de que algumas unidades da Carnival não obedeçam a esse sistema de reversão automática, em caso de uma eventual barreira em sua rota no trilho da porta.

Sendo assim, em alguns casos, mesmo sendo constatada a existência de um obstáculo no caminho, o fechamento da porta automática teria dado continuidade. Feito isso, os membros e ocupantes do carro poderiam ter lesões físicas nas mãos e pés que estejam na rota de tal trilho.

No Brasil, não há nenhum registro sobre esse tipo de acidente, de acordo com a Kia. Porém, mesmo assim, a fabricante optou pelo recall de suas unidades, como forma de evitar possíveis danos materiais e físicos.

Sobre o tempo para o conserto e atualização do software, a empresa deu a previsão de que o reparo demoraria cerca de uma hora. Para quem tiver alguma dúvida sobre o recall, foi disponibilizado um telefone para contato, o 0800 77 011011. Além desse, ainda há a opção de informações diretamente no portal da montadora, no endereço eletrônico www.kia.com.br.

Outros recalls do modelo Carnival

Essa não é a primeira vez que a montadora chama os proprietários do modelo Carnival para um recall. Em 2013, foi feita uma campanha para chamamento de veículos de ano-modelo 2007, que foram produzidos entre as datas de 21 de novembro de 2006 e 27 de junho de 2007. Os chassis envolvidos foram de 144789 até 161062.

Na ocasião, foi constatado que as luzes do freio podiam não acender quando pressionado o pedal. Isso poderia ocasionar a incapacidade de desativação do piloto automático em veículos equipados com o componente em questão, bem como dificuldade de movimentação referente à alavanca da transmissão. Com isso, havia o risco de um acidente de trânsito grave.

Outra campanha teve o mesmo objetivo e defeito apresentado. Foram chamados modelos de 2007 a 2011, tendo sido produzidos entre 21 de novembro de 2006 e 10 de dezembro de 2010. Os finais de chassi foram: 144786 a 376690.

Sobre a Kia Carnival

Considerada uma minivan de porte médio a grande, a Kia Carnival foi lançada oficialmente no ano de 1998. Atualmente, o veículo está em sua terceira geração, aliando muita tecnologia, materiais de qualidade alta e diversos recursos de segurança passiva e ativa.

A Kia Grand Carnival possui dimensões largas e que evidenciam a sua aparência moderna. Destaque especial para a dianteira, que projeta toda a sua força e confiança, integrado a uma grade e faróis em luzes de LED. Esse último é uma forte tendência da marca no design de seus carros.

Além disso, foram integrados ao Carnival itens de série, como o Assistente de Controle em Partidas com Aclive, Controle Eletrônico para Estabilidade, Antilock Braking System e Detector de Ponto Cego. Em termos de motor, está disponível o 3.3 L V6, de 24V e 270 cavalos de potência. A transmissão é automática de seis velocidades.

Kellen Kunz


Modelo tem seus preços elevados em ate R$ 3 mil.

Esse mês chegou com uma péssima notícia para quem tem interesse em adquirir um Kia Sportage: no mês de junho os preços de todos os veículos desta linha irão subir. De acordo com as informações dispostas no site oficial da Kia Motors do Brasil, o SUV — modelo mais vendido no Brasil dessa fabricante — passou por reajustes de preços em quase todas as suas versões, exceto uma. Os valores agora podem variar entre aproximadamente R$ 115 mil e R$ 148 mil.

A versão que não sofreu alterações em seu preço foi a EX P.787. Já a configuração que apresenta a maior variação de valor foi a EX P.255, que se encontra cerca de R$ 3 mil mais cara. Embora apresentem variações nos preços, todas as versões continuam apresentando o motor 2.0 Flex, com câmbio automático de seis marchas.

Kia Sportage: novos valores

Confira a seguir os preços reajustados do Kia Sportage:

  • Kia Sportage 2.0 LX P.152 — que antes tinha valor de R$ 112.990,00, atualmente custa R$ 114.990,00;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.253 — que antigamente saía no valor de R$ 132.490,00, agora custa R$ 134.490,00;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.787 — manteve seu valor de R$ 137.990,00, sem nenhuma alteração;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.254 — que antes era R$ 136.990,00, agora sai no valor de R$139.490;

  • Kia Sportage 2.0 EX P.255 — que custava R$ 144.990,00, atualmente se encontra no valor de R$ 147.990,00.

Como visto, a maioria dos ajustes se encontra na faixa de R$ 2 mil, com exceção da EX P.254 e da EX P.255, que ultrapassam esse valor. Com o aumento dos preços, é considerável consultar uma concessionária e analisar os planos de parcelamento ou consórcio que estão disponíveis para esses veículos.

Sobre o Kia Sportage 2019

A quarta geração do Kia Sportage veio ao Brasil importado da Coreia do Sul, com um novo visual, muito mais sofisticado. Seu motor é 2.0 Flex, de 167 cv, com transmissão automática de seis marchas, a 6.200 rpm, além de 18,8/20,2 kgfm. Além disso, vem apresentando também três modos de condução: a normal, a Sport e a Eco Drive.

Seu novo design é mais chamativo, apresentando uma frente agressiva, com faróis no formato de bumerangue. Na versão topo de linha EX é possível encontrar projetores de LED. Sua grade também foi remodelada para o estilo dente de tigre, trazendo uma maior impressão para o design dessa linha.

Em geral, o Kia Sportage é considerado um carro com muito conforto e agilidade no volante, junto de um belo design. Apesar disso, seu propulsor não apresenta muita potência e seu desempenho é mediano, o que pode não ser um problema para aqueles que não têm muitas pretensões esportivas com o veículo.

Sobre a Kia Motors

A Kia Motors é uma das maiores indústrias automobilísticas do mundo. Fundada na cidade de Seul, na Coreia do Sul, no ano de 1944, com o objetivo de fabricar peças para bicicletas, expandiu-se por todo o mundo, tornando-se uma das grandes indústrias sul-coreanas e referência mundial no setor automobilístico.

No Brasil a empresa se instalou no ano de 1992, com representação por José Luiz Gandini, sendo sediada na cidade de Itu. A princípio, o modelo mais vendido no país era a van Besta, que saiu de linha no ano de 2005 em seu país de origem. A partir disso, a importadora brasileira realizou mudanças em toda a sua rede de concessionárias, a medida que seu público-alvo também se alterava. Deixar de vender o modelo principal, a van Besta, passou a ser um ponto de entrada para o mercado de carros de passeio para todo o Brasil.

Desde então, a empresa vem conquistando um maior espaço no mercado automobilístico brasileiro, sendo um nome de peso quando o assunto é qualidade de carros.

Felicia Lopes


Kia resolve trazer o SUV compacto KX3 em lugar do Stonic ao Brasil.

De primeira ideia, era de se imaginar que a empresa Kia trouxesse para o Brasil o carro esperado, nomeado de Stonic, porém, por decisões da empresa, foi decidido que o carro que será trazido será o KX3, a espera do modelo Stonic chegar foi devido a sua plataforma ser usada no Rio, o que deixaria com mais facilidade sua produção no México, isso traria a aproximação do comércio brasileiro relacionado ao carro. Poré,m por fontes separadas, a empresa diz que nunca esteve no plano deles trazer o Stonic e que sua aposta será realmente no KX3.

KX3 é um crossover chinês, nele está integrado a mesma plataforma que foi usada no carro Creta, que não está ligado a Kia e sim à empresa Hyundai. Sobre a data de estreia oficial, infelizmente ainda não há nada confirmado, mas para quem está ansioso para ver o carro, é possível que em breve, em meados de novembro, ele esteja no salão do automóvel.

A possível justificativa dessa "troca" de modelos se dá ao fato de que o Stonic por ser um carro de tamanho menor, medindo 4,14 metros, adequa-se ao padrão europeu, onde são "exigidos" carros menores para a circulação. A diferença dele para o KX3 em relação ao tamanho é que o modelo escolhido tem 4,27 metros, sendo assim mais interligado aos seus concorrentes brasileiros e adequando-se ao "padrão" de tamanho da categoria.

Outro motivo que colocaria mais uma "forcinha" nessa mudança é que o Stonic possui uma tecnologia e motores um pouco mais avançado, o que causaria talvez um maior dificuldade de comercialização no Brasil, que se dá pela dificuldade econômica atual, mais um fato é sua produção no México não ser totalmente definida com certeza absoluta.

Deixando um pouco de lado o país e citanto as especificações do carro em geral, na China o KX3 é apresentado com 3 motorizações diferentes, sendo elas:

  1. As versões básicas que usam o modelo do motor do Hyundai Creta 1.6 e também a versão 2.0. Que são as versões com mais possibilidade de vinda para o Brasil, além disso, o modelo flex pode aumentar mais ainda essa possibilidade.
  2. A linha tem em seu topo o motor 1.6 turbo, que conta também com 160cv de potência, isso lhe dará mais potência e torque, que resultaria em 25,5 kgfm, sendo maior que os 19,6 kgfm do 2.0.
  3. Os modelos 1.6 e 2.0 virão provavelmente com 6 marchas, sendo elas de câmbio manual ou automático, diferenciado-se do turbo que contará com o trabalho exclusivo de dupla embreagem que tem um serviço automatizado e 7 posições.

Esperança da importadora

A importadora oficial da Kia no Brasil é o Grupo Gandini, eles esperam que 2018 seja um ano positivo e de bons trabalhos para a empresa. Esta importadora trouxe recentemente a nova geração do Picanto e sem problemas aposta em continuar a importação da mesma maneira, ainda mais se tratando de um SUV compacto de uma grande empresa.

Visual do KX3

O carro traz consigo um visual mini-sportage, sua frente possui uma grade agressiva na parte inferior ao conjunto óptico. Suas lanternas, integradas a uma traseira limpa, vêm com seu preparo totalmente em LED, que acaba dando uma visão boa de carro avançado tecnologicamente. A influência interior do carro vem novamente com uma grande inspiração que já é bem conhecida, que vem do Sportage.

Levando em consideração agora a pintura, pode ser que ela agrade muito, a empresa resolveu colocar um contraste no teto, dando uma ideia diferenciada para o SUV.

Gustavo Martins dos Santos


Confira aqui mais informações sobre o Kia K2500 2018.

A dinâmica de trânsito observada nas cidades brasileiras tem se tornado cada dia mais complexa em decorrência do volume elevado de veículos dos mais diferentes portes.

Em decorrência disso, a utilização para transportes de pequenas cargas de modelos como o Kia K2500 2018 tem sido uma opção adotada por grande parte de pessoas e empresas, sendo que seus detalhes serão abordados em seguida neste artigo.

Dados técnicos do Kia K2500 2018

O Kia K2500 2018 é fabricado na Coreia do Sul e está presente no mercado nacional desde o ano de 1993, consistindo no único modelo do tipo comercial que esta montadora oferece para os motoristas brasileiros.

Com relação às suas dimensões, pode ser adquirido apenas no formato com cabine do tipo simples, tendo comprimento de 4,82 metros, largura de 1,74 metros e altura de 1,99 metros, bem como distância entre-eixos de 2,41 metros.

Ao considerar seu peso, este veículo possui um peso total bruto de 3.392 quilos, dos quais 1.530 quilos são relacionados com a capacidade de carga que pode ser adicionada em sua estrutura para transportes especificados.

Em seu aspecto mecânico, o Kia K2500 2018 apresenta motor Turbodiesel de 2.5 litros com tração traseira em uma transmissão feita pela caixa de câmbio manual equipada com seis marchas possíveis.

No seu rendimento, pode chegar a uma potência de 130 cavalos com torque de 25,9 Kgfm a 1.500 rotações por minuto, além de ter velocidade máxima de 150 Km/h, podendo usar o diesel como combustível para seu devido funcionamento.

Detalhes relevantes sobre novo Kia K2500 2018

Os aspectos internos relacionados com o Kia K2500 2018 possui elementos de conforto como travas elétricas, bancos com revestimento de tecido de boa qualidade, bem como presença de vidros dianteiros elétricos.

Quanto a este ponto, o automóvel analisado oferece ainda bancos dianteiros do tipo inteiriços e limpador de pára-brisa com intermitência do tipo variável.

Além disso, oferece acendedor de cigarros nos bancos dianteiros, tomada em sua parte frontal com saída de 12 volts, bem como direção assistida proporcional à velocidade com retrovisores internos e também na porta tanto do motorista quanto dos passageiros.

Ao se pensar na segurança oferecida por este modelo delimitado de automóvel, estão presentes itens como sistema de air bag para motorista e passageiro em posição frontal, além de freios do tipo ABS com distribuição eletrônica nos momentos de frenagem.

Em seu exterior, o Kia K2500 2018 possui faróis do tipo superfície complexa equipados com lâmpadas halógenas, pneus equipados com rodas em ferro tendo 5,5 polegadas de largura em sua parte traseira e, também, dianteira.

O seu pára-choques apresentam pintura na cor preta em todas as suas localizações neste veículo, sendo um modelo com duas portas e capacidade para receber em seu interior até 3 pessoas de maneira adequada.

Principais aspectos e preços do Kia K2500 2018

A versão disponível no mercado nacional para aquisição do Kia K2500 2018 possui um valor comercial de R$ 72.510,00, havendo ainda possíveis gastos como IPVA de R$ 2.900,00 (em média), além de custos para transporte na faixa de R$ 800,00 por ano.

Quanto ao consumo de combustível apresentado por este automóvel, na cidade é registrado uma média de 8 Km/l e na sua condução em rodovias e estradas este montante passa a ser de 11 Km/l.

O grande diferencial relacionado com o Kia K2500 2018 diz respeito à sua criação, pela montadora focar em um automóvel com praticidade, possuindo a vantagem de poder circular em vias restritas para grandes caminhões, por exemplo.

Conclusão

Assim, o Kia K2500 2018 é a alternativa considerada como adequada para aqueles que desejam um veículo com bom espaço e capacidade para transportar em segurança itens nele adicionados.

Ana Camila Neves Morais


O Kia Cerato 2019 terá cores mais vivas e quentes, além de linhas e, é claro, a marca de importado que segue o padrão da Kia Stinger.

Os amantes de veículos automotivos devem ficar contentes em saber que, recentemente, foi divulgado o esboço do Kia Cerato 2019, um carro com design muito versátil, que foi projetado com base no Stinger.

Então, se o leitor ficou curioso a respeito das novidades acerca do novo modelo de Kia Cerato 2019, as informações abaixo podem informá-lo sobre as principais mudanças que o automóvel passou em comparação ao último modelo lançado pela linha.

De acordo com a Kia Motors foram realizados cerca de três esboços, que foram expostos antes mesmo do Salão de Detroit. Sendo assim, tomando como base essas projeções, parece que as mudanças são positivas especialmente na estética e no estilo do carro. Então, parece que agora, as ruas de Detroit devem ganhar a versão do Kia Cerato 2019 em cores mais vivas e quentes, além de linhas e, é claro, a marca de importado que segue o padrão da Kia Stinger.

Como já foi mencionado anteriormente, o modelo do novo automóvel foi inspirado em outro veículo, que tem a fama de ser maior e mais potente. O intuito da marca, que surgiu originalmente na Coreia do Sul, é fazer com que o automóvel tenha um estilo bastante eletrizante, uma vez que, essa é a grande aposta a fim de atrair um maior número de consumidores.

Sendo assim, procuraram investir em colocar mais volume e largura na carroceria. Por isso, a nova versão do Kia 2019 deve possuir um coeficiente aerodinâmico muito além do último modelo. Somado a isso, parece que haverá mudança no visual interno do veículo, aumentando o seu espaço a fim de levar maior conforto e comodidade para o motorista e os seus passageiros. Vale ressaltar ainda que, apesar dessas alterações, o sistema entre-eixos deve permanecer o mesmo que vigora atualmente.

Quem conhece os modelos da Kia Motors, sabe que a sua marca já registrada no mercado de automóveis é uma grade com característica de ser trigada. Com o novo modelo, essa grade deve ter a utilidade de transportar alguns instrumentos ligados ao esporte. Mas, tratando-se de característica exclusiva, acredita-se que seja a adição de um para-choque, que possua dois faróis para neblina, além de entradas de ar, tanto na frente quanto nas laterais.

No interior do veículo, haverá um painel diferente, isto é, desta vez mais baixo e também mais reto. Também haverá uma tela touchscreen com câmera traseira externa com o intuito de facilitar a vida do motorista quando chegar a hora de realizar ré ou até mesmo no momento que houver a necessidade de estacionar o veículo.

Até o momento, sabe-se que o modelo deve ser criado na indústria Pesquería, localizada no México. Desse modo, assim que os automóveis entrarem no mercado de veículos dos Estados Unidos, eles devem passar pela fronteira do México em direção ao Brasil. Estima-se ainda que a apresentação do novo modelo no território brasileiro deve acontecer no dia 15 do mês de janeiro de 2018.

Ficou interessado em adquirir o Kia Cerato 2019? Pois bem, fique atento às novidades que devem surgir nos próximos dias, como a apresentação visual do novo modelo. Com o passar dos meses, é provável que a Kia Motors disponibilize outras informações e características mais específicas de como o automóvel deve funcionar, seus equipamentos entre outros dados mais técnicos. O fato é que esse modelo já possui a chance de competir na categoria de melhor carro do ano, isto é, tanto pela sua estética exterior quanto na parte mecânica do carro, que promete ser alterada e voltar ainda mais desenvolvida a fim de atender cada vez melhor os consumidores que adquirirem o veículo.

Por Ana Paula Oliveira Coimbra

Kia Cerato 2019


Modelo conta com as principais alterações posicionadas na parte frontal.

A fabricante de veículos sul-coreana, Kia, apresentou seu grande lançamento no Salão do Automóvel de São Paulo, o modelo novo, Cerato 2017. O modelo que será reestilizado em sua parte visual, tanto na parte de trás como na frente, terá agora também um novo momento em sua origem, alterando o local de sua fabricação, saindo da Coreia do Sul e sendo produzido no México, na cidade de Pesquería.

As novas versões comercializadas pela Kia passarão a serem vendidas com o preço inicial de R$ 76.990, o que significa uma elevação de três mil reais quando comparado com carros do país coreano.

As principais alterações para o novo Kia Cerato 2017 estão posicionadas na parte frontal do sedã. Os faróis novos agora passaram a ser um pouco maior, além de possuir um bloco elíptico com leds diurnos. Outro equipamento que teve seu design alterado foi o para choque, onde em um local mais recuado, foram colocados os faróis de neblina.

Na traseira do sedã médio, os destaques se dão pelas lanternas que estão maiores e tem um arranjo novo de seus elementos e também pelo para choque que teve alteração na sua parte inferior. Nas laterais do novo Cerato não ocorreram mudanças, exceto pelo fato de terem sido colocadas rodas novas, com aro de 16”.

Mecanicamente falando na ocorreram renovações. Onde foi mantido o motor de 1600 cilindradas, flex, com 16 válvulas e gera uma potência máxima de até 128 cv a 6 mil rpm e um torque que chega a 16,5 kgm em 5 mil giros e está conectado com um câmbio de seis marchas e transmissão automática, atrelado a um paddle shift localizado atrás do volante para as trocas de marchas.

O modelo teve seu preço aumentado, porém o novo Kia Cerato ainda mantém sua lista de equipamentos de série, que é razoável e conta com sensores de estacionamento traseiro e dianteiro, CD Player com iPod, Bluetooth e USB, ar condicionado dual zone e o volante com multifunções, ajustável tanto na profundidade quanto na altura.

A montadora sul-coreana, no momento já recebe encomendas para o novo modelo do sedã médio da marca.

Por Filipe Silva

Kia Cerato 2017

Kia Cerato 2017

Fotos: Divulgação


Versão LX custa R$109.990 e EX custa R$134.990.

Para quem se lembra do início da trajetória do Sportage lá no começo dos anos de 1990 deve ter na memória o quanto ele era “questionável” dado o fato de ser barulhento e meio “sem jeito”. Porém, com o passar dos anos o carro foi se aprimorando e se reinventando até chegar a sua quarta geração. A versão mais recente do Sportage acaba de fazer sua estreia no Brasil com uma estética mais apelativa para o lado esportivo. O modelo apareceu por aqui em duas versões sendo a LX com preço inicial de R$109.990 e a EX custando R$134.990.

Além do preço existem outras diferenças que valem a pena de serem destacadas entre as duas opções. A principal diz respeito à lista de equipamentos presentes. No caso da LX vamos encontrar rodas de aro 17, sistema de som com tela sensível ao toque de cinco polegadas, controlador de velocidade e ar-condicionado. Também vamos ter câmeras de ré e sensores para obstáculos traseiros.

Por sua vez, a EX conta entre os equipamentos com teto solar panorâmico e bancos de couro, sistema multimídia com GPS e tela de 7", controles de estabilidade e tração e airbags laterais e de cortina.

Embaixo do capô do carro teremos o já conhecido 2.0 flexível com capacidade para 167 cv e 20,2 kgfm de torque. O bloco é integrado a um câmbio automático de seis marchas. Curiosamente esse é o mesmo equipamento que já se encontrava no Sportage anterior e que também está no Hyundai ix35.

Ainda sobre a motorização a marca não deu nenhum sinal se por acaso o motor 1.6 de 176 cv que integra o modelo europeu poderá aparecer por aqui algum dia. Lá na Europa o carro ainda mantém a transmissão de dupla embreagem com sete marchas.

De uma forma geral o Sportage em sua quarta geração ganhou um pouco mais de espaço graças ao aumento de alguns poucos centímetros na distância entre-eixos. Sem muito aperto a parte de trás comporta perfeitamente três ocupantes. Mas é aí que vamos encontrar um erro grave. Não há cinco de segurança de três pontas para o passageiro central.

Já na parte da frente o espaço ficou maior tanto para o motorista quanto para o passageiro. A possibilidade de ajustar a altura e a profundidade do volante possibilita ao condutor encontrar a melhor maneira de se ajeitar mais confortavelmente.

A versão mais básica tem levantado algumas questões um pouco desagradáveis como, por exemplo, a qualidade dos materiais usados no interior e a ausência de alguns itens que seriam bem vindos como os airbags laterais e o controle de estabilidade que só aparece na opção mais cara, a EX.

Por Denisson Soares

 

Kia Sportage

Kia Sportage

Fotos: Divulgação

 


Foi exibida no Salão de Chicago nos Estados Unidos uma variante híbrida e aventureira do veículo Kia Soul, essa nova versão foi batizada com o nome de Trail’ster e-AWD Concept.

O desenvolvimento e a criação desse veículo ocorreram após um desafio lançado pela Kia na América do Norte à sua equipe para que fizessem um veículo com características mais rústicas. E o desafio deu resultado, o modelo foi projetado com tração nas quatro rodas e o seu visual obteve um design bastante robusto, os faróis e lanternas de neblina foram colocados em tamanho bastante avantajado, nos para-choques e nos para-lamas foram inseridas molduras escurecidas, um dos grandes atrativos que chamam muita a atenção de quem vê o veículo pela primeira vez são os faróis e lanternas internas que ganharam desenhos futuristas, bem como os retrovisores internos que ganharam contornos mais ousados.

Outro adereço que combinou bastante com a proposta desse veículo foram as rodas aro 19’’, as quais possuem raios na cor vermelha e o centro na cor preta.

Apesar de todas essas inovações na parte externa, quando se observa o interior do veículo não houve muitas modificações no carro quando comparado ao Soul, contudo as únicas características que dão singularidade a esse novo modelo na parte interna são os revestimentos na cor marrom, o teto panorâmico e a alavanca de câmbio que teve um breve esticamento, a fim de proporcionar maior conforto aos condutores.

O Trail’ster foi projetado com um motor 1.6 tubocharger de quatro cilindros o qual é capaz de produzir 185cv e 25,6 kgfm, a movimentação das rodas traseiras é feita através do auxílio dado por uma bateria que contém polímero de íon-lítio a qual tem a finalidade primordial de fornecer força extra às rodas traseiras e auxiliá-las nas manobras realizadas em baixas velocidades e no uso fora de estradas.

A aposta da montadora Kia é que todo este conjunto ainda proporcione aos consumidores de gasolina entre 5% e 10% na estrada e de 25% a 30% nas áreas urbanas. 

Por Adriano Oliveira

Kia Trail?ster e-AWD Concept

Kia Trail?ster e-AWD Concept

Kia Trail?ster e-AWD Concept

Fotos: Divulgação


O novo teaser do Soul aventureiro da Kia foi revelado e a estreia está prevista para acontecer na próxima semana no Salão de Chicago, nos Estados Unidos. Complementando a imagem, a marca também revelou o nome do novo modelo: Trail’ster. Provavelmente, o novo carro pode ser uma evolução do Track’ster, que foi mostrado há três anos. Ele também foi inspirado no modelo do crossover Soul.

Uma das novidades do novo modelo da Kia é que ele contempla capota retrátil, além de 4 portas. Em relação ao antigo carro, o Track’sister, ele tinha teto metálico e também duas portas. Assim, o novo lançamento da Kia apresenta ainda mais novidades para o mercado.

As imagens que foram reveladas pela Kia apresentaram um carro com design robusto, proteções nas laterais e também rodas de duas cores com pneus para uso fora do asfalto. Uma das novidades, também, é a presença do sistema de tração integral elétrica. Porém, mais detalhes ainda não foram revelados.

Por exemplo, o Track’ster que foi mostrado há três anos tinha as seguintes características: motor 2.0 turbo, de 252 cv e câmbio manual de seis marchas. Os detalhes do Track’ster serão mostrados no Salão de Chicago.

No evento, também serão mostradas outras séries especiais como, por exemplo, as que estão sendo preparadas pela empresa Toyota. No Salão de Chicago será apresentada a série especial do Corolla (versão norte-americana) e também do Camry.

O Corolla, por exemplo, contempla itens e detalhes especiais como rodas de liga leve de 17 polegadas que foram pintadas de preto, bancos com costuras vermelhas,  detalhes na porta com a mesma cor, sistema smart Key, tapetes exclusivos, entre outros. Serão produzidas 8 mil unidades do carro com carroceria pintada de forma exclusiva nos tons vermelho, preto ou banco.

Todas as novidades dos carros serão mostradas no evento do Salão de Chicago, que acontece nos Estados Unidos.

O que achou? 

Por Babi

Kia Soul aventureiro

Kia Soul aventureiro

Kia Soul aventureiro

Fotos: Divulgação


O investimento em carros à álcool, flex e até híbridos é crescente. Os motivos são variados e vão desde a busca por novas fontes de combustivel até à redução de emissões poluentes.

A sul coreana Kia é conhecida por inovar nessa área, produzindo vários automóveis baseados nessa busca. Híbridos, elétricos, flex, todos têm seu lugar na empresa. O Kia Sportage em 2012 ganhou automóveis nessa linha.

O Sportage tem câmbio manual de seis marchas. Os preços são variáveis, devido a presença de várias versões do automóvel, e vão desde R$ 90,9 mil até R$ 114,6 mil.

Foto: divulgação

A versão mais barata é a P .525 e conta com câmbio manual, bolsas infláveis frontais, encostos de cabeça ativos na frente, freios com sistema ABS, ar-condicionado manual com controle no volante e rodas de 18 polegadas. Com caixa de câmbio automática, a mesma versão do automóvel tem um aumento de valor de aproximadamente R$ 5 mil.

As outras versões contam com os mais variados aparatos de conforto e equipamentos tecnológicos, como controle de estabilidade, ar-condicionado automático, ajuste eletrônico do banco do motorista, entre outros.

O motor à álcool é capaz de fornecer uma potência de 178 cavalos ao carro. Quando abastecido com gasolina, o motor fornece ao carro a potência de 169 cavalos. O torque máximo se dá a aproximadamente 4700 rotações do motor por minuto e corresponde a 21,4 kgfm quando abastecido com álcool.

Foto: divulgação

O carro tem uma boa potência e o motor é silencioso, dando ao carro um desenvolvimento suave. Nas estradas, o motor de 2.0 litros tem retomadas pouco velozes, sendo necessária geralmente uma redução de marcha quando o motorista precisa de um pouco mais de impulso.

O design do carro permaneceu praticamente o mesmo das versões anteriores, embora tenha ganhado alguns novos detalhes de assinatura do projetista alemão Peter Schreyer (que trabalhou anteriormente na Audi), como faixas de led e luzes de led diurnas.

Por Nosf

Foto: divulgação


A marca Kia modificou o preço para o modelo crossover Soul, que agora sairá por R$ 92.900 na série de entrada e no valor de R$ 96.900 na série topo de linha. O que diferencia estas duas séries é o teto panorâmico.

Antes, a versão de entrada custava R$ 89.900, enquanto a versão topo era avaliado em R$ 92.900. A diferença neste aumento do valor consitiu na integração de uma nova central multimídia com mais funcionalidades, tendo opção para GPS e DVD. A nova versão Kia Soul chegou nas concessionárias do Brasil no mês de agosto de 2014.

O veículo possui um potente motor 1.6 flex que é capaz de gerar 128 cv, tendo um câmbio automatizado de seis marchas. Com o intuito de proporcionar uma maior praticidade ao condutor, o modelo está equipado com uma direção de assistência elétrica progressiva, a qual possui três modos de comando: normal, esporte e conforto.

A marca também inovou na parte da segurança do automóvel, equipando-o com dois airbags na parte lateral, dois de cortina e na parte da frente. Os cintos de segurança são no estilo três pontos, os quais proporcionam uma maior proteção ao motorista e aos passageiros. Também está integrado no modelo o engate para cadeirinhas Isofix.

O interior do veículo está voltado para o conforto e a interatividade do motorista e dos passageiros. No sentido de comodidade, o modelo apresenta um volante multifuncional, com novas funções, ar-condicionado automático e um porta-luvas climatizado, que possui a funcionalidade de conservar bebidas geladas.

Com o intuito de proporcionar um divertimento na parte interna, a marca Kia integrou no automóvel uma central multimídia com GPS, DVD Player, tela sensível ao toque e Bluetooth com comando de chamada no volante.

As rodas são em liga leve com aro de 18 polegadas e os faróis são acionados automaticamente, evitando assim que o motorista esqueça de acendê-los manualmente. 

Por Felipe Couto de Oliveira

Foto: divulgação


A Kia inovou e resolveu se render ao mundo geek: decidiu agradar aos fãs de desenhos e filmes em quadrinhos dos mutantes preferidos da galera. A versão 2015 do Sorento – SUV da empresa – vai contar uma edição muito especial com a temática dos X-Men, graças a uma parceria com a empresa Fox.

Acredita-se que o lançamento acontecerá na semana anterior do Aberto da Austrália de tênis, que tem início em 19 de janeiro, e vai contar com a participação de Rafael Nadal, que é tenista e embaixador da marca.

Foto: divulgação

O investimento visa promover o lançamento das mídias físicas de X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, como também para divulgar o patrocínio feito pela Kia no evento esportivo. Para conseguir o apoio do público, a montadora sul-coreana está realizando uma promoção na sua página no Facebook

Nela, os visitantes têm que adivinhar qual mutante é a inspiração para essa grande modificação no carro. Mas calma, não é preciso conhecer muito de HQs para fazer a escolha certa, e olha que não há muitas opções. É preciso escolher corretamente entre Tempestade, Wolverine, Mística e Magneto.

Foto: divulgação

A companhia, que chama o veículo de “kia X-Car”, declara que o SUV vai estar em exposição no Melbourne Park durante todo o torneio e depois vai rodar o mundo em salões de automóveis de vários países.

Um outro plano que a Kia deseja realizar é o compartilhamento de um vídeo nas redes sociais em dezembro, que mostrará Nadal se aliando aos X-Men para proteger o Aberto da Austrália de ataque dos sentinelas – que como ja devem saber é o eterno vilão dos mutantes.

Já se encontra disponível na Coreia do Sul, a versão 2015 do Sorento e deve chegar no começo do ano em outros mercados mundiais, e sua chegada nas terras brasileiras está prevista para mês de março.

Por Diovana Nunes Leite

Foto: divulgação


A Kia não aguentou esperar e revelou nesta segunda-feira, dia 29 de setembro, a terceira geração do Kia Sorento. Com estreia marcada para o Salão de Paris, que inicia no dia 2 de outubro, a Kia realizou modificações importantes em seu utilitário esportivo, deixando-o com um visual mais refinado e uma estrutura mais resistente, quando comparado ao modelo anterior.

Esteticamente, a nova geração do Kia Sorento evoluiu substancialmente, apresentando linhas mais harmônicas e refinadas. Na dianteira, o grande destaque fica por conta dos novos faróis, que abandona, em parte, aquele formato em cunha e que agora tem uma leve semelhança com os faróis dos carros da Jaguar.

Foto: divulgação

Ainda na parte frontal, o crossover conta com novo para-choque, novos faróis de neblina, além da nova grande dianteira, que foi ampliada e que mantém o desenho que já se tornou marca registrada da Kia.

Na lateral, a linha de cintura foi elevada, dando a aparência de um teto mais baixo. Além disso, o novo Sorento ganhou novos contornos redondos na caixa de roda e novos vincos, sendo que um percorre toda a lateral do veículo, desde o farol dianteiro até a lanterna traseira, e outro que percorre as portas.

Na traseira, por sua vez, a Kia conseguiu harmonizar o visual com o resto do veículo, adotando um novo para-choque mais simples, com apenas um vinco discreto que percorre parte do para-choque e a parte inferior da nova tampa traseira do porta-malas. Por fim, as novas lanternas e os novos refletores na horizontal completam o desenho do veículo.  

Além do visual mais aprimorado, outro ponto que a Kia promoveu alterações importantes foi na cabine, deixando o interior, de um modo geral, com um aspecto mais “clean”. As novidades ficam por conta do novo console central, que agora possui uma leitura mais fácil e um aspecto mais moderno, um novo sistema de entretenimento e novas saídas de ar.

Além disso, o SUV traz novo volante multifuncional revestido em couro, painel de instrumentos atualizados e com nova iluminação em tons de azul, detalhes de acabamento cromados e novo porta objetos, próximo à manopla de câmbio.

Foto: divulgação

A Kia ainda afirma que a estrutura do modelo passou por melhorias, sendo que agora a marca sul-coreana utilizou aços de alta resistência, com crescimento de 52% na resistência estrutural. Somado a isso, a fabricante asiática ainda atenuou os níveis de vibração, ruído e aspereza e aprimorou o isolamento acústico, acarretando em um conforto maior ao dirigir.

Por fim, a modelo ainda vem com a suspensão traseira apoiada em subchassi, que agora possui buchas maiores para isolar as vibrações e amortecedores montados verticalmente, conferindo uma evolução na dirigibilidade do utilitário.

Mecanicamente, a Kia oferece cinco opções de motorização, dependendo do mercado, com potências que variam entre 172 e 270 cv. Entre as opções à gasolina, estão os blocos 2.4 GDI com injeção direta e o 3.3 com injeção multiponto (MPI). Entre as versões à diesel estarão os propulsores 2.0 CRDi VGT e o 2.2 0 CRDi VGT. 

Por Caio Polo

Foto: divulgação


Desde o Inovar Auto, regime automotivo adotado pelo Brasil lançado lá em 2011, a Kia Motors do Brasil tem sofrido drasticamente. Rapidamente a empresa se viu na obrigação de subir os preços de seus carros que são importados da Coreia do Sul. Subida de preços (às vezes exagerada) quer dizer basicamente que as vendas vão cair. Por outro lado, a montadora não dá sinais se algum dia terá ou não uma unidade de fabricação no país.

Devido a esse fato, a Kia já não consegue mais manter no mercado modelos com preços competitivos. Para se ter ideia do que anda passando a fabricante, basta observarmos que em 2012 ela conseguiu vender mais de 41 mil carros no país, já em 2013 esse número caiu para 29 mil. Em 2014, os números sugerem que serão ainda pior.

Mesmo com tantas dificuldades nas vendas, e mais do que atrasado, chega a nova geração do Soul ao mercado. O modelo que já carrega meio que incrustado na lataria do termo design. Na verdade é difícil não falar em design quando o assunto é o Soul.

Antigamente o carro tinha um preço bem competitivo no mercado sendo que começava em R$55 mil a na sua última linha não passou dos R$65 mil.

Essa nova geração assusta de cara muita gente mesmo. Os preços partem dos R$88 mil e só para na versão que apresenta um teto solar panorâmico custando R$92.900.

Sem dúvida alguma o carro recebeu elementos visuais significativos. E isso mesmo mantendo sua forma base. A cabine também chega com alterações bastante interessantes. Como exemplo, podemos citar o volante que agora traz botões que permitem ao condutor controlar o telefone, o áudio dentre diversas outras coisas dentro do carro.

O motor continua o mesmo. Ou seja, o bloco presente é o Gamma 1.6 16 Flex que tem capacidade para entregar até 128 cv e 16,5 de torque. Isso é já um ponto em desvantagem. Nada de motor novo. E o pior é que não fica só nisso.

Como o carro é muito pesado ele não se sai bem apresentando mesmo um desempenho muito fraco. Isso é tão “pegado” que a marca nem sequer quis dar informações sobre velocidade máxima ou aceleração.

Mas voltando a falar no geral, o modelo mesmo sendo ótimo de aparência e bem equipado, diversos outros recursos como airbags laterais, controle eletrônico de estabilidade e navegador GPS estão em falta.

Um detalhe é que lá fora ele conta com todos esses itens.

Ao que tudo indica a montadora terá trabalho para vender o novo Soul. A não ser que o comprador seja mesmo fã do modelo.

Por Denisson Soares

Kia Soul

Kia Soul

Kia Soul

Kia Soul

Fotos: Divulgação


A versão hardcore do Kia ceed GT está sendo planejado pela empresa coreana, como parte de uma nova linha de modelos esportivos. Esta notícia vem junto com a noticia de que o GT cupê Kia irá à venda em 2016, e um novo modelo também está em desenvolvimento.

A Kia ceed GT é a próxima versão de cinco portas do existente que é descrito como um hatchback (eclodir de novo). A introdução de um novo modelo, mais rápido significa para a Kia espera competir com o Volkswagen Golf GTI.

Esta nova versão, é a  mais rápida do Kia ceed GT e será desenvolvida na Europa, na instalação da Kia na pista de Nürburgring, na Alemanha. Os engenheiros da Kia são suscetíveis em favorecer a redução de peso e ajustes da suspensão, em vez de aumentar o motor turbo para 201bhp de 1.6 litros encontrado no Cee GT.

A Kia também será a introdução de uma variedade de estilo e desempenho e  upgrades para seus modelos, começando com o novo Kia Soul, que está prevista para o estrear no Reino Unido no próximo ano.

Foto: Divulgação

Um dos aspectos mais importantes para qualquer carro de três portas é a maneira como ele é visto. E o Kia ceed GT distingue-se com um design exterior realmente impressionante. Detalhes como a risca de giz em vermelho em todo o torno dianteiro e grade de macia pode ter sido a distinção dos rivais mais conhecidos, o design é coeso e consegue um bom equilíbrio entre esportividade e estilo.

A Kia não apenas está se concentrando em modelos esportivos. Seus engenheiros também têm trabalhado arduamente em um novo motor de três cilindros de 1.0 litros para a família kia.

Este novo motor Kia ceed estará à venda em 2015 e proporcionará um rival para o motor Ecoboost de três cilindros no Ford Focus, enquanto a Astra também deverá ter Vauxhall de três cilindros à venda também em 2014.

Por Jaime Pargan


Kia NiroA montadora Kia  divulgou imagens inéditas do conceito do Niro, um crossover compacto que foi recentemente desenvolvido pela marca. Segundo informações oficiais da  assessoria de imprensa da Kia, o carro-conceito será apresentado oficialmente no Salão de Frankfurt, tradicional evento automotivo que acontecerá na Alemanha em setembro.

O Niro é um diferenciado protótipo idealizado para ambientes urbanos, sendo que a proposta do carro é de versatilidade e bom desempenho. De acordo com a Kia, esse projeto faz parte do plano da montadora sul-coreana de dar ênfase na sua linha crossovers e expandi-la para o mercado mundial a longo prazo. De início, o Niro deve ser vendido exclusivamente na Europa, mas a expectativa é de que o carro conquiste espaço também fora do velho continente.

O carro-conceito da Kia possui um design arrojado, moderno e atrativo. Além disso, o teto do modelo é fabricado em aço inoxidável. Nas imagens divulgadas pela montadora é possível ver a imponência da carroceria preta e os detalhes sutis na cor verde. A porta vem no estilo gaivota, o que confere ao automóvel um estilo bem diferente.

Isso é tudo que se sabe sobre o novo Niro, já que informações complementares só serão divulgadas após o dia 10 de setembro.

Por Larissa Mendes de Oliveira Soares


A Kia, famosa montadora asiática, começou o ano de 2013 com tudo. A prova disso é o lançamento da nova e aguardada versão do Cadenza. Trata-se de um carro luxuoso, com foco na beleza, conforto e desempenho.

Incrível por fora, impressionante por dentro. Assim pode ser definido o Cadenza 2013. Dentre outros atributos, o carro possui linhas elegantes, excelente acabamento interno, câmera de ré projetando as imagens no retrovisor, freios com antitravamento, chave inteligente, cinco assentos, roda de liga leve aro 17”, sensores de chuva, faróis com LED, retrovisores elétricos, cinto de segurança com pré-tensionador, ar condicionado digital, volante ajustável, airbag lateral e frontal, dentre outras características bem diferenciadas.

O Cadenza será disponibilizado em três versões, sendo elas o Cadenza 2013 Z 554 (que custará R$ 119.000,00), o Cadenza 2013 Z 555 (que será vendido por R$ 124.900,00) e por fim o modelo Cadenza 2013 Z 556 (que será comercializado por R$ 127.900,00). Os preços serão estabelecidos de acordo com os itens opcionais de cada versão.

Pelo visto, o novo Cadenza vem para sacudir o mercado de autos e se estabelecer na categoria de luxo.

Por Larissa Mendes de Oliveira Soares


O modelo comercial Bongo, da Kia Motors, passou por uma atualização devido a exigências do Proconve L6 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores). Também conhecido pelo nome de K2500, o modelo passa a contar com 130 cavalos de potência contra 94 cavalos da versão anterior.

Além da mudança na potência, o motor de 2.5 turbo diesel agora virá acompanhado com um câmbio de 6 marchas. A alteração visual apresenta-se com uma grande dianteira renovada, presença de detalhes cromados, novo revestimentos nos bancos, rodas de 15 polegadas e sistema imobilizador da ignição. Ainda internamente, o Kia Bongo apresenta painel de instrumentos e volante novos. Porém, o conta-giros passa a ser um item de série.

Agora o Kia Bongo vem nas versões batizadas de K.182 e K.183, custando, respectivamente, R$ 67.900 e R$ 70.900. A versão mais cara apresenta carroceria com chapa em aço.

Com uma capacidade de carga de 1.812 kg, o Kia Bongo tem garantia de 3 anos ou 100.000 quilômetros rodados.

Sobre a Kia Motors:

Desde o ano de 1992 a Kia Motors é a representante da Kia no País. Suas operações no mercado nacional tiveram início em 1993, quando houve a concessão da utilização da marca para o mercado nacional. Desde então, a empresa comercializa utilitários e carros de passageiros.

Por Marcelo Araújo


Depois de fazer muito mistério, a Kia começou a revelar os detalhes do seu novo sedã top de linha, o K9. O veículo teve as primeiras fotos oficiais divulgadas na Coreia do Sul, país onde a luxuosa versão deve ser comercializada primeiro, logo após a sua apresentação ao público, programada para o Salão de Genebra.

O K9, cujo nome deverá ser diferente em cada continente, tem como base a mesma plataforma utilizada no Hyundai Genesis. Além disso, o carro possui um design com traços arredondados e carroceria no estilo cupê, que muito se assemelha ao BMW Série 7.

De acordo com a Kia, o desenho do sedã tem o objetivo de passar sensações de robustez e maior segurança.

Entre os destaques do veículo, podemos citar: os faróis compostos integralmente por lâmpadas de LED (tanto na dianteira quanto na traseira), a presença da nova identidade visual da Kia Motors (marcada pela grade dianteira cromada e com frisos verticais) e o enorme espaço interno (para oferecer conforto aos clientes mais exigentes).

Como a montadora sul-coreana não revelou os detalhes sobre a mecânica do K9, as especulações são muitas. De acordo com a imprensa internacional, o novo sedã deverá ser equipado com os propulsores V6 de 3.8 litros, V8 de 4.6 litros e V8 de 5.0 litros, todos já usados na linha de sedãs da Kia e da Hyundai.

Fonte: Motor Trend

Por André Gonçalves


Chega ao mercado o Kia Cadenza que com design esportivo e dinâmico promete assumir o papel de sedã de luxo grande da Kia Motors. Com um novo design marcante e luxuoso ele se torna um veículo de passeio esportivo e incrivelmente elegante, o que trona este um carro destaque no mercado.

O Cadenza, como todos os demais veículos da Kia, possui características únicas em cada item. Citamos os principais diferenciais do modelo: Abertura do capô e porta-malas com auxilio de amortecedores, Acendedor de cigarros no painel de instrumentos, Aquecimento dos bancos dianteiros e traseiros, Ar condicionado automático digital Dual Zone, Computador de bordo intregado ao painel, Iluminação do porta-malas e porta-luvas, Faróis de neblina com lentes de policarbonato, Air bags frontais, laterais e de cortina, Controle de velocidade no volante “Cruise Control” e Direção com assistência hidráulica progressiva.

Em sua ficha técnica ainda consta: Motor V6 de 3.5l 24 válvulas de gasolina e 6 cilindros em V, 6 marchas, Rodas de liga leve, entre outras.

O modelo ainda é encontrado em 4 cores e o valor sugerido pela Kia Motors em seu site (www.kiamotors.com.br ) é de R$ 129.900.

Por Jéssica Severo


“Soul, uma alma revolucionária”. É o que diz a Kia Motors sobre a versão 2012 do seu crossover com melhor design automotivo da categoria. Destinado ao público que busca liberdade, segurança, conforto e modernidade, este ano o veículo ganhou alguns retoques no visual, seis velocidades e motor flex 1.6 litro.

Agradando todos os estilos, o modelo Soul está disponível em 8 cores diferentes.

Além do design diferenciado, o Soul ganha destaque sendo um carro inteligente.

Segue algumas utilidades que a Kia trouxe para o modelo: banco traseiro rebatível e bipartido para ampliação do porta-malas, antena eletrônica no teto, abertura interna da tampa do combustível, ar-condicionado ecológico com filtro anti-pólen, bandeja para objetos no porta-malas, câmera com visor LCD de 3.5 polegadas no retrovisor interno para auxiliar na marcha ré, porta-copos e porta-objetos no console central, luz interna com temporizador, direção com regulagem de altura, entre outras utilidades.

Já no quesito segurança este é o carro dos sonhos. Ele possui barras de proteção contra impactos laterais nas 4 portas, airbags frontais para motorista e passageiro, além de cintos dianteiros com pré-tensionadores.

Para mais informações sobre veículo, acesse o site www.kiamotors.com.br.

Por Jéssica Severo


Já podem ser visualizadas na internet algumas imagens sobre como será o visual da nova geração do automóvel Kia Picanto. A própria montadora foi quem divulgou tais esboços.

A intenção da marca é mostrar que no modelo foi colocado um visual que caracteriza a identidade Kia.  Isto pode ser visto na parte dianteira do Picanto que foi produzida pelo designer Peter Schreyer, com inspiração em uma boca de tigre.

As imagens apresentadas retratam muito bem o modelo que primeiramente tinha sido apresentado por meio de uma maquete no Salão do Automóvel de Bolonha em 2010.

Ao vivo ele só poderá ser visto no ano de 2011, em março, quando acontece o Salão de Genebra, em terras suíças. Logo quando acabe o evento, ele começará a ser comercializado na Europa. Os rumores são que a nova geração do Picanto deve se apresentar com motor 1.0 e que atinge até 70 cv.

Por Oscar Ariel


O novo Kia Sportage chegou arrasando no mercado automobilístico. Mal foi lançado e ganhou o prêmio Utilitário do Ano 2011 da conceituada revista Auto Esporte superando nomes de peso (de MUITO peso) como BMW X1 e Hyundai ix35.

Não apenas o modelo, mas a KIA em si vem se transformando a cada ano que passa em destaque e referência no país. A empresa teve um crescimento de 144% de janeiro de 2009 a janeiro de 2010, virou a maior rede de concessionárias entre marcas importadas sem fábrica no país, a maior linha de produtos entre marcas importadas. Além disso ganhou prêmios como o Best Car, e da marca dos proprietários mais satisfeitos do mundo. 

Por Teresa Almeida


O carro montadora Kia Motors que mais chamou a atenção no Salão do Automóvel de Paris não foi o carro elétrico Pop como muitos esperavam, e sim a nova aposta da montadora o sedã Optima.

Em 2011 ele será lançado na Europa e no Brasil, o carro tem design alemão, motores nas versões 2.0 a gasolina, 1.7 a diesel, e ainda antes do seu lançamento estará também a disposição a versão a diesel turbinada.

O modelo possui rodas de liga leve, amortecedores de alta performance, lanternas com led,  saias que são esculpidas. É um sedã médio classico que é uma das novas apostas da montadora Kia.

Por Ana Carolina


A temporada de recalls de automóveis continua em plena alta e já envolveu mais de 11 milhões de unidades este ano somente no país. Desta vez serão dois modelos da montadora Kia Motors que passarão em breve por recall aqui no Brasil. Nos Estados Unidos, onde o problema foi detectado, os modelos Soul e Sorento necessitarão trocar peças em função da má fixação do sistema de iluminação das portas, que pode eventualmente provocar incêndio. Até o momento não existem registros de nenhum acidente provocado por este problema.

No Brasil, onde o recall será anunciado em breve pela Kia Motors do Brasil, envolverá os modelos Sorento 2011 e o Mohave 2010 em um total de 1.807 veículos, também pelo mesmo problema verificado nos Estados Unidos. No Brasil o modelo Soul não necessitará participar deste recall porque, segundo a fabricante, a versão brasileira deste modelo possui uma configuração diferente da versão comercializada nos Estados Unidos.

Os proprietários dos modelos Kia Mohave, série de chassis de KNAKN811DA5048913 a KNAKN813DB5059848, e Kia Sorento, série de chassis de KNAKU811DB5079218 a KNAKU813DB5107938 deverão entrar em contato com a rede de concessionárias da Kia Motors do Brasil para que a troca gratuita do chicote da iluminação superior do revestimento da porta seja realizada. As trocas deverão ser iniciadas ainda neste mês de Setembro conforme informações da montadora.

Por Mauro Câmara

Fonte: G1





CONTINUE NAVEGANDO: